Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Será que resulta?

Há cada vez mais portugueses a mudarem-se para casas só com janelas, para tentarem que a crise não lhes bata à porta.

Até sempre,
Rafeiro Perfumado

45 comentários:

Diabba disse...

Pois parece-me que estás enganado. Há cada vez mais portugueses a mudarem-se para casas sem portas, mas também sem janelas, e sem paredes. Estão em poupança máxima.
beijo d'enxofre

Carolina Tavares disse...

Lembrou-me a letra da música ¨A Casa¨, de Toquinho. Conheces?

http://letras.terra.com.br/toquinho/87334/

Beijos

bee disse...

não sei, mas se descobrires avisa, que a malta adere!...

Márcia Lourenço disse...

ahah. concordo com a Diabba :)

Ana disse...

Estou em crer que não dá resultado. Nunca ouviste dizer que quando se fecha uma porta (ou, vá, deixa de existir), Deus abre uma janela?
E concordo com a Diabba.

Utena disse...

O problema é quando ela derruba paredes

Vítor Fernandes disse...

Já ouvi dizer que a crise nos entra janelas dentro...

Ana Soares disse...

A crise não é esquisita... entra por qualquer lado!!!
Isso de ter um cão na janela, é alguma directa?!
Beijinhos e bom fim de semana

Vício disse...

sim, sim... eu também uso óculos que é para não dar nas vistas!

S* disse...

eheheh Duvido que escapem...

Maria Pitufa disse...

Geralmente a entrada preferida dos assaltantes é sempre a janela!

Felina disse...

Se colocar um letreiro "CUIDADO COM O CÃO MAU" será que resulta?

Teté disse...

Claro que não! Quando começarem a ter dores no lombo de andarem a trepar pelas janelas, é que a crise (da meia idade) chega... :)))

Beijocas!

Anónimo disse...

Muitos já decidiram mudar-se para a Pensão Estrela.

nêspera disse...

Não resulta! E as pedrinhas que batem na janela???

tétisq disse...

Não sei.
Mas já tinha ouvido dizer que os alentejanos costumam usar as janelas para sair de casa, ao Domingo, para evitar a semana de trabalho que estava à porta, o principio é deve ser o mesmo...

Marta disse...

Não me parece, quando Deus fecha uma porta, abre uma janela ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

Bjs e bom fim-de-semana.

AvoGI disse...

ela a malvada netra até pelas frestas da janela por isso nao há como fugir
kis :=)
BFSEMANA

Graça Sampaio disse...

É tão doido este Rafeiro!... Temos de rir das nossas desgraças, não é? É o melhor remédio.

Bons latidos!

Vera, a Loira disse...

A crise é como as aranhas, aparecem em qualquer lado, sabe-se lá de onde chegam.

Carolina Tavares disse...

Tu já pensaste em fazer um livro de provérbios explicados a tua maneira, ilustrado com estas figuras iguais as que estão ao lado?

Eli disse...

Lamento informar, mas ela não bate.

Raven disse...

Quer-me parecer que a mudança é mais porque a defenestração será o futuro de qualquer tuga.

Anónimo disse...

A crise a que te referes chega a todos por igual. Se não é de uma maneira é doutra.

diana gonçalves disse...

huuuum, não me parece que vá adiantar de muito.

hesseherre disse...

Dizem que agora em Portugal não há mais portas em computadores, só windows....kkkkk

Magia da Inês disse...

¸.•°`♥✿⊱╮
Sei não... mas bom domingo!
Boa semana!
Beijinhos.
Brasil.
♥✿⊱╮

conchita disse...

LOL!! Tens cada uma!!!
Beijos e bom domingo:)

Natália Augusto disse...

Adorei o pensamento sobre a crise. Fez-me rir, embora isso não acabe com a maldita crise!

;-))

Didi disse...

Depois a crise muda a frase e comeca a bater janelas... tá tudo lixado pessoal! Tem de ir morar é para bunkers.

TERESA SANTOS disse...

Não diga "tolices", combinado?

Quer fazer a gentileza de passar pelo "cronicas"?

Agradecida.

Beijinho.

nómada disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sara disse...

Não me parece que resulte mas mais vale prevenir que remediar...

Beijos

Rafeiro Perfumado disse...

Diabba, acho que a solução passa por transferir muitos portugueses para casas com portas, janelas, paredes e grades. Beijocas!

Carolina Tavares, não, mas vou já investigar. Beijoca e obrigado!

Bee, é fácil aderir, basta uns quantos tijolos.

Márcia Lourenço, olha que ela ainda te fica com a alma!

Rafeiro Perfumado disse...

Ana, isso é quase heresia, dás a entender que o culpado da crise é Deus.

Utena, é rezar para que dê uma cabeçada na parede e vá pregar para outra freguesia.

Vítor Fernandes, desde que não seja pela chaminé, lá se ia o encanto do Pai Natal.

Ana Soares, é uma tentativa de afugentar a crise, apenas. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Vício, isso pode explicar o facto de confundires as janelas com as portas.

S*, não custa tentar!

Maria Pitufa, errado, a entrada preferida é mesmo a porta, só que as pessoas têm a mania de a trancar.

Felina, ainda vai ser considerado um sinal de riqueza, que isto de ter cão por estes dias é mais uma boca para alimentar.

Rafeiro Perfumado disse...

Teté, é fazerem janelas baixinhas... ;) Beijocas!

Anónimo, e a continuar assim vão mesmo para as estrelas...

Nêspera, estou mais preocupado com os cobradores que batem à porta.

Tétisq, isso são calúnias, alguma vez eles se iam dar a esse trabalho?

Rafeiro Perfumado disse...

Marta, esse sacana nunca me enganou...

AvoGI, mesmo colocando aquelas torcidas nas frestas? Beijoca!

Graça Sampaio, ou rir ou enlouquecer.

Vera, a Loira, eu sei que existe uma no meu carro, querem ver que a crise também?!?

Rafeiro Perfumado disse...

Carolina Tavares, a publicação de livros do rafeiro acabou com este terceiro. Mas sim, já tinha pensado em algo do género, mas também acho que já falei dos mais engraçados.

Eli, e quem é que te informou?

Raven, em tempos uma grande revolução teve início com esse acto, quem sabe não terá de voltar a acontecer?

Anónimo, por igual o caraças, eu bem vejo o meu vizinho a andar de Mercedes e eu de Mitsubishi.

Rafeiro Perfumado disse...

Diana Gonçalves, mas se adiantar de pouco já seria bom.

Hesseherre, nesse caso eu nem isso, é mais Lion. Abraço!

Magia da Inês, também eu gostaria de ter a certeza. Beijoca!

Conchita, mas garanto que sou feliz! Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Natália Augusto, mas pelo menos serve para não a tornar ainda mais negra.

Didi, nem pensar, o preço do bunker está pela hora da morte!

Teresa Santos, estou indo, estou indo! Beijoca!

Sara, nem mais. Como diz o ditado, “depois da crise instalada, não vale a pena xingá-la”. Beijoca!

Graça Pimentel disse...

Não adianta nada. A crise atravessa paredes, portas, janelas...

beijo

Mamã de Salto Alto disse...

Ahahaha.....a crise está por todo o lado e entra sem ser convidada.É uma chatinha.E agora com as parcerias público-privadas,vamos amargar o pepino por mais uns longos,longos anos....

Alien David Sousa disse...

Bom copy cão! Essa eu deixava entrar num anúncio sem hesitar ;)
Beijos

Rafeiro Perfumado disse...

Graça Pimentel, atravessa o tanas, leva-as! Beijoca!

Mamã de Salto Alto, e eu que detesto pepino...

Alien David Sousa, estás à espera do quê para me propor emprego?!? Beijocas!