Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Espécies do Ecossistema Transportal – Parte II e garantidamente a última


Segunda parte do estudo sobre as espécies que populam os nossos transportes públicos.

Este texto, tão lindo que dá vontade de chorar, pode ser encontrado no livro
Rafeiro Perfumado - Are you ladraiting to me?!?

262 comentários:

1 – 200 de 262   Mais recente›   Mais recente»
Bongop disse...

Falta o tipo Caixote do Lixo , que abunda nas horas de ponta e faz desmaiar com o cheiro quem tente estar ao seu redor , falta o Perna Aberta , que é o gajo que se senta de tal maneira que o tipo do lado tem de empernar com ele... queira ou não!

Diabba disse...

Hummm serei a segunda?

Diabba disse...

Já agora as medalhas ficam todas na caverna!! e mais nada. (digo eu sentadinha à vontade)

beijo d'enxofre

Tita disse...

Opah, nunca reparei nessa gentinha! Tenho de estar mais atenta.

RAUF!

RiC_aRd0_ disse...

Oh... Não há metro para estes lados!

Mas quando andei em Milão, tentei ser a enguia, contudo não resultou. Devo ter deslocado os discos da coluna a alguém e pisado uns quantos!

-"Perdono", afirmo eu com olhos de Bambi
-"Prego", respondiam eles, tentando fuzilar-me com os olhos. Enfim... Coisas giras.

RAUF!

Nuno disse...

Eu cá gosto mais de andar de comboio, tem mais espaço, não vamos apertados e é mais rápido que o autocarro. De manhá é que é como o autocarro, todas as pessoas vão tipo salsichas...lol! Como vivo numa cidade pequena, utilizo o carro para me deslocar, mas quando vou ao Porto, vou sempre de comboio. Abraço Rafeiro

paulofski disse...

Eh pá, está tudo dito, não há mainada a acrescentar.

Cá no burgo nortenho é parecido, vá lá que a diferença é a modernice dos veículos e a educação da catraia: - "Estimado cliente..."

Raufs

mik@ disse...

olá :)
loool bem de cada vez que andei de metro não foi na hora de ponta :) ufff
mas já tive encontros imediatos nos autocarros e uma vez no metro do porto. era tanta gente pra ir pra praia que eu furei à enguia style do meio da carruagem até à porta. uma estação antes da minha, senão lerpava...

kiss =^.^=

Belzebu disse...

Vejo que a capital do império está verdadeiramente cosmopolita! Aqui pela minha "Inbicta" não há coisas dessas...ou será que há e eu é que não ando de metro? Por aqui há pouco de transportal e é mais tudo a monte e fé em...não interessa nada!

ehehe!! Aquele abraço infernal!

NunoSioux disse...

Epah juro que não me ocorreu nada sexual no decorrer do post. Mas... Já está todo lá dentro? É que se aquilo passa mesmo a Laminas, vai ser duro para todas as especies!!

E eu a pensar que Metrossexual era um gajo que punha pó de arroz, e uma base pessego pela manhâ! Desde já o meu obrigado pelo esclarecimento!

E os Abrunhosos esses há por todo o lado, será que a alma deles se evapora se lhe tirarem as lentes da fronha? Dormiram eles de oculos? Será isso paranoia ou apenas uma questão de estilo?

hum........

Abraço!!!

Andreia do Flautim disse...

LOL, espectacular!

Inês e Buba disse...

Epa... é mesmo assim!

Retratas a realidade com uma pitada de humor!

Excelente!

E concordo com o bongop - há muitos Perna Aberta...

Parisiense disse...

E os que como eu não andam de metro, nem de autocarro e vão a larga no seu carro???????
Não te ponhas aí já a pensar tens os engarrafamentos....heiheiheihei
Porque onde eu moro não há engarrafamentos.....lálálálálá

Mas já fui Dupla Face no metro em Paris durante 12 anos, e conseguia sempre, porque seria?????????....ahahahahahah

Beijokitas

Carracinha Linda! disse...

Pronto... agora o que é que escrevo? É que já há tanto tempo que não ando de transportes públicos que quase já não me recordo dessas espécies.

Ah... acabei de me lembrar. Ir ao Colombo em época natalícia é uma experiência semelhante, não concordas? Por isso é que tento comprar tudo com atecedência! :D

Beijinhos!

carvoeirita disse...

não sei porque mas parece-me que tens um bocadinho de sádico, essa parte do texto parecia acarretar umas condicionantes pessoais ou estou errada?
Eu agora desloco-me de carro porque os senhores da CP tiveram a brilhante ideia de mudar mesmo os horários que me davam mais jeito e ao ler o teu texto lembrei-me de muitos episódios com as tuas personagens..
beijinhos e boas férias!!!

Cláudia disse...

Só tu rafeiro...
Gostei particularmente do sádico e do gafanhoto...ehehehe

Troca Letras disse...

Depois da ajuda de muitos Blologres já está disponível a lista para escolhermos os melhores da Musica Portuguesa no Blog Troca Letras

Anónimo disse...

Escrever com data e hora marcada, às vezes dá nisto.
Vai de férias, ou faz um intervalo...qualquer coisa...

Ka disse...

ahhhh gostava de ver uma crónica tua acerca dos transportes qui na invicta...hehe


Beijinhos

ps - férias até 7????

turbolenta disse...

Felizes aqueles que raramente andam em transportes públicos e ainda por cima se dão ao luxo de nunca andarem a hora de ponta.
EU !
boa semana

Anónimo disse...

Bolas !!!!!!!!!!!

Será que não há people normal nos transportes publicos??? Eu tenho a sorte (ou o azar) de não andar em transportes publicos, mas com estes tipos de viajantes.... Ainda querem que as pessoas utilizem os transportes, isto é uma aventura!!! Ainda por cima vem ai o Verão e o "detergente" é "menos utilizado" e portanto por vezes devem existir uns odores que não são propriamente saidos das perfumarias. Daasssss!!!

Beijinhos
Anónima

Susana disse...

Divinal!! LOL
Ando todos os dias da semana de transportes públicos (comboio e metro) e deparo-me muitas vezes com algumas espécies da tua coleccao! Gosto especialmente dos Pedro Abrunhosa, ainda para mais quando o Sol nao brilha nem dentro nem fora dos transportes hehe
Muito bem ilustrado!! :))

Dualidades disse...

Eu acho que vou mesmo aprofundar o tema! Estou indeciso em que espécie me auto-classificar! :)

Dualidades JP

Blossom disse...

Ao ler isto, fizeste-me lembrar exactamente as minhas viagens de metro...especialmente as desta semana, em que os senhores da metro do porto estão de greve e é o caos absoluto...sardinha enlatada nos poucos que passam, e com as outras espécies todas à mistura...rais parta o excesso de gente nos transportes públicos!

Yashmeen disse...

Parece-me que a espécie mais insuportável é mesmo aquela que não usa desodorizante...
Kiss canino.

Sara disse...

Ora ainda bem que a minha utilização de transporte público se resume a um IC umas 2/3 vezes por ano.
Mas uma vez senti a sensação de sardinha enlatada... só que foi numa feira. :P

Dual disse...

Excelente!

Consigo identificar outra espécie: os "chatos piores do que o nanaia". São aqueles que, antes de entrar, perguntaram ao funcionário da bilheteira e a 14 passageiros se aquela era a linha para o lugar xpto; depois de entrar, perguntam a todas as pessoas em redor se aquela é a linha para o lugar xpto e quantas estações faltam; ao chegar à estação xpto, mesmo com um letreiro enorme a dizer "xpto" perguntam se é ali a estação xpto; depois de saírem na estação perguntam ao funcionário da bilheteira e a 14 passageiros se estão em xpto!

Haja paciência!

Capriccio disse...

Ainda bem que não preciso de usar transportes públicos!!!!
Mas já utilizei à algúm tempo atras, só aos Domingos para ir passear, já que felizmente o emprego que tive e ainda tenho da para andar a pé...
E como escrevestes muito e de uma maneira engraçada como sempre, toma lá 1k de bifes e um abraço.

PsYcHo_MiNd disse...

Com isto tudo até fiquei muito mais feliz de me deslocar na minha própria viatura e sozinho!

jeanny disse...

não sei o que se passa contigo ultimamente deu-te para usar bastante a expressão"glandulas mamárias".
metrosexual é isso?e será o david beckam assim?é que dizem que o gajo é metrosexual...
adorei os abrunhosas!
jocas rafeiro(se estiveres com o pêlo limpinho...)

Lyra disse...

És, de facto, genial!

Olha eu, apesar de não andar de metro, identifico-me mais com o "Cabeceador", saio de casa sempre meia a dormir, enfio-me no taxi e ála de cabecear até à porta do escritório.
A sorte (dos outros) é que a minha cabeçita não fere "susceptibilidades" alheias, o azar (o meu) é que, quando ela descai, é sempre para a parte mais dura do automóvel...
Enfim... andar a pé é sempre mais saudável e revigorante, certo?

Beijinhos e até breve.

;O)

P.S.- A MINHA GATITA ESTÁ DELICIOSA, TOMA TOMA (risos)

KNOPPIX disse...

É por causa de fauna como essa que agradeço não andar de transporte público :p

Abraços e da próxima vez que andares de metro leva amendoins para os"elefantes", aquela espécie que quando anda em transportes públicos passa a vida a fungar e a tossir para cima dos outros, esses ficaram-me na memória quando, ainda era utilizador dos autocarros 9, 29 e 95 dos STCP, nos meus tempos de estudantes; recusava-me a usar as carreiras 53 e 59, porque esses eram os autocarros dos "sovaqueiros", a malta de Valongo que era alérgica à água :p

eu mesma! disse...

a coisa que mais me chocou a ler foi "...perfeitamente a evacuar para os pedidos...". Evacuar???? aqui entre nós todos, parecia que estava a ler um palavrão! Em definitivo não gosto da palavra evacuar asim como outras estilo pénis, vagina, coito... soam-me todas a palavrão!
Quanto às especies abundantes no metro, tenho a dizer que apesar de não andar habitualmente nesse transporte (sou uma privilegiada que mora perto do trabalho) esta semana andei 2 vezes e encontrei um outro tipo, o que abre as pernas de tal maneira para se encostar à gaja boa. Como se há-de chamar? se calhar já disseste nos capitulos anteriores

cris disse...

Quando mui jove, andei no autocarro, Porto - terrinha e terrinha-Porto. Era interessante fazeres um estudo daquilo. A certa altura do dia, quando o ar se carregava e alguém lá no meio se descuidava, era certo e sabido que se seguia o grito fatal:
- É páaaaaaaaaaaaaaaaaa! É fabuar passar a comer sabonete e buber água de clónia!!!!!!

bom descanso!

Papay dream disse...

Agoro fizeste-me reflectir sobre que animal me considero e que animais encontro todos os dias.
Existe também uma espécie de animal que resolve diáriamente sentar-se ou colocar-se relactivamente próximo de outras espécies que já reconhece do dia a dia!

6, 7, 8 e um biscoito!

Vb disse...

Olá... Só te deixo um cumprimento e mais nada.....

Estou fulo!!!
Neste momento o Sporting acabou de marcar o 5º.........

Vamos a ver se fica por aqui. Faltam ainda 4 mn...

Abraço!

Marisa disse...

LOOOOL, o que eu me ri com isto! Não gosto nada das horas de ponta e dos "gafanhotos" e os "mete nojo" que la andam. Mas pronto, existem, temos de lidar com eles :P

tavguinu disse...

"Após múltiplos pedidos"

porra pensava que era orgasmos :-D

Tá-se bem! disse...

Falta a espécie Fedorento - tipo, não toma banho e ainda se perfuma! Isto às 7h da matina dá uma volta ao estômago...

Boas viagens :)
Abraço

Amsilva disse...

Tu tambem dás com cada classificação ao pessoal dos usos publicos...
Abraço

Maria disse...

Já para ai há uns 20 anos que não ando de metro a horas de ponta mas recordo-me prefeitamente de todas estas espécies e mais uma ainda a espécie doninha fedorenta, era cá com cada perfume a sovacame mal lavado logo pela manhã...

expressodalinha disse...

É muito metro, meu. Muito metro...!

Sandra disse...

:))

No teu ecossistema num tens histéricas e tróglóditas?? debe ser mui bom andar nesses transportes pubicos :))) e inda falam mal do nosso...pracasu :))

em q grupo inserias estes??

bejuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus

Oliver Pickwick disse...

Sem dúvida o artigo definitivo a respeito da Antropologia Transportal.
O meu tipo preferido é o Sádico, baseado no principio que: "se é para passar maus bocados, pelo menos divirta-se".
Foi claro na introdução, mas, ainda assim arriscaria uma Parte III.
Um abraço!

Balbino disse...

Um estudo interessante, senhor sociólogo. Um abraço e boa pausa.

mcg disse...

Fantástico estudo antropo-sociológico.
Embora não haja metro pelas minhas bandas reconheço algumas dessas espécies do habitat autocarro, às quais acrescento a do Carregador de Sacos, cujos espécimes femininos têm maior visibilidade.

Francis disse...

estou aqui na dúvida do que escrever...
hoje não consigo pensar em nada pá...
só naquilo, sabes ?

Cati disse...

Pronto... lá fiquei eu lacrimejante de tanto rir...

Laura disse...

ó nino..viva daqui de Braga.
segunda volto pa acabar a limpeza da cabeça e retirar o lixo que por lá tem, e ós pois volto de novo..anda tudo a correrm bemdemais cá ca pariga..
Ah, os trasnportes na tee squeças que tamém há a dança do ferro lá dentro...mas não nos meses de ir ver a arvore de natal...xiça. amo ti. beijinho.

Catwoman disse...

Eu cá sou a enguia. Definitivamente. E escusam de olhar para mim com cara de quem não vai deixar passar que eu faço logo olhos de "não quero empurrar mas se tiver de ser..." lol

Bem uma vez salvou-me o comboio estar mesmo cheio tipo sardinha enlatada. Senti-me desmaiar mas como estava tão apertada, nem caí no chão.

Clara Onofre disse...

Opá, este post tá lindo e o blog tb. Agora vou ter de vir cá mais vezes!!!
Bj

cassamia disse...

brutal este teu estudo rafeiro!
ao longo da leitura tentei identificar-me mas não te vou dizer a verdade ahahaha adorei, como sempre aliás, este teu post.

migvic disse...

Lolada, o que me fartei de rir.

Já faz algum tempo que não ando de metro, e o que contas é mesmo verdade.

Mas quando trabalhava no meio de Lisboa, perferia esses 10 minutos infernais do que 40 minutos dentro do carro, mais a lotaria do estancionamento.

Stuckinha disse...

Tens de estar mais atento a outros meios transportais, por exemplo, é comum no barco se encontrar "o devorador de palavras cruzadas alheias", que é aquele tipo que pede licença ao vizinho para dar uma olhadela no jornal dele que está pousado e de repente saca da sua canetinha (se tiver, porque caso contrario tem lata suficiente para pedir uma ao dono do jornal) e desfolha o jornal freneticamente à procura das intactas palavras cruzadas e sem mais demora as começa a fazer sob o olhar incrédulo do dono do jornal que geralmente fica sem palavras. Existe também uma espécie a que eu carinhosamente chamava de "saltimbancos" que são aqueles tipos (ou tipas) que pulam de banco em banco à procura do vizinho que esteja a ler a revista, jornal, ou afim, mais interessante, para depois e sem demoras cuscar o jornal alheio e fazer os seus comentários, explicar as suas teses e fdemais que não interessam a ninguém como se fossem do real interesse de quem apenas queria ler descansado uma notícia.
Agora que já não deambulo pelos transportes, confesso que tenho algumas saudades de apreciar estas aves raras.

Beijinhos

Ana disse...

Tal e qual!
Esta é a descrição minuciosa dos meus tempos de faculdade em que andava de transportes em Lisboa e arredores. Agora também ando, mas numa zona bem mais calma onde a concentração de espécies do ecossistema transportal é mínima. Que bom para mim!! Também já tive a minha dose por uns anitos...

Cumprimentos,

Ana Leitão

veni_vidi_scribi disse...

Lol Ele há fenómenos!!! :)

Mais uma vez, como provinciana que sou, não conheço esses espécimenes! Mas também há uns modelitos interessantes para estes lados (não, não vou formular uma tese sobre isso!!! Deves pensar que não tenho mais nada para fazer!!! :p) :) Mas há uma coisa que me faz comichão... porque é que a maioria das pessoas, quando saem do metro, praticamente correm para chegar à superfície??? Não percebo tanta pressa... Será que vão a fugir da claustrofobia, ou têm medo que possa haver uma bomba nos corredores??? Dão rebuçados à saída, é??? :)

P.S: Óh... God!!!! Já chegou a pausa sabática!!! Snif, snif... :( Fico à espera da tese :)

Beijufas e boas "sabataraufices" :)

Balbino disse...

Vamos acabar com o Acordo Ortográfico!

http://www.petitiononline.com/naoacord/

mjf disse...

Olá!
gostei de relembrar as figurinhas que mencionas-te... foram bons tempos, aqueles em que andava de metro...Agora sempre de carro!!!!
já nem sei comprar o bilhete ;=(

beijocas
Boas férias e divirtam-se

marco disse...

E AQULES QUE SAO DO BENFICA DE QUE TIPO SAO? HUM?

EU DIGO TE O QUE SAO...SAO BENFIQUISTAS!


SAUDAÇOES LEONINAS1

Red Woman disse...

Eu costumo apanhar o metro de Entrecampos até ao M. Pombal, levo sempre os óculos escuros porque vou a dormir de manhã e normalmente há sempre um espertinho que me apalpa as nádegas o que normalmente riposto com uma pisadela com os meus sapatos de 8 cms.

Mai nada!

Beijos

GK disse...

Uma vez cometi o erro de me enfiar no Metro de Londres à hora de ponta e, ou eu era muito púdica, ou fui tocada em locais que eu nem sabia que tinha!!! Isto, enquanto os ingleses se mantinham impávidos e serenos, como se aquilo fosse normal... Enfim...

Casemiro dos Plásticos disse...

adorei as descrições, geniais!
boa semana e um forte abraço.

Teté disse...

Ai, ai, isto quando a malta se atrasa é o diabo: depois tem 62 comentários anteriores, que não sabe se vai repetir, pela 63ª vez... A não ser que queira ler todos, ih, ih, ih!

Essa tua teoria do caos aplicada ao metro é um pouco duvidosa. Um coça o nariz e no outro extremo da carruagem outro coça os tomates, próprios ou alheios??? Um bater de asas de borboleta dá nisto, em vez de num tufãozito à maneira? 'Tá mal!

Como NUNCA ando de metro, todas estas personagens me são completamente estranhas. Mas quando andava - em pânico, dada a claustrofobia - uma vez vi um puto de 5/6 anos a perguntar à mãezinha: "mamã, hoxe bai xer comá ontem, aki umaxoras parados?" Nem percebi porque é que o puto estava tão alegre e sorridente, só agora esclareci o mistério: eras tu, rafeirito!!!

Mas pronto, já te perdoei, até porque "lutar" diariamente com tantas avantesmas não deve ser fácil... ;)

Beijocas e uma excelente pausa sabática para ti e para a tua jóve!

cosmic girl disse...

numa das minhas visitas à capital, estava eu num transporte público e ouvi o seguinte monólogo (não foi dirigido a mim):
"tás a olhar pra onde? não gostas do que vês? olha k sou da cova da moura... espeto-te um tiro no meio dos olhos que ficas sem ver nada num instante"
ahh...
ok...

Bruno disse...

Não falaste de uma animal, Rafeiros.... Estas especies cirulam pelo meio de outras especies sem se fazer notar, sem mostrar as capacidades e potencial.

xanata disse...

pois.. eu tenho a dizer que tudo isso e giro.. mas a linha de metro do porto e grande.. normalmente nas horas de ponta aumenta-se para duas carruagens e pronto esta o caso resolvido,mas com a greve.. bem.. de morrer... o que vale é que era de manha.. ainda iam todos lavadinhos.. :P

Sereia disse...

Este é um dos melhores posts q li até hoje, brilhante!

Thiago disse...

Caro rafeiro, adorei mais uma vez a tua escrita e este post conseguiu mudar o meu humor...Obrigado!!

p.s- a que cheira um rafeiro perfumado?

um abraço do meu eu e dos outros eus, agora mais sorridentes

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá meu querido Amigo, belíssimo texto, como sempre.
Votos de um bom fim de semana!
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Olá!! disse...

hahaha usuário de transportes públicos sofre...
Não uso e espero nunca ter de usar...
sou uma perfeita comodista...
;))))
Beijos e bom fim de semana

fotógrafa disse...

Com chuva ou sem…(Pelo menos aqui pelo norte vai ser com), espero que tenham um fds divertido…inventem!
Abraço

croqui disse...

mais um excelente post! outra coisa não seria de esperar!

São disse...

AH!.. AH!
...e não rio mais, porque sou claustrofóbica!!!
Feliz fim de semana.

Francis disse...

tira lá os cinco dedos da boca e responde à malta pá...

Mimo Azul disse...

heheh lindoooooooooo

Sou do género: "Transportes Públicos?! nahhh eu vou lá ter de carro!" Bem sei que é egoísta da minha parte mas...

Mas reconheço muitas dessas personagens nas minhas poucas viagens nos TP, não referiste aquelas que resolvemm telefonar à mãe ou à melhor amiga e nos obirgama saber quando vão ao cabeleireiro, o tipo de depilação que vão fazer, entre outras coisas que dispensávamos ouvir!!!

bjca xL

Sérgio Figueiredo disse...

Vá lá meu Amigo,

Vê lá se dás mais umas lições adicionais que nos ajude a pensar.

Para mim o metro tem sido muito bem observado graças á tua ajuda.

És genial. As palavras adoram-te e tua as adoras.

Parabéns.

Mas dá lá mais um bocadinho.

Bom Fim-de-Semana

Um Abraço

ines disse...

nestas alturas , é que me sinto feliz, por aquela meia-hora da engarrafamento na marginal!, vou registar, uma semana de "circulação" volto para contar!

diabo no corpo disse...

pois... transportes públicos... não sei o que é! :P

Miki disse...

Afinidade…
Não é sentir, nem sentir contra…
Nem sentir para…
Nem sentir por…
Nem sentir pelo…
Afinidade é sentir com!

Um fim de semana cheio de alegria e harmonia.
Beijo

SILÊNCIO CULPADO disse...

Rafeiro Perfumado

Merecias um Nobel da crítica humorista por este post que é realmente um mimo na arte de descrever o ecossistema transportal.
Mais que verdade, mais que verdade, amigo.

Abraço

bjecas disse...

Epá, até me deste vontade de ir dar uma voltinha de metro. Em que estação é que a matrafona costuma entrar?

Abraço pá

\m/

mariam disse...

Bom dia.
Bem...sou hiper-inexperiente nestas andanças bloguisticas(esta palavra existe?), mas "aterrei" aqui... e, foi só RIR, com o seu "olhar clínico" do mundo e das coisas, com alguns comentários (fantásticos)também...vou voltar de novo...
...Xiça, e como já é difícil rir...

Bom fdsemana.
Um sorriso e obrigada :)

Um Momento disse...

Comentário:parte I

Está bem... já sei que não ligas nenhuma a pedinchices ... ponto assente!

( agora vou ler a parte II, isto foi só para não me esquecer de comentar em duas partes:P)

:P

julie disse...

Eu cá ando de comboio, não vai assim tanta gente mas por vezes acontece, de manhã ou quando os estudantes vão de fim-de-semana.

Bem...dessas espécies eu devo ser...carente???????????

Talvez enguia...sim enguia.

bjs
julie

Um Momento disse...

Parte II

Olha lá... que tal serem sardinhas enlatadas?
Quando se força a entrada... vai tudo ao molhe e fé em Deus( ou em quem quer que lá esteja :P)

( isto da matrafona... credo!!!!
Não ficas-te "achatado" pois não??)

ahahahhaha andaste 6 estaçoés...para a frente e para trás???Cool....

( tinhas que me "imitar"?? Eu ja tinha falado lá em cima na sardinha enlatada caraguh( pois estou a ler o post ás "prestações e a comentar idem-hoje estou assim-:P)

Olha... estou toda torcida!
Andei a "pesquisar" este teu ecossistema transportal...é que como a tua jove eu também acho que me vou assustar quando á banheira chegar!!!!!!!!!!


( Fantástico !!! Só tu mesmo , se não "nascesses" tinham que te inventar!!!!)

Beijo gargalhando ainda:D

Ah... cuidado com a matrafona:D

Bom fim de semana!!!

(*)

Atlantys disse...

Para os lados de Belém não existe Metro mas muitas destas espécies também habitam no eléctrico =)
E o esquecimento do Perna Aberta foi imperdo´val Rafeirito =P

conchita disse...

LOL!! É raro eu andar de transportes públicos, mas quando ando reparo-me com cada espécime, as que me irritam profundamente são aquelas que ocupam os dois lugares, seja com carteiras, casacos, etc, como se tivessem o direito de ocuparem os lugares a seu belo prazer!! Já para não falar das espécimes com cheiro a perfume patcholi!!
Um bom fim de semana :)

caditonuno disse...

bela descriçao que anda por aqui!!!

lua prateada disse...

E foi assim...no sorriso do tempo
Envelhecido pelo vento!...
Mas com cara feliz por perdurar
Que passei deixando o verbo amar...
e um lindo domingo.
Beijinho prateado com carinho
SOL

Bichodeconta disse...

Passei para dar uma snifadela , qual que, desmancho-me a rir... um beijinho e o desejo de boa semana..ell

Laura disse...

Ó nino, tava distraída e fui vendo a pausa sabática e abanando a cabeça disse pra mim; este rafeirinho e depois vejo o sons de amor mais abaixo e fiquei mesmo trélaré da cuca a olhar prá quilo...
Ainda falta aprovar por mim e depois seguirá o caminho do outro a ver no que vai dar...
Já vou d enovo pa Coimbra de manhazinha cedo e em 6 ou 7 dias estarei de volta...eu mais a nossa laurinha, se o juizinho dela voltar intacto... ainda estou a tempo de te dizer que te amo muito a ti e à tua gatinha, muito muito, e se vires o Anjo diz que o amo a ele à nina dele, tendes os 4 uma surpresa no livro, mas isso só vereis mais tarde quando estiver há venda, agora não dá.
Beijinhos e aguarda-me...

C Valente disse...

E muitos mais
Saudações amigas

Maga disse...

acho que na categoria "curte este som" pode incluir-se o malta dos leitores de mp3 aos berros, não?
bela descrição! felizmente o meu transporte diário é o barco. como deves calcular as especies descritas não sobreviveriam... ihihih
beijufa!

Leonor disse...

perdi a parte I e nãio dei por isso, tenho que ir rapidamente procurá-la, porque, embora não ande muito de metro, parece que conheço aquelas personagens todas....

está excepcional, mas pelo sim pelo não, vou continuar a andar a pé, não vá, nas poucas vezes que efectivamente ando de metro, encontrar-me com qualquer familiar teu, daqueles que me podem angustiar a dizer que o metro pode parar meia horita que seja... tb sou um bocadito claustrofobica... LOL

ines disse...

hoje é dia de "vê lá se te mordo!?!??!?!?!?!

Bácoro disse...

Ó rafeiro então e tu? Em qual destes especimens te inseres...

Abraço

Um Momento disse...

Off topic:
Sabes que era uma boa idéia?...
E se tinhamos MUITO para conversar com ele... pena que não o iamos deixar falar...

Abraço "canino"!!!!!!

(*)

rascunhos disse...

Ora aqui está um tema sobre o qual,o pessoal da província não pode (felizmente LOL) opinar...


Fiva bem Rafeirosvki

Pacanherros disse...

Simplesmente buéda fixe. Também é costume encontrarmos malta dessa cá pró sul, mas é mais raro. Digamos que o metro de Lisboa é um bom observatório.

Cumprimentos.

carvoeirita disse...

nunca pensei dizer isto...mas tenho saudades tuas..nunca mais dizes nada...nem que fosse para me chamar mijona..e eu depois dizia-te: "mijona!!!como te atreves seu rafeiro, reles machista...então e vocês gajos que se encostam a qualquer lado e vai daqui uma mijoca..."
estas sempre offline....venho aqui a tua casa e não estás, visito as casas das outras pessoas e não te encontro....buuuuuuuuuuuuaaaaaaaa!!!!!!!!snif..snif...volta rafeirinho...volta que eu nunca mais te trato mal....mas volta...

Rafeiro Perfumado disse...

Bongop, o tipo caixote do lixo é demasiado comum para ser atribuído apenas aos transportes. Em relação ao Perna Aberta, vai lá aos primeiros meses do blog, só que lhe chamei de “O macho da espargata”. Abraço!

Diabba, muito bem, o macho em primeiro. Quais medalhas, pá? Beijoca!

Tita, das duas uma, ou não andas de transportes ou vens sempre a dormir e és cuspida para fora do transporte quando chega a tua paragem!

Ricardo, e se calhar o “prego” que eles se referiam era para te espetar num certo sítio... RAUF!

Rafeiro Perfumado disse...

Nuno, nem sabes a sorte que tens. Eu prefiro o comboio ao carro, nem que não seja por uma questão ecológica. Mentira, é mais barato, mas fica sempre bem dizer aquelas cenas... Abraço!

Paulofski, e quando eles se metem a repetir a mesma mensagem? Aquilo era mas é mandar o revisor com um bastão de baseball, a ver se o pessoal cumpria ou não as normas. Abraço!

Mik@, é porque tiveste sorte, porque em certas alturas, o resto do pessoal gosta de esfolar as enguias! Kiss!

Belzebu, olha que há, eu já andei aí no metro e ainda vi uns quantos exemplares dignos de empalhamento! Um grande RAUF para ti!

Rafeiro Perfumado disse...

NunoSioux, ainda bem que não te ocorreu nada de sexual, é sinal que a minha escrita é pura e casta! Quanto ao metrossexual, este é que é o verdadeiro, os outros são invenções de rotos que querem parecer machos! Abraço!

Andreia do Flautim, obrigado, pá!

Inês e Buba, já falei sobre o Perna Aberta, só que lhe dei outro nome, já que o acho demasiado importante para ser tratado ao molho! Beijoca!

Parisiense, e não tens vergonha, de ter sido durante tanto tempo uma dupla face? Só por isso devias andar 12 anos a pé, qual carro qual carapuça! Beijokas!

Rafeiro Perfumado disse...

Carracinha Linda, ir ao Colombo na véspera do natal tem mais a ver com experiências pós-morte, tal a violência e incerteza quanto à sobrevivência! Beijinhos!

Carvoeirita, eu, sádico? Só quando estou aborrecido... a malta tem de ocupar o tempo, uma vez que não me deixam ler o jornal sossegado! Uma grande beijoca para ti!

Cláudia, eu ainda estou indeciso, mas sou capaz de preferir a matrafona! ;)

Troca Letras, olha que bom!

Rafeiro Perfumado disse...

Anónimo, se algum dia eu fizer uma análise destas relativamente às espécies da blogosfera, ficarás certamente com o papel de masoquista. Abraço.

KA, são assim tão diferentes em relação aos do resto do país? E são férias apenas parciais, infelizmente! Beijocas!

Turbolenta, francamente, achas bem gozares com os pobres utilizadores dos transportes públicos, neste caso EU?!? Beijo!

Anónima, claro que há, pelo menos um rafeiro! E no Verão há sempre a possibilidade de experimentar aromas, desde o mais comum ao mais exótico, é quase como ir para fora cá dentro! Beijinhos!

Rafeiro Perfumado disse...

Susana, mas consegues imaginar o tempo que esses caramelos não passarão à frente do espelho, a dizer “fosca-se, estou mesmo giro”? Beijoca!

Dualidades, ao fazeres isso, não te esqueças que podes optar por um híbrido! Abraço!

Blossom, excesso de gente? Diz antes escassez de transportes! Beijocas!

Yashmeen, ou aqueles que usam e que pensam que isso substitui o banho! Beijo e RAUF para ti!

Rafeiro Perfumado disse...

Sara, o IC não é propriamente o melhor lugar para fazer este tipo de estudo. Mas experimenta ir no Regional, pode ser que tenhas mais sorte...

Dual, essa é uma boa espécie, sem dúvida. Mas agora diz-me lá quem raio é o nanaia... Abraço!

Capriccio, um emprego que dá para ir a pé? Isso quase que devia dar direito a pagar um imposto de sacanagem! E de inveja, pela minha parte! Beijoca!

Psycho Mind, sozinho?!? E a atmosfera que se lixe, não é? Pfff....

Rafeiro Perfumado disse...

Jeanny, se o David fosse metrossexual, não andava com uma pirosa como aquele espécime da Vitória. E eu gosto bué de utilizar a expressão"glândulas mamárias"! Beijocas, já que o meu pêlo está sempre limpinho!

Lyra, genial nunca, sou um rafeirote. E ouve lá, o taxista não te cobra um suplemento pelas amolgadelas que causas na viatura? Beijoca!

Knoppix, vejo que também tinhas bem estudada a fauna desses transportes! E mais uma vez suspeito que sou o único que anda todos os dias de transportes públicos. Depois queixem-se do buraco do ozono, queixem... Abraço!

Eu Mesma!, estás com azar, porque eu adoro a palavra “evacuar”, não sei, acho que dá uma certa classe ao acto de largar o calhau! E sim, já referi esse animal, o “macho da espargata”! Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Cris, esse método seria arriscado, porque assim quando essa pessoa se abrisse ainda saiam bolinhas de sabão pelo orifício! Beijoca!

Papay Dream, esses são animais que seguem rituais. De vez em quando reconheço que gosto de me sentar no lugar “deles”, só para ver a cara deles! RAUF!

VB, nos próximos tempos nem quero ouvir falar de bola... Abraço!

Marisa, mas um bastão de baseball ajudaria tanto, às vezes. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Tavguinu, para isso teria de meter logo a matrafona ao barulho! ;)

Tá-se bem, esses são demasiado banais, diria mesmo que ocupam uma larga percentagem do público dos transportes! Abraço!

AMSilva, sinto-me à vontade para o fazer, uma vez que ando por lá e assumo vários daqueles papéis! Grande abraço!

Maria, e infelizmente essa é uma espécie que não está em risco de extinção, assume mais o papel de praga! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Expresso da Linha, a percorrem linhas sem fim! ;)

Sandra, as histéricas colocaria nas “mete nojo”, os trogloditas teria de ver primeiro a filiação clubística dos mesmos! ;) Beijoca!

Oliver Pickwick, faço questão de terminar por aqui, até resolvi antecipar a publicação disto porque quase todos os dias descobria espécies novas, isto qualquer dia parecia um testamento! Abraço!

Balbino, acredita que por vezes se aprende mais sobre um povo num transporte do que num livro. Abraço e obrigado!

Rafeiro Perfumado disse...

MCG, estas espécies não são exclusivas do metro, certamente. E sim, as fêmeas têm uma maior preponderância para carregar com sacos, que muitas vezes desconfio conterem mais sacos!

Francis, depois do que aconteceu ontem, aquilo já te deve ter saído da cabeça...

Cati, lacrimejante? Rapariga, não havia necessidade! ;)

Laura, vai certamente correr tudo lindamente! Os teus neurónios até vão suspirar de alívio, tal o espaço que vão ganhar! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Catwoman, chato é quando a malta não se consegue mexer e dá aquela comichão ou os óculos começam a resvalar para o abismo... ;)

Clara Onofre, pois sê bem vinda, e volta as vezes que te apetecer. Beijo!

Cassamia, conta lá, eu prometo que não espalho! Beijo!

Migvic, disseste exactamente os motivos que me levam a preferir os transportes públicos. Sabe tão bem, vir de motorista para Lisboa... Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Stuckinha, andei durante muitos anos no barco do Barreiro, e juro que nunca vi tal coisa! Mas costumava ver outro, aqueles que quando estávamos quase a atracar queriam furar para a frente. A um deles uma vez respondi “eu também saio na próxima”. Foi giro ver o tipo a ficar vermelho enquanto a malta à volta ria... Beijocas!

Ana, e achas bem, teres-te pirado e deixado um pobre rafeiro indefeso à mercê das matrafonas? ;) Beijocas!

Veni, Vidi, Scribi, isso foi a dizer que eu tenho muito tempo livre, é? Faz favor de inventariar as espécies daí, depois até podemos trocar exemplares! Quanto aos que correm, isso está explicado na parte I. Beijoca!

Balbino, não seria preferível umas espingardas e uns cacetes?

Rafeiro Perfumado disse...

MJF, isso não se diz. E olha que convém teres umas luzes, imagina que o carro se avaria ou os pneus são furados por alguém rancoroso que tem sempre de utilizar os transportes públicos? ;) Beijocas!

Marco, se eu tivesse visto este comentário no próprio dia, eu dizia-te onde é que podias meter as saudações...

Red Woman, mas estando tu com os óculos escuros, como é que sabes de onde vem a apalpadela? Ainda pisas alguma velhinha inocente! Entrecampos, dizes tu? ;) Beijos!

GK, era começares a apalpá-los também, nada de ficar atrás dos bifes, jove! Beijoca!

Capriccio disse...

Olá!!!! Já chegaste!!!!!!! Até que enfim!!!!!!!!!!!!!!!!

Rafeiro Perfumado disse...

Casemiro dos Plásticos, obrigado, jove, grande abraço!

Teté, não sei porquê mas ainda prefiro uma coçadela de tomates a um tufão! Com os meus 5/6 anos, Metro para mim era quanto muito uma unidade de medição. Durante muito tempo fui poupado ao contacto com estas espécies, mas chegou uma altura em que fui atirado às feras. E isso resultou no rafeiro que sou hoje... Beijocas!

Cosmic Girl, se o tiro fosse bem dado, mesmo no meio dos olhos, o tipo ainda era capaz de ver por uns instantes. Digo eu, espero não descobrir! Beijo!

Bruno, essa espécie prefere manter uma espécie de low-profile, para ver se leva com o menor número de estilhaços possível na batalha que é andar nos transportes. Quanto às capacidades e potencial, são por vezes sobreavaliadas! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Xanata, iam todos lavadinhos ou tu ias muito congestionada? ;)

Sereia, diz isso ao Francis, vá! É que o gaijo anda um exigente do catano! ;)

Thiago, um rafeiro perfumado cheira bem, já um rafeiro molhado, é preferível não descobrires! Abraço!

Fernandinha, obrigado, uma grande beijoca para ti!

Rafeiro Perfumado disse...

Olá!!, sacana, ainda por cima goza com os pobres! Vais ver, ainda há-de chegar o dia em que vai ser obrigatório! Beijos!

Fotógrafa, podes ter a certeza! Uma grande beijoca para ti!

Croqui, obrigado, jove, um abraço para ti!

São, e costumas arranhar os vidros? ;) Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Francis, não estava cá, pá! Já respondi aos outros postes, faltava este! Chiça, que é exigente!

Mimo Azul, essa espécie é digna de um tratamento diferente, mas infelizmente também existem. Sabes uma coisa gira que podes fazer? Se fores acompanhada, começa a discutir o caso com essa pessoa. Afinal, se estão a gritar é porque querem que se saiba, não? Beijoca!

Sérgio Figueiredo, mas que belo elogio. Não totalmente merecido, mas agradeço na mesma. Um grande abraço!

Inês, e não te dá uma coisinha má sempre que vais meter gasolina? Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Diabo no Corpo, estás a ver um carro? Agora imagina um bem grande, em que pessoas desconhecidas pagam para lá entrar e percorrem um trajecto pré-definido. E pronto, basicamente é isto... ;)

Miki, e em que categoria se enquadra “sentir com(ichão) no nariz”? Beijo!

Silêncio Culpado, muito obrigado! Por acaso não tens umas cunhas lá pela Suécia, não? Beijoca!

Bjecas, na estação da Avenida costuma entrar uma que valia bem a pena a viagem! Abraço, pá! PS: entrada do lado do Marquês, pelas 14:03!

Rafeiro Perfumado disse...

Mariam, obrigado e cá espero a tua volta, mas faz-me só um favor, nestas andanças bloguisticas nada de “você”, ok? Beijoca!

Um Momento, estou a dever-te alguma coisa, não estou? Sei que alguém me desafiou para qualquer coisa, mas tenho de ir investigar!

Julie, tu costumas ficar parada à frente das entradas e saídas aos amassos?!? Ai a menina... Beijos!

Um Momento, estava demasiado preocupado com o “estudo”, digamos que o andar mais estações que o necessário foi um sacrifício pela ciência! E nem quero imaginar o que tens escondido na tua banheira! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Atlantys, imperdoável é a menina, que é das poucas pessoas que eu tenho a certeza que tem o livrinho, não se recordar de um texto chamado “o macho da espargata”. Incha! ;) Beijoca!

Conchita, e já para não falar na cara desses açambarcadores quando pedimos que retirem os sacos para nos sentarmos. Só falta dizerem que pagaram bilhete para os ditos! Beijoca!

Caditonuno, onde, onde?!?

Lua Prateada, quase a fazer lembrar o “Show must go on”. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Bicho de Conta, uma grande beijoca para ti e obrigado pela snifadela!

Laura, eu reparei que estavas distraída, nem reparaste no comentário que deixei nas tuas bananas. Mas deves ter bem mais em que pensar agora, descansa e fica boa de vez! Beijo!

C Valente, cada dia aparecem mais, parecem coelhos! Abraço!

Maga, agora começa a haver uma outra categoria, os que ouvem música mas sem os auscultadores. Esses, sinceramente, era atirá-los à linha! Beijufa!

Rafeiro Perfumado disse...

Leonor, então talvez nos encontremos, é que quando o tempo começa a ficar bom, prefiro fazer o caminho entre o comboio e o emprego a pé, em vez de metro! Beijoca!

Inês, não, hoje é dia de responder aos comentários. Queres uma flor de Lis?

Bácoro, eu sou um rafeiro, pá! Abraço!

Um Momento, na prática iria ser um monólogo, com bastantes interjeições de dor vindas do outro lado...

Rafeiro Perfumado disse...

Rascunhos, acho muito mal. Mas olha que este estudo te pode dar muito jeito, um dia que vás à cidade grande! Beijo!

Pacanherros, o pessoal que vocês encontram por aí são os totalmente despistados, que em vez de saírem na Rotunda vão parar ao Algarve! Abraço!

Carvoeirita, minha mijona favorita, isso foi lindo da tua parte. Claro que vou imprimir e usar abusivamente da próxima vez que me ameaces de porrada! Beijo!

Capriccio, até que enfim?!? Estava tão bem de férias! Beijoca!

jeanny disse...

espécime de victória?lol.foi boa essa!devias escrever sobre esses espécimes.
beijoca então, se tás sempre com o pêlo limpinho!

Carracinha Linda! disse...

Queres conhecer uma rafeira linda? Então faz-me uma visita!

Bjs

Restelo disse...

1-desisto de procurar o meu comment e se tu respondeste
2-carracinha linda! isso é que é uma frase de engate, sim senhora!!

**Je Vois la Vie en Vert ** disse...

Belíssimo estudo antropológico ! Não costumo andar de transportes públicos mas quando for, de certeza que aquilo que aprendi contigo vai me servir !
E tens toda a razão : os cães desempenham um papel importantíssimo na vida do homem !
Beijinhos verdinhos

comecardenovo disse...

Ae eu que faço parte de um destes tipos...por norma: óculos escuros, fones e livro. Ah! e trombil. Detesto o ar empertigado dos senhores engravatados, que por irem de fato e no metro se acham mais do que os outros.
Boa semana. Quanto à tua pergunta sobre o pão lá no mue post: bem se lhe puseres sal, sabe a sal s ete esqueceres fic ao verdadeiro pão sem sal - detestável e asqueroso...

LopesCa disse...

LOL muito bem apanhado ;)

Tem um Feliz Dia da Terra.

Sol disse...

Ainda bem que não tenho que passar por isso!! E os mal-cheirosos ou carregados de perfumes logo pela manhã?!! Credo!!

Beijinhos

a casa da mariquinhas disse...

Passei aqui por acaso.
Uau!!! Gostei mesmo!
Independentemente do assunto, a descrição está nota 10!
Uma escrita fluente, atractiva, que deixa um sabor de "quero mais".
Já pus nos meus Favoritos, e vou voltar sempre. Apetece!
Parabéns, beijos
Mariazita
Visitar A casa da Mariquinhas é sentir uma lufada de ar fresco. Confirme, e deixe comentário

Marisa disse...

Voltei a reler este post agora na faculdade, na chamada "hora morta", e passei por uma vergonha porque me desatei a rir imensas vezes na sala de computadores que está sempre apinhada de gente mas sempre silenciosa!
De qualquer das formas, assim até dá gosto estar na faculdade. Tirando a parte da vergonha por ter passado por totó, claro! :P

Viajante disse...

Olá Rafeiro!
Queres que mande lembranças tuas aos vira-lata do Funchal?

Parece-me que por aquelas bandas há umas espécies muito interessantes do Ecossistema Eleitoral. Vou em missão de espionagem ;)

Abraço!

Julia Dietrich disse...

que delícia de blog!

Sara disse...

Já andei no regional muitas vezes, sim senhor. Só tive uma vez um aperto na altura do Natal por causa dos magalas: fui mais de metade da viagem em pé, junto à entrada da carruagem.

E, parecendo que não, há vantagens em viajar com um cão (literalmente). Ocupa-se um compartimento vazio e mais ninguém lá entra! :D

Julia Dietrich disse...

rs!
Devo conceber isto como um elogio?
Meu ego gostaria que fosse uma comparação a Mary Shelley...rs!

Francisco Castelo Branco disse...

De facto existem muita variedade de certos e determinados rafeiros

hehehe


abc

São disse...

Não, não costumo arranhar coisa nenhuma. Mas garanto que não é nada agradável!!

Até à próxima!

ines disse...

auto flagelação... já passou!

(eheheheh, beijo gaijo)

Restelo disse...

Eh pá então é porque se calhar não ficou!! Eu tenho uma net que às vezes tem uma mind of its own... Era só para dizer que aqui há uma espécie que lê não importa quão cheio-apinhado-sardinha enlatada style esteja o metro...

luafeiticeira disse...

xiiii, vem aqui uma gaja espreitar um blog que não conhece e cheira-lhe mal.
jocas

**Je Vois la Vie en Vert ** disse...

Esta semana vamos festejar o DIA DA TERRA. Com pequenas coisas podemos ajudá-la. Dá-me a tua opinião. Obrigada.
Beijinhos verdinhos

C Valente disse...

Saudações amigas e cuidado com os caixotes do lixo

Rita disse...

Já não ando de Metro há algum tempo mas consigo identificar todos os espécimens que aqui descreves, gosto particularmente do Toureiro...Um dia destes deverias fazer o mesmo mas com a fauna que povoa as nossas mais famosas estradas: IC19, 2ª Circular, A5 e afins...
Festas e boas férias

Francis disse...

Hoje não é dia de tal e coisa pica pau amarelo ?
sou exigente pá...

Storm disse...

Dou graças por não ter experiência nestes assuntos hehehe

Rafeiro Perfumado disse...

Jeanny, é uma questão de honra, pelo menos à segunda e à quinta! Beijoca!

Carracinha Linda, linda é favor, tens de me dar o TMN dela! Beijos!

Restelo, aqui não há censura e todos os comentários são respondidos, salvo se o dono do blog tiver bebido e lhe escape algum! ;)

Je Vois la Vie en Vert, em alguns casos até… é melhor não continuar, fiquemo-nos por desempenharem um papel importante! Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Começar de Novo, quando vejo a malta empertigaitada (não necessariamente os de gravata) penso sempre no seguinte: “se fosses mesmo importante não estavas aqui, de certeza!” Um grande RAUF para ti!

LopesCa, esse não conhecia. Também há dos outros elementos? ;)

Sol, convinha meter esses juntos, podia ser que o pivete de uns anulasse o fedor dos outros! Beijos!

A Casa da Mariquinhas, também gostei bastante do teu blog, pois fui lá confirmar! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Marisa, sala de computadores silenciosa? Isso não devia ser na biblioteca? Bem, eu já saí da faculdade há uns anitos, e com tanta reforma do ensino... ;) Beijoca!

Viajante, manda-lhes um “Hello” meu, e não te esqueças de cantar o hino do PSD, caso te vejas em sarilhos! Abraço e boa viagem!

Júlia Dietrich, e consta que vai lindamente com um vinho verde! ;) E claro que é um elogio, era lá capaz de dizer mal de um blog tão nutritivo como o teu?

Sara, depende do cão, se estiveres a falar de um São Bernardo, até entendo, agora se for um caniche, aí terei de te chamar de “mariquinhas”...

Rafeiro Perfumado disse...

Francisco Castelo Branco, mas perfumados há muito poucos, e com tendência a extinguirem-se! Parece que não gostam de acasalar entre si! ;) Abraço!

São, eu bem vejo o suor e o olhar esgazeado de algumas pessoas quando aquilo pára de repente. Acredito que deve custar! Beijoca!

Inês, só acredito vendo. Beijo!

Restelo, achas que é caso para chamar o Spielberg? Dava uma linda sequela da AI. ;) Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Lua Feiticeira, é sem dúvida por causa do dono evacuar repetidamente no Acordo Ortográfico... Jocas!

Je Vois la Vie en Vert, isso não foi ontem ? E acredita que todos os dias faço pequenos gestos para ajudá-la. Beijo!

C Valente, sempre com atenção, meu caro amigo, sempre! ;)

Rita, esse estudo já o tenho pronto, mas ficou demasiado sexual! Não perguntes... Beijos!

Francis, as tuas críticas conseguiram-me colocar a pensar, pelo que vou fazer uma pausa e tentar arranjar uma melhor inspiração, que satisfaça as tuas exigências.... tou a gozar, pá, estou a descansar um bocadinho e volto dia 7 de Maio! Abraço!

Storm, mas olha que é uma experiência enriquecedora, a não ser que apanhes um carteirista! Beijo!

Carla disse...

um estudo com cabeça, tronco e membros...perfeito
beijos

ines disse...

é jeitoso, o vizinho?

não te esqueças das amigas...

Safira disse...

Para os 'mãozinhas' eu costumo usar o antídoto 'cotovelinho'ou 'pézinho'.Resulta que é uma beleza!

Sara disse...

Ó migo, eu é que levo o cão! EEEUUU! ;)

Storm disse...

deve ser deve hehehe!
Eu vi aquele vídeo do youtube da mulher no metro do porto :)
beijo

wednesday disse...

Acho que o melhor é cada um imprimir este post e levar para reler no metro, enquanto se vai enlatado... ;)

Blue Velvet disse...

Querido canito,
bem gostava de comentar este post, mas tem que ficar para outro dia.
É que estou com obras lá em casa.
Aliás,vim avisar que se me visitares e encontrares o meu blog privatizado, não é porque o fechei aos amigos:))))
É só porque estou a mudar quase tudo nele, e é impossível fazê-lo com ele aberto.
Deve demorar uns 2 dias, talvez menos.
Fico à tua espera, no mesmo endereço, mas de carinha lavada.
Dias Felizes e veludinhos azuis

Menina do Rio disse...

Já vi que é tudo igual! Será que tem alguma cartilha de como se comportar num transporte de massa? Isso foi como um filme mas há também os estudantes que entram com mochilas imensas e vão levando tudo o que tiver pendurado nos estribos. E a terceira idade que tem transporte gratuito 24 hs por dia, mas decide exercer este direito em pleno rush matutino...

Um beijo

aorta disse...

ah ah ah ah ah ah

O metrossexual faz-me lembrar uma história, quando entra um tipo no metro e uma tipa que está ao meu lado, saca da mão e apalpa-lhe o rabo, assim à mão cheia. Às 8.30 da manhã, o metro estava a apinhar de gente, como podes imaginar, e tipo vira muito rapidamente a cabeça, com um ar de "socorro, estou a ser violado". A tipa, encolhe-se o mais que pode, e diz, quase sem voz: "desculpe, pensei que era o meu cunhado". Era ver a malta toda, quase a rebentar, mas a evitar a risota total. A tipa saiu na estação imediatamente a seguir.

Olá!! disse...

Bom fim de semana para esta casa
Beijossssssssss

fotógrafa disse...

Hummm…fim de semana prolongado… sortudos que somos…rsrsrs
Divirtam-se e gozem uns ricos dias, com sol e calor…por mim, vou de certeza fazer tudo isso…e não só…rsrsrs
abraço

ines disse...

Gaijo, bom feriado, bom fim de semana, e tudo... tudo, tudo!!!

GK disse...

Em resposta...
Quem disse que não o fiz?
Foi uma tarde muito divertida... ;)

Bom fds!

Inha disse...

Sexo? Onde? Onde?


LOLLLLL Rafeiro maluco!:)



BeijoquInhas no focinhito e BFS.*

Gata Verde disse...

E um metro cheio de cobras???
Aí queria ver quem estaria em pânico!!!

ternura disse...

Eu gostei especialmente da espécie Abrunhosa. Prontus confesso que gosto das músicas do gaijo, e essa continuação da espécie, será que também sabe cantar?
Rafeiro, eu sou uma sortuda , não ando de metro, aqui na minha terra não há disso.
Sou uma parola.
Ahahah.
Beijoca.

A Lei da Rolha disse...

Gostei muito do sádico, engana toda a gente com pinta e categoria inflingindo dor e sofrimento a quem cobiça o seu lugar, looolll!
abraço
obs:lamento não ter podido comentar antes...situaçôes da vida!

Tiago disse...

Genial mesmo! Eu sou uma mistura do estilo sádico com a enguia!

Antitudo voltou à accão! Passem por lá!

Rosi Gouvea disse...

Assim lindo infante, que dorme tranqüilo,
Desperta a chorar;
E mudo e sisudo, cismando mil coisas,
Não pensa — a pensar.

*Gonçalves Dias*

E mais uma vez venho me encantar...

Bejos doces!

Humorista disse...

Rafeiro, és o Jacques Cousteau ou até mesmo o David Attenborough da selva citadina! Parabéns! Abraço!

White_Fox disse...

Fartei-me de rir! E a parte mais engraçada é que já me deparei com a maioria deles!

Henriqueseis disse...

Olá Tudo bem? Já tenho mais uma nova História no meu blog do Mitos urbanos.Passa por lá que esta é empolgante.

http://novos-mitos-urbanos.blogspot.com

Rafeiro Perfumado disse...

Carla, e com muitos outros apêndices... Beijoca!

Inês, vizinhA. Estás-me a estranhar ou quê?!?

Safira, isso se tiveres espaço para mexeres essas partes, pá!

Sara, e eu que adivinhe, não?!? EUUUU???

Rafeiro Perfumado disse...

Storm, estavam assim tão atrasados os comboios?!? ;) Beijoca!

Wednesday, e achas que tinhas espaço para conseguir ler isto? Só se o colares à testa! ;)

Blue Velvet, cheguei a pensar que o teu blog tinha sido disperso em bolsa e tudo! Beijoca, claro que lá voltarei!

Menina do Rio, terceira idade com transporte gratuito? Se fosse cá até iam morar para o autocarro! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Aorta, a mim aconteceu-me no barco do Barreiro de repente darem-me a mão. Levanto-a para ver quem estava do outro lado e era uma jove. Ficou tão vermelhinha, coitada...

Olá, beijo e bom FDS!

Fotógrafa, e o bom é saber que a próxima semana é quase igual! Beijo!

Inês, especialmente com tudo!

Rafeiro Perfumado disse...

GK, pronto, foi uma simples suposição, mais nada! ;)

Inha, maluco?!? Anda já aqui para levares umas palmadas! Beijo!

Gata Verde, vê lá se não é antes com aranhas!

Ternura, eu gosto das músicas, já do tipo, sinceramente não sou grande fã. Beijo, e nem sabes do que te safas!

A Lei da Rolha, mas qual desculpa, jove? Já te disse que não pagas multa pelas ausências! Grande abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Tiago, uma enguia sádica havia de ser uma combinação gira, devia... abraço!

Rosi Gouvea, e tens vindo muitas vezes? Nunca te tinha topado por aqui. Beijo!

Humorista, de preferência uma personagem com catana, para abrir caminho nas lianas, perdão, multidão! Abraço!

White Fox, e eu que já me deparei com todos? Ou pensavas que isto era inventado? ;)

Henriqueseis, seja bem retornado. Abraço e lá irei!

Bazil disse...

Mais uma grande investigação. Uma contribuição essencial para compreender a espécie tão estranha que somos nós, humanos. Estás a apontar para algum nobel?

Gostaria apenas de dizer que gosto bastante quando se criam conversas entre pessoas enlatadas sobre o facto de estar enlatadas. "Epá, isto é sempre assim, não pode ser." "Tem toda a razão, isto a culpa é dos gajos do topo". Sim, a culpa é sempre dos do topo, nunca dos que não podiam esperar.

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá Amigo Raf. Per.-Votos de boa semana!
Muitos beijinhos de carinho,
Fernandinha

ines disse...

toque... toque... 1, 2 experience... Rafeirooooooooooooo

Thiago disse...

Convido-te a conhecer a história de A. :-)

tenho saudades das tuas passagens pelo meu eu

um abraço

Nuno de Sousa disse...

Belos textos q nos fazem aqui perder um pouco, terei de vir aqui com mais atenção :-) Rafeiro só mesmo por aqui...
Em relação ao que escrevi é emsmo isso sou um amador puro... só ainda tenho 2 anos e meio a fazer fotografia assim, um pequeno curso de iniciação, só à 1 ano tive a minha 1ª reflex... ainda tenho tanto para aprender mas o que faço é por paixão, não acha q não sou amador claro q sou... quero mto aprender e fazer mto melhor claro.
Um forte abraço amigo Rafeiro e nada de mtas mordidelas ok :-)
Abraço,
Nuno

Francisco Castelo Branco disse...

mUITo bem, gosto do Martim Moniz e do espécie Toureiro

aorta disse...

Rafeiro, dou-te um desafio na Pressão Sanguinea.

julie disse...

Lembrei me que no primeiro post que fizeste sobre este tema, foi quando visitei pela primeira vez o teu blog! Ou seja, visitei mas não comentei!

bjs

julie

P.S.Aos amassos eu? O que é que eu faria em pé perto das portas, com bancos livres no comboio?

BlueVelvet disse...

Canito mai lindo da blogosfera,
o champagne espera por ti lá na minha sala nova.
Com outra carinha, mas sempre eu.
veludinhos azuis

São disse...

Fujimos?...
Fique bem.

Sorrisos em Alta disse...

Tens uma "encomenda" no meu blog!

Levanta-a!!!

Ass:
Sorrisos em Alta
(o carteiro que não toca duas vezes)

Kalua disse...

passei só para deixar um bj... tenho tantas saudades de te ler! hei-de tirar um dia só para pôr a leitura em dia, mas hoje já estou demasiado cansada, vim só deixar um bj aos meus amigos cibernaúticos! ;p

carla granja disse...

...........................
´´´´¶¶¶¶¶¶´´´´´´¶¶¶¶¶¶
´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶
´¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶´´´´¶¶¶¶
¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶´´´´¶¶¶¶
¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶´´¶¶¶¶¶
¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶ ´¶¶¶¶¶´
´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶
´´´´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶
´´´´´´´¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶
´´´´´´´´´¶¶¶¶¶¶¶¶
´´´´´´´´´´´¶¶¶¶ .......

ainda bem que andar de autocarro no algarve é mais calmo eh,eh,eh
dia 7 de maio vou é apanhar 4 avioes pa chegar a casa só de pensar fico cansada,eh,eh,eh
espero por ti com um poema há beira mar
bjo
carla granja
quanto ao coração é só pa enfeitar eh,eh,eh
bjo

Pretazeta disse...

Vou ter que tentar a do sádico! Ahahhaah...
Realmente, depois disto não pode ser o mesmo! A cabeça estará a dar o tilt?!

Rocket disse...

falta uma raridade: os que se confundem com figuras mediáticas e olham em volta em busca de quem os "reconheça".
Um era parecido com o Obikwelu...eh eh

AEnima disse...

E ainda nem começaste a falar sobre os cheiros deste ecossistema... Fechas assim já o tema?

Cláudia disse...

Apetece-me ser a numero 200

Cláudia disse...

Da caixa de comentários :)

Cláudia disse...

Parece-me que consegui

«O mais antigo ‹Mais antiga   1 – 200 de 262   Mais recente› Mais recente»