Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Igreja, SA


Tudo o que quer ficar vivo tem de evoluir. O sentido da evolução é que nem sempre é claro.

Este texto, tão lindo que dá vontade de chorar, pode ser encontrado no livro
Rafeiro Perfumado - Are you ladraiting to me?!?

178 comentários:

Teté disse...

Será que não foi sempre um negócio, só que mais encapotado e menos descarado?

Folha excel para comparar (des)vantagens entre as várias religiões? Não é ter trabalho a mais? Bom, vamos lá ver se não é desta que te cai a malta toda em cima a tentar evangelizar-te, acenando-te com uns ossinhos...

Se chegares a alguma conclusão, depois avisa!

Bem-vindo de regresso à tua casota!

Um rauf rauf para ti, que agora vou visitar a tua jove...

Betty Coltrane disse...

isto em termos de religião.... desde a adolescência q estou numa de ateia. mas com a mente aberta. para mim a natureza é a fonte criadora. não sei se acredito numa entidade cognoscente... seja como for tb não digo que não há... é como as bruxas, eu não acredito, mas que as há, há.... hehe!!!

quanto a fátima... bem, a minha mãe adora lá ir. sinceramente, não sinto um pingo de paz ali. cada vez q entro no recinto do santuário só penso "estado novo! salazar!!". ´da última vez tb fiquei um bom tempo a observar o fenómeno velas. aquilo é o fogo do manfarrico, desculpa lá! hehe

enfim... €€€€€€€€€, é o que vejo por lá.

mas eu sou snob! =)

beijocas caninas!

Ana Maggie disse...

És um herege é o que tu és!!lol!! Acho que este é daqueles textos que dá para conversas bastante sérias..a mim já me deu para oensamentos bastante sérios!(sim..eu penso..sou ursa mas não sou parva fosca-se!)..Se opensarmos que há igrejas onde é OBRIGATÓRIO pagar 7,5€ para o padre dizer o nome de uma pessoa é realmente estranho..mas pronto..o problema não é do Cristianismo é da instituição Igreja Católica..!
Parece que agora o papa voltou a insituir como possibilidade as missas serem dadas em latim ao domingoe com o padre de costas para o público..graças a Deus há microfones e assim podemos ouvir o senhor padre falar na mesma...e talvez assim asistamos ao rejuvenescimento do la..quê?! (isso ainda existe??!!)
Cumprimentos Ursosos**

Ps:É verdade.agora tenho um blog em conjunto com mais duas amigas malucas..aidna está em construçao..mas se quiseres lá deixar alguns latidos â vontade!! =D

Cati disse...

Este texto está Brilhante...
Tem graça o tema ser este, porque estive em Fátima este fim de semana e senti o mesmo - tenho um post meio escrito sobre isso...
Senti-me lá mal, e eu sou católica. Quer dizer, acho que sou. Enfim, acredito em Deus, mas cada vez menos acredito na Igreja Católica, pelos motivos que tão bem soube ilustrar neste post (e mais alguns...)

Quando tiver o resultado do estudo que anda a fazer, comunique... pode ser que ainda arranje paciência para mudar de religião!

Beijinhos e uma festa no cachaço!

Sofia disse...

Querido rafeiro, ainda bem que voltaste, se bem que atormentado...

Como o assunto religi�o d� pano para mangas, decidi comentar o post por par�grafos (pelo menos os que achei que ainda merecem coment�rios:

2� par�grafo - a for�a superior anda a divertir-se de forma absolutamente bizarra, a meu ver!

3� par�grafo - a igreja cat�lica � uma empresa que ainda n�o investiu na ind�stria dos preservativos nem das cl�nicas especializadas em interrup�es volunt�rias da gravidez, o que est� mal, a meu ver, porque d� guito!!!

5� par�grafo - a missa de 7� dia que cada fam�lia paga na totalidade, mas s� tem direito a uma missa e aos nomes debitados a velocidade foguete, podia ser pior... ou melhor; deixo sugest�o � Igreja Cat�lica: uma missa s� com um projector data show em �cr� gigante a passar os nomes dos pobres de Cristo em rodap� letras tamanho publicidade de cr�dito ao consumo como tu t�o bem sugeres...

E prontus, para hoje j� chega de heresias!

Bjs e v� se n�o sofres muitas tormentas com o regresso ao trabalho, que ali�s deve ter sido o que suscitou tais crises de f�!!!

voandobaixinho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
voandobaixinho disse...

Não me custa a tentativa de "chulice" por parte da igreja. Afinal vemos o mesmo no futebol e nas finanças e no raio que o parta. Custa-me são aqueles desgraçados que recebem uma pensão miserável e (mesmo assim) contribuem para os autenticos shopings católicos.

(bom dia)

Diabba disse...

Porque é que achas que criei o Inferno?

Ontem (coincidência ou não) contaram-me essa coisa das "velas" electrónicas, metes €€ e voilá uma lampadinha acesa, milagre, milagre!!

Os 80 milhões que custou esse pavilhão, armado em Igreja, dariam para melhorar a vida de muitos orfanatos e lares que acolhem quem deles precisa... mas isto sou eu, que tenho pensamentos de demo, como convém!

OK continuo com vontade de ir à Isla Mágica, mas não me convides para ir a esse centro comercial que é Fátima, boa?

beijos enxofrados

Sandra disse...

:))

..oO(clap clap clap e big rauf)

Há mui tempo q sinto isso, q fátima a cada dia se torna mais e mais em um grande centro comercial. Já me perguntaram pq em Notre Damme de Lourdes eu sinto algo tão diferente pq é relativamente igual em comercio, é simples raf, a gruta da aparição é o local exacto onde a notre damme apareceu, senti uma emoção unica demais ao tocar as paredes da gruta, em fátima nem o local da aparição é o mesmo.

Cada um c a sua fé, vou lá no sabado c o meu gajo, acendo uma velinha por cada ente querido e falo/rezo c deus ou c nossa senhora da forma q axo correcta, de mim para Eles directamente.

beijuuuuuuuuuuuuuuuuuus pa tu da lua

inês disse...

finalmente!!!

religião - não comento (ando zangada, muito zangada com ela)
Nunca fui, recentemente estive várias vezes para ir, mas, fiquei-me pelo caminho
Velas, deixou de ser uma "oferenda" um "pedido" uma intenção espiritual , para um négócio bem real!

O negócio, sempre o negócio!
Mais vale "feio" e rentável do que bonito...

fizes-te falta! muita falta!

Para vocês um grande, muito grande beijo

inês disse...

trabalhinho... nada, grandes vidas!

ainda dizem que a vida está dificil!

Atlantys disse...

Adorei este teu texto Rafeirito, mas receio e muito pela tua alma... Se a Igreja toma conhecimento disto vai excomungar-te com toda a certeza.
Beijoka e úeclcome beque =)***

Pinguim Alegre disse...

Olha quem está de volta...

Gostei de ler o teu post, contudo acho que este tema dá sempre pano para mangas e isto é apenas a tua visão e como tal vou respeitar.

Sabes, a todos que se dizem Cristãos mas não gostam da Igreja, apenas posso responder como João Paulo II, disse "Na Igreja está Cristo!", ou seja, ela é pecadora e santa...

Pecadora porque é composta por Homens e é Santa porque Cristo a santifica!

Agora aquilo que as pessoas criticam são os Homens... E ai... Chegariamos a outros temas...

Bem o meu comentário já vai mto longo.
Aquele abraço!

tavguinu disse...

Bolas, vi o titulo e pensei :

" O gajo está há tanto tempo fora que já é Papa e eu nem dei por isso !"

Se eu soubesse o que sei hoje ia para padre, já viste alguém que possa fazer tudo e está sempre protegido e ainda tem um gajo que lhe faz milagres !

Peste disse...

ui... havia tanto por dizer ainda....


mas sim realmente focaste algumas das nuances principais.

kisses

são rafeiro

Boop' disse...

Tamb�m cresci como tu, como cat�lica... tenho a� raizes, como 90% dos portugueses (percentagem completamente ao calhas... sem rigor cientifico LOL)
Mas sei que a Igreja � feita de pessoas e por isso ter� todos os defeitos que existem nas ditas pessoas. Esta - a cat�lca - e todas aas outras.
N�o espero mnais dessa igreja, que n�o que seja igual a si mesma, que � como quem diz aos seus fieis - sejam eles bispos ou analfabetos!
A sabedoria e a estupidez, a nobreza e a calhardisse, existir�o a� em igual medida em que existem em todos n�s, nem mais nem menos.

Tere disse...

É bem... Penso que Fatima deixou de ser um local pacifico a partir do momento em que tres pastores sem nada pa fazer apanharam uma pedra dum catano e se puseram com alucinações...hahahaha... brincadeirinha!!!
A transformação de tudo em comércio é um vício dos Homens....por isso me distanciei da religião...porque até para comer é preciso pagar...hehehehe...não consigo falar a sério disto!!!
Beijokas

Carracinha linda! disse...

Este é um dos temas que além de dar que falar também dá muito que escrever.

Cá para mim a tal força superior a que te referes deve estar a borrifar-se aqui para a malta. Sim, porque com o mundo a ir de mal para pior, certamente que já desistiu e voltou as costas.

Em relação ao novo santuário (ou lá o que seja) de Fátima eu só queria saber se o dinheiro para a sua construção veio dos donativos e da compra de velas (ou "acendimento" de lâmpadas) ou se por acaso o nosso governo também decidiu contribuir. É que eu não gostaria nada de saber que o dinheiro que me descontam todos os meses (e que a uma moiçola sozinha como eu tanta falta me faz) anda a ser gasto em produtos de ostentação de riqueza de uma religião.

Bjs

disse...

Quando falas que as pessoas atiram as velas para a furna e dizes que é em risota..bem não sei se seria assim..no fim de semana fui lá e o que se passa é que agora só podemos acender uma das velas...as outras temos que atirar para a furna, o que é um excelente negócio pois com essa cera derretida fazem mais velas...tendo em conta que todas estas indicações nos são dadas "por uma espécie de porteiro muito estupido, mal educado e que me deu um puxão no braço quando eu tentei entrar com as minhas seis velitas (não conhecia as novas regras..shame on me!!!)...
Sim esta ultima vez não vim de Fátima reconfortada como vinha..e fico triste por ser tudo um negocio...as nossas crenças, as nossas susceptibilidades...uma mera fonte de dinheiro...

conchita disse...

Sempre tive as minhas dúvidas sobre a existência de um Ser Divino a olhar por nós, de qualquer maneira respeito quem acredita (o meu marido acredita piamente em Deus.)
Em relação a Fatima... nem comento!!!!
Continuação de uma boa semana :)

D*ana disse...

Eu cá continuo a preferir o Estádio da Luz! ;)

Beijinho bom *

Cold_cold_Bitch disse...

Ainda bem que a minha fé não depende desse negócio e que o negócio não depende da minha fé.
O bom dos santuários e igrejas é a paz que transmitem, o convite à reflexão e a percepção de estarmos mais perto de algo em que acreditamos. Pena que nem esses locais escapem à fúria do dinheiro... Quando vou a esses sítios procuro alhear-me dessa vertente economicista, é o que eu faço.

Joana disse...

Muito embora tenha sido catequista e acredite na mensagem que passei, confesso que ultimamente me tenho afastado um pouco da igreja. Porquê? Porque concordo contigo... porque acho que as coisas já não são o que eram... Mas isso não significa que eu não ache que as coisas, antigamente, eram diferentes... porque não eram. Só que antigamente sabia-se em que era usado o dinheiro oferecido, coisa que agora se desconhece...

Sara disse...

No comment (que deus nosso senhor é omnipresente e pode ler isto).

;)

Lusófona disse...

Olá Rafeiro! Acredito em Deus, e não preciso de intermediários entre Ele e eu.

Acho que se todos seguissem de coração e alma os ensinamentos de Jesus, já não precisaríamos de religião alguma, mas as pessoas são hipócritas, vão às missas ou aos cultos e continuam a falar mal dos outros, a fazer asneiras, coisas que sabem que não devem fazer, principalmente guerrear em nome de Deus.

Belo post, sim senhor!

Beijokas

Rita disse...

Concordo plenamente contigo e também me parece mal não deixarem entrar os animais nas igrejas afinal de contas somos todos filhos de Deus.
Pois eu nunca gostei de ir à Missa sempre me pareceu uma fantochada e uma tentativa (felizmente cada vez mais gorada) de lavagem cerebral. Cada vez mais a Igreja e Fátima me parecem um caso grave de Show Off...
Festas

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

Saravá!

Ou melhore Salve ou Avé!

(ihihihih)

Eu já crescida (adulta) optei pela tradicional igreja católica...
pela tradição cultural, laços afectivos fortes e por crer ser mais fácil lidar com a vida...

Mas a igreja é composta por Homens, logo tem erros. E muitos (desde a antiga inquisição, aos dogmas comummente aceites, o Opus Day,etc etc)!!!

De facto, concordo contigo face ao sentimento que nos contagia no santuário de Fátima...
É inexplicável, a força e fé que move os povos até lá. E a magia das luzes de velas misturada com a paz recebida entre milhares de peregrinos é avassaladora. De joelhos em carne viva, pés em bolhas de sangue, crianças seguradas nos olos cansados, gentes que percorrem kms para lá estar...apenas estar...

Por tanto acho inadmissível que a igreja fomente o negócio, comercializando de tudo um pouco (com a figura da nossa senhora) a preços surreais, bem como bens essenciais como água e comida, que atingem preços superiores aos das esplanadas (em épocas altas)...
Importa salientar que ha peregrinos que levam dias a gastar dinheiro a mais até chegar ao santuário... e idosos... como pode a igreja (serva de Deus generoso) fazer hino a estas práticas de sacrificios desumanos?!!!

Enfim.....

Acho que já me excedi o coment..rsrsrsrsr

**************************santa semana , ihihihihih

Sub-Lodo disse...

Deve estar em fase de aprovação o projecto em que os crentes entram de joelhos num carrinho parecido aos que transportam os jogadores lesionados para fora do relvado para andar numa velocidade alucinante em redor da Capelinha das Aparições e, desse modo, descongestionar o tráfego que milhares de promessas impõe...

Sub-Lodo disse...

Mas os cães costumam ser bem tratados lá...

Francis disse...

olha que ele está no meio de nós.

herege.

qual é o teu melhor tempo no joelhódromo ?

e a cruz compraste, com ou sem o atleta ?

turbolenta disse...

Mal informado sr Rafeiro:
Essa invenção do mete a moeda e acende a vela já é comum à maioria das igrejas. Claro que tem a vantagem, de não poder provocar incêndios, por a vela ter caído em cima da madeira do chão.Além disso é muito mais higiénico e menos perigoso...ninguém se queima!
Em todas as religiões há sempre a sobrepor-se o factor € € €.Todas pedem mais quotizações, mais ajuda dos fiéis, etc...etc...
Mas isso é inflação.
Se tudo aumenta, porque não haviam de aumentar as esmolas.
Há anos que é da praxe : com um pau matam-se meia dúzia de coelhos.
Há uma missa em favor de uma dúzia de defuntos.... E há que ter muita atenção, porque, não raras vezes se paga uma missa e o nome nem lá aparece a ser rapidamente lido.
Quanto à nova basílica:
O último grito da moda.
Foi aberto um concurso internacional que foi ganho pelo arq. Grego Alexandros Tombazis.
Não podia sair obra de grande imponência exterior para não "abafar" a basílica antiga.
Além disso... quando chover leva
oito mil e tal pessoas sentadas. Tem um sistema de economia de energia (que ainda não está a funcionar porque a C.M. ainda não aprovou a totalidade da sua colocação(apenas autorizou 1/4 dos painéis solares). Em pleno funcionamento, a luz artificial interior não difere da exterior e com menos custos.
Uma basílica ecológica, como convém...
(O pior foi a enorme derrapagem nos custos finais, mas isso já é normal em qualquer pequena obra, quanto mais numa com aquela envergadura)
Pode por-se em causa a beleza ou não da obra, mas isso cada pessoa tem a sua opinião. Ainda a não vi senão em construção. Aparentemente não gostei.
Mas opinião correcta só mesmo quando a vir.
tenho dito
boa semana
bom regresso ao seu trabalhinho!

Maga disse...

depois de todos estes comentários vou limitar-me a fazer-te uma sugestão: dedica-te a Anúbis!
o antigo deus egípcio da morte e dos moribundos, considerado deus do submundo. Conhecido como deus do embalsamamento que presidia às mumificações e era o guardião das necrópoles, das tumbas e juiz dos mortos.
olha que foi um deus muito importante!
e fica-te com umas festinhas atrás da orelha ;)

Yashmeen disse...

É bem giro, é.
A parte das luzinhas com moeda é do melhor.

:D

Maga disse...

aquele que tinha uma cabeça de cão selvagem, tinha-me esquecido de mencionar este pormenor importante!

Cusco disse...

Sugiro que procures uma religião, mas não a que te prometa o céu, mas sim a que te prometa o inferno….E Porquê?
Porque lá é que estão as pecadoras, as que chifraram os maridos, as acompanhantes de elite..as boazonas todas, etç,etç…Eu por mim acho que por lá a coisa deve ser bem mais divertida…
Um abraço!

Andreia do Flautim disse...

Olha por acaso já tinha pensado nessas coisas sobre Fátima e cheguei às mesmas conclusões!

ternura disse...

Fátima e apesar de todo o comércio a ela associado oferece-me e sempre me ofereceu momentos de paz e reflexão interior.
Não sei se pelo misticismo ao qual o santuário se encontra associado se ao verificar de situações únicas, movidas por situações de extremo desespero e de imensa fé.
Fátima mexe comigo, não lhe fico indiferente, talvez e porque nas horas mais amargas desta minha vida me tenha agarrado à sua imagem, como busca de algum conforto para a alma.
O teu post é lógico, tem a mais pura realidade nele gravada, realidade essa que também não me agrada e me entristece.
Mas partindo de um ponto assente, que a igreja , somos nós homens e mulheres,e não somos perfeitos, temos as nossas imperfeições e vicissitudes, é certo que a mesma é santa e pecadora.
Quanto à religião, esse é um tema muito vasto, de imensa polémica a ele associado.
Resta-me então dizer que apesar de professar um credo católico, respeito pelo próximo é a minha máxima de vida, como consequência desta mesma máxima nutro respeito por todas as religiões.
um bom post, com o seu humor subjacente.
Beijito

Eskisito disse...

Poderia ser eu a escrever este post. Desde a paz que lá sentia, às velas, aos tectos em ouro, e tudo e tudo...
Sem dúvida, concordo contigo. E quero uns tremoços à Judas.
Um abraço

Bongop disse...

Eu não dou umazinha moedazinha pá queles gajos , voltamos ao tempo (idade média ) em que se compravam uns papelinhos abençoados e um gajo era absolvido de pecados, claro conforme o dinheiro gasto em "papelinhos". Agora entraram na Idade Média Eletrónica ! Mete moeda acende luz ! E vai de aproveitar bem as velinhas pós crentezitos poderem comprar a mesma vela várias vezes! Ahh já me esquecia... para onde vai este dinheirinho (que é pouquito)!
já agora ... eu quero uma cerveja S.Pedro sevido num copo Madalena

aorta disse...

Fui baptizada, fiz a 1ª comunhão e até o crisma eu fiz. Vê só. A minha mãe, coitada, ainda não conseguiu entender porque deixei de acompanhá-la na sua fé aos Domingos de manhã. Porquê? pergunta-me ela de vez em quando?
Porque cai na realidade e deixei de acreditar, precisamente na última vez que fui a Fátima.
É rídicula a forma como se faz aquele negócio. Além disso, fiz umas pesquisas e há coisas que me deixam de pé atrás.
Simplesmente deixei de acreditar.
Mas, respeito quem acredita.

cris disse...

Olha, volto cá num dia em que o neurónio ainda funcione. Eu acredito nessa força superior, baseada em amor. Não creio que seja essa força quem está distraída. Somos nós, que ao invés de sermos mais sensatos, honestos, verdadeiros e respeitadores, adoramos lixar o próximo, muitas vezes de forma mesquinha e sem qualquer peso na consciência. Se olhares em volta, verás de certeza muito cromo assim. É essa força que anda a lixar a outra e quem anda de permeio... nós.


Mesmo sem neurónio inda escrevi. Se calhar é melhor nem escrever depois de ler tudo e reflectir mais. ahahahahahah Diz lá que não é brilhante?


Beijocas e boa quinta

Pacanherros disse...

Há uma religião muita boa, a qual deverias ser devoto que é o BENFICA.

Há orações, há uma catredal, há a ajuda dos santos...

Sê devoto do BENFICA e marimba-te pó resto das religiões!

Simone disse...

Quando tiveres a folha de excell manda-me, também gostava de ver, e se tiver gráficos ajuda... Eu ca não tenho credo, mas quem sabe nåo me converto? As férias foram boas? beijo na patinha

irneh disse...

Há quanto tempo não me ria com tanta vontade! Pobre rapaz, quis fazer tudo direitinho e saiu uma heresia tão grande!!!
Quanto a ti, vendeste à alma ao Demo e, com os conselhos que te estão aqui a deixar(tipo Cusco), o melhor mesmo é nem pensares em Céu!!!

Beijinhos

Lapa disse...

pagamos o baptismo, as congruas, todos os sacramentos, todas as missas... e nem o funeral nos fazem à borla.

Dass.

Crestfallen disse...

Com tanto barrigudo a viver a custa da Igreja eles têm de rentabilizar a fé.

Aqui na Alemanha, uma país maioritáriamente Luterano, ser católico é um luxo. Todos os católicos têm de pagar um imposto que é automáticamente deduzido no seu ordenado todos os meses. É tipo uma cota para o sindicato...

Just Me... disse...

Raf quando chegares a uma conclusão avisa me!!!

Estou de acordo com a Diaba, esses 80 milhões poderiam ajudar muitas crianças desfavorecidas...


bjs**

eu mesma! disse...

curioso teres feito um post sobre fátima... esta semana ao saber que a nova mega igreja se vai chamar da santissima trindade fiquei a pensar, é que eu tenho formação católica como a maior parte dos tugas mas estou um bocado afastada, no entanto sei que Fátima foi sempre um local de culto mariano, sendo assim, porque vão chamar à megaigreja "da santissima trindade" que nos leva a pensar no culto do divino espirito santo? ou num culto de via masculina (pai, filho e espirito santo)? curioso...

quanto à ganancia e mercantilismo da igreja não há nada a fazer, eles estão a cavar um afastamento cada vez maior dos crentes, mas vendo bem está de acordo com a epoca e as oportunidades de mercado...

julie disse...

Eu fui batizada e fiz tudo direitinho até ao crisma, e ia também á missa mas quando fiz o crisma deixei de por lá os pés; e porquê? Porque acho que sou melhor católica do que as mulheres que lá vão, porque elas só vão lá para ver quem vai, as roupas que as outras pessoas levam etc, etc...

Uma coisa é Deus, a entidade que supostamente criou o planeta azul, outra coisa é a Igreja que é uma criação dos homens. Ou seja acho que religião (a crença em algo superior)e a Igreja são coisas diferentes.

Eu acredito na força e no poder do Universo e na Mãe Natureza, o resto de seitas e religões o interesse é sempre monetário, basta pagares bem que até podes batizar o teu animal de estimação!!

bjs
julie

P.S.Desculpa lá o testamento!

Pequenita disse...

hellooooooooooooooooooooooooo
Voltei ;)

Nova fase ;)


Kiseessss
Arte de Amar
www.pequenita.blogs.sapo.pt

Fallen Angel disse...

Ninguém tem dúvidas de que o Santuário de Fátima é um negócio ao nivel de uma IURD, meu amigo.. mas eu proponha mais, muito mais:

- Uma casa de alterne onde se fizessem lap-dances á Pastorinhos.

- Juntamente com duas velas, oferta de umas algemas para sessões sado-maso.

- Workshops sobre a temática: « Se era segredo porque é que a tipa o revelou? Chiba! »

Last, but not least, raves á Pilatos.

Não, não agradeças.. por quem és, meu amigo!

;-)

Dragão Azul disse...

Rafeiro, em parte estou de acordo com o que escreveste menos a parte que escreves que sentes uma imensa paz interior no etádio da Luz (quando for lá jogar uma equipa de azul com um Dragão ao peito vai transformar essa Paz em Fogo)... ehehehe ao menos es sincero, não es crente... eheheheheheh

Quanto ao tema, quando acabares essa tua pesquisa envia aqui para o Dragão Azul que ainda mudo para outra religião.
Sou catolico até agora fiz o tudo o que a tradição manda nesta religião mas estes tipos querem é ganhar dinheiro á custa da crença dos outros, as velas são atiradas para a fogueira e recicladas... todas as pessoas que dessem dinheiro deviam pedir recibo para meter no IRS, afinal de contas não deixa de ser um doação á igreija, assim todos sabiam quanto é que eles recebm e que destino dão ao dinheiro.... esta coisa das religiões nunca se sabe onde começa a verdade e onde começa a mentira

Blossom disse...

Rafaman, a igreja católica não se está a tornar numa grande empresa...a igreja católica é, e sempre o foi, uma empresa muito bem estruturada e com enormes lucros e uma estupidez de capital...os gajos do clero eram podres de ricos, e podres de tudo (imagina o cheiro...daç), os sacerdotes de agora, são-no...senão vejamos o exemplo do radzinger...aquele que tem a pdm que é papa...sapatinho armani para cima, sapatinho armani para baixo...e depois vai passar a mão aos esfomeados e sub nutridos ... (eu sei bem onde lhe devia nascer um cacto...sei, sei!)

Gaja Boa 2 disse...

Cada vez mais acho a igreja uma chulice!!!!
Pregoam sermos todos filhos do mesmo pai, sem discriminação. MAs devo denunciar um caso. No Hospital Amadora-Sintra, uma senhora foi-lhe vedado o direito a voluntariado por ser divorciada....onde já se viu?????

bjs revoltados

MEIO MALUCO disse...

A religião tem destas coisas, mas como sabes nada nos dias de hoje se faz sem dinheiro.

Abraço!

Tareca disse...

Excell???
Tenho uma aplicação em java já prontinha, toda viradinha prá gestão da coisa. Estatísticas, comparações, projecções, ...ões.
Se quizeres, podemos negociar.
Vou rezar pra que sim.
(será que Deus me castiga?)
Jinhos

Ki&Gata disse...

Negócio??
NÃO!!!!!!!!!!!!
Onde raio foste tu buscar essa ideia?
As luzinhas não se mantêem acesas pelo valor das moedas, é pelo tempo que elas levam a escorregar e a cair nos cofres (nada fundos) da igreja em questão. Como são extremamente pobres, as igrejas não podem comprar sistemas que reconheçam o valor das moedas e, como tal, vai por tempo. Se for pequenina escorrega depressa, logo acaba num instante....

A igreja Católica é porventura o maior negócio de todos os tempos e falo de todas as suas caras, mais e menos conhecidas...se não fosse pelo lucro(mais ou menos fácil) porque se dariam ao trabalho de inventar um purgatório, com pomenores de arrepiar o pêlo, e depois senhas, para vender as cães e gatos assustados deste mundo, para se livrarem desse tenebroso castigo??
E este é apenas um exemplo muito por muito conhecido. Há tantos outros.
Sendo a Igreja Catolica a mãe inegável de uma imaginação quase incomparável na arte de "extorquir" dinheiro sem ter ar de o fazer. Como se todos na verdade dessem por livre e expontanea vontade....

Ah cão....até acreditar no inacreditável tem preço!!!

O meu beijo não.
Beijo de gata para ti, rafeiro inspirado (iluminado??)

Maria Vinagre disse...

Era por um comentário destes que eu esperei tempo demais!

Ainda me lembro de ir à Sé de Braga e acender velinhas com moedas como se estivesse a jogar num qualquer Casino de Las Vegas!
E o Jesus , em tamanho natural, vestido de roxo é digno de qualquer Museu de Cera (na secção do Terror).
Muito teria a dizer... e aposto que se Jesus cá voltasse diria o mesmo que o outro disse quando se chegou demais à fornalha das velas:
F***-**!!! Então eu corri com os vendilhões do Templo e não é que eles voltaram?! Arre, praga!

Bellatrix disse...

hoje não vou comentar o teu post... não é por mal, mas esse assunto mexe-me com os nervos.. acabo sempre a gritar: PORCOS CAPITALISTAS! assim, poupei ot rabalho e já cheguei à conclusão.. é mais fácil...

beijos

Laura disse...

Olá meu amiguinho...Realmente eu falo e refilo contra tudo o que me parece sacrilégio...é verdade que aquilo devia ser limpo da escumalha da slojas de garrafasd de vinho do porto, das bolas e cachecóis, das lembranças e do rais que os parta, mas é tudo o que o dinheiro move..espiritualmete é mesmo o retiro de Nossa Senhora de Fátima e do arcanjo S.Rafael. Se formos com a vontade de sentir a parte espiritual não faltarão locais onde nos sentiremos a contento, e claro que não é nos dias 13 porque é gente a mais barulho a mais e não dá. Anseio lá ir em breve, com calma e nada de familias e pic nics e sei lá que mais, quero apenas a parte espiritual que me toca muito.
beijinhos a ti doce rafeirinho...

zé (do beco) disse...

E já agora, que os pastorinhos até curam diabetes, era bem melhor que construíssem um hospital. Quem sabe uma maternidade, não vá a Virgem Maria voltar a ser possuída (com o zezinho carpinteiro a acreditar em milagres nunca se sabe…) e em vez duma manjedoura acaba por ter o "puto" na ambulância.

Afrika disse...

Ola, primeira vez cá... pois e' (há sempre uma primeira vez, lol)
Adorei o txt e pra não fugir muito eu vou so dizer que não deixei de acreditar na religião católica mas sim nos homens que a instituem... como tal so vou a missa quando preciso mesmo e todo o resto. Por que alias S. Paulo escreveu -num dos livros da bíblia que a própria igreja se encarregou de fazer desaparecer, que Jesus tinha dito estar em todo lado, debaixo de uma pedra, ao pe de uma arvore, como tal essa ideia criada de que e' preciso um lugar de culto... deixou de ter sentido pra mim!
Beijinho grande Rafeiro, adoro o teu blogue pena na escreveres mais a miúdo!

HM disse...

:)))

Que satisfação ter o rosnar de volta, lol.

Hoje estou preguiçosa (também tenho direito,né?) mas mais do que a preguiça aproveito para mostrar os meus dotes dissertativos sobre o tema, lolololol

Ora repare bem, meu estimado rafeiro, como já debatia o assunto há buésssssss e diga de sua justiça, lol.

Denominado de :"Indústria Rockósttya"

http://hm-myneverland.blogspot.com/2007/05/indstria-rocksttya.html

Lamento mas não sei colocar o link para visualização directa, grrrrrr!!
Se alguém quiser ter a gentileza de me explicar o processo, agradeço.

Bjos rafeirosos

HM

Belzebu disse...

É por estas e por outras que considero as peregrinações ao Estádio da Luz, muito mais divertidas! Quando lá vou, já sei antecipadamente que vou ser roubado, gosto muito mais das homilias do Camacho, do que dos sermões do Bispo de Leiria e venho-me sempre embora com a sensação que para a próxima só poderá ser melhor!

Aquele abraço infernal!

Chahy disse...

Sem desrespeitar a fé alheia, só posso pronunciar-me em relação à comercialização de Fátima. Um local supostamente de culto transformado em Centro Comercial... Para mim é uma afronta e nem sequer sou católico.

Em relação às promessas, não atino com a coisa, é tipo "olha lá, Deus, fazes "sabe-se lá o quê que se pede nas promessas" e eu vou a Fátima e acendo uma vela..." Ou seja, se Deus não quiser ou puder fazer o "milagre", não há velas para ninguém, nem peregrinação ou coisa que o valha... Isto é Fé ou é uma troca de favores?????

Bom Dim de Semana, Caro Rafeiro.

Ps: Comprei o teu livro.

Vanadis disse...

Prometo, ou melhor, juro pela minha alminha de pecadora (pera aí, se sou ateia ou agnostica - ainda não decidi- não posso ser pecadora, visto no ateismo não estarem previstos pecados mortais...mmm...) que vou voltar para comentar com mais estilo (olhá convencida tssc tssc)... =)

Como já muitos disseram, isto tem pano para imensas mangas, ó ó ó.

Por acaso o texto fez-me lembrar, entre mil e outras coisas, uma anedota e um livro...

O Livro: O Rei, o Sábio e o Bobo. Sobre um rei de um reino sem religião que convida os representantes das principais religiões humanas (pois, os outros animais hão-de ter as deles, não??) a dissertarem, exporem e discutirem as suas fés. Todo o livro é essa discussão. A ler devagar. Podias usá-lo para preencher a tua folhinha de excel!

A anedota...três padres, um português, um frances e um ingles, discutem como a tributa dos fiéis é dividida. Cada um tem o seu sistema para decidir o que fica para Deus e o que fica para a Igreja.
O padre francês explica que "desenhamos um quadrado no ch
ao; atiramos o dinheiro ao ar; o que cair dentro do quadrado é para DEus, o que cair fora é para os padres.".
O Padre inglês diz que "o nosso sistema é parecido: desenhamos um circulo no chão e atiramos o dinheiro ao ar; o que cair fora do circulo é para Ele, o que cair dentro é para a Igreja."
Chegada a vez do padre tuga, este tossica, coça o bandulho e explica com um ar muito solene: "oh, o nosso sistema é muito melhor e muito mais justo! Nós atiramos o dinheiro ao ar e o que Deus apanhar, fica pra Ele".

Acho que diz tudo eheheheh! =)
Mas eu volto, ou não me chame Grafonola hehehehe!

Beijocas, Rafeiro e Gata.

busilis disse...

Este texto cheira bem.

Vanadis disse...

Bem, dado que não me apetece trabalhar, especialmente depois da ginastica abdominal ora na Igreja SA, ora no blog da cunhadinha, cá vou eu tentar fazer juz à alcunha (Grafonola já vem desde o tempo de gugudádá!), num tema que muitas discussões, filosóficas ou não, tem granjeado por esse mundo fora...
Não é que tenha muito mais a acrescentar ao que os convivas rafeirosos já apontaram! O próprio espécime canino já disse basicamente o principal...não sobra assim muito mais pra mim...

Ora bem, como já disse, ainda não decidi se sou agnóstica ou ateia. Acho que depende do pé com que me levanto de manhã (sim, porque eu sou como a cotovia! cof cof!)...há dias em que acho impossivel haver um plano espiritual qq, sensação liderada pela formação bioquímica. E há dias em que acho impossivel não haver algo mais por aí, sensação motivada pela educação católica forçada, ou talvez pelas tendências filosoficidas (?).
Miúda de escola primária, sempre achei muita graça ao menino jasus e ás suas cançonetas. Conheço os pais nossos, os amens, as virgens. Mas, nada de baptismo ou catequese ou crisma, simplesmente uma professora primária deveras religiosa que instituiu a hora da religião e moral.
Na minha casota, imperava o: decidirás a tua religião qd tiveres idade para perceber o que é. Essa idade chegou, e com ela uma areligiosidade.
Se bem que, não sei muito bem porque, durante muito tempo andei movida a superstição: não podia dizer a palavra demo sem que me benzesse a seguir...!!!??? Acreditava piamente que invocar em vão o nome do demo era pecado!!! Mas como o gajo nunca me chateou muito, e sempre me pareceu um jove muito mais bacano do que o mimado e vingativo velho barbudo que dizem ser deus...
Á medida que fui crescendo, fui conhecendo as Cruzadas, as conquistas aos Mouros, a Inquisição, a Igreja, o não-preservativo, o não-aborto, as omissões quanto a quem era verdadeiramente Jasus e Madalena...enfim, fui pensando pela minha própria cabecinha (siiiim, tb tenho neurónios, ou acaso achais que só os rafeiros pensam??) e descobrindo que a cena da religião é uma pura necessidade humana de acarinhamento na hora da morte.
O maior medo humano (rafeiro, já não sei) é a perda do EU (não,Eu, não és Tu, é o EU EU todos nós!), da consciência de nós mesmos. Por exemplo, a mim nunca me consolou essa cena de ir para a terra alimentar bicharada e ervas daninhas e de as minhas moléculas virem de uma estrela qq longinqua...ah?...eu não quero ser uma estrela, eu quero ser eu e pronto!
Ora, as religiões oferecem, todas elas, a perpetuação da alma, do nosso propio eu. Consolam-nos. Explicam-nos (a minha avó anda muito contente, desde que descobriu que o homem foi moldado do barro pelas proprias mãos do menino jasus...) o porquê das coisas.
Mas, é como muitos dizem. A teoria é muito bonita, o problema é qd posta em prática pela Humanidade...é um pouco como o comunismo!

Já agora, queria uma Sangria Madalena, servida em cálice Gral, com uma perninha de frango ressureição! Ala, andor!

Sol disse...

Nem mais, nem menos.

Bom fim-de-semana.

sveronica disse...

E quem te disse que a fé não tem preço? Alguém tem que contribuir pra manter o show sempre em movimento...

Um beijinho cheiroso

Anónimo disse...

eu acho que não perdeu nada....


ganhou em lucidez.



__________________

bom fim de semana.



/piano.

croqui disse...

andei ausente uns tempos, mas vejo q continuas em grande! ;-)

abraço!

Vanadis disse...

Pô, eu sabia que me tinha esquecido de algo...a parte do santuário de Fátima...
Rezam algumas lendas que em tempos idos uma senhora leidi burguesa ou nobre ou o catano, mas podre de rica, foi com seu consorte para terras de fátima, autêntica pasmaceira para um nobre dama habituada às soirées e à vida intensa da cidade. Vai daí, decidida a não passar o resto dos seus dias confinada á condição de mulher rica sem nada que fazer, congeminou um plano para colocar Fátima nas bocas da alta sociedade.
Vestiu o seu mais virginal trajo, colocou o seu mais sobrenatural ar, e assim apareceu, envolta em mistério, a três criancinhas ignorantes de mente ingénua e fechada que nunca tal personagem tinham visto nas suas ainda curtas vidas...
Obviamente que explicaram a aparição da maneira que lhes parecia mais logica e adequada ás pequenas e novinhas mentes católicas: era a virgem maria.
E lá ficou fátima nas bocas do mundo...

Outra lenda conta que o padre da zona fez o mesmo (bem, bem,bem...), decidido a tornar a sua paroquia a mais rica e a mais falada...

E, cum catano, não é que seus intentos lograram conseguir??...

inês disse...

pronto, ganhaste diz lá quantas velas tenho que acender?

mymind disse...

essas coisas revoltam-me! 70 milhoes de euros numa igreja? n consigo n pensar k isto é so pra fins lucrativos! mete-me nojo saber k ate hj a igreja catolica usa o nome de deus para manter o seu monopolio e ng faz nd, continuam conformados com toda a sua prepotencia e ambiçao descabida!
enfim... deprimente!
bm f-d-s

Black Cat disse...

caro, padrinho, eu passo por isso todas as semanas.. sou uma alma indecisa...


Já Agora, posso passar a publicidade? Posso posso?

Novos gatos, outros assuntos, novo formato, maior qualidade. Visitem:

http://sevenblackcats.blogspot.com

Sejam bem-vindos

Casemiro dos Plásticos disse...

trabalho é uma boa religião...

Black Cat disse...

com que então "polido e simpático" hãããn???

Mary Wants a Little Lamb disse...

Rafeiro,
Deus agora está um bocado ocupado. Mas se quiseres, posso tentar resolve alguma questão que tenhas.

Assino especialmente para ti: the Devil Inside

Beijos ♫

RB disse...

Nem de propósito. Parece que estamos em sintonia de pensamentos. É um sinal de que Ele existe e somos os seus profetas. Acabei de postar isto "Depois de umas férias prolongadas, Deus regressou ao trabalho. Olhou para o estado do mundo e disse: "And now, who cleans up the mess?". E meteu baixa psiquiátrica por tempo indeterminado".
Pronto, foi a minha visão no Monte Sinai.

bjecas disse...

Não consigo falar mal de Fátima depois de terem despachado os azeiteiros há tão pouco tempo.
Além de que sempre simpatizei com a bigodaça da irmã Lúcia.

Abraço

\m/

HM disse...

:))

Ó Rafa, pramordedeuze, então achas que eu duvidaria disso??
Leste, não leste? Já valeu teres abordado aqui o assunto.
Estranhas a falta de comentários? Não sou famosa como tu, lol ;)
Adiante.

Eu tenho a minha fé! Não corresponde é à prática dos senhores representantes da mesma. A teoria está muito longe da prática...
A igreja não acompanhou o evoluir da sociedade, perdão, acompanhou, e bem, num aspecto: o económico! Aí fez milagres.....
Quanto ao resto já sabes o que penso.

Bjs rafeirosos e obrigada pelo esforço e paciência (lol) em consultares a "indústria". Tens de reconhecer que foi uma excelente técnica de publicidade, lolololol

HM

Nota: Não haverá por aqui uma alma caridosa que me explique como colocar um link para visualização directa? Não? E um diabinho arranja-se?

A Lei da Rolha disse...

Meu caro, sou crente mas não praticante, o que se nota cada vez mais é que o local FATIMA está contaminado pelo comércio desordeiro (bendita asae que jà lixou alguns).
Lembro-me do tempo de catequese que Jesus um dia enervou-se perante os vendedores ambulantes que rodeavam uma igreja, pegando num bastão e deitando todas as barracas a baixo!!!!!
Tenho a considerar isto...
abraço

beleza de mulher disse...

tens um miminho la no meu blog beijos

Artesanato disse...

Em ao assunto religião , a questão é muito complexa pois pode envolver politica , dinheiro poder etc e por vezes esquecem-se da essência das coisas!! Agora parece que descobriram um evangelho de Judas onde podem haver novas revelações mas eu acredito que a tradução irá seguir critérios políticos etc....Ao fim ao cabo a verdade nunca se saberá!
A conclusão a que chego é que cada um faz a sua religião e que no todo existe um ser superior a que chamamos uma data de nomes....
Nunca chegaremos a lado nenhum no que toca à verdade!
É assim meu caro!! É o que penso

caditonuno disse...

eu estou como tu. acredito que alguma coisa criou esta trapalhada toda e que agora deu o controlo remoto aos homens e eles alteraram as sintonizaçoes todas. nao sei se foi Deus, Alá, Buddah ou o rato mickey, mas que foi alguma coisa, deve ter sido.

só nao gosto de ir àmissa, pois nao gosto de filmes repetidos. nunca mudam a porra do guiao!

diverti-me com o teu divertimento na ilha div...mágica!

mijaste nos pneus, postes e candeeiros de lá?

Crestfallen disse...

Al Gore, LOL acho que é a maneira dos Suecos dizerem que o mundo está todo fodido!

Myanmar - Os Americanos estão a negociar. Só gostava de saber porque raio o governo de Myanmar convidou os Americanos para negociar?

Os Lobos, são como os nossos atletas para-olímpicos são para esquecer sem receberem os devidos pagamentos e agradecimentos.

Gata Verde disse...

É uma vergonha gastar tanto dinheiro na construção de igrejas desnecessárias quando há tanta gente a passar fome!

Bolacha Maria disse...

É POR ESTAS E POR OUTRAS, QUE EU ANDAR DE JOELHOS, SÓ SE FOR PARA LIMPAR O CHÃO.. OU ENTÃO PARA OUTRAS REZAS..

aPESAR DE TUDO SOU CRENTE PORQUE FUI EDUCADA ASSIM E PORQUE ACHO Q SEI DISTINGUIR RELIGIÃO DA MANEIRA EM QUE A CREDITO, E IGREJA..

UM RAUF PR TI! (AGORA Q REPARO NO CAPS LOCK.. MAS JÁ NÃO ME APETECE APAGAR!)

Skynet disse...

Uma coisa que sempre me fez confusão é as pessoas irem pagar promessas a Fátima, quer seja por acenderem velas ou por esfolarem os joelhos arrastando-se pelo chão. As pessoas confundem Deus com o génio da lâmpada , Deus não está ali par lhes satisfazer os desejos em troca de uns joelhos esfolados. Eu acho que os rituais em Fátima já têm mais a ver com as antigas religiões pagãs do que propriamente o cristianismo. E depois temos aquelas barracas que vendem bugigangas aos peregrinos, ou até mesmo os restaurantes que contratam pessoas para angariar clientes no meio da rua. Eu não sou religioso, mas acho mal todo este negócio que envolve Fátima, o próprio Jesus também expulsou os comerciantes do templo, porque também era contra isso.

Blayer disse...

Por acaso partilho do teu ideal religioso no 2º parágrafo, e não sintia necesidade de associar-me a nenhuma religião.

Mas depois apareceu a BLAYER e tudo mudou, sinto-me leve e feliz, e até me ofereceram um microondas com o baptismo

Rafeiro Perfumado disse...

Teté, evangelizar-me, a mim? Olha que a minha ideia é precisamente o contrário, isto foi só a introdução. “Arrasa com o templo anterior para depois construíres o teu”, disse em tempos um sábio! Beijoca!

Betty Coltrane, se colocassem uma câmara oculta na zona das velas, aposto que se conseguiriam uns bons apanhados, de malta como o animal que eu vi. Mas enfim, cada um queima os pêlos das mãos como entende, certo? Beijocas!

Ana Maggie, por acaso gostava de voltar a ver as missas em latim. E o passo seguinte certamente que seria o regresso da Inquisição, para perseguir quem não fosse católico. Isso é que era, fogueirinhas de volta ao Terreiro do Paço! Beijo, prima ursa!

Cati, fica prometido que assim que o estudo estiver concluído, os resultados serão aqui publicados. Mas não te admires que a conclusão aponte para uma qualquer Igreja Rafeiral... Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Sofia, como é que adivinhaste que é o regresso ao trabalho que me provocou esta crise? Estava eu em férias quando pensei “se Deus existe, vou ganhar o euromilhões e não tenho de voltar a trabalhar”. Nem um mísero 3... Beijos!

Voando Baixinho, onde a necessidade é maior, também maior é a necessidade de ter fé em alguma coisa, fé essa que muita vez ofusca o raciocínio, impedindo de ver certas negociatas. Beijo para ti!

Diabba, pois te garanto que esse convite (de Fátima) não receberás da minha parte, só se algum dia me fizeres algum mal. Aí amarro-te bem amarradinha e deixo-te no meio do recinto, pintadinha de vermelho. Depois é ver a turba enfurecida a divertir-se contigo... Beijo!

Sandra, percebo o que dizes, e como já conversámos algumas vezes, respeito quem acredita. Agora o que custa é realmente ver o negócio à custa dos crentes, e isso não engulo. Um beijo para ti, trolha! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Inês, difícil está aceitar que já não estou de férias, mas apenas de FDS. Um beijo, gaija, e cá estou eu de volta, para o que der e vier.

Atlantys, não temas pela minha alma, ela já se foi há muito tempo, pelo menos catolicamente falando. Quanto à excomungação, nem te passa o que ainda está para vir! Beijos!

Pinguim Alegre, sabes que me lembrei de ti quando fiz este texto? E tens razão, isto é apenas a minha opinião, e tem o valor que tem, ou seja, pouco. Mas não deixa de ser uma opinião, e baseada na realidade, e não em factos inventados. A religião é linda, mas infelizmente são simples homens quem a comandam... um grande abraço!

Tavguinu, fia-te na virgem e não corras, vais ver o trambolhão que levas! Se fores para padre depois não podes ter sexo! COF-COF-COF!

Rafeiro Perfumado disse...

Peste, isto é um tema que nunca teria fim, e é quase tão antigo como o mundo. Simplesmente agora “podemos” falar nestes assuntos, sem que nos aconteça alguma coi...........

Boop, acho que essa percentagem, actualmente, anda à volta dos 87, 38%, mais cristão menos cristão! E aceito que as religiões possam ter os defeitos das pessoas, mas também podiam ter as virtudes, não achas? Beijo!

Tere, não percas ainda a esperança, pode ser que um dia apareça uma religião que diga que todos somos iguais e todos merecemos ser tratados com respeito. E já agora, que acredite e pratique o que diz... Beijokas!

Carracinha Linda, não sei responder à tua questão, mas qualquer que tenha sido a fonte, certamente seria mais bem empregue em obras verdadeiramente religiosas, como ajudar quem precisa. Olha para mim, que continuo sem plasma cá em casa! Beijos!

Rafeiro Perfumado disse...

Sí, e não utilizaste as outras velas num certo orifício do “porteiro”? Pois, parece que o cenário que encontraste ainda é pior do que aquele que eu vi. Que pena eu não saber antes essa do “porteiro”...

Conchita, também eu respeito, mas isso não nos impede de termos a nossa própria opinião, certo? Esse tempo já lá vau! Beijo!

Diana, sem comparações, claro! Isso sim, é uma verdadeira catedral! Beijo!

Cold Cold Bitch, mas para teres paz não necessitas destes locais, precisas apenas de estares bem contigo mesma. E não ter uns vizinhos barulhentos, também ajuda...

Rafeiro Perfumado disse...

Joana, e antes o dinheiro era bem utilizado? Basta ver o Vaticano, onde até a roupa de um antigo papa era bordada a ouro...

Sara, demasiado tarde, a tua simples visita a este antro já te condenou... MUUUUAHAHAHAHA!!!

Lusófona, e belo comentário, sim senhora, pois uma coisa é afirmar, outra é praticar. Um beijo para ti!

Rita, neste caso é mais um caso de Show On, porque continua sem fim á vista... Beijos!

Rafeiro Perfumado disse...

E se eu fosse puta, tu lias? Não acho que te tenhas esticado no comentário, antes pelo contrário. Confesso que este texto saiu um bocadinho mais sério do que aquilo que eu gosto, mas há coisas que por muito que se tente aligeirar, não dá. O comércio que gira à volta da fé é exactamente o que me faz duvidar da fé em si, mas enquanto os cofres da igreja continuarem a encher com isso, achas que eles se importam? Vinde a mim as oferendas dos pobrezinhos... Beijos!

Sub-Lodo, mas olha que já olhei algumas vezes para aquela inclinação e pensei “hum, aqui um carrinho de rolamentos era fantástico...”. Vou para o inferno, já sei...

Francis, consegui fazer 4:35, mas fiz um bocado de batota nos últimos 47 metros, altura em que me agarrei à saia duma velhota que me ia a ultrapassar. Mas a gaija era profissional, pá!

Turbolenta, por muito que respeite a tua opinião, não fico convencido. Se assim fosse, porque não acender em casa uma lâmpada em vez duma daquelas velas com cheirinho, ou um pau de incenso, para descontrair? Há coisas que cheiram demasiado a dinheiro, e não há desculpas de segurança ou de higiene que as tapem. Um grande beijo para ti!

Rafeiro Perfumado disse...

Maga, Anúbis é meu primo, pelo lado do pai. Mas esse maluco só gosta de andar lá por baixo, e a mim faz-me falta o calor do sol. Por calor, e depois deste texto, suspeito que vou ter o suficiente... Beijoca!

Yashmeen, e qualquer dia até podemos meter uma nota, e as lâmpadas desenham um padrão qualquer, o que achas? ;) Beijo! E RAUF!

Cusco, o que é que achas que eu tenho andado a fazer este tempo todo? Achas que estes textos são ingénuos? Abraço!

Andreia do Flautim, e também andas a fazer uma folha em Excel? Depois podemos comparar!

Rafeiro Perfumado disse...

Ternura, e sendo tu como és, fico contente que tenhas retirado deste poste exactamente o sentido que eu pretendia. A religião é algo que serve muitas pessoas, que encontram nela força, paz e coragem para enfrentar a vida, o que eu respeito. Infelizmente também há pessoas que encontram nela uma forma de enriquecer, nem que seja explorando a fé dos primeiros, pisando os próprios fundamentos da fé que proclamam. E é esses que merecem o meu desprezo. Beijito.

Eskisito, pois poderias, és daqueles que vejo a escrever parvoeiras como esta, e olha que é um elogio! Abraço! Sai uns tremoços à Judas para a mesa do canto!

Bongop, será que as pessoas não reparam que a cor das velas está cada vez a ficar mais escura, de tanto serem refundidas? Quanto à jola, já só temos da sem álcool, à S. Tiago. Serve?

Aorta, eu desde que em pequeno vi venderem navalhas com a figura de Fátima, desconfiei. Já estou mesmo a ver, uma naifada mas religiosa! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Cris, se és assim quando o neurónio está ausente, o Einstein que se cuide quando ele voltar! És brilhante, és! Que moeda te meteram? ;)

Pacanherros, no nosso caso os Santos andavam mais a fazer sacrilégios, que aquela equipa não jogava a ponta dum corno!

Simone, as férias foram boas, e a folha de Excel será publicada, daqui a uns mesitos, assim que estiver pronta! Cheira-me que vais ter uma surpresa! Beijo!

Irneh, para o céu já só penso em ir quando me meto num avião, e sempre com a certeza que voltarei à terra, a bem ou a mal! Beijos!

Rafeiro Perfumado disse...

Lapa, borla? Acho que essa palavra até deve ser herética, na igreja católica! Abraço!

Crestfallen, e não se pode ser católico às escondidas, só para enganar o sistema? Viver nas catacumbas, como nos bons velhos tempos?

Just Me, está prometido, e tens razão, a Diabba às vezes diz umas coisas acertadas. Se ela lê isto tou feito... Beijo!!!

Eu mesma! Confesso a minha ignorância relativamente às várias correntes dentro da igreja, mas até isso é contraditório, uma vez que era suposto estar unida em torno da mensagem de Jesus, não achas? Enfim, é um bocado como os produtos, convém ter várias variações para agradar os vários públicos, um bocado como a cerveja. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Julie, como te compreendo. Eu na aldeia dos meus pais vejo isso, as beatas todas enfiadas na igreja, muito ferverosas. O mal é que depois se sabe o que elas dizem e fazem cá fora... Beijos! PS: qual testamento, o antigo ou o novo? ;)

Pequenita, uma fase muito traseira, diga-se... ;)

Fallen Angel, eu até alinhava numa rave à Pilatos. Arte estou a ver, cada pessoa munida de um instrumento espancatório. Seria a loucura... e tenho de agradecer, contribuições destas são sempre muito bem vindas! Um abraço, caro amigo alado!

Dragão Azul, quando a equipa de azul lá vai jogar eu nunca vou assistir, não gosto de confusões desse género, e o médico proibiu-me de ter essas emoções! Gostei da tua ideia de pedir o recibo, vou tentar da próxima vez que lá for. Ainda sou “religiosamente” espancado... Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Blossom, my mistake, tens mais do que razão. Só que agora eu estou vivo e tenho um blog, antes não! E esse gaijo para mim não é papa, o anterior sim, era um Homem que, mesmo eu não sendo católico, admirava e respeitava. Este, cactos com ele! Beijo!

Gaija Boa II, sério?!? Querem ver que as divorciadas são menos competentes que as casadas e solteiras? Beijocas igualmente revoltadas para ti!

Meio Maluco, eu e tu fazemos isto, e o único dinheiro que vemos é o da conta da Internet... Abraço!

Tareca, Java?!? Eu continuo a preferir o café do Quénia, desculpa lá. Mas se essa tua aplicação der o resultado que o meu Excel vai seguramente dar, podemos conversar! Beijinhos!

Rafeiro Perfumado disse...

Ki&Gata, mas que comentário tão inflamado, é desses que eu curto! Até senti um ou outro perdigoto enquanto proferias as tuas verdades! Quanto a mim, nem inspirado nem iluminado, que a mim não me metem moedinha! ;) Beijo!

Maria Vinagre, se Jesus voltasse, era menino para correr outra vez com os vendilhões, só que desta vez levava com um processo de destruição de propriedade em cima! ;)

Bellatrix, lamento desiludir-te, mas acabaste por comentar (e bem) na mesma.... Beijo!

Laurinha, e ter a sorte de ir num dia em que não esteja lá o jove que se queimou na mão... espero que consigas essa paz de espírito, Laura, quanto a mim, já a procuro noutro lado. Beijo enorme.

Rafeiro Perfumado disse...

Zé do Beco, fala muito que ainda são capazes de abrir um clínica para praticar abortos, mas só aqueles que foram concebidos por causa de não terem usado preservativo, como manda a religião.

Afrika, mas acho que essa mensagem passou, só que as pessoas continuam a querer concentrar a presença de deus num pequeno local, quando o verdadeiro milagre está cá fora, sem necessidade de moedinhas para surgirem. Beijoca!

HM, vi e concordo, ajudar-te-ia de boa vontade a colocar o link, mas a minha sabedoria não dá para tanto! Beijo!

Belzebu, e a esse pensamento, caro amigo, chama-se fé no seu estado puro. Também eu padeço desse “mal”... Grande abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Chahy, e poderíamos falar do porquê de ser uma vela. Mas que raio é que um pedaço de cera envolvendo um fio pode ter de tão especial que nos convença que pode atrair os favores divinos?!? Quanto ao livro, cada um comete os pecados que a vida lhe comanda! Abraço e obrigado, espero que compense o investimento!

Vanadis, vou-te contar um segredo. A tal folha de Excel é uma fachada, a conclusão já estava escrita, tudo o resto serve apenas para legitimar a mesma. Faz de conta que isto é um segredo rafeiroso? ;) Beijocas!

Busílis, achas? Deve ser do incenso e da mirra... ;)

Vanadis, tu não existes, rapariga. Tu és a prova provada que existe realmente alguma força superior lá em cima ou lá em baixo, e que te leva a escrever estes testamentos deliciosos! E confessa lá, quantas vezes te benzeste ao escrever este teu comentário? Hum? Gostei particularmente da ligação da religião com o comunismo. Neste último, pelo menos, havia uma corrente chamada de “utópica”, mas isso seria ir por um caminho que não interessa (para já). E para que queres tu beber no santo Graal, também queres a vida eterna, é? Beijo e vai já penitenciar-te por estas escritas!

Rafeiro Perfumado disse...

Sol, fica assim-assim, então! Beijo!

Sveronica, ninguém me disse, eu é que sou um eterno ingénuo... Beijo!

Anónima Pianesa, mas que pensamentos tão mercantilistas são esses? ;)

Croqui, e bem vindo sejas, qual Messias regressado sabe-se lá de onde! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Vanadis, tens consciência que com esta teoria acabaste de assinar a tua ida para o inferno ou pior, não tens? Ouves baterem os sinos? Eles batem por ti... foge, gaija, foge enquanto é tempo!!!

Inês, podes pagar 13 velas, mas acende só uma, que a promessa fica cumprida na mesma... ;)

Mymind, não foram 70, foram 80. Se estavas revoltada, imagino agora! ;) Bom FDS!

Black Cat, meu caro “afilhado”, passa o que quiseres, desde que não seja com o carro por cima de mim... Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Casemiro Plastificado, dizer isso é uma heresia...

Black Cat, quem disse isso?!?

Mary Wants a Little Lamb, se me arranjares um plasma de borla, ganhas logo um crente! Beijos!

RB, e eu tenho uma teoria sobre isso... Lá vai água! Abraço! PS: estiveste de férias em Israel, meu sacana? Foi bom?

Rafeiro Perfumado disse...

Bjecas, muito haveria a dizer sobre o buço da irmã Lúcia, mas suspeito que aquilo era promessa. Abraço!

HM, e eu lá sou famoso? Isto é apenas uma quadrilha que anda aqui, mas se reparares bem são sempre os mesmos, e bons! Quanto à publicidade, fazes muito bem em divulgar, textos como o teu deveriam ser lidos por muita gente! Beijo!

A Lei da Rolha, se quiseres, um dia vestimos umas túnicas, pegamos nuns bastões e vamos até lá. Eles até podem voltar no dia seguinte, mas que nos divertiríamos, lá isso divertiríamos! Abraço!

Beleza de Mulher, obrigado, é sempre bem vindo. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Artesanato, não foi preciso descobrirem o evangelho de judas, já antes a bíblia resultou da selecção de quais os evangelhos que interessavam e quais eram “redundantes”. A história é escrita pelos vencedores, e raramente se sabe o outra lado..

Caditonuno, acho que não ficou nenhum poste sequinho! Quanto ao guião, pode ser que se a missa passar a ser dada em latim tenhas o teu desejo cumprido. Não sei é se haverá legendas...

Crestfallen, acho que não era aqui, gaijo...

Gata Verde, a não ser que os pobrezinhos possam ficar a dormir na tal igreja e lhe forneçam comidas com o dinheiro das oferendas... ná, isso seria demasiado católico. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Bolacha Maria, QUE OUTRAS REZAS SÃO ESSAS, PÁ? QUERO LÁ SABER DO TEMA DO POSTE, O TEU PARECE BEM MAIS INTERESSANTE! BEIJO!

Skynet, tenta dizer isso às pessoas que acreditam. Aí eu não me meto, porque o que as move é algo que acreditam e muitas vezes serve de farol à sua vida. Agora se acredito nisso? Nem pensar...

Blayer, e isso foi coincidente com a tua fase de snifares o incenso? ;) Abraço, irmão iluminado!

Kalinka disse...

Amigo Rafeiro
Gostei essencialmente da «qualidade das sacerdotisas»...
eheheheheh (risos)
Palavras que calam palavras...
Aromas que atraem outros aromas...

Quer um perfume a cheirar a “pôr do Sol” ou a “biscoitos da avó acabados de sair do forno”? Saiba que é bem possível que venha a consegui-lo. E as boas notícias não se ficam por aqui: o seu perfume 100% personalizado terá assinatura portuguesa e será obtido a partir de recursos naturais e tecnologias limpas. Os responsáveis são os investigadores Vera Mata, Alírio Gomes e Paula Gomes. Vá a www.i-sensis.com e encomende o perfume dos seus sonhos. Se ao menos a Internet transmitisse aromas…

Bom domingo.

Pacanherros disse...

Tão e tu? Quando é que começas a meter gajas nuas aqui? É que os canitos são bonitos sim senhor mas já cansa um bcadinho.

Quanto aos santos... Deixós reinar que a gente também já fomos mais fortes que eles muitas vezes...

paula disse...

Blogue muito Giro! Parabéns:)

Estranha pessoa esta disse...

Fodex acabei de escrever um comment tão bonitinho e aprumado e esta merda deu o fanico.

Basicamente o que tinha aparvalhado e resumindo que sei que tens muito que fazer à vida:
Acabei de escrevinhar lã no estaminé sobre a dita nova igreja, claro que nada que se compare à tua sempre inteligente crítica ;)

Ide ao 'cinema' comigo, eu pago as pipocas!

Subscrevo toda a tua linha de pensamento!

Agora ide em paz, e que a tua inteligência te acompanhe!

:P

*****

gata disse...

Olá de novo rafeirito....
Perdigotos?? Perdigotos!!
AH! Ainda bem que és cão e eu sou gata, sempre te posso lamber. Apetece mais arranhar, mas...perdigotos! Humpf!
Não te metem moedinha??? Não. Dessas não. Todos funcionamos a "moedinha"....

Gata disse...

Sr Cão Rafeiro

Venho fazer-lhe um convite!!
Com toda a certeza já terá visitado o Speed.... pelo que, (e para te desculpar os perdigotos)venho convidá-lo a presenteá-lo com alguns momentos de inspiração rafeira!
http://s-p-e-e-d.blogs.sapo.pt

Podes mandar o texto para o mail da gata, se decidires escrever.
E não, isto não é um desafio(sendo) é um convite!

Nanny disse...

Caraças!

Conseguiste enumerar quase todas as razões que, à vários anos, me afastaram da igreja... chiça!

Quanto a Fátima... à muito que não consigo que me inspire... é mercantilismo a mais...

Beijocas rafeiro

cõllybry disse...

Pois é por isso que não vou à missa...

Doce beijo

(azenha
A mó do moleiro ou a vela do moinho)é sentido figurado...

Rekoa Meton disse...

Prontos, sobre o assunto só tenho a dizer que quando lá fui também reparei nessas coisitas e em mais algumas. Em voz alta. A minha avó ia-me batendo.
Ao contrário de ti, não gosto nada de Fátima. Deprime-me. Mas estou curiosa como o raio para ver a tal nova igreja. O meu pai chamou-lhe tanque, a minha mãe uma ETAR, eu continuo na minha de praça de touros, mas Pavilhão Atlântico também é uma hipótese inspirada (se bem que demasiado elogiosa lol).
Beijos.

Condessa disse...

Mas sempre se soube, desde os nossos ancestrais que a igreja se preocupou sempre muito mais com os lucros do que propriamente com a fé. Basta ver o património que a Igreja conseguiu reunir ao longo do tempo, que ainda detém e que continua a assambarcar, e a quantidade de praticantes que se veêm cada vez menos.
Basta olhar para todo o foclore que existe, por exemplo em Fátima. Puro interesse monetário.
Saudações da Côrte

cris disse...

Grande frasco de ironia usas tu como desodorizante, rafeiro sacristola. Que vale é que tou tão lá no fundinho que nem consigo argumentar... eu bingo-me, doido!!!!


Boa semana e beijocas larocas

Paulo Fernando disse...

As religiões servem como lampiões que guiam-nos para certos rumos que não seguirí-mos sem crer em nada - pelo menos é isso que nos fazem crer.

Abraços brasileiros, meu querido!

KNOPPIX disse...

Amigo rafeirão, finalmente consegui um tempo para vir matar saudades desta porcaria de Blog, execrável e de péssimo gosto :ppppppppp
(Estou a brincar contigo, não comeces já a chorar como uma Madalena arrependida)
Quanto à Igreja Cat´lica, aquilo é um negócio chorudo, tu viste quanto custou aquela cena nova que eles fizeram em Fátima, paga com o dinheiro dos otários????
Pois é, tanta gente a morrer de fome e esse dinheiro teria sido mais bem empregue em actos de caridade e humanitários, mas eles preferem gastar o dinheiro em luxo, ostentação, simbolismos e pedofilia (li algures este fds que mais um padre gay foi apanhado a ensinar coisas que não o "Pai Nosso" aos meninos...

Um grande abraço e uma boa semana para ti

Storm disse...

disseste tudo. A ostentação e a prepotência, a postura da Igreja face a tanta coisa da actualidade faz com que cada vez mais gente se afaste do "caminho divino". se a igreja se preocupasse mais com o bem do seu rebanho tinha empregue esses milhões todos a dar de comer a quem tem fome e roupa a quem tem frio. A religião está cada vez mais parecida com o futebol... é tudo uma questão de equipa (católica, prostestante, igreha universal e outras) e dinheiro...
boa semana

peace_love disse...

Eu não sou católica, nem tão pouco acredito em qualquer religião, mas concordo plenamente com o que dizes..a fé anda a ser explorada de uma maneira vergonhosa!

julie disse...

Acreditas que eu era para acrescentar no meu p.s "desculpa lá o testamento, novo porque tá a ser escrito depois de Cristo"?

Logo vi que ias perguntar qual os testamentos era!

bjs
julie

P.S Quanto acabes o estudo da melhor religião a acreditar, publica o estudo! Tá?

mymind disse...

meu deus mais 10 milhoeszinhos entao!! puf!
boa semanita

Ouriço-Cacheiro disse...

Mais vale o meu amigo dedicar-se à pesca! Os rafeiros adoram uma bela nadadela não é? Se tivesses ido ver o Dalai Lama já não tinhas esses dramas eh!eh!
Bj

Vanadis disse...

LOLADA! Muy agradecida e babada pelo elogio :-). Mas, por alguma razão me chamam Grafonola... LOL!
Benzer-me, yo??? Essas superstições já há muito que não dominam!!
Ir pró antro do demo pela teoria da virgem de fátima?? Eh páh, confesso-te, se tu soubesses os nomes que eu chamei à gaija este sábado...é que aqui o povinho resolveu fingir que estava em Fátima e sair á rua em procissão, com o resultado de se fecharam as estradas quase todas e de uma pobre descrente ter tido não só de evitar aparatoso acidente (por causa de umas crentes que se atiraram para a passadeira) como de ter de andar ás voltas e fazer em meia hora um percurso normalmente de 5 minutos...nem queiras saber os nomes que chamei à gaja (comentário do cara-metade: se a gaija existe, tás lixada).
A lenda é a que é contada em terras ribatejanas.

HM, quando quero por um link nos comentários costumo fazer o seguinte (dá um bocado de trabalho, pelo que nem sempre o faço LOL): abre a página onde escreves os teus postes, escreve aí o link como se estivesses a escrever um post, clica no separador que diz HTML (ou lá o que é), e copia o que lá está (é a tal linguagem html). Depois pasta (cola) no comentário.
Dá trabalho, mas resulta, LOL!

Boa semana pra todos! A minha já começou em stress ;-p

GK disse...

Subscrevo NA TOTALIDADE (mas com menos talento!).

C Valente disse...

anda á pouco vinha no carro e esava com minha mulher a alar sobre este tema, sem o ter lido, não saber em quem acreditar dizia eu com tanta gente a morrer de fome e não ter um tecto fazem uma igreja a custar milhoes, e isto acontece com outras igrejas, as pessoas dão dinheiro será que a fé está á venda que Deus os recebe em função dos donativos
Dá que meditar lá isso dá
saudações amigas

marco disse...

andas com pulgas ou que?
tu falares de religioes, se falasses mas é de relaçoes....sexuais! nao as tuas, mas no geral! lol!

abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Kalinka, tá caladinha, que essa parte passou despercebida, safei-me da porrada! ;) Beijoca!

Pacanherros, gaijas nuas? No rafeiro? Olha, é uma ideia engraçada. Por acaso tenho umas fotos da Lassie em lingerie que até dá vontade de uivar!

Paula, muito obrigado, um grande RAUF para ti!

Estranha pessoa esta, não sejas modesta, o teu texto tem a raiva que eu não consegui dar ao meu, está excelente. Ide também em paz, e que a tua oratória te abençoe!

Rafeiro Perfumado disse...

Gata, visitei, sim senhora, só que acho que não me enquadro lá muito bem no estilo. Aquilo é tudo muito bem escritinho, com pontuações no sítio certo e tudo, e o que eu gosto mesmo é de avacalhar. Não insistas, ainda te arrependes, mas obrigado pelo convite na mesma. Beijo!

Nanny, faltou-me falar da primeira razão, que foi a proibição de comer carne na sexta-feira santa, excepto àqueles que pagassem a bula... Beijo, gata!

Collybry, à missa só se me amordaçarem, amarrarem e sedarem! Beijo!

Rekoa Meton, a minha avó uma vez trouxe-me uma lembrança de Fátima, uma caneca, que ainda tenho. O meu preferido é o que está na base, “made in england”. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Condessa, e não caberá a monarcas como tu denunciar isso? Ou será que é preciso uma revolução francesa para meter a cabeça dos nobres outra vez a mexer? ;)

Cris, é daqueles de 5 litros. E não me bingues, coitado de quem lhe calhasse a linha! Beijos!

Paulo Fernando, eu acredito mais na frase “é necessário ter medo do demónio porque senão não haveria necessidade de deus”. Filme “O Nome da Rosa”, ligeiramente diferente, claro. Abraços portugas! E não penses que te chamo de querido! ;)

Knoppix, e logo agora que ganhas tempo vens desperdiçá-lo neste antro de pecado? Renuncia, Knoppix, salva a tua alma enquanto podes, porque eu perdido estou! Ó inclemência, ó não sei o resto! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Storm, mas pelo menos no futebol sempre vamos tendo umas alegrias de vez em quando, e sempre podemos chamar nomes aos sacanas sem corrermos o risco de ir parar ao inferno! ;)

Peace&Love (ou deverei dizer diva do cinema antigo?), e o mais vergonhoso é que não me calha nenhum lucro disso! Temos de mudar este estado de coisas!

Julie, já está concluído, será apresentado dentro de uns mesitos, para não massacrar muito o tema “religião”. Beijos!

Mymind, e o que são mais ou menos 10 milhõezitos? É só fazer mais uns peditórios e umas quermesses! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Ouriço Cacheiro, eu por acaso pesca não curto muito, já nadadela faz-me lembrar as férias. Pronto, já fiquei deprimido... Beijo!

Vanadis, esses teus impropérios e heresias devem ter algo a ver com os relâmpagos que por aqui andam hoje. Eu se fosse a ti, nos próximos tempos, evitava andar com objectos metálicos e passar por debaixo de árvores! HM, quem é fofa, quem é?

GK, pois, mas se o assunto metesse Londres, já não dizias isso, aposto! ;)

C Valente, é tão incrível que parece brincadeira, não é? Infelizmente é a nossa realidade, da religião que apregoava o amor e a ajuda ao próximo, resta pouco mais que um crucifixo estilizado... Grande abraço!

Marco, se não forem as minhas, que piada é que têm? ;) Abraço!

Laura disse...

Rafeirinho nem andoà procura da paz de espirito. Juraria que já sei onde ela está, quase, quase, dentro de mim, só de mim e não em igreja nenhuma, mas, há locais que nos transportam para outros lugares mais altos, e era isso que queria ver se sentia...
Beijinhos ó rapaiz..e andaste a apagar as velas com a mão? só podias ser tu...

Cati disse...

RAUF!!!
Snifadela nº 142!!!
Prémio no meu blog, só para o meu cãozinho favorito!!!

(só mais um para a estante.......)

Beijinhos!!!

Vício disse...

esses gajos de Fátima devem ter visto "A vida de Brian" dos Monty Pitton e tirado algumas ideias de humor non sense!

espero que não tenhas tentado levantar a perna na cruz que lá meteram porque tem lá um gajo pendurado a olhar para baixo e não deve ser agradavel fazer o xixi e ser observado!

gata disse...

Assim fico com vontade de insistir!
Atéporque não creio que me arrependesse!!

Beijo de Gata!!

Just Me... disse...

RAF já chegaste a alguma conclusão?

Espero que sim, estou a ficar ansiosa!

bjs**

ps: uma boa semana para ti

carla granja disse...

estas tuas pesquisas sempre muito interessantes e loucas de se ler :==) e nao pensas vir pesquisar o meu blog porquê? vou já sair daqui hje exageraste no perfume e já tou a ficar zonza :) um rafeiro com perfume chanell aonde já se viu tal coisa:)
bjo
carla granja

Enfim... disse...

e qual foi a conclusão???lol

beijinhos

inês disse...

estou um dia adiantada, vinha ver o post novo!

volto amanhã!

Francis disse...

4.35 ? porra meu estás em baixo de forma, eu já faço aquilo 3.58...este fim de semana apanha a pista suja e não consegui melhorar o meu tempo...mas acho vi lá essa velhota, ela já 3.21...porra, vai lá vai...

Cláudia disse...

Quero uma replica da nova igreja tá bem???

Just Me... disse...

(espreitando...)

:-))

Morsa disse...

A minha relação com missas, igreja, Deus, Fátima e outras coisas pertencentes ao mesmo quadrante é muito especial! Só essa explicação dava um blog inteiro!

No entanto, não podia estar mais de acordo contigo! Fátima já se está a tornar uma cidade turística! Só faltam os ímanes pró frigorífico (se calhar nem isso...)

Um abração

P.S. Era capaz de jurar que tinha feito um comentário no outro post da viagem à Isla Mágica. Parece que me enganei

wednesday disse...

Será que vou conseguir ser a última a comentar? :D

Pois é, esta coisa está a tornar-se tão parva e dinheiródependente que qualquer admiram-se que não haja ninguém na missa. O problema é que eles ainda conseguem motivar gente para os seguir... Mas como?! Este povo não é capaz de abrir os olhos para nada, contentamo-nos com tudo o que nos metem à frente.

rui disse...

Olá Rafeiro Perfumado

É dificil eleger qual a tua melhor crítica (aqui no teu blog), mas esta_____está um mimo!
Sem querer te___ "puxar o saco"___, digo que escreves num patamar bem alto.

Grande abraço, Rafeirito

Stephen King disse...

Subscrevo integralmente.
É que já nem disfarçam, tendo a coisa assumido a clara dimensão de Centro Comercial.

Abraços

despertando disse...

Concordo plenamente com tudo o que dizes, a última vez que lá fui e já lá vao uns anitos senti isso mesmo.
Não verão as pessoas que tudo nao passa de um negócio?
Mas a fé é que nos salva, dizem outros.
Patada gostosa para ti.

Bxana disse...

Olá Rafeirito!:)

Como estás?!?

Ora, essa bela modalidade, a minha preferida: o atiramento da vela. Já vos disse que namorei, há long time, com um tipo de Fátima? Das vezes que ia lá, levava "recados" para velas, da parte da minha familia. Tornei-me valente no atiramento da vela. Consigo faze-lo a mais de 7 metros! Upa upa!

:D

E já consigo também trabalhar na metalurgia. Chiça, aquele calor parece é mais o Inferno.

Miau grande!

Rafeiro Perfumado disse...

Laurinha, apagar velas com as mãos só se for com as dos outros, porque ainda tenho juízo que chegue para isso! Beijos!

Cati, e muito humildemente recebo a tua distinção. Não te preocupes, para prémios desses a estante é infinita. Pensamento lindo, este... Beijocas!

Vício, se eles tivessem visto isso, e se tivessem inspirado, eu seria dos mais ferverosos crentes! Quanto ao crucifixo, agora percebo aquele “Ena pá!” que me pareceu ouvir vindo lá de cima... ;)

Gata, por tua conta e risco, depois se te fecharem o blog não venhas pedir indemnização! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Just Me, já cheguei a uma conclusão, assombrosa por sinal. Parece que está aberta a via para o aparecimento de uma nova corrente religiosa... Beijo!

Carla Granja, mas que calúnias são essas? Chanell, eu? Por essa e por outras é que depois aparecem aqui anónimos a chamarem-me de roto! ;) Beijo!

Enfim, até que enfim que te volto a ver! A conclusão será daqui a uns meses, mas garanto que o mundo não vai voltar a ser o mesmo. Beijinhos!

Inês, aqui pratica-se pontualidade britânica! Beijo e cá te espero amanhã!

Rafeiro Perfumado disse...

Francis, fui bloqueado por um padre na esquerda e por uma freira na direita. A sacana da velha tinha dado uma esmola para ter ajuda “divina”, não em deu qualquer hipótese!

Cláudia, claro, e garanto que será mais barata que os 200 euros, no máximo uns 199!

Just Me, não sabes que é pecado espreitar assim? ;)

Morsa, e estás à espera do quê, para criar esse blog? E achas mesmo que não faltam os ímanes para o frigo? Ó alma crédula, como se o merchandising católico deixasse passar em claro tal oportunidade comercial! Grande abraço! PS: eu não a apaguei!

Rafeiro Perfumado disse...

Wednesday, lamento, não foste, e nunca serias, que eu gosto de ser o último a botar discurso! Quanto à cegueira, infelizmente as pessoas só costumam voltar a ver para cegarem com outra corrente.

Rui, e não é que tens razão? Normalmente estes textos são escritos no sótão lá de casa! Grande abraço!

Stephen King, nem mais, até seguranças para controlar as entradas agora há. Só faltam os sensores à porta, a ver se não há ninguém que se pire com a hóstia por comer! Abraço!

Despertando, e salva, não tenho dúvidas disso. Só não acredito que seja este tipo de fé. Um grande RAUF para ti!

Bxana, tou fixolas, e tu? A família, está porreira? Só 7 metros? Fraquita! Vi lá gaijos que conseguiam lançar a uma grande distância e ainda derrubar as que estavam a arder, qual lançadores de martelo ou dardo! Beijo para ti, gata!

foryou disse...

Eu cá também não vou à missa contigo!!! Poxa já basta aturar-te por aqui!

Toma lá um beijo que é melhor que aquele vinho zurrapa da missa

Vanadis disse...

LOLOLOL, fofa, YO?? As minhas formandas não me acham fofa qd lhes atiro canetas à cabeça ou um chumbo à pauta...vê lá vê lá que eu levei anos a construir a reputação de terrivel!!!

Pois, parece que já é sina, eu mando as bocas e os outros é que levam com raios em cima LOLOL!

June disse...

Pois que tens razão amigo. Que me perdoe quem se sentir ofendido mas o comércio à volta de Fátima dá-me volta ao estômago. E o amigo lá de cima não tem culpa de nada.

Bjokas

Laura disse...

Ehhh, não perdes uma...Foste tu que te queimaste ou não?
Se não foi nas velas é porque encontraste o diabo por ali escondido, mijaste-lhe na cauda e deu choque...
Beijinhos a ti meu amor de rafeirinho...

rascunhos disse...

Olha Rafeiro esta tua crónica merece sem dúvida um lugar de destaque, entre todas as outras com que nos brindas.

Isto porque nos mostra que o teu olhar social está vivo e bem vivo perante todos os disparates que certos homens apregoam em nome - imagine-se - da fé!

Mas sabes Deus é grande, nós mortais é que somos pequeninos.E alguns são tão pequeninos que precisam de "grandes obras" para se sentirem importantes...

Enquanto isso acontece, em Darfur e em muitos outros locais deste nosso planeta de extremos, milhões de crianças sofrem os horrores da fome, da guerra e de toda a espécie de carências.

Um beijo para ti

nelio disse...

:) tu afinal és um perigoso subversivo...

A mão que escreve disse...

Este é capaz de ser um daqueles temas mais complicados de escrever em blogs.... Há sempre aqueles fanáticos religiosos por aí á espreita!! Ainda fazem aqui um atentado terrorista...
lol

Mas quanto a fátima... Só lá fui uma vez, e de facto aquilo tem qualquer coisa... Mas acho que não é a paz do local em si, até porque eu tenho um certo pavor das igrejas... Eu acho que o que fátima tem de especial é as "toneladas" de pessoas carregadas de fé, e á espera de milagres...

Agora convenhamos que pedir um milagre saí muito caro, e os gestores de contas de milagres por aqueles lados parecem os bruxos de que se ouve falar... "por mais 300€ dou-lhe a chave do euromilhoes.....

lol

Schlumpy disse...

Então e já imagináste se não seremos todos personagens do sonho de alguém? E quando esse alguém acordar se acaba tudo?

kalua disse...

é incrivel a tua capacidade de escrita, séria mas com muito humor!!! continua...
bjs

kalua disse...

Lembrei-me agora desta citação, acho que se aplica oa teu texto:

"Cuidado com o homem cujo Deus está no céu" Shaw, Bernard

Rafeiro Perfumado disse...

Foryou, há que saber escolher as igrejas certas. As que estão dentro de regiões demarcadas têm boa pinga!

Vanadis, falas falas mas deves ser uma coração mole, que até copiar nos testes deixa!

June, não tens de pedir perdão a ninguém. E as acções dos vendilhões ficam para quem as pratica. QUanto ao gaijo lá de cima, há muito tempo que não tem nada a ver com nada... Beijos!

Laurinha, sempre que lá vou levo umas luvas de amianto, por causa das tosses! ;) Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Rascunhos, acredita que doutra forma, estaria a borrifar-me para o assunto. Agora não pactuo com hipocrisias, porque se aquilo é a religião do amor, eu sou um autêntico santo! Beijo!

Nélio, nem sei como é que ainda não me meteram em cana!

A Mão que Escreve, curiosa a tua analogia, porque em ambos os casos, pedir a Fátima ou tentar ganhar o euromilhões, parece-me que é uma tentativa de conseguir as coisas pela via mais fácil.

Schlumpy, todos os dias. Recordo-me sempre daquela metáfora do homem que sonhava ser uma borboleta e quando acordou descobriu que era uma borboleta que sonhara ser homem.

Kalua, a tua citação está excelente. E acertada, ainda por cima. O Shaw dizia umas coisas giras, sem dúvida... ;)

Vanadis disse...

LOLOLOL, eh páh, se querem copiar, que copiem. Mas, que fique no registo: já anulei os testes de uma turma inteira por metade ter copiado pela outra metade... ;-p

sergio disse...

Esta tua apreciação da nossa atual religião está 'boa pra cachorro'!
Aqui no Brasil temos em Aparecida do Norte, interior de SPaulo, uma igreja monstruosamente grande, construida ao lado da anterior que dá a proporção de uma caixita de fósforos ao lado de uma caixa de sapatos...nesta pequenina fui eu batizado, aliás...em 1937.

Rafeiro Perfumado disse...

Vanadis,és uma mazona... as pitas não vão ser nunca grande coisa, para quê começar a lixar-lhes a vida tão cedo?

Sérgio, será que os religiosos de agora pensam que nos conquistam pela grandeza em vez de ser pelas ideias? Porra, já és muito cota, pá!

patrícia disse...

é triste.. e mais triste ainda é ver pessoas que jamais vão conseguir ver tudo isso, e que dão tudo, o pouco que têm para sustentar toda uma fábrica que nada tem haver com os valores que apregoa.. será que é tão difícil de perceberem? ou é mesmo medo de ficarem sem ter onde recorrem, fonix ao menos não paguem NADA.. eles estão PODRES DE RICOS, já podem viver sem fazer nada diria que talvez eternamente.. não é uma questão fácil, mas sinceramente ..bem não sei, porque na verdade as pessoas fazem o que fazem de "livre vontade", mas e aqueles que cresceram presos a todas essas crenças, das quais não se conseguem livrar, somos humanos.. e agora são estorquidos por elas ....... tudo isso é no mínimo revoltante!! porque o poder deles é tal... ..........

Rafeiro Perfumado disse...

Patrícia, o poder que eles têm fomos nós que leh demos. Felizmente, ainda estamos a tempo de lho tirar...