Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Expressões estranhas, para não dizer estúpidas – Pisar ovos

Francamente, tanta gente com fome e outros a pisarem ovos.

Texto tão brilhante que teve de ser removido para um local mais seguro, mais precisamente o livro Agarrem-me ou dou cabo desses palhacitos!

46 comentários:

Sofia disse...

Olá Rafeiro, mas que experiências é andas a fazer, hum?! Pisar ovos? Pois está-se mesmo a ver porque é que demora mais tempo: porque quando não se quer realmente fazer algo, arranja-se o que de mais frágil existe no frigorífico: os ovos!
Beijinhos,Sofia

Textículos disse...

É-se mais lento a "pisar ovos" porque tem de se voltar para trás para limpar as estrugia. :)

Felina disse...

Então a maioria dos portuguêses estão a apertar o cinto e tu dás te ao luxo de pisar ovos? já viste quantas omoletes aquilo dava?

Tulipa Negra disse...

Eu nunca percebi se os ovos que se pisam têm casca ou não... :)

Imperator disse...

não te ponhas a nadar em ovos que te arranhas nas cascas.

e já agora, no tempo dos lagartos grandes, tenho cá uma ligeira impressão que a apanhar um ovo de lagarto grande tinha-se de correr bastante...



:P

Maria disse...

Por acaso não saberás como pôr aqui o desenho de dois olhos bem arregalados e boca aberta? Tipo expressão de boneca insuflável. Ah espera a boneca não tem a boca aberta o suficiente...
Se eu fosse a jove tinha-te posto a apanhar os restinhos com cuidado, fazia uma omelete e dava-te a comer. Nhammm lol

A expressão não é de atraso, é de delicadeza o que leva a pensar em devagar=suavidade=delicadeza. Acho.

Miss Impertinente disse...

Creio que se fizesses a tua experiência de partir ovos descalço notarias diferença ...
A casca deve arranhar uma beca...

Vício disse...

será que experimentaste com ovos cozidos?

Kássia Kiss disse...

Tu não entendes nada! Antes de fazeres experiências dessas, tens que frequentar uns cursos de artes marciais e meditação oriental. Pelo menos nos filmes, esses tipos conseguem um andar tão leve, que andam em cima de papel de seda, que foi estendido sobre grãos de arroz, sem o estragar.

E, se funciona nos filmes, também deve funcionar na vida real...

Salete Cattae disse...

Muito engraçado seu texto.

Acho que o "x" da questão está justamente na sujeira que ovos pisados causam.

bjs

the big fox disse...

é pá as coisas que tu te lembras... e pior ainda fazes experiencias.... hummmm...
cá p´ra mim é uma forma (tipo canto 9º), que arranjaste de chamar a atenção da jove... certo?
abraço

Tulipa disse...

Numa altura de crise tu andas a pisar ovos? Algu´m tem que te por um travão :)

Maria Izabel Viégas disse...

Se tu fosses um gato saberias melhor o que é caminhar pisando em ovos.
O gato anda assim pois sempre vem a nos roubar algo dentro de nosssa casa ou , semvergonhamente comer os filhotes de passarinhos.
Ora, o meu cãozinhozão não sabe pisar em ovos pois "não está nem aí", vem sem medo de "melindrar" ser humano nenhum, nem se preocupa em dar uns tapas no gato.
Adoro este Rafeiro, msa depois de pisar em tanto ovo, Perfumado é que não és!
Abraços( bem de longe);)))

paulofski disse...

Há maneiras bem mais fáceis de fazer uma gemada ou dar explicações quando se entra em casa a altas horas da noite, crashhh... ups!

Jove - Surpresa, hoje vais comer ovos mexidos!

Irritadinha disse...

Cientificamente, aldrabaste o resultado. Porque se de facto pisaste ovos então foste pelo menos uma vez ao chão, ou como diz o povo, "amandastes um tralho do caraças, pá!".

Vá admite...

Beijoca

Anónimo disse...

A "pisar ovos"... tanta dôr!!!

Anónimo disse...

Dôr essa que será de burro ou de burra?

BS of Life disse...

Se forem ovos podres, atirados à pessoas certas... acho uma expressão magnífica!

Só sedas disse...

Rafeiro, pergunta: Pisaste os ovos com ou sem sapatos? É que acredito que se estivesses descalço irias muito mais devagar. Ora põe lá ai a esfregona a jeito para depois não ouvir raspanetes, e repete a experiência. Ah, e chama-me! Que eu quero ver... lol

Teté disse...

Tens razão: para a expressão fazer sentido teria de ser andar a pisar cola araldite (ou outra que cole cientistas ao tecto) ou, quando muito, pastilhas elásticas... :)))

A língua portuguesa tem cada mistério!

Beijocas!

ψ Psimento ψ disse...

Mais uma expressão cuja origem esta no segredo dos deuses. Se ainda fosse parece que vai a desviar-se de ovos… E os pezinhos de lã, esse também daria que dizer. Enfim uma panóplia de dizeres estranhos que sempre nos “atormentam”.
Um abraço.

Mr. disse...

A ideia será a de, exactamente, não partir os ovos. Devido à fragilidade dos mesmos (que a tua experiência tão bem commprovou...), a ideia que se retira do dito é que estamos a fazer algo tão lentamente que parece que andamos por cima de ovos com medo de os partir...

Dono das galinhas disse...

A táctica é pisá-los mas sem os partir, pá!
Além disso, não acho bem o que fizeste. Atão andam as galinhas a pô-los (nem imaginas com que sacrifício) para tu os esborrachares?
Sinceramente...

CatJG disse...

ha realmente coisas sem esplicação

fj disse...

epah, essa expressão tem a ver com outro tipo de ovos...os chamados ovos moles...
:))

"montes de bosta ou políticos" é a mesma coisa...
só por esta analogia já valeu a pena ter vindo aqui :))
abraço

Skynet disse...

Podes é andar ainda mais rápido depois de escorregares na javardice que fizeste no corredor e fores a fazer sku até à parede mais próxima :P

Abraço

Olhos Dourados disse...

Eu quase que apostava que é porque talvez a pessoa fosse devagarinho para ver se não os estragava, mas pronto, caminhando em cima deles eles iam sempre partir-se! A menos que uma pessoa pese tanto como eu! hehehe

Blogadinha disse...

Também pode significar "agir com cautela... quando largar os seus ovos na Repartição de Finanças".

PS: As melhoras! :)

maria teresa disse...

A tua imaginação não tem limites! Ainda bem! Assim vais-me divertindo com estas tuas "experiências" ovais e culturais...
Abracinho meu!

Ministar disse...

Tu lembras-te de cada coisa... Eu agora já percebo porque é que o teu blogue tem sucesso e o meu não!

Marta disse...

Não sei qual será a pior, se andas a pisar ovos ou andas a pastelar :)
De qualquer das formas eu cá não sou gaja disso :)

Bjs

Sandra disse...

Rafeiro...gostava de te ver dissertar sobre os seguintes provérbios:

-Cachorro mordido de cobra tem medo até de barbante.

-Quem nunca comeu melado, quando come lambuza-se.

-O olho do dono é que engorda o cavalo.

- Melhor um pardal na mão do que um pombo no telhado.

- a galinha da vizinha é melhor que a minha

- Quem não tem cão caça com gato.

- Em rio que tem piranha, jacaré nada de costas.

:)

sandrablogwithaview

Sandra. disse...

:))

Gostei bastante do pisar politikos, tenho é pena de n te teres lembrado mais cedo pah!! é keu tava com mui mais peso e assim poderia magoa los mais...sem crer óbebiamente...:O))))

besuuuuuuuuuuuuuuuuuus

nb - sou tum sádica ihihihih

Sandra. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Francisco Castelo Branco disse...

o pisar ovos dá a sensação que se fez muita porcaria...

e que eles espalham-se facilmente

Maria Letra disse...

Depois dum longo período ausente dos meus blogs, ao regressar quis visitá-lo recordando os bons textos que aqui li.
"Vais devagar como se estivesses a pisar ovos ..." Eu interpreto a frase não pelo número de ovos, que poderia até ser de 2, mas pela forma como se caminha.

Parisiense disse...

E já exprimentaste caminhar sem os calcar?????
Isso sim....isso é que é certo.....é dares umas passadas grandes ( e tu até tens pernas altas..ihihhi) e não estragares os ovos que se encontram no teu caminho....ahahah

Beijokitas

aespumadosdias disse...

v = v0 + a t.
Se a>0, movimento acerelerado pois a velocidade aumenta.
Se a<0, movimento retardado pois a velocidade diminui.
Se a=0, movimento uniforme pois a velocidade é constante.

Boas limpezas depois das experiências. :)

mundo azul disse...

__________________________________

...realmente, alguns dizeres, não tem muita lógica...



Beijos de luz!

________________________________

Malena disse...

Confessa que querias mesmo era uma luta de ovos com a jove a acabar no meio do chão da cozinha... :P
Comigo é mais ovos moles!!! São bons cumó caraças! ;)

Dona Sra. Urtigão disse...

Bem, por aqui, o "pisar em ovos" significa que se deve ter cautela, ser extremamente cuidadoso, nada a ver com velocidade.

M. disse...

Assim caminha a ciência...

Sofá Amarelo disse...

Também era para fazer essa experiência mas quando vi o preço dos ovos mais o IVA desisti... e depois não sei se os ovos estavam dentro do prazo, tinha que pô-los dentro de água com sal e mais ia encarecer a experiência...

Táxi Pluvioso disse...

Pior é a expressão "partir a loiça toda". Eu nunca convido uma pessoa mais afogueada, pois tenho medo que vá à cozinha e me parta a loiça toda, e que nem o serviço de chá da família escape.

ADLuxor disse...

Ahahah é uma experiência que já ouvi falar e que não necessitei de experimentar pois num programa da TV realizaram a experiência e o resultado era bodeguice =P.

O sr. Rafeiro, se tivesse um tempinho, podia passar por este blog: www.esabot.blogspot.com
e deixar lá um comentário e uma resposta a uma sondagem? =P é do meu grupo de trabalho e andamos a divulgar para ver se crescemos.

Obrigado ;)

susana disse...

Penso que não percebeste a expressão, não tem nada a ver com velocidades, ou tempo, mas da forma como se faz as coisas! Todo chei de "não me toques" e cuidadinhos.
Se fosses cozinheiro, saberias que um ovo é a coisa mais frágil que existe, mesmo quando os compro, é raro chegar a caso com todos inteiros. Penso que é por causa dessa fragilidade que nasceu a expressão, acredito que seria mais quando entravam nos galinheiros, do que própriamente os dinossauros, porque esses viam-se á distancia!