Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Porta quê?!?

Chega! Vamos lá a esclarecer uma coisa duma vez por todas: quem, repito, quem é que tem os tomates (ou ovários) necessários para, na indústria automóvel, mudar a denominação do “porta-luvas”? Mas aquilo por acaso leva alguma vez luvas? Talvez em tempos longínquos, quando os carros tinham o motor à mostra, os bancos à mostra, as rodas totalmente à mostra, enfim, tudo à mostra, houvesse alminhas que lá metessem as luvas (correndo o risco de irem parar à correia da ventoinha), agora nos tempos modernos?
 
Para sermos exactos, aquilo deveria chamar-se porta-toda-a-tralha-que-se-consegue-lá-meter-dentro-desde-que-se-continue-a-conseguir-fechar-aquela-treta-excepto-luvas! Um destes dias, um amigo meu que me tinha dado boleia, começou a estranhar um barulho que o carro fazia. “Deve ser do espelho” disse ele, “ou então fígado”, pensei eu. Mas como o ruído começou a ficar deveras irritante, lá apurei o ouvido, tentando aperceber-me da origem do mesmo. E foi então que quer a audição quer o olhar convergiram para o mesmo sítio, o “contentor” que estava à minha frente. Ao abrir aquela treta, pouco faltou para ser projectado para o banco de trás, tal a quantidade de tralha que saltou lá de dentro! Desde canetas, moedas (algumas penso que ainda dos tempos da monarquia), lenços, mais canetas, uma enormidade de mapas de estrada (alguns com indicações dos melhores sítios para trocar os cavalos das carruagens) e mais uma quantidade de objectos que pela compactação só poderiam ser identificáveis com recurso a testes de ADN, tive de apelar a toda a minha musculatura, especialmente das pernas, para voltar a fechar aquilo. O som lá continuou, se bem que diferente, pois a arrumação dos tarecos ficou ligeiramente alterada. Pessoas como este meu amigo, que suspeito pertencer a um grupo numeroso, não precisam do tal porta-nome-demasiado-grande-para-o–voltar-a-repetir, precisam é de um atrelado!
 
Começo a suspeitar que este compartimento é o equivalente masculino à mala da mulher, só que está no carro, para não dar nas vistas!

Até sempre,
Rafeiro Perfumado

62 comentários:

ADLuxor disse...

Realmente também nunca percebi bem o porquê de chamarem aquilo de porta-luvas... No dos carros em que eu ando aquilo já teve muita coisa menos luvas AHAHAH!!!
Então já tiveste tempo para experimentar o meu jogo? =P

Abraço!

ADLuxor disse...

O RAR do RPG MAker? XD

Teté disse...

Ahahah, em tempos conheci alguém que guardava toda essa tralha no porta-bagagens, que um dia abriu à minha frente! Entre aquilo e uma lixeira, não havia diferença nenhuma!

Mas também confesso que nas minhas malas, que são do género mochila ou baú, carrego uma série de inutilidades. Ou mais ou menos! Certa vez alguém me perguntou se tinha um palito, com um resquício de comida entalado nos dentes, e não é que também tinha??? :)))

Luvas no porta-luvas nunca pus, porque ou estão nas mãos quando está frio ou dentro da dita mala, caso seja necessário! :D

Beijocas!

Anónimo disse...

E não é que desta vez
Pela primeira vez, talvez...
Tens carradas de razão!
Mala-de-mulher e porta-luvas,
Têm tudo e nada está à mão!

Boas Festas:))

Tulipa Negra disse...

Queres tu dizer que o porta-tudo-e-mais-alguma-coisa-desde-que-se-consiga-fechar terá em tempos servido para guardar luvas? O que eu aprendo aqui...

Mas para dizer a verdade já desconfiava que era equivalente às malas das mulheres: afinal os homens transportam a mesma quantidade de tralha, só não andam com ela ao ombro!

Beijos grandes (assim está melhor?)

BS of Life disse...

Mais uma coisa na qual eu nunca pensei... Porta-luvas não é um termo bonito, não.

Kapikua disse...

a tua conclusão é pertinente!

eu devo ter coisas no porta-tudo desde 1843!

grande abraço

Dragão Azul disse...

Rafeiro, e não escontraste nada que embora não se chame luvas possa ter a mesma leitura....

Tive um amigo que quando tirou a carta de condução e a mãe lhe deu um carro na 1ª vez que conduziu o carro com a mãe ao lado a mãe colocou uma caixa dentro do porta luvas, e disse-lhe que sempre que precisasse que era melhor utilizar o contiudo da caixa. Ora a caixa tinha dentro preservativos, não são luvas mas....

Táxi Pluvioso disse...

Pois é uma designação antiga, em que se comprava barato. Agora, teria que se aumentar a dimensão para caberem os maços de notas, já nenhum dos que têm algo para vender, se vende por uns cobres, até os árbitros exigem luvas que se vejam. boa semana

Táxi Pluvioso disse...

... e também, com as alterações climáticas, terá de ser mudado o nome do pára-brisas.

Caia disse...

Luvas foi coisa que nunca lá guardei... mas também acho que não cabe mais nada! lol

maria teresa disse...

Para além de uma tralha semelhante, não é por acaso, que tenho lá um par de luvas...no Verão dão jeito para segurar o volante quando este escalda:):):)

Cat disse...

A minha mala de mulher não é assim, tipo Sport Billy bag...
O meu compartimento-frente-ao-lugar-do-morto também não...
Sou portanto uma rapariga simples :P

beijos, Rafeiro

Sérgio Pontes disse...

LOL, olha que bem observado =)

Acho que é de facto o equivalente as malas das mulheres =)

aespumadosdias disse...

Precisava de ir meu e tirar de lá algumas coisas que deviam estar noutro sítio.

Ruy A... disse...

LOOOL
Muito bem visto e gostei memso do nome alternativo, na falta de melhor definição penso que se poderia adoptar essa nova denominação...

paulofski disse...

Ah precisam, precisam! Vê lá se ainda és nomeado porta-voz junto da indústria automóvel para as questões do que fazer com tantos tarecos e o que se pode fazer pela defesa dos pneus e jantes contra os mijões de pata alçada.

Felina disse...

Ainda chamam porta luvas porque colocam lá tanta porcaria que ainda não chegaram a nenhuma conclusão quanto ao novo nome, por questões de marketing fica mal dizer o porta lixo nome mais adequado

Sun Iou Miou disse...

Em espanhol chama-se da mesma maneira "guantera" (guante = luva), de onde se deduz que nalgum momento da história quem tinha carro tinha luvas (ou ao contrário).

Agora que lembro, há uns quinze anos, estando eu com o meu amante no carro na garagem, apareceu de repente o meu marido. Eu disse-lhe para se esconder e... nunca mais o vi. Queres ver que ainda lá está???? Agora entendo aquele mal cheiro que houve durante um tempo no carro. E eu a pensar que havia uma ratazana morta ali algures...

Inês disse...

Os porta-luvas dos carros são o equivalente às nossas malas.Têm sempre tralha,e arranja-se sempre espaço para pôr mais qualquer coisa.

Rita, a dogmática disse...

A explicação para não se poder chamar ao porta-luvas porta-toda-a-tralha-que-se-consegue-lá-meter-dentro-desde-que-se-continue-a-conseguir-fechar-aquela-treta-excepto-luvas é simples. Com esse nome, a probabilidade de as pessoas tentaram atulhar ainda mais o dito cujo era maior, e ai chegar-se-ia ao extremo de o partir a tentar fechar à força à joelhada (como aqui a dita cuja conseguiu fazer)

TM disse...

E não é que no meu porta-luvas têm andado mesmo umas luvas... Será que é permitido?

Marta disse...

LOL
O meu é porta tralhas, ou porta tudo e mais alguma coisa :)

Bjs

LOURO disse...

Olá Rafeiro!

Não é que tens razão,aquilo guarda tudo menos luvas,o que eu gostava de guardar no meu são as luvas que certos pessoas guardam na carteira.

Feliz natal e um bom ano 2011
Abraço
Lourenço

Parisiense disse...

Cada um mete o que quer no seu porta-luvas.....
No porta-luvas do meu carrinho andam lá 2 pares de luvas, um cachecol, um perfume, um colete verde que parece que é para mostrar a um GNR jeitoso....e mais coisas que eu não te digo, senão ficas com inveja e vais querer trocar de boleia gratuita!!!!

E eu cá não sou mulher de dar boleias gratuitas!!!!!!

E já agora porque raio é que um rafeiro como tu "distinto e com pedigré" anda agora a cheirar o que não deve e que é dos outros????

Beijinhos rafeiro e porta-te bem.

ψ Psimento ψ disse...

Olha eu nem me vou embrenhar em descobrir o que o meu carro esconde nessas entranhas… Principalmente porque o carro já foi do meu pai e tem quase a minha idade… Cheira-me que já deve existir lá todo um novo ecossistema…
Abraços.

Espaço do João disse...

Será que não encontraste um osso?
Sempre servia para roer durante as as viagens.

Ministar disse...

No final de um dia, ler um post destes conseguiu soltar em mim uma bela de uma gargalhada :) Nem mais, nem menos... Nunca tinha pensado nisso e não conseguiria escrever melhor.

Só um aparte... o meu, por acaso, tem mesmo umas luvas dentro :p

Eli disse...

Terminaste bem. No entanto, o que a maioria dos homens sonha é ter uma mala de mulher (mesmo que com um feitio mais masculino) para colocar as mesmas coisas que as mulheres colocam ou até mais.

Eu preciso de mala porque coloco:
- Chaves de casa;
- Chaves do carro;
- Chaves do local de trabalho;
- Carteira;
- Telemóvel (is);

E às vezes:
- Lenços;
- Máquina Fotográfica;
- Pastilhas;

Ora, hoje em dia se não andar com a máquina fotográfica na mala, corro o risco de não fotografar e. logo, não terei provas para colocar no blogue da escola!

Naaa... não te vou obrigar a ler mais.

Fui

EC disse...

muito cusca não resisti ao teu post!! :) Bom humor como sempre!!

Kok disse...

Embirro que me mexam no porta-luvas!
Não gosto! Prontos!
Mexam-me no que quiseram e quando quiserem, mas no porta-luvas NÃO!!!
Àh não era isso; o assunto é sobre o nome da coisa...
E chamo-lhe gaveta (mesmo não tendo porta já que no meu carro a porta do chamado porta-luvas é considerado um extra. Quando eu comprei o carrito até disse que...
não importa, passemos à frente!
Na gaveta do meu carro tenho tudo o que lá cabe. E como já há tempo que não "a visito" não sei mesmo o que lá está. Nem quero saber.

Akele abraço, pah!!!

Cão Sarnento disse...

O meu coiso (passo a expressão) no tablier anda um bocado vazio (só para chatear os larápios, caso decidam, por sua vez, chatear-me com uma entrada não autorizada no veículo).

carpe vitam! disse...

Caramba, será que sou a única pessoa cujo porta-luvas tem mesmo luvas?!?!

Sight Xperience disse...

Olá Rafeiro... muito bem farejado este post!
"Porta Luvas" efectivamente não está nada condizente com o léxico actual!
Gostei deste teu quintal... vou continuar por cá e aprender umas coisas ;)

Abraço e obrigado pela visita!

Gonçalo disse...

Uma sugestão: além da mudança de nome, deveria estar mais perto do condutor. Cada vez que a polícia me pede os documentos, ou faço uma figura de contorcionista para encontrar os documentos desejados, ou dou a volta ao carro por causa de um simples papel.

Um abraço! :)

Maria Santos disse...

Não te saltou nenhum preservativo para o focinho???? Vá lá! Tiveste sorte!!!!

Imperator disse...

tá visto que o teu amigo é um gajo sortudo que tem um porta tralha jeitoso

havia ele de ter a minha carroça para ver se conseguia enfiar esse meio mundo... mal chega para os documentos.... pufff sortudo esse

Xana disse...

Voçês homens nunca querem admitir que guardam também muita tralha, por isso esse contentor é especial e muito necessario !!
pode ficar com o nome de TRALHÓDROMO, que tal???
beijo :D

Pitanga Doce disse...

Ai que tás tão enganadinho na comparação! Aquilo lá não se chega aos pés da mala das mulheres. Nelas não cabem só "mapas de estrada (alguns com indicações dos melhores sítios para trocar os cavalos das carruagens)". Cabem os cavalos, a carruagem e o cocheiro, se ele for bonitão. hehehe

Imperator disse...

dás que falar ;-)

passa por lá

kakauzinha disse...

O meu ex-marido ficava histérico se lhe desarrumassem o dito cantinho. Um dia uma das minhas herdeiras resolveu enfiar lá um chocolate já aberto, em pleno Verão, caladinha que nem um rato. O resultado foi dramático quando a criatura foi ver as estradas para a Conchichina e havia chocolate derretido por tudo quanto era sítio. A miúda só não apanhou uma lamparina, sem luva, porque as minhas gargalhadas o contagiaram e desistiu. Por isso já vês, é um cantinho que atrai para guardar tudo o que vem à tola. A minha filha deve ter pensado que era tipo despensa, eheheh!

:)*

Olhos Dourados disse...

Ora agora é que disseste tudo!
Os homens também transportam montes de tralha, só que disfarçadamente.

Blogadinha disse...

Teclado com luva branca! No mínimo será uma pochet masculina - mas só porque as mulheres preferem a mala propriamente dita...

Um grande bacalhau! :P

AmSilva® disse...

Por acaso estou no grupo que apenas lá guarda o mapa, os documentos durante a viagem e alguns CD´s...
Agora se falares daquele espaço atrás dos bancos, normalmente designado por bagageira...
bem nesse caso encontras desde ferramentas até algum que outro saco das compras perdido ou esquecido, recordo um tinteiro que andou uns meses lá perdido...
O curioso é ver a cara dos policias cada vez que se lembram de fazer abrir a bagageira...
Abraço

refemdabd disse...

Realmente, há muito tempo atrás, era um porta-luvas, como tu esceveste. Os carros antigos eram barulhentos, lentos, mas acima de tudo sujavam à brava o condutor (e passageiros). O condutor, que nos primórdios ia sozinho à frente, vestia um "guarda-pó" (cá está uma peça de vestuário com nome estranho: quem é que gosta de guardar pó?! Um drogadito, talvez!), óculos protectores (não da velocidade estonteante e de um mosquito se espetar na cara, mas da sujidade abundante), um resguardo de cabeça tipo à aviador e, cá está, luvas. Estas serviam para tudo o que envolvesse conduzir a viatura, desde meter o carro a andar, mantê-lo a andar e pará-lo! Então houve alguém (brilhante) que conseguiu arranjar um espaço na viatura para colocar a peça mais emporcalhada do vistoso condutor e que não abonava nada à sua vistosa figura enquanto não conduzia: o porta-luvas!

Claro que deves ter chegado a esta conclusão sem precisares de um tipo como eu vir explicar o óbvio! Mas eu sou assim, deixa lá.

Também é claro que a calãsisse do Ser Humano não fez evoluir o termo para aquele que tu muito bem arranjaste. Se bem que o "porta-toda-a-tralha-que-se-consegue-lá-meter-dentro-desde-que-se-continue-a-conseguir-fechar-aquela-treta-excepto-luvas" do meu carro, para além do colete reflector, duas declarações "amigáveis", uma caneta e uma folha de papel em branco, um mapa das estradas de Portugal e uma lanterna, tem, vê lá tu (!), dois pares de luvas de trabalho. É verdade DOIS pares! Se algum dia te der boleia e tiver um furo, tu também terás umas luvinhas para ajudares à festa...não haverá desculpas.

turbolenta disse...

O nome mais apropriado seria porta quinquilharia.
Pronto! tens toda a razão. Agora sei de onde são os ruídos que ouço nos meus bolinhas.
Mas confesso que tenho sérias dúvidas se eles são do porta quinquilharias se da bagageira. É que são tantos e tão diversificados...No outro dia apercebi-me de qualquer coisa que rolava lá atrás. Parei e fui ver.
Era um autêntico rali de garrafas a rebolarem.Umas cheias...outras vazias...
E quando eu travava elas deslizavam e faziam cá uma barulheira.
Mas posso dizer que numa das bagageiras(na maior) não falta nada:desde uma brutal e pesadíssima caixa de ferramentas até um extintor de incêndio,podendo ocasionalmente passar por uma prancha de bodybord e barbatanas... e o que nunca pode faltar:chapéu de chuva e casaco.
Como vês...
Mas confirmo que no tal porta luvas existe um famigerado mapa de estradas de POrtugal-Espanha, que acho nunca ter sido utilizado.
beijos

Diabba disse...

Mentira, mentira. Oh vai abrir o tal compartimento na carroça do diabbo-marido e vais ver o que lá está bem à vista...
]:-D

Jaime A. disse...

Agora imagina o porta-toda-a-tralha-que-se-consegue-lá-meter-dentro-desde-que-se-continue-a-conseguir-fechar-aquela-treta-excepto-luvas do carro de uma mulher...

:-)

Textículos disse...

Durante algum tempo andei com uma gravata no porta-luvas. E por falar nisso toma lá uma prenda. :)

http://www.neatoshop.com/product/Dapper-Dog-Dog-Tie

C Valente disse...

Saudações amigas

C Valente disse...

Saudações amigas

hesseherre disse...

..."porta-toda-a-tralha-que-se-consegue-lá-meter-dentro-desde-que-se-continue-a-conseguir-fechar-aquela-treta-excepto-luvas" QUANDO O RAIO DA PORTA ENCAIXA E O TRINCO SEGURA DE VEZ A PORCARIA NO LUGAR...

C Valente disse...

Deixei no meu blog um simples presente com votos de BOAS FESTA
Saudações amigas

Mie disse...

Isso porque nunca viste a minha carra, nem no porta nao sei quantas nem na bagageira. O que sofri para colocar a arvore de natal la dentro :P
Vou comprar uma carrinha maior :P

J disse...

Por essa ordem de ideias só se poderiam chamar "desnorteado" a uma pessoa que se dirigisse ao Norte e se tivesse perdido.

Sandra disse...

E para uma mulher é perfeito...porque o "porta-luvas-sem-luvas" é nada mais nada menos que o prolongamento da carteira!!! VIVA!!!! e agora imagina as mulheres que têm um monovolume com todas aqueles cantos e recantos com tampas e portas...humm...divinal...um verdadeiro manjar dos deuses...e eu que nunca gostei de monovolumes...acho que os vou a começar a encarar com outros olhos...quem sabe um dia ainda me tento a ter um....?
:)
sandrablogwithwview

Malena disse...

Eheheheh! Uma vez saltou uma cuequinha de dentro do porta-luvas de uma conhecida minha... Porta-lingerie?? :P

Sofia disse...

Olá Rafeiro! Nós somos um país de costumes, sem dúvida, também este será mais um destacadíssimo exemplo.
Até há bem pouco tempo tinha a minha agenda de gravidez no tal porta-luvas...até que alguém me deu um puxão de orelhas, lol, e agora a agenda está a salvo, em casa!
Beijinhos,Sofia

Vani disse...

ahahahah, por acaso eu até lá guardo luvas...de vez em qd... :D

objectos só identificáveis por análise ao ADN? aiii, nem imagino o que sejam, se têm ADN e tudo...

(se a NASA lê o teu poste pensa logo que o teu porta-tralha é um ambiente extremo onde se desenvolveram novas formas de vida...)

Tulipa disse...

verdade, só serve para colocar tralha!

Ana disse...

Faz uma petição online para a alteração do nome, eu assino! Para mim aquilo é porta-documentos, porta-colete, porta lenços, porta pano de limpar o vidro e afins!

Sara S. disse...

Também me parece que aquele local é a dispensa dos homens, podem é não querer admitir. Mas eu cá acho muito bem. Se nós temos direito a um espaço para as nossas tralhas, porque não haverão eles de ter o mesmo?
E também concordo com o nome, já que é tudo menos a designação que lhe dão. Bjs