Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Faz favor, era um lugar não-fumador, não-parvo, com-telemóvel e não-hemorroidal


O que é que faz pior à saúde, um cigarro ou uma criança? Vou ter de fumar um de cada para descobrir.

Este texto, tão lindo que dá vontade de chorar, pode ser encontrado no livro
Rafeiro Perfumado - Are you ladraiting to me?!?

203 comentários:

1 – 200 de 203   Mais recente›   Mais recente»
medusasss disse...

Nem mais!
E eu criava uma zona específica e para génios e oligofrénicos, já que a diferença estre ambos é, demasiado frequentemente, tão curta!

Tita disse...

LOL adorei o titulo deste post :)

Marrie disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Adorei este texto!
A linha imaginária é hilária...
O motivo p/usar um nome fictício é demais.....
Nunca ter fumado uma criança me deixa sem adjeitovs.....rs
E a criação de tantas e tantas zonas é, no mínimo, ridícula. Diga-se de passagem, não no teu texto mas sim na realidade!

bjs rauf, rauf

Hydrargirum disse...

Realmente parodiaste bem a situação!

Eu acho que devia ser proibido fumar "Alltogether" dentro de estabelecimentos assim....

Não proibo ninguém de fumar...mas durante a minha liberdade de comer, não quero ser incomodado com a liberdade de outrém a fumar...
Querem fumar, levantam-se e vão para a rua....

Essa das zonas fumadores e não fumadores é uma anedota como disseste....!O fumo chega ali e pára...
Enfim...!!!

Esta é a minha opinião, vale pelo que vale!
Abraço!

Marina, com ou sem acento no "A" !!! . disse...

lol, é verdade...
SE não querem gramar com os hábitos, bons ou maus, das outras pessoas podem sempre comer em casa...
Se bem que acho que ás vezes as crianças e as pessoas que falam como se tivessem a falar para a outra ponta da rua, incomodam mais que o tabaco..

Inútil disse...

O fumo não chateia tanto como os odores corporais.
Mais depressa se deviam delinear separações entre "lavadinhos"/"javardolas", "flatulentos"/"não-flatulentos", "sovaco asseado"/"sovaco com cheiro a bicho morto" e por aí fora.

HM disse...

E a criação de uma zona boa/zona????

E zonas anti banho de água de colónia?
E zonas sem zona?

Bjs rafeirosos de uma boazona (localização geográfica, tá claro)
HM

Perola Luna disse...

Good Morning,

aqui onde me encontro é proibido fumar em qualquer espaço fechado (estou em UK) e numa ida de fim de semana a Lisboa reparei ou melhor "senti", "cheirei" assim a minha aterragem no aeroporto um cheiro a tabacum que me fez uma certa confusao...
Ah e ah noite qd saio tb gosto de fumar o meu cigarrito, mas ir bailar e sair de la toda queimadinha dispenso!

Sleeping_Angel.69@Hotmail.com disse...

Há dias raros
Onde nos embriagamos de palavras raras
E deixamos que nos cubram de véus de linho
Talhados pelas sedes de mãos
Pedaço de Verão com a chuva a beijar-nos os pés
E a descrever-nos espaços por dentro tão maiores que nós.
Queria saber
Como se faz o amanhecer
Se semeia,
Para além de qualquer sentido,
O sentir.

tavguinu disse...

epá !

uma zona exclusiva para o rafeiro..

isso é que era !

mamie2 disse...

Olá Rafeiro!

Não tinha ouvido este comentário (aquele daquele comentador com nome fictício!) e deixa-me que te diga que eu efectivamente, como mãe, gostava muito de ter um espaço reservado ou preparado para receber famílias com crianças!

Numa visita que fiz a Londres, com a família, fiquei espantada pois para além de o tabaco estar fora dos restaurantes, mal nos sentamos e ainda antes de receber a carta, colocam um kit com lápis e bonecos para deixar os miúdos entretidos.

E o ambiente torna-se bem mais descontraído!

carvoeirita disse...

Relativamente as crianças não vejo qual é o grande incomodo..na verdade o problema é dos pais que equacionam as escolas e creches como o local onde "despejar" as crianças para obterem educação, esquecendo que a verdadeira formação parte de casa. Mas esta é outra discussão...
Relativamente ao tabaco é que sim: o ano de 2008 vai ser o meu ano!!Sou absolutamente contra o tabaco, e sinto-me mal, o cheiro incomoda-me verdadeiramente e acho que chegamos ao absurdo de estarmos a comer e alguem a esfumaçar para cima do nós, no cabeleireiro toda contente do meu cabelo e alguem ao meu lado a fumar e aquela porcaria de cheiro fica logo entranhado por todo o lado!
E acho incrivel que tenha que ser sempre eu a chatear-me: começo com tossidelas e depois pergunto: o meu comer não o está a incomodar pois não, mas olhe que o seu fumo está-me a incomodar".
Será que já não há o minimo de civismo?..

Já imprimi o decreto lei e carrego-o na minha carteira qual fiscal de fumo em busca da minha nova apreensão.
Sabes outro local onde acho incrivel fumarem: no banco.
Eu vou praticamente todos os dias ao banco devido ao meu emprego actual( felizmente tenho a sorte das pessoas que trabalham no banco serem bancários estupendos, simpaticos...não como uns e outros...bem adiante :)..
e lá por norma encontro um gajo sempre a fumar..será que não aguenta a porcaria dos 5 minutos em que está lá dentro sem poder fumar, e é uma pessoa mesmo estupida!!!já tossi, já perguntei bem alto "pode-se fumar aqui? é que me incomoda!!" e o gaijo nada!!a besta!!!
pois em 2008 já tenho tudo combinado. Quando chegar o letreiro com indicação de proibido fumar vai haver uma pequena cerimónia em que vou ser eu a colar a placa e a partir daí é que o gaijo vai ver!!
Costuma-se dizer que há o ano da caça e o do caçador. Este ano e finalmente vai ser o ano do não fumador.....
YES!!!!!!!!!!!!!

Anónimo disse...

Deves pensar que com a treta do anónimo ele não percebe que é com ele!

Vício disse...

eu também nunca fumei nenhuma criança mas por vezes dá-me vontade de lhes dar uma razão valida para chorarem alto!

rascunhos disse...

Rafeiroski levantaste aqui um sério problema social. Andas a postar sério de mais :S

Mas q há paizinhos q "abusam" e ignoram completamente as "gracinhas" dos seus rebentos lá isso é verdade.

Agora não é separando a criançada que lá vamos, antes aplicar um termo que começa a estar em desuso : EDUCAÇÃO, certo!

E NORMAS já agora também dão um certo jeito.

Ao agir assim cabemos todos e muito bem !

bjs

Marta disse...

Lololol

Eu vi quando ele disse isso!

Mas olha. se calhar nem era assim tão mau!
A zona dos gajos bons, a zona dos gajos maus!
A zona dos gajos com mau feitio, a zona dos mansos!

Era tão facil escolher! :)

Estrellinha disse...

E uma zona não-vernáculos ou não-tias?

Era nice...

Ehehehehehh!

Adorei o Post!

Beijocas

Francis disse...

fazes uma petição on-line, agora é moda, o pessoal curte aderir, e pões lá estas sugestões todas, boa ?

vsuzano disse...

Viva o fundamentalismo por tudo e por nada...Abaixo as maiorias, Acima as minorias...

Cati disse...

Este post está uma delíca, fartei-me de rir!
A brincar a brincar vais dizendo umas verdades...
Acho que nos restaurantes devia haver mesmo uma verdadeira (e não imaginária!) separação entre espaço para fumadores e não fumadores - afinal, é uma questão de respeito pela saúde de quem não fuma...
No entanto acho que estão mesmo, como diz o Miguel Sousa Tavares no seu estilo muito próprio, a encetar um "movimento2 anti-fumador, como se o fumador fosse o causador de todos os males, desde as hemorróidas ao colapso da Segurança Social.
Tudo o que é levado ao extremo é mau - olha lá os extremistas políticos e religiosos? - e se queremos ser respeitados temos de respeitar também os outros, usar de maneiras e civismo. Se o fumo de um cigarro nos está a incomodar, porque não pedir delicadamente ao fumador que acabe o cigarro noutro lugar ou que o apague? É escusado fazer como uma vez vi, em directo e a cores, um homem entrar num café e chamar puta fumadora a uma colega minha...
Hajam maneiras!!!

A zona "child-free" é uma boa ideia... melhor ideia era que os pais das criancinhas metessem definitivamente nas cacholas que as crianças têm de ser educadas... mas pronto, o comentário já vai longo e isso são outros quinhentos!!!

Festinhas nesse lombo e uma beijoca no focinho!

Cati disse...

Este post está uma DELÍCIA! (desculpa a gaffe!)

Sofia disse...

Eu proponho que essas zonas todas e mais algumas ainda se apliquem em todos os locais públicos, mesmo os abertos, como a praia. Se há zona para chapéus e para os clientes dos hotéis, devia haver zonas para os rafeiros, para as bolas, para as crianças, para os mal-cheirosos, para os que levantam muita areia com os pés, para os que levam o rádio e dão música a toda a gente... enfim, toda um panóplia de zonas à escolha. Aliás, os parques de estacionamento também poderiam ser divididos por zonas, deficientes, grávidas, idosos, com crianças, a gasolina, a gasóleo, a gaz, carros velhos, carros novos, alta e baixa cilindrada, que pretendem mudar de dono, com fugas de óleo... you name it!

Boop' disse...

Há crianças muito chatinhas...
Mas deve-se ter bom senso!

Há restaurantes onde não se devem levar... nem os pais os aproveitam!

Teté disse...

Grrrrr... (sou eu a rosnar!)

Não com o teu post - que está acutilante, como sempre - mas com a cambada de fundamentalistas que vieram práqui à "abertura da caça ao fumador".

Se algum dia me aparecer uma serigaita de fotocópia de decreto-lei, armada em minha "vigilante", garanto que até fumo 3 cigarros ao mesmo tempo, só para lhe atirar o triplo das baforadas para cima...

E não costumo fumar para cima de ninguém...

Jinhos!

eu mesma! disse...

eu como eis fumadora (vai fazer 5 anos)estou a passar uma fase em que o fumo me incomoda verdadeiramente e fico danada quando fumam ao meu lado e dessa forma invadem o meu bem estar, mas... considero bem pior do que isso, ter que aturar com os filhos dos outros quando são super mal educados (é claro que os nossos nunca são!), muitas vezes não é apenas só gritaria, mas andarem por debaixo das mesas, puxarem as toalhas , tirarem talheres e mexerem na nossa comida, sim isso já me aconteceu e por isso desejo que haja mais restaurantes e hoteis que não admitam criancinhas. Quem as tem que as ature, eu já fiz a minha parte!

conchita disse...

Gostei do texto...alias como sempre, mas vamos ao que interessa, eu fumo e neste momento devia era de fumar 2 cigarros seguidos um em cada canto da boca... mas adiante; eu também não gosto do cheiro de cigarro quando estou a comer, alias eu não gosto do cheiro de cigarro!!...eu sei, não é para perceberes. Mas acredita, incomoda-me mais aqueles pais que não fazem nada enquanto os seus filhos se dedicam a correr de um lado p´ra outro e a partir tudo que têm pela frente!! Neste aspecto tenho que concordar com o Sr. Miguel Sousa Tavares ( nome fictício claro, hehehe!!)e criar zonas "descriançadas".
Continuação de uma boa semana :)

marco disse...

mas esse gajo do Norte nao tem filhos em casa? ele é casado ao menos? se nao tem filhos e é casado vou falar com a mulher dele e fabricamos.....bem é melhor estar calado antes que me processe!

Essa da linha imaginária é mt fixe..realmente acontece em muitos lados....

boas cachimbadas!

NiNa disse...

Lol
Mas como tu dizes são manias...o fumo do tabaco prejudica a saúde da pessoa que fuma e das que estao a volta; acho que isso não acontece com as crianças...fica-se incomodado e até talvez nervoso mas isso não te traz nenhum prejuizo adicional! Há que anter o limite do razoável! Eu tb n fumo e tb n sou anti-tabaco - mas um espaço publico, fechado é uma autêntica falta de respeito fumar! Mas como tudo na vida há os que respeitam e os que não...
bjinhos :)

Carracinha linda! disse...

Óptimo post!

Concordo com a criação de zonas para fumadores e não-fumadores dentros dos restaurantes. Apesar de não fumadora, também não sou uma pessoa anti-tabaco. Mas detesto estar a comer e levar com o fumo dos outros.

Em relação ás crianças, o problema está nos pais que ficam a ver o mau comportamento dos filhos e não tomam nenhuma acção. A educação anda a falhar...

bjs

Sara disse...

Incomodam-me mais as crianças aos berros e aos guinchos que o fumo do tabaco.
Sobretudo nos cinemas quando os filmes são para maiores de 6 e alguém leva uma criança de 2 anos e a senta ao meu lado. Depois de me andar a chatear a mona, a mãe vira-se para mim e ainda diz toda inocente "se ela incomodar, diga-me..." ao que eu devia ter respondido "ah não, deixe estar, eu vim ao cinema mas foi só mesmo para fazer de babysitter enquanto a senhora descansadamente vê o filme." Grrrrr!

Pong disse...

Grande foto. Bonito.

Irritadinha disse...

Fica feliz por encontrares um lugar, que já não é mau, pá...

PsYcHo_MiNd disse...

Deves ser a única pessoa que ainda se dá ao trabalho de ouvir o que esse dito sr. diz

ternura disse...

Acho este teu texto fantástico, mas existem aqui comentários ao mesmo, simplesmente hilariantes.
Outra coisinha, fizeste muito bem em arranjar um nome ficticio,(ahahah) porque com o Miguel Sousa Tavares.....
Beijinho

Patrícia disse...

olá olá

Simples: restaurantes para fumadores e restaurantes para não fumadores. As duas coisas num espaço reduzido é simplesmente absurda...

eu, que fumo, fiz uma tentativa séria para deixar o vicio (4 meses) após ter estado no Japão onde só se podia fumar numas salas de vidro (qual aquário) que eram das coisas mais degradantes que já vi.... bera, muito bera essa minha viagem.

e sim, foi uma saída muito triste do MST. lol

bjs

Afrika disse...

Rafeiro,
vamos la falar de um pais que "todos" consideram ultra-desenvolvido e no qual eu resido neste momento... a lei anti-tabaco total em locais fechados, deu inicio o ano passado na Escócia muitos foram contra como era de esperar (os donos dos bares, discotecas, restaurantes) pois afugentava a clientela! Um ano depois entrou na Irlanda e este ano em Marco no Pais de Gales e logo a seguir em Julho na Inglaterra, que se saiba ate agora nenhum local fechou por falta de clientes, por não ser permitido fumar neste! Ca nos restaurantes tem locais próprio pra zona de adultos e zona de familias (crianças)não deixaram de ser frequentados! Eu concordo perfeitamente com ambos primeiro por que acho que (mesmo sendo fumadora) que não há nada mais desagradável do que levar com o fumo do vizinho enquanto estamos a almoçar ou seja la o que for e chato tb e' ter que aturar as birras ou o mau comportamento dos filhos da família que esta a comer na mesa contigua! As refeições sao uma altura de relax e de convívio por que fazer delas um autentico vendaval ?

patrícia disse...

Olá "rafeiro" boa noite
na verdade é bastante provável que tal venha a acontecer.. outrora, há coisa de uns 4 séc. também a habitação consistia numa única divisão em que se desenrolavam todas as tarefas domésticas, quer diurnas quer nocturnas, de todos os membros da família, desde adultos, crianças, por mais estranho que isso nos pareça.. posteriormente deu-se então toda a divisão da habitação que hoje vivenciamos, sendo que essa diferenciação já foi inclusive maior.. enfim trata-se de um contínuo personalizar o espaço, que se acresce a toda a individualidade que marca sem dúvida a actualidade e que muito provavelmente se irá alargar aos espaços públicos e sociais, aliás isso já existe noutros países em livrarias bibliotecas..em que se tem uma espécie de células individuais para um número mínimo de pessoas, no fundo é quase como que a existência dos camarotes por exemplo só que levando-se ao extremo de terem diversas variantes.. mas parece-me sem dúvida um futuro muito próximo e na verdade podem-se gerar espaços bastantes interessantes, desde que não entremos em paranóia com esta história de se separar tudo e mais alguma coisa, porque é na comunhão, na diversidade que crescemos....
beijinho

Vanadis disse...

LOOOOOOOOOOOL!! Deixa-me acabar de rir que já comento...

zé (do beco) disse...

Há pessoas que com o decorrer dos anos, e com a respectiva "tarimba" que a vida já lhes deu, se acham no direito até de ser parvos. Quanto a algumas "personalidades" da nossa praça, lá porque têm um "nome" (fora os nomes que a malta lhes chama eheheh), acham que podem ser parvos logo à saída do berço.
Eu já disse isto muitas vezes (tantas quantas as que comentei assuntos relacionados com a besta em questão): quando um "caramelo" qualquer acha que jogar à bola na praia e dar boladas na "tromba" dos veraneantes é que devia ser a regra e quem não estiver bem que se mude, até pode vir a ser Presidente da república que para mim será sempre um monte de trampa.
E quanto às criancinhas barulhentas não são elas que devem ser postas de parte. Os pais é que devem ser corridos do restaurante a pontapé, já que as não souberam educar.
E falo com a experiência de fumador, de ex-fumador e de pai. Por isso já adquiri "tarimba" suficiente para ser parvo a toda a hora

Vanadis disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOL! Ainda não acabei de rir. Já volto. Com licença.

Vanadis disse...

Gasp gasp gasp...fez-me engasgar, sr rafeiro, com tanta risada.

Vanadis disse...

Arf arf arf, páre, páre que já não aguento os abdominais!!! Já volto. Ainda não consegui parar de rir. Com licença novamente.

Tiago disse...

Sou a favor da criação de uma zona de não-fumadores. Mas quanto às crianças, de facto, os pais é que têm de meter ordem na casa e fazer com que os pirralhos não incomodem muito a malta... De qualquer forma, penso que neste caso tem de haver um pouco de bom senso, quer por parte dos pais, dos donos do restaurante e dos outros clientes...

Bom, e tudo isto para dizer que voltei à actividade ... Passa no Antitudo!

paula disse...

Acho este teu post muito oportuno e também detesto levar com o fumo dos outros enquanto como a minha bela refeição. É que ás vezes dá mesmo vontade de dizer:-"espero que a minha refeição não incomode o seu cigarrinho..."
Quanto ás criancinhas mal educadas, bem... já houve uma vez que chamei uma com um grande sorriso e lhe disse para se calar imediatamente. Ela voltou cabisbaixa para junto dos pais e eu acabei calmamente de jantar, enquanto a minha companhia receava que a minha atitude tivesse uma retaliação violenta ou menos educada por parte dos paizinhos.
Enfim... não custa nada viver, se se souber como.
Beijo rafeiro

Vanadis disse...

Ora, ora e porque não uma zona para cada gosto de cada freguês??? Acho muito bem!!! Aliás, quando for PM, será das primeiras coisas que vou proclamar!!! Haverá zonas para pirralhos mal educados (filhos ou pais), zonas para pirralhos bem educados (filhos ou pais), zonas para rafeiros perfumados, zonas para gatos fedorentos, zonas pra gaijos buédabons, zonas pra gaijosassimassimdebons, zonas de botas de tropa, zonas de machus pichus, zonas de bolinhas amarelas saltitantes, zonas de strippers do leste, e, para finalizar:

1 - zona de fumadores que não fumam para cima dos outros.
2 - zona de fumadores que expelem o tabaco para cima dos outros.
3 - zona de não fumadores que não se incomodam em levar com expelições dos outros
4 - zona de não fumadores que esganam o próximo que lhe fumar para cima.

E, não menos importante,

1 - zona de fumadores de criancinhas
2 - zonas de não fumadores de criancinhas
3 - zonas de espanquem o MST
4 - zonas de atirem o seu pirralho mal educado ao MST
5 - zonas de eu sou um criançofóbico
6 - zonas de já não tenho imaginação para inventar mais zonas.

E pronto, ficam gregos e troianos todos contentes!!! ;-D

Olá!! disse...

Não sei porque tanto falam de crianças, a maioria das vezes são os pais que vão pastar para o restaurante e as desgraçadas, cheias de energia, têm que aguentar...
Há de tudo crianças chatas e acessiveis, adultos acessiveis e outros de correr à biqueirada...
Quanto ao tabaco, sou fumadora e asolutamente a favor da completa extinção de zonas de fumo em restaurantes e afins, simplesmente porque não funcionam...
A cortar o mal é pela raiz...
Rafeiro, passa aí um palito enquanto não são proibidos hahahahaha
Lambeta (o post tá um must)

Olá!! disse...

*** absolutamente

SILÊNCIO CULPADO disse...

Pois mas o que é facto é que certas manias, hábitos e outras coisas mais que são praticados sem o mínimo respeito por quem está presente, deverão ser corrigidos no sentido dos espaços públicos serem partilhados em coexistência pacifica. Quem quiser gritar, pôr os filhos a cabriolar ou atirar fumo para o prato do parceiro deve ir fazer isso para outro lado. Eu sou uma pessoa irreverente e gosto de me sentir inteiramente livre mas procuro sempre que não sejam os outros a pagar os efeitos das minhas opções.

SILÊNCIO CULPADO disse...

Hoje no Notas Soltas temos debate sobre a legalização da prostituição. Não queres dar a tua opinião sobre este tema?http://notassoltasideiastontas.blogspot.com

Casemiro dos Plásticos disse...

e no meio disto tudo anda-se a tratar mal o plástico é uma pouca vergonha... olha o melhor á comer em casa pá!

julie disse...

Se há coisa que não suporto é ver pessoas a fumar num restaurante enquanto outras comem, acho uma falta de respeito!
Sobre as crianças, simplesmente digo que os meus gatos e cães são mais bem educados que muitas crianças por aí.
bjs
julie

Van Dog disse...

Proponho: zonas exclusiva para cães. Podem ir acompanhados dos donos (é preciso pagar...).

Gata Verde disse...

Ainda ontem "fumei" uns charritos no concerto dos cotas à conta duns meninos mal comportados...
Venha lá essa lei!

Miauuuu

Crystal disse...

Ui, estou cansada! Um post com pano para mangas e as respostas já estão cá todas.Quem me mandou chegar no fim??? Fico-me pelo olá, levo as gargalhadas de gosto e inspiro alguma indignação ao que aqui foi acrescentado. Valeram estes 15 minutos que aqui estou, foi um belo debate que me enriqueceu a noite.E viva a democracia!

Beijinhos

Sha disse...

Como tu não vais a restaurantes (o raio da plaquinha com "proibida a entrada a rafeiros" sempre à porta, né?!?) há que vingar-se no resto da malta!

Que culpa têm os coitadinhos dos viciados em nicotina ou os doutores encarregados de educação e as suas kidas criancinhas, que tu tenhas a entrada barrada em qualquer tasca, por mais reles que seja?

Lá porque tu não entras (e ponto final!) há que descriminar a gentes?

tsst, tsst... tá mal, Rafa!

Olha, o meu 'arraçado' de Labrador convida-te para um repasto cá em casa!
Vais ver que aqui se tratam todos por igual: os canitos ficam lá fora na barraca, com direito a ração de qualidade, adquirida no Lidl (passo a publicidade...)!!

Bjoca fofa!!

Diabba disse...

Eu sou mais a favor de espancar os pais que deixam os rebentos andarem em correrias desenfreadas pela sala, enquanto comem como se não cochecessem os mini-terroristas!

Sou não fumadora (os vapores do Inferno já são poluentes o suficiente), mas sou absolutamente contra esta sanha de proibições.

Deviam, pelo menos, dar opção aos donos de determinados locais, escolherem se querem ou não que se fume ali.

Pelo bem estar dos não-fumadores, ficam os fumadores em grande stress e com ataques de ansiedade, não me parece bem!

beijos d'enxofre

Pitanga disse...

Ai o que eu ri com a "zona descriançada"!
Quanto a linha imaginária, o pior era quando a zona de fumadores dentro do avião era da poltrona de número trinta em diante. E quem sentava na vinte e nove?

Mas realmente aprovo esta medida de não fumarem em restaurantes, o que em Portugal deve ser complicado porque fuma-se bastante.

abraços

mjf disse...

olá srº rafeiro
Eu acho que os extremos são maus...mas em recintos fechados, que será o caso de restaurantes, deve ser proibido fumar, ponto final.Querem fumar vão para a rua apanhar fresquinho, e satisfazer o vicio. Na suécia, que eu conheço bem acontece assim, e as pessoas que querem fumar, fumam e não incomodam os não fumadores...há respeito mútuo...
Em relação a crianças mal comportadas, também me incomodam. naturalmente, mas os Pais só podem educar se forem pessoas bem formadas e com principios...não se pode dar o que se não tem!!!
Sou contra os exageros e fundamentalismos, mas haja respeito pelos que querem ou tentam manterem-se saudáveis...
Claro que me podem dizer que os fumadores , também têm os seus direitos, concordo, mas suicidem-se sózinhos e longe...
Beijos

FG disse...

Pois eu se algum dia encontrar num restaurante esse senhor cujo nome ficticio tu indicas, corro para casa a buscar a minhas pimpolhas, que com instruções precisas, vão fazer o dito senhor queixar-se com razão ... hummppfff


Da ultima vez que estive num restaurante com uma besta de cigarro, que tinha a mania de soprar o fumo para cima de mim disse-lhe : "voltas a atirar-me fumo para cima e eu espeto-te este garfo na mão!" (isto enquanto levantava o garfo)

Su disse...

Sinceramente já me irrita tar sempre a levar com o fumo dos outros, e quando tou a comer então.... grrrr

O mais caricato então é vê-los a fumar descontraídamente em zonas de não fumadores, quantos já não vi a acenderem um cigarro mesmo por debaixo do sinal de proibição...

É por haver este desrespeito enorme dos fumadores para com os não fumadores que estou ansiosa que chegue o dia 01 de Janeiro de 2008.

Pacanherros disse...

Meu, isse tá bem viste sim sinhor! Se bem que muitas vezes tudo poderia ser resolvido com um pouco (para não dizer bastante) de civismo.

Ames embora Louletaaano!

Anónimo disse...

a mim me incomoda o fumo pq sou asmatica e sofro muito com isso :(
hje deixo para ti um jardim para passeares e refletires :) vamos lá ver se hoje gostas do meu jardim :)
eheheheheh
bjo e boa semana
carla granja
http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt

Anónimo disse...

bhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
doido... viste um sapo ? és mesmo lol
carla granja

Rafeiro Perfumado disse...

Medusasss, eu talvez concorde contigo, quando descobrir que raio é um oligofrénico. Não me estás a insultar nem nada, pois não?

Tita, só o título? Sniff....

Marrie, acho que os restaurantes ficariam parecidas com um tabuleiro de Xadrez, onde cada passo teria de ser muito bem calculado, para não sermos sumariamente postos fora de jogo. Beijo!

Hydrargirum, e vale muito, ainda mais porque, por coincidência, concordas comigo. Caso contrário, o valor da tua opinião teria de ser reconsiderada... Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Marina acentuada ou não, e qual é o teu grau de parentesco com o gaijo de nome fictício? ;)

Inútil, pelo sim pelo não, os flatulentos ficariam perto dos fumadores. Nunca se sabe o que poderia acontecer quando acendessem um isqueiro...

HM, não sejas mazona! A zona sem zona já existe e tudo, chama-se rua! Beijoca de um gaijo sem zona!

Pérola Luna, por vezes só me apercebo do tabaco que inspiro quando chego a casa e mando a roupa para cima da cadeira e ela fica a fumegar...

Rafeiro Perfumado disse...

Sleeping Angel, mais um daqueles contributos para a discussão que lançam efectivamente uma nova luz sobre o tema. Obrigado, pá!

Tavguinu e eu sei quem me vai lá fazer companhia. Sempre solidário, este Tavguinu...

Mamie2, então pelos vistos coincides na opinião com o tal comentador com nome fictício, apesar de vos separar um mundo de motivos! Mas concordo contigo, uma atençãozinha para com os mais pequenos fica sempre bem...

Carvoeirita, eu imagino se tu tivesses vivido na altura em que foi concedido o direito de voto às mulheres, já te estou a ver a andar com a Constituição na sacola. E também não me custa imaginar agora a andares com o Decreto e uma bisnaga, para “apagares” os prevaricadores! Eu só há uma situação em que vou ser mais intransigente: a tasca onde almoço, que é minúscula, se continuarem a permitir fumar, vou quebrar uma relação já com muitos anos, mas a minha saúde está primeiro. E nunca mudes essa tua opinião sobre os bancários, alguns são mesmo muuuuuuuito simpáticos!

Rafeiro Perfumado disse...

Anónimo, estranha escolha de palavras, para mais vinda de um anónimo...

Vício, uma vez quando ia no barco para o Barreiro, ia uma criança com uma pistola, a fazer uma chinfrineira que nem te passa. O olhar que lhe mandei foi suficiente para a silenciar, apesar de já ter ouvido que ainda anda a ter acompanhamento psicológico...

Rascunhovsky, e se forem as criancinhas a fumarem? Como é que a coisa fica? E cabemos se não forem todos ao mesmo restaurante... Beijos!

Marta, cm a tua sorte cheira-me que irias cair na zona destinada à dos gaijos maus e com mau feitio...

Rafeiro Perfumado disse...

Estrellinha, isso em algumas zonas do país era caso para levar a indústria da restauração à falência! Beijocas!

Francis, só faria uma petição on-line para assuntos mesmo sérios, como a recolha de fundos para o meu plasma, tudo o resto não me interessa assim tanto... ;)

Vsuzano, neste caso acho que é mais uma ditadura da maioria.

Cati, mas quem raio é esse Miguel Sousa Tavares que referes? E não confundas os anti-tabaco com um simples animal como o que se dirigiu à tua colega. Acho que nessa situação o melhor que ela tinha feito era ter apagado imediatamente o cigarro, mas de preferência na testa do jove, enquanto exclamava “chamar-me de puta ainda vá, agora fumadora... haja respeito!”. Que pena teres corrigido a palavra, sempre desejei que alguém apelidasse um texto meu de “delíca”. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Sofia, essa de zonas para rafeiros nas praias era porreiro... quanto às zonas de estacionamento específicas, por exemplo para as mulheres, há sempre o problema da falta de espaço. COF-COF-COF!

Boop, sim, algumas criancinhas em restaurantes só mesmo na travessa e com a maçã na boca...

Teté, não te conhecia essa faceta! Calma, jove, calma, aqui este blog é uma espécie de zona desmilitarizada, onde todas as opiniões são bem vindas. Claro que se quiserem resolver a contenda num tanque com lama, eu trato de tudo! Beijocas!

Eu Mesma!, relativamente ao que te aconteceu no restaurante, peço imensa desculpa, mas foi uma fase complicada que o meu sobrinho estava a atravessar. Mas agora, depois dos electro-choques, está muito melhor, apesar de continuar sem ir a restaurantes por causa de se babar um bocado...

Rafeiro Perfumado disse...

Conchita, isso é o mesmo que alguém estar a comer algo, com um ar deliciado, enquanto diz “detesto esta bosta”... uma das melhores bocas que já vi em relação às crianças foi num livro do Dilbert, onde é oferecido aos pais dos pirralhos uma garrafa e uma vasctomia, com os cumprimentos da mesa 2. Beijoca!

Marco, o gaijo do norte não sei, mas o tipo com o nome fictício tem. Mas só devem sair de casa para entrar no convento... Abraço!

Nina, só trará prejuízo adicional se enfiarmos metade dum pão pelas goelas abaixo do petiz, caso em que possivelmente os pais nos poderão processar... Beijinhos!

Carracinha Linda, sou exactamente da mesma opinião, à refeição gosto de cheirar o bifinho, os condimentos, o vinho, o café, o pão. Tudo o resto já me basta quando atravesso a rua! Beijos!

Rafeiro Perfumado disse...

Sara, és uma mal agradecida. Em certos filmes, como por exemplo o Pearl Harbour, essas crianças são um autêntico bónus, uma vez que recriam na perfeição as sirenes de ataque aéreo! E não pagas mais por isso!

Pong, algo vai mal quando o que chama a atenção dum poste é a foto... ;)

Cunhada, eu só vou a sítios manhosos, pá, há sempre lugares, nem que seja pelo anterior cliente ter tido de sair à pressa em direcção ao hospital!

PsYcHo MiNd, (ainda me hás-de dizer porque raio alternas letras maiúsculas com as outras), eu gosto sempre de ter motivos para dar uma boa gargalhada...

Rafeiro Perfumado disse...

Ternura, nem eu me atreveria a meter com o MST, o gaijo tem fama de ser violento. Agora até meti só a sigla, não vá o gaijo andar a fazer pesquisas na net a ver sítios onde possam estar a falar mal dele... Beijinho!

Patrícia com Blog, não me digas que o MST disse uma coisa do género?!? Desconhecia, já viste a coincidência? Também acho que a melhor solução passe por uma especialização dos restaurantes, assim sempre podemos decidir se queremos ir jantar ao “Peru Fumegante” ou ao “Pulmão Limpinho”. Beijos!

Afrika, claro que quando há uma alteração de costumes há sempre uma grande resistência, ainda mais essa resistência vindo da parte duma parte significativa da população. Acho que se houver bom senso e respeito de parte a parte, tudo se processará normalmente. Infelizmente estamos em Portugal, onde essas características não são propriamente abundantes...

Patrícia sem Blog, eu não me recordo bem desses tempos, mas acredito na tua palavra. Nesses tempos gloriosos os animais viviam em comunhão com os humanos, numa alegre rebaldaria, que certamente deu origem a muitas espécies novas. Essa diferenciação tem vindo a sofrer recuos, o mais comum deles é no trabalho, com o célebre open-space. Mas agora quando entra em cena algo que notoriamente prejudica a saúde, as coisas piam mais fino... Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Vanadis, essa de teres ido embora para voltar mais tarde não me convence, foste é fumar um cigarrinho!

Zé do Beco, o exemplo da praia é de tal grandeza que não o quero esgotar aqui, uma vez que acho que merece um texto totalmente dedicado. Só te digo que mete carabinas... Abraço!

Tiago, ou isso ou armas com tranquilizantes, dentro duma caixinha de vidro, para partir em caso de emergência! Abraço e bem vindo de volta!

Paula, acho delicioso um vídeo que vi em tempos, em que estão duas pessoas a comer e uma delas fuma. O outro não faz por menos, abre as nádegas e cá vai disto. Já houve várias vezes que estive tentado a fazer o mesmo... Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Vanadis, no dia em que tu fores PM, tenho quase a certeza que vamos ver alguns cavaleiros a vaguear pela terra, anunciando o apocalipse. Isso é que vai ser desbundar! Quanto às tuas zonas, eu já sei que vou comprar um lugar permanente na das strippers de leste! Curioso é que das zonas todas que disseste, não vi nenhuma nem para gregos nem para troianos, como é que eles podem ficar contentes?

(passando o palito)
Olá!!, usa o outro lado, que este já utilizei.... e concordo “asolutamente” contigo, mais vale fazer uma mudança radical do que ir criando zoninhas que só trazem é confusão e potencial chapada! Beijo!

Silêncio Culpado, acho que esta é mais uma situação em que a liberdade de um termina onde começa a liberdade do outro, e por muito que custe aos fumadores, o hábito deles é efectivamente nocivo... Beijo.

Casemiro dos Plásticos, sim, pelo menos lá em casa posso espancar impunemente quem não fizer o que eu disser. Se a minha jove deixar, claro...

Rafeiro Perfumado disse...

Julie, mesmo não conhecendo os teus cães e gatos, acredito piamente no que dizes. E muito obrigado pelo mail, vou dedicar-me a ele, acredita. Beijo!

Van Dog, desde que sejam os donos a pagar, totalmente de acordo. Mas quem se senta no chão são eles!

Gata Verde, e não fumaste mais porque não fizeste como eu, que me empoleirei em cima do jove. O concerto até ganhou mais cor!

Crystal, é a beleza da blogosfera, não é? Pelo menos por enquanto é um espaço em que todas as ideias são aceites e publicadas. Pelo menos até o administrador do blog resolver censurar alguma voz que não concorde com ele... ;) Beijinhos e bem vinda à minha humilde casota!

Rafeiro Perfumado disse...

Sha, dizes tu, que não vou a restaurantes. Da forma como muita gente se comporta, acredita que o meu comportamento é muito menos animalesco! E eu tenho um acordo com alguns donos, eles deixam-me entrar e eu não lhes fecundo as jantes do BMW! Beijoca fofa!

Diabba, eu pura e simplesmente sou a favor de espancar, o motivo é um pormenor de importância menor. A opção acho que vai ser dada, inclusive a generalidade vai optar por proibir dados os custos (sempre eles) que implicaria a criação de zonas separadas à séria! Beijoca!

Pitanga, e nos aviões o pior era que o fumo se acumulava todo lá atrás, como se estivesses a fumar em permanência! Nem sei como os gaijos conseguiam aterrar, no meio de tal nevoeiro... Abraços o tanas, beijocas.

MJF, gostei do respeitinho “senhor rafeiro”... quanto ao teu comentário, perfeito. Neste tema, só tive pena de não explorar a hipocrisia que é a venda do tabaco ainda ser legal, pois bem vistas as coisas, é quase como vender abertamente cápsulas de cianeto, para consumo próprio, desde que tenhas mais de 18 anos. Mas enfim, o Orçamento de Estado implica aberrações como esta, não é? Beijos.

Rafeiro Perfumado disse...

FG, olha que o senhor do nome fictício é rapaz para enrolar uma das pimpolhas numa mortalha e tentar fumá-la! E qual foi a resposta da besta? Ou ainda está neste momento a correr?

SU, dou-te outro exemplo. É proibido fumar nas instalações do Metro, pois eu já vi seguranças a fumarem lá dentro. Olhei para ele, depois para o sinal de proibido fumar, depois para ele, outra vez para o sinal. Achas que ele percebeu?

Pacanherros, Louletano? Atão mas tu não torcias pelo Portimonense? Ou os gaijos fumam?

Carla Granja, no teu jardim apenas falta um nenúfar, onde delicadamente se manteria em equilíbrio o gaijo com nome fictício, enquanto os visitantes se entreteriam a atirar-lhe criancinhas fumegantes... Beijo!

Marisa disse...

Com que entao as crianças são nocivas!
Acho bem criarem zonas de fumadores e não fumadores em certos espaços, principalmente em restaurantes. Mas essa ideia das crianças é um bocado insensivel! As crianças, tal como disseste, agem como crianças. Cabe aos pais educarem-nas para se portarem como deve ser em sitios publicos.
Por ex, um truque para os pais almoçarem calmamente com os filhos pequenos ao lado, é darem-lhes o comer antes de irem para o restaurante. Assim já não há birras as refeições :)

Miguel Sousa Tavares disse...

Usaou o meu nome??? Desafio-o para um duelo atrás da igreja ao amanhcer, deixo-o escolher as armas!!!

(Rafeirinho, sou sou a Atlantys hihihi)

Laura disse...

Meu menino, Há que manter a proibição. e os donos não devem deixar que quem fuma onde não pode não deve mesmo fumar... a lei é para todos, e palermas são os que a desafiam quando começarem a pagar as multas depois....
Eu nem fumo, só dei umas fumaças aos 18 anos no filme Love Story com o Ryan Ó neall e aquela gaja toda boa que já não me lembro o nome , fumei que nem burra, para me armar, mas quando acordei de manhãzinha o chefe já sabia de tudo, apre, e com as luzes apagadas e tudo, realmente o mê pai tinha os informadores dele...

Su disse...

tb eu já apanhei a fumarem no metro, mas em vez de olhar digo logo, "caso não saiba não é permitido fumar aqui!" e aponto para o sinal de proibição (que ainda por cima estão por todo o lado) é vê-los a apagarem logo o cigarrinho eheheheh!!

Sandra disse...

:))

mesmo no meio da das crianças

epah rafeirola, isculpa lá e assim, mas tens cá uns maus instintus q bai lá bai...pracasu pensas te nas pobres das criancinhas pensas te?????????????

besuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus pa tu

Nanny disse...

Oh! Fazfavor!

É um lugar de fumador, não-nudista, sem-hemorroidas, sem-crianças e sem-cães!

LOL

Beijocas

Sol disse...

Boa!!! Concordo contigo... e lugares para bêbedos e não-bêbedos, lugares para quem usa e abusa de perfume (eu detesto) , etc, etc, ....
Já que o povo é tão "esquisitinho"!!!

Bom fim-de-semana

Maga disse...

querido rafeiro, perspicaz como sempre!
sou inteiramente a favor do espancamento que referes, mas faltou-te a zona para os adolescentes! que coitados, não fazem por mal mas conseguem ser pior que os adultos e as crianças todos juntos... ihihih
(se a minha filha lê isto estou desgraçada!)
beijufa!

Vanadis disse...

LOOOOOl, rafeiro, era dificil ir fumar, já que não fumo. ;-) LOL! A não ser os charros dos outros, nos concertos...

Nuno disse...

olá! Tens razão, eu tb sou não fumador mas acabo sempre por levar com o fumo das outras pessoas. Se houvesse uma zona para cada categoria, como a que descreveste, o restaurante ia á faléncia antes de abrir as portas. Um abraço!

pmoedas disse...

Gostei do teu post..e da linha imaginária, mas existe tantas outras coisas q incomodam..
Bom era, cada um ter um mundo só seu, mas p isso já viste qtos mundos eram precisos?!?! e conseguias conviver com a tua solidão e pessoa?!?!
Kiss

Amsilva disse...

bem , como não fumador voto pela zona livre de fumos, não vão bem em vez do molho escabeche, ou mesmo em cima dos cogumelos

a zona de ciranças?!? que tal em casa com os pais? assim os pais podem facilmente deixalas fazer um berreiro enquanto se fazem de surdos, a culpa não é das crianças!!!

esse sr MST, por favor, ele não sabe ser pessoa quanto mais desclassificar as crianças, ele foi uma criança com uma infancia muito dificil ehehehe
tem problemas
mentais
por isso tem os cargos que tem
eheheheeh

medusasss disse...

Segunda volta, o senhor dança?
Rafeiro, oligofrénico é uma palavra composta por aglutinação que junta dois radicais: oligo e frens, ambos oriundos do grego.
Trocados por puppies, oligo - pouco e frens - inteligência, dá qualquer coisa como atrasado mental (pouca inteligência).
Não te chamei nomes rafeiro, claro que não! O único adjectivo que alguma vez me verás aliar ao teu nome é Perfumado, que, vê lá a coincidência, já é teu!
Mas passo a explicar: todos os grandes génios reconhecidos pela humanidade só o foram em capacidades cognitivas, esquecendo que aquilo que nos torna humanos é aquela amálgama tortuosa de razão, sentimento e instinto.
Ora, todos os génios, especialmente aqueles que gostam de se fazer passar por tal, sempre foram autistas em termos emocionais e societários, com um nível de interacção social (comprensão) tão bom como os ditos atrasados mentais (que são muito + simpáticos).
Por mim era junta-los todos à mesma mesa, para ver se aprendemos finalmente qualquer coisa sobre o que torna o ser humano VALIOSO!
(mil desculpas pelo comentário mais que longo, excedo-me, como sempre)
***

Bongop disse...

E que tal comer no conforto do lar apenas com familia e amigos ? Hein? Não é fixe ?

Som do Silêncio disse...

Olá Rafeirito!

Já diz o ditado que existe uma primeira vez para tudo, e olha, desta vez calhou-me a mim ( eu que nunca faço disto!!!)

Tens uma coisa lá no meu espaço :)

Bjs

julie disse...

Os meus animais são bem educados porque eles sabem que há regras, ao contrário do que fazem muitos pais por ai, que esperam que as escolas educem os filhos e ficam admirados quandos os professores queixam do mau comportamento dos filhos.

Sobre esse senhor (MT para os amigos)acho que ele tem a mania que sabe tudo e sobre tudo, nesse dia teve azar com as palavras.
bjs
julie

P.S.Sobre o mail, demora o tempo que precisares, e ainda bem que gostaste do tema, senão teria que espremer o meu cerebro á procura de algo interesante. Ora diz lá, quando eu quero até escrevo bem!

egodependente disse...

Tentei ler os comentários todos, mas eu tenho uma vida para viver....
Primeiro, os meus parabens. Tens tanto jeito para escrever rapidinhas como para fazer sarcasmo de um assunto sério (e isso é bom). Odiei o Miguel Sousa Tavares a partir do momento em que ele deu essa entrevista. Só porque não têm idade para comprar os livros dele, não é necessário aniquilá-los. E depois, alerta-se os pais para a educação, não se compara um puto com um cigarro. E depois, é claro, crianças são crianças e fazem barulho e ainda bem. Outra coisa fixe é uma coisa chamada tolerancia. Eu tolero o Miguel Sousa Tavares cada vez que ele aparece na TV e nas revistas a discutir merdas. Ele tolera os meus filhos quando eles estão no mesmo restaurante que ele. Boa?

(beijinho)

turbolenta disse...

Não fumo.
Não gosto de tabaco.
Incomoda-me, porque me consegue deixar quase a sufocar.Sou incapaz de entrar em ambientes onde haja uma nuvem de fumo de tabaco.
Acho que os que não fumam não são obrigados a fumarem o fumo dos outros. No restaurante não suporto quando o vizinho da mesa ao lado,mal acaba de comer puxa do cigarrito e sopra para cima de cima.
Aí...passo-me dos carretos!
A maior parte das pessoas não sabem o que é ter respeito pelos outros.
Acho bem que haja zonas distintas para os não e sim fumadores.
Mas o mais giro é que, na maioria dos casos, a zona de não fumadores fica ao fundo da sala,com má tiragem (ou nenhuma) de fumo e, para lá chegar temos de atravessar o deserto da fumarada.
Mas também me parece que se venderem tabaco, não o podem proibir de fumar!
As crianças a guincharem também são insuportáveis nos restaurantes.
Em Inglaterra ,há muitos restaurantes onde elas não podem entrar.
Se está bem ou mal, não discuto.

bom fim de semana

oArtista disse...

(A recuperar a respiração depois de ir às lágrimas com o riso)...
E como de forma despudorada, leve e hilariante se consegue falar tanta verdadde, sobre algo tão sério e real.
Mas olha lá...Miguel Sousa Tavares?? tribunais e porrada?? És rafeiro ou és um rato??
Quanto a esse personagem, ouvi dizer que se submeteu a uma vasectomia, para poder comer descansado...
E quanto á zona das pessoas que deviam estar caladas...todos os restaurantes com lugar reservado para o Miguelito...

Rafeiro Perfumado disse...

Marisa, a tua dica só tem um senão, é que quando eles já vão “comidos”, ficam mais impacientes porque não têm nada para fazer. E aí as coisas podem ficar fora de controlo!

Atlantys, se o gaijo me desafiasse, sei bem quais as armas que escolhia: cartão de sócio do SLB! Era da maneira como ele ia desarmado para o duelo!

Laura, terá sido dos informadores ou do teu hálito a tubo de escape? ;)

SU, eu prefiro mandar-lhes olhares de desprezo. Afinal, se eu os avisasse, eles apagavam o cigarro e melhoravam a sua saúde. E eu não quero isso… ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Sandra, por acaso pensei, e acho que tinha de lhes dar coisas bem pontiagudas, pesadas e barulhentas. Beijocas!

Nanny, está-se mesmo a ver que um lugar assim só mesmo no telhado! Beijos!

Sol, neste assunto, o céu é o limite, desde, claro, que não queiram fazer divisões entre voadores e não voadores! Beijoca!

Maga, não consigo levar a mal os adolescentes, uma vez que não foi assim há tanto tempo que me portava igual ou pior, com as célebres batalhas mesais nos restaurantes. Talvez quando apanhar com o próximo grupo mude de opinião! Beijufa!

Rafeiro Perfumado disse...

Vanadis, ainda na terça fumei pelo menos uns 3... Uuuuuuuuu! Ainda consigo ver vacas a voarem e tudo!

Nuno, ou então reflectia os custos no preço das refeições, e quem pagava (como sempre) éramos nós! Abraço!

Pmoedas, num mundo só meu não faltaria companhia. Talvez fosse difícil convencer a Nicole Kidman, mas valia a pena tentar! Kiss!

AMSilva, eu também acho que os traumas do tal gaijo com nome fictício devem ter sido derivados de brincadeiras em criança, mas não vale a pena aprofundar tristezas aqui. Grande abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Medusasss, consigo sempre! Sabes que eu grego, ainda mais depois da final do europeu, não gosto muito, mas agradeço desde já a explicação. Amanhã já vou poder insultar os meus colegas! Quanto à extensão do teu comentário, o problema é apenas teu, uma vez que não te pago à palavra! ;)

Bongop, desde que os amigos não fumem ou levem ranhosos hiperactivos, é o ideal! Abraço!

Som do Silêncio, espero que tenhas consciência daquilo em que me meteste! Beijo rosnado!

Julie, só nesse dia? Considero a pessoa em causa quase brilhante, mas que perde o discernimento quando os assuntos lhe dizem directamente respeito. Aí passa a besta. E escreves lindamente, Julie, nem sei o que esperas para criar um blog. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Egodependente, mas devias ter lido, depois mandavas-me um email com um resumo, serias bem quiduxa! E porque raio falas tanto do Miguel Sousa Tavares? Foi só um nome fictício que inventei! Beijo!

Turbolenta, o teu comentário está divino. Frases curtas. Concisas. Gostei, e concordo. No prédio onde trabalho, por exemplo, o pessoal fuma à porta. Quando saio para o almoço, fumo meio cigarro. Quando volto, fumo a outra metade. Não falha. Beijo. Bom fim de semana.

O Artista, definitivamente, sou um rafeiro. Mas um rafeiro precavido! Para problemas já me basta o sacana do BCE a aumentar as taxas de juro! Um abraço!

Blayer disse...

Sou mais apologista de criar restaurantes em vez de divisorias, assim á pergunta "onde vais comer"? Um individuo poderia responder:

- A um vegetariano e tu?

- Eu vou a um fumador.

- A um fumador? Tás cheio de dinheiro.

-Recebi hoje.

- Epá então vamos festejar, bora a um chinês?

- Nudista ou não nudista?

- Epá um dia não são dias, vamos a um nudista.

Cati disse...

Este blog é uma DELÍCA!!!

(LOL)

Beijo!

su disse...

Simplesmente espectacular...digno de um "Contra" num EXPRESSO! :))

AnaD/FG disse...

Vê-se mesmo que não conheces as minhas pimpolhas ... a mais nova fazia o MST desesperar em poucos minutos ...

A besta olhou para mim, mediu se eu tava ou não a falar a serio ... e apagou o cigarro! Como nunca mais me sentei ao lado de tal pessoa não sei se ele repetiria a gracinha ou não ... mas que eu espetava-lhe o garfo na mão, ai isso espetava!

Laura disse...

Informadores, sei de fonte segura a minha mãe até me foi acordar por causa disso..não chegou ter chorado mais de metade do filme, ah a gaja chamava-se Ali mac graw, coisa assim, já me lembrei, ela morre no filem, eu chorei que me fartei e no fim tiram-me da cama zangados porque era uma vergonha fumar na rua e portar-me bem em casa e mal na rua, mas...tubo descape? hum, nem cheirava assim tão mal era AC o tabaco da moda ehhhhhhhh eu e a landa compramos o maço a meias e ela guardou o resto na bolsa dela pá minha mãe na me apanhar e mesmo assim...Belos tempos..ai a saudade e o presente...já ouvi......

Statler disse...

Tanta gente, porra chega-te para lá. Isto parece a baixa em hora de pontas!

Statler disse...

Não vejo a minha imagem, que coisa terrivel e logo eu que sou tão lindo. Volto noutro dia, vim aqui para me ver e não me encontrei.

Waldorf disse...

E logo nós que tanto gostamos de ver as coisas do camarote, estamos com cento e tal pessoas que conseguem ver o espéctáculo melhor que nós!

FUCKING

Vou embora!

Waldorf disse...

Aqui somos meras letras!
Opáh pega na trouxa e acompanha-me... despacha-te que amanhã tenho fisioterapia!

Waldorf disse...

Pela fresquinha (a fisioterapia)...
Tem lá uma enfermeira ui ui que não é nada fresca, deve ser bem quente.

Schlumpy disse...

Por mim era fácil: Nos restaurantes seria proíbido fumar. Além de ser nocivo para a saúde é anti-higiénico.

Quanto às crianças... há pais que deveiam ser proibidos de ter filhos...

Dragão Azul disse...

O ideal era acabar de vez com as zonas de fumadores nos restaurantes, nimguém podia fumar e acabacva-se a história e já que estou com a mão na massa.... hehehehe, devia de ser proibido a utilização do telemovel nos restaurantes.
E digo isto não por fazer mal á saúde fumar ou uzar o telemovel porque se for a olhar para isso muitas coisas seriam proibidas, é mais pelo incomodo.

Bom fim de semana.

. disse...

Tragã lá as lenguiças , as entrameadas , pinga da boa e rapaziada amiga , cas brazas já cá tã à espera ...
Tou-o cá aqui neste endreço .
Charroco http://charroco.blogs.sapo.pt/
Atão proqui nã dã lá uma saltada , tã todos convidados pôrra .
Ê lá os'pero .

www.intimomisterio.blogs.sapo.pt disse...

Aplaudo de pé!!! ;)


Não sei o que é mais gostoso:
E expectativa e a ansiedade
da ante-véspera do amor,
O colorido e o abandono
do momento cósmico do orgasmo
ou a lassidão e os espasmos de prazer
no repouso de teus braços.

beijocas na boxexa
Bom fim de Semana
Arte de Amar

Paula Raposo disse...

Eu cá subscrevo!!! Mas eu até fumo!! Beijos.

Rita disse...

e Zona para pessoas com telemóvel com toque "Ai Jesus mas onde é que foste desencantar isso"...

Eu já fui fumadora e mesmo assim me encomodava o fumo enquanto comia. Aho que uma pessoa vai a um restaurante essencialmente para comer e como tal se quiser fumar vai ali e já volta.
Festas

Maga disse...

rafeiro, tens um miminho no meu blog, espero que gostes.
mereces mais, eu sei, mas é o que há... ihihih
beijufas!

Andreia do Flautim disse...

Essa lei já vem tarde, eu como não fumadora incomoda-me imenso estar num lugar publico descansadinha a comer ou a beber quanlquer coisa e começar alguém na mesa ao lado a fumar. O fumo incomoda-me muito mais do que ouvir uma criança a chorar, apesar que algumas são mesmo irritantes...

Simplesmente eu... disse...

concordo inteiramente contigo!
Eu chateio-me sempre k levo com o fumo dos outros! sou não fumador... E tenho a sorte de levar com aquelas reuniões de horas numa sala minúscula com pessoal k fuma.... Palavras para quê?
será que se eu fosse para lá largar Peidos eles iam gostar?!
afinal é um cheiro como outro qq! e se eles acham k eu devo aguentar com o cheiro dos cigarros, não achas que tenho o direito de os fazer aguentar com o cheiro dos ditos?!
um abraço

paula disse...

rafeiro, o teu comentário fez-me lembrar aquela pequena q diz que acendia sempre um cigarro para disfarçar os odores do seu querido ex-amado.

veni_vidi_scribi disse...

Nock...Nock...

Bato à porta e peço licença para linkar este espaço... :)

Gostei da visita e espero poder voltar :)

Um abraço

zetrolha disse...

Os portugas já vão à gota e aos caramelos a Espanha,agora aproveitam,enquanto atestam o depósito,para fumar um cigarro.
Um contra a ter em atenção:os cardiologistas,dermatologistas,etc,não tardam nada e estão a fazer manifestações contra a falta de trabalho.

Whispers in night disse...

Ah, aqui ja faz tempos que nao se fuma em restaurantes, bares, cafes, ou nada publico
Acho que se deve respeitar mesmo quem nao fuma.
beijos
Whispers

Oliver Pickwick disse...

Essa lei já vigora aqui no Brasil - para qualquer recinto público fechado, há mais de três anos. Mas fizeste uma sábia observação, Rafeiro, nos restaurantes, realmente, o que separa as duas alas é uma linha imaginária, como a do Equador.
Deveria ser nomeado legislador, meu prezado amigo.
Abraços, e um ótimo fim de semana!

Bruno disse...

Não te referiste uma zona muito importante, a zona do peido. Esta zona serve para aquelas pessoas que gostam de estar a comer e a desgazar de forma a obterem mais espaço para a refeição que estão a comer. Mas podes pensar ainda numas zonas tipo: Politico honestos, politicos mentirosos. Area média para politicos honestos 1 m2 e sobra espaço, para os politicos mentirosos bem temos que acabar com todas as outras zonas.
Já agora acabei de me recordar já que se fala em zonas para cada gosto tambem vão colocar zonas de xuto???? já agora era o que faltava...

Inté

rui disse...

Olá Rafeiro Perfumado

Um dos problemas do tabaco é o incómodo que causa aos não fumadores.
Na época “ vitoriana”, as casas tinham salas de fumo para onde qualquer pessoa podia retirar-se e assim satisfazer o seu vício sem incomodar as outras pessoas.
De futuro, talvez se construam restaurantes com salas aparte para os não fumadores.
Quanto há presença de crianças, acho um exagero estarmos a querer excluí-las só porque eventualmente poderá uma ou outra exceder-se um pouco mais.

Grande fim-de-semana
Abraço, rafeirito

Pisces Girl disse...

Quando vou lanchar a uma pastelaria, jantar a um restaurante ou vou ter com as minhas amigas a um bar, sinto-me incomodada com o fumo e o cheiro do tabaco. Só espero que a nova lei que vai vigorar apartir do dia 1 de Janeiro, seja mesmo para cumprir.
Quanto há presença de crianças, não me incomodam nem um pouco (a menos que se ponham a berrar alto)...

Um beijinho grande,
Pisces Girl.

astuto disse...

Excelente post! Adorei, continuas com muito talento, pena eu não poder passar por aqui mais vezes...

O MST tem, como bom pseudo-intelectual que é, umas tiradas que ver transformadas em verdades. Que se limite a ver o FCP e que continue a torcer contra a selecção, pois só dá mais força.

Quanto a sugestões para criação de salas próprias em locais públicos, eu sugeria sala para fornicadores compulsivos! Pois se há fumadores que não aguentam uma hora sem puxar de cigarro, porque é que um fornicador compulsivo não pode satisfazer, também, as suas necessidades logo ali?

Cumprimentos rafeiros!

Laura disse...

Então nino, rebolou lá plas planicies de neve das Andorras? e levou os esquis às costas ou espetou-os nalgum lado? é que me pareceu ver um jove conhecido a cair pela ladeira abaixo, mas...
Jinho.

Rafeiro Perfumado disse...

Blayer, um nudista fumador deve ser lixado, se por acaso deixam cair o cigarro...

Cati, e tu és uma mulher de coragem! Bem dada! Beijo!

SU, não sei o que é isso do “contra”, mas presumo que me estejas a elogiar! ;)

Ana / FG, pelo que vejo ele era teu conhecido! Fosca-se, nem quero pensar no que lhe farias se o gaijo se gaseasse!

Rafeiro Perfumado disse...

Laura, pronto, se não foi o bafo talvez te tenhas esquecido dum cigarro na orelha, ou coisa do género! Beijoca!

Statler e Waldorf, ainda não consegui decidir se vocês são mesmo marretas ou outra coisa menos anedótica...

Schlumpy, eu que o diga, que uma vez me calhou uma beata em vez de uma delícia do mar...

Dragão Azul, ou pelo menos as pessoas terem a educação de o colocar em silêncio. Eu confesso que me esqueço, mas depois para castigo não toco nas azeitonas! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Charroco, nunca digo que não a um petisco. Pelo menos eu espero que seja um petisco...

Arte de Amar, o que é que andaste a fazer para não te poderes sentar? ;)

Paula Raposo, acho que aqui a discussão não pode ser tão linear, entre fumadores e não fumadores. É mais uma questão de consciência... Beijos!

Rita, uma vez tocou-me o telemóvel e eu na ânsia de o atender o gaijo fugiu e foi parar dentro do copo (cheio) de água. Infelizmente continuou a funcionar, eu queria trocá-lo. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Maga, é dinheiro, é dinheiro?!? Beijufas!

Andreia do Flautim, em ambos os casos devia ser permitido atirar-lhes com pão à testa!

Simplesmente Eu, com a vantagem que, até provas em contrário e em doses pequenas, os peidos não são nocivos à saúde, antes pelo contrário! Abraço!

Paula, não me perguntes porquê, mas já me compararam várias vezes com essa jove. Espero que seja por causa de ambos termos cabelo louro, excepto eu...

Rafeiro Perfumado disse...

Veni, Vidi, Scribi, permissão dada e por escrito, se bem que era desnecessária, qualquer uma dessas acções é livre aos olhos da lei rafeira deste espaço!

Zé Trolha, se os gaijos atestarem o depósito a fumar, parece-me que os cardiologistas e afins vão ter mais trabalho que nunca...

Whsipers in Night, deve-se mesmo respeitar toda a gente, se bem que alguns mereciam ser respeitados com porrada. Um grande RAUF para ti!

Oliver Pickwick, mas aqui, pelos vistos, vai ser mais Muro de Berlim nos tempos áureos. Legislador, eu? A malta aqui é maluca mas não tanto, caro amigo. Um abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Bruno, foi de propósito, a ideia de associar cigarros e isqueiros a peidos parece-me demasiado explosiva, e eu gosto da carne bem passada mas não estorricada! Abraço!

Rui, posso pedir-te um favor? Manda este teu comentário para o gaijo do nome fictício, pode ser que ele a ti dê ouvidos. Grande abraço!

Pisces Girl, a lei, tal como todas as outras, deverá ser para cumprir, agora nós sabemos como muitas vezes o povo português é perito a fintar a dita. Pelo sim pelo não leva um bastão de baseball, quer para o tabaco quer para a criancinha descontrolada... Beijo grande!

Astuto, concordo com essa sala, desde que a mesma seja mesmo no centro da sala e tenha paredes de vidro. Sim, porque comer com espectáculo ao vivo é outra coisa! Abraço!

Laura, como é que descobriste que era eu? Pelo físico imponente? Pelo estilo inconfundível? Jinho!

veni_vidi_scribi disse...

Bem... já que tenho autorização, aproveito para mandar um bitaite :)

Será que a partir de Janeiro vão pintar as zonas para fumadores de uma cor diferente, como fizeram com os lugares de parqueamento exclusivos para mulheres (cor-de-rosa) no Shopping em S. João da Madeira? Espero que haja votação!!! Eu quero verde... cor da esperança! Ou talvez laranja não combinasse mal com o cinzento do fumo... Ou, qui çá, vermelho às bolinhas amarelas?!

Beijos canídeos e um excelente fim-de-semana arraçado

Kalua disse...

passei a correr só para te deixar um beijinho...

Dejando huella disse...

Ah ah ah lindo!

Flor disse...

Onde assino a petição para zona para nudistas?

kakauzinha disse...

Dos verdes, janelas e rodas dentadas do Rui, aqui vim parar e ainda bem, tens toda a razão, se vamos entrar em combinações não há espaço que resista.

O Miguelucho tem muito bla bla bla, têm todos mas, infelizmente, e como fumadora, vou ter de aguentar as normas e fumar no raio que me parta porque pelo andar da carruagem qualquer é dia é crime de lesa-majestade pegar sequer num instrumento fumador.

Será que podíamos criar também zonas anti-idiotas, anti-(des) Governo, anti-AR, anti-palhaçada, anti-fumos de escape, anti-poluição, anti-lamber as botas de Mugabes e gajos de tendas, anti... merdas? Quem sabe?

Bjufas **

paula disse...

lol...

Skynet disse...

Eu quero uma zona não-Miguel Sousa Tavares! xD

Campónio disse...

E a zona dos que têm zona? ;)
Ou parecerá discriminação?

White_Fox disse...

Não fumo. Mas tb não sou contra quem fuma. Apenas detesto que num restaurante me fumem para cima. Passo-me completamente.
Fora disso, cada um sabe de si...
abraço

o segredo da lua disse...

Aproveitavam e criavam uma area de educaçao pra pais!!

maria ines disse...

e lugar-trabalhador? "fonix" mais uma segunda, mais uma semana...

uma excelente semana, por toi1

ines disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ines disse...

lugar-NÃO-trabalhador!!!!


(não vem mais vinho, para esta mesa, eheheheeh)

Laura disse...

Não descobri, vi um sujeito de esquis às costas e sem os fundilhos das calças da neve...só podia né?
Abraço para te aquecer...brrrr ai as neves...

Teresa disse...

Mais uma vez colocas o "dedo directamente na ferida"! A mim também me incomoda bastante a descontração de alguns pais face ao comportamento dos filhos. Ainda há dias, estava eu a TENTAR dar uma consulta e não conseguia pois na sala de espera estavam duas crianças a brincar, aos gritos e com uns brinquedos de soprar que faziam um barulho infernal. As recepcionistas da clinica chamaram a atençao mas o resultado foi nulo. Eu tive de sair do meu gabinete e pedir encarecidamente que alguém fizesse parar aquele absurdo. Qual é o meu espanto que olho para uma duzia de mulheres que ali estavam e NINGUÉM levantou os olhos da revista que estava a ler, ou seja, fiquei sem saber quem era a mãe dos miudos. E aquilo continuou assim, até que por fim os chamaram para entrar e eu pude, por fim, continuar o meu trabalho :(. Nos restaurantes também se passa frequentemente a mesma coisa. É ver crianças a corer para a frente e para trás, enquanto que os pais se mantêm a fumar o seu cigarrinho e a rezarem para que eles se mantenham longe da sua mesa! Beijos Rafeiro e boa semana

lurainbow disse...

Educação ... ou falta ...

Passei para deixar beijinho de Boa Noite

Pong disse...

Esse fim-de-semana... muito fumo? A ver se farejas algo seu rafeiro.

Sleeping_Angel.69@Hotmail.com disse...

De mirar para el cielo,
encantarse con la luz de las estrellas
y seguir la estrella guía.
Es un tiempo bendecido
de dar más atención al niño que habita en cada uno de nosotros y también,
en los que encontramos en nuestro peregrinar,
en búsqueda del camino que nos lleva
al Niño Dios.

http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt disse...

olá vinha ver as novidades :)
tenho um poema novo e no final uma novidade :)
Já tens a tua árvore???
Trouxe uma para ti!!!

___________________Paz
__________________União
_________________Alegrias
________________Esperanças
_______________Amor.Sucesso
______________Realizações★Luz
_____________Respeito★harmonia
____________Saúde★..solidariedade
___________Felicidade ★...Humildade
__________Confraternização ★..Pureza
_________Amizade ★Sabedoria★.Perdão
________Igualdade★Liberdade.Boa-.sorte
_______Sinceridade★Estima★.Fraternidade
______Equilíbrio★Dignidade★...Benevolência
_____Fé★Bondade_Paciência..Gratidão_Força
____Tenacidade★Prosperidade_.Reconhecimento
- ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•.-
- ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•...“
B E I J O S
CAMPANHA,VAMOS FAZER ESTA ÁRVORE CIRCULAR
ATÉ AO FIM-DE ANO PARA ENERGIZAR 2008!!
Boa semana para ti
Carla Granja

bjecas disse...

Depois de uma árvore destas, tenho poucas hipóteses de fazer um comentário brilhante.
Vou mas é ali fumar um cigarrinho para a varanda. Achas que vista ao menos umas cuecas? Ainda a velha da frente se manda da janela abaixo...

\m/

Betty Coltrane disse...

Hum... e uma área para gajos do "shunning" fumadores e com unhaca? Bem longe do olhar dos outros consumidores, sff...

São disse...

Mas porquê esta perseguição desenfreada ao tabagismo e a completa indiferença pelo alcoolismo?!
Boa semana!

Rafeiro Perfumado disse...

Veni, Vidi, Scribi, eu por mim pintava umas caveiras na parede, uns caixões e os ossos com cigarros na ponta dos dedos... a ver se percebiam a indirecta! Beijos!

Kalua, isso de dar beijinhos a correr nunca se sabe onde acertas... ;)

Dejando Huella, eu?!? Obrigadinho!

Flor, é aqui mesmo, e se quiseres ir praticando, também estás à vontade!

Rafeiro Perfumado disse...

Kakauzinha, se vens da parte do Rui, és muito bem vinda. Quanto a essas zonas que tu referes já existem, chama-se “estrangeiro” ;) Beijocas!

Paula, lol?

Skynet, olha outro a falar desse gaijo... parem de falar do nome fictício, pá!

Campónio, qual discriminação, se é para criar, é agora que a malta está com a mão na massa!

Rafeiro Perfumado disse...

White Fox, também acho, cada um trata-se como bem entende, mas acho que nos restaurantes ninguém acha descabido haver uma separação efectiva. A não ser os radicais como o nome fictício... Abraço!

O Segredo da Lua, e haveria espaço suficiente?

Maria Inês, cheira-me que tanta confusão não é só do tintol! ;)

Laura, como é que conseguiste ver que eu não tinha fundilho? As minhas nádegas até se confundem com a neve e tudo!

Rafeiro Perfumado disse...

Teresa, e tens a certeza que as crianças não eram da recepcionista? Aposto que se pegasses na orelha duma aí a mãe se denunciava logo, talvez não da forma mais educada. Eu considero-me bastante tolerante relativamente ao comportamento das crianças, é raro pregar-lhes rasteiras ou coisa do género, mas fico possesso quando as vejo a reincidir em comportamentos anormais e os pais dizem apenas “então, Joãozinho, já sabe que não pode fazer isso. Vá lá, comporte-se...”. Beijo!

Lurainbow, beijinho recebido e agradecido. E retribuído, claro!

Pong, meu caro amigo, eu só farejo semanalmente, não reparaste ainda na barrinha lateral? E tanto trabalho que eu tenho a actualizar aquela treta...

Sleeping Angel, esse poema roça um bocado a pedofilia, pá....

Rafeiro Perfumado disse...

Carla Granja, a minha árvore está feita deste o mês passado, mas a tua é bem linda! Não tão gira como a minha, mas gira... Beijoca!

Bjecas, há boas hipóteses disso, pelo menos se ela costumar rir dobrada para a frente... ;)

Betty Coltrane, aposto que o pessoal dos restaurantes curte essa malta, afinal poupam dinheiro em talheres e guardanapos, é só usar o material que têm “à mão”... Beijoca!

São, talvez porque no alcoolismo a única chatice directa é o bafo... ;)

Laura disse...

Que confundem!... eu apanhei o que restou das tuas calças ó meu!...

Menina do Rio disse...

Xiiiiiii!!!! vou ter que comer na calçada, rs...

Um beijinho pra ti

iFrancisca disse...

Gostei! Fui ex-fumadora e agora sou neo-fumadora, acho que se tem de respeitar a saude das pessoas pelo menos... as crianças, estou como o outro, maior parte das vezes quando o barulho é muito vou-me embora... bjs

Bxana disse...

Olá Rafeirito!

Eu só queria mesmo uma zona para não-fumadores e para não-pais, sem música a rebentar-nos os ouvidos, sem empregados que demoram eternidades a trazer a comida... isso sim era o paraíso.

Eu nunca fumei. Nem sequer uma criança :)

Miaus!

Rafeiro Perfumado disse...

Laura, dizes tu, deste-me foi um apalpão daqueles. A tua unha do mindinho esquerda está lascada, lima lá isso!

Menina do Rio, na calçada mas só quando não estiver a passar ninguém! Beijinho!

IFrancisca, mas o outro o que diz é que as crianças nem deveriam lá estas... Beijocas.

Bxana, esse cenário acho que nem no paraíso, consta que lá os gaijos tem coros de igreja e mais não sei o quê! RAUFS!

Hands of Time disse...

Bem rafeiro o meu dia hoje não estava a ser nada de especial mas depois deste texto até vou dormir melhor lolololol

Piston disse...

Espero que esse senhor não esteja a querer dizer que a questão do fumador passivo é irrelevante.

Gonçalo disse...

Muito bom mesmo!!:)

AEnima disse...

honestamente não me preocupam muito os restaurantes. Conheço muitos fumadores (eu inclusivé) que prescindem do cigarro no fim da refeição só para ter o privilégio de não apanhar com o fumo de ninguém durante a mesma.

Já os cafés e bares vai ser o caralho, caros ouvintes. Quem paga a multa é o fumador, e não o estabelecimento... 75 euros. E se bem que há quilhões de espeluncas que não se perderia nada senão tivessem umas obritas paras as tais "zonas", há outras que não vivem sem o ar azul do fumo e não tem espaço nem meios para se expandir.

Vai ser lindooooooo.... Ou então, vão começar a servir a clientela na soleira da porta...

Andreia disse...

Título de post fenomenal, perfeito!!!
Ah já agora obrigada pela visita ao nosso blog.

Abominável.pá disse...

Mas afinal, este blog diz ou não diz PIAÇABA???

Gonçalo disse...

Desconhecia que existia um conterrâneo meu com um sentido de humor tão apurado como o faro de um rafeiro...Obrigado pelos conselhos perfumados que me deixaste no meu blog, eu voltarei!!:)

o_cao_que_morde disse...

Este Blog é um Blog de Elite
O Premio está no Blog o Cão que Morde
Parabéns

Tozé Franco disse...

Gostei do texto. Parabéns.

Anónimo disse...

Por acaso qdo estou num restaurante e levo com o maravilhoso fumo só me apetece perguntar se a minha comida não incomodará o fumador, pq isso é que não!!! Agora eu fumar o fumo dele, isto não tem problema! É uma questão de educação, não é para todos.

Tal como as crianças, confesso que às vezes só me apetece esbofetear algumas crianças, mas realmente pensando bem alguns pais tb eram bem esbofeteados!!!

Será que é assim tão dificil respeitar os outros, será que já não se sabe o que é isso?

Vá lá, desta vez quase que concordo comntigo "Cão".

bjs
"Anónima"

Lyra disse...

Olá Rafeirito :)
Há uns tempos circulava na net um email em q alguém dava uma sábia resposta ao triste comentário da tua "figura pública".
Foi bem escolhido o nome fictício :P
Gracias pelos sorrisos q despertas ;)
Bjos

Rafeiro Perfumado disse...

Hands of Time, não me digas que o vais imprimir e aconchegar a almofada com ele! ;)

Piston, acho que está. E agora, vais deixar que o gaijo se safe assim impunemente?

Gonçalo, obrigadinho, mesmo!

AENima, eu acho que até a coisa assentar vai haver discussões de meia-noite, de preferência com porrada à mistura. Eu sei o que farei, se até agora me chateava mas suportava, agora passarei a escolher onde for mesmo proibido, já que gosto que o meu bife saiba e cheire a bife. Beijoca.

Rafeiro Perfumado disse...

Andreia, só o título? Bem, eu às vezes demoro mais tempo com o título do que com o texto em si, és capaz de ter razão... Beijoca.

Abominável, este blog diz PIAÇABA quando muito bem lhe apetece, porquê? Até há uns textos lá para trás onde essa palavra surge, sem conotação sexual nem nada.

Gonçalo, desde que não seja um rafeiro constipado, vou tomar as tuas palavras como um elogio! Um abraço!

O Cão que Morde, isso não vai fazer com que pague mais impostos, pois não? Então obrigado pela distinção!

Rafeiro Perfumado disse...

Tozé Franco, muito obrigado, um abraço!

“Anónima”, tu lá no fundo acatas tudo o que eu aqui digo, julgas que não sei que tens lá em casa um altar com uma imagem minha? Vai em paz, minha filha, que o Rafeiro te acompanhe! Beijocas!

Lyra, esse por acaso não vi, e ainda bem, porque não gosto de me deixar influenciar (muito) antes de escrever sobre um assunto. Mas é sinal de que pelo menos duas pessoas acham o indivíduo um senhor palhaço... Beijos!

Ka disse...

Caro Rafa,

Ando ausente uns diazitos e já vi que tenho uma data de leitura atrasada aqui no "burgo" :)

Quanto a esta "singela" ideia do MST apenas digo à personagem que nem toda a gente tem avós que possam ficar ou babysitters.

Beijoca e boa semana

8 mañana yo disse...

Um dia tive aqui uma pastagem, que decidi apagar, não é sobre isso que quero falar no meu blog, um dia alguém me acusou de tudo o que não sou, um dia uma pessoa respondeu-me com ódio e vingança, um dia eu respondi que a arma contra o ódio é o amor, um dia o Natal ainda irá dar origem as gestos diários que irá contribuir para a felicidade de muitos, estarei à espera que um dia quem foi incorrecto, injusto, reponha a verdade, porque vivemos mais do que palavras vivemos o Gesto.
Feliz Natal,
Rui Pedro Arruda

patrícia disse...

oi rafeiro já perdi aqui o fio à meada, não sei do que se fala e na verdade não me apetece ler nem pensar.. passei e fica um beijinho

C Valente disse...

Não sou anti-tabaco, se bem que não fume, já lai muito e muitos anos e nunca gostei de levar com o fume quando estou a comer, mesmo quando fumava achava isso um crime
Mas penso que esta lei é mais uma vez para beneficiar os poderosos interesses e eliminar os pequenos, (digo isto, mas não tenho qualquer interesse na restauração)
Mas também digo aborrece-me estar num restaurante e ouvir uma criança aos berros, pois o mais grave muitas das vezes é a indiferença dos pais, mas com esse mal posso eu bem, levem os pais as criancinhas ao restaurante, mas sejam educados (coisa que nem sempre acontece) tomem conta dos filhos.
Dito isto quero frisar que adoro crianças

Saudações amigas

cris disse...

MST é mais que nocivo e permitem-lhe o uso de esferográfica. Xi que Tuga...

Eu fumo e não o faço em locais públicos, muito menos à mesa de restaurantes.

Para quem defende a vida humana, este mister deixa mto a desejar. Tadinhos dos filhos... baghhhhhhhhh

beijocas rafeito e boa semana

Vanadis disse...

já é quarta!!! cadê o poste novo, fresquinho, pronto para regar??? ;-)

julie disse...

Do que estou á espera para criar um blog? Não sei, talvez escorregar , cair e bater com a cabeça no chão, ir á net e voilá criou-se mais um blog.
Agora a sério,por acaso já pensei nisso, até já tenho nome para o blog e alguns temas na cabeça.
Quem sabe um dia!
bjs
julie

P.S. Obrigada pelo elogio, não sabia que era brilhante.

Rafeiro Perfumado disse...

KA, parabéns, um comentário inteiro e nem uma perguntinha que fosse! ;) Beijoca!

8 Mañana Yo, como dizia o grande poeta popular, o melhor é evacuar e andar… abraço!

Patrícia, deixa, não perdes grande coisa, mas obrigado pela beijoca, outra para ti!

C Valente, nem outra coisa pensaria da tua ilustre pessoa. Também eu adoro crianças, mas algumas bem que me apetecia enfiar-lhe o guardanapo pela goela abaixo e usá-la para espancar os pais inertes! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Cris, se calhar o tipo com o nome fictício antes de dizer aquilo fumou alguma caneta, isso explicaria a barbaridade! Beijoca!

Vanadis, olha-me esta, a pressionar! Tens as cotas em dia, por acaso?

Julie, isso é uma insinuação à forma como o meu poderá ter sido criado? ;) Força, gostaria muito de ver esse resultado! Beijoca! PS: o algodão não engana

Um Momento disse...

Hein?????
Já não basta nao poder levar o meu Flashinho e a minha Estrelinha e tu tb rafeiro na podes entrar!!!,senão agora ter que ir a um restaurante e privar-me da companhia das crianças???
WTF???
Isto é que vai uma crise!!!!
Eu tb quero uma zoomania só para mim ora!!!

Beijo!!!
:)))))
(*)

Rafeiro Perfumado disse...

Um Momento, eu arranjo maneira de entrar. Vendo a quantidade de animais que comem nos restaurantes, acredita que um rafeiro passa perfeitamente despercebido! Beijo!

bruxinhoskidos disse...

Bem... caro rafeiro... eu sou fumadora e mãe de dois.
Não fumo dentro de casa por causa das crianças e porque o bruxinho não fuma e é anti-manchas amarelas nas paredes e nos cortinados. Nem sequer fumo ao ar livre se estiver acompanhada dos meus filhos (acho que eles nem sabem que eu fumo...). Por estas razões acho que era muito hipócrita da minha parte ser contra a nova legislação.
Fumo e vou continuar a fumar no meu local de trabalho, sou o único ser vivo dentro daquelas quatro paredes, por isso vou infringir a lei com satisfação, sem remorsos e com a certeza de que vou sair impune.
Em relação ás criancinhas vs restaurantes, nós raramente levamos as nossas, pelo bem da nossa sanidade mental. Ás vezes lá temos que levar com os rebentos dos outros, mas mesmo assim irrita-me mais a atitude passiva e permissa dos pais do que a correria do descendente.

bruxinha

Rafeiro Perfumado disse...

Bruxinha, o teu comentário só vem demonstrar como ainda se deve adiar o bombardeamento massivo de Portugal, pois aqui e ali ainda há malta com juízo. Beijoca!

clara disse...

Lol!

Não sabia que o MST tinha dito isso das crianças.. o que é preciso é convicção.
mas de qq forma isso não é nada inovador, já tinha visto isso nos simpsons!!
adiante.

qt a lei anti tabaco, estou totalmente de acordo. ca em portugal sempre que se muda alguma coisa vem logo alguem criticar como se as leis fossem feitas so pra chatear o pessoal.

dado que cerca de 30% das pessoas sao fumadoras, chamar-lhes minoria é um termo apena técnico.. ainda assim, a questao fundamental não é o gozo que lhes deixa de ser concedido nem creio que se trate de um fundamentalismo irracional.

os restantes 70% tem problemas de saude por causa dos que fumam e isso parece-me uma coisa inconcebivel.
a partir do momento em que esta informaçao se tornou publica, nao devia ser necessario proibir o tabaco, os fumadores é que deviam nao prejudicar voluntariamente os restantes.

parece-me muito simples mas aparentemente nao é, pelo menos pelo sensacionalismo mediatico.

outro beneficio é que os fumadores vao passar a fumar menos e podem aproveitar para deixar de fumar definitivamente.
pelo menos nos outros paises as estatisticas sao positivas.

ca em portugal, veremos.

bom... mas eu so podia mesmo dizer isto =)

***

Sou um aprendiz disse...

ai se o meu Pai lesse (é assim q se escreve?)este Post...
quando eu era mais piqueno, tinha a in feliz ideia de puxar as toalhas(de pano) das mesas, mas apenas quando ainda não estava ninguem nas ditas.
Cá pra mim concordo com essas areas reservadas a esses mafiositos como eu.
Bolas :(( ..e o meu pai ainda me dava um está-lo, devia de ser hoje, iam logo apresentar queixa à ADCVM.
Outros Tempos!!..:)

Rafeiro Perfumado disse...

Clara, isto é a reacção a quente de algumas pessoas. Acho que qualquer um, analisando com calma, vê que é simplesmente justo os não fumadores não serem obrigados a levar com o fumo dos outros. Isto passa-lhes...

Sou um aprendiz, tenho um sobrinho que seria necessária uma zona só para ele. E aquilo para o controlar só à força de canhão de água!

LopesCa disse...

LOL LOL LOL

Rafeiro Perfumado disse...

Lopesca, obrigado pelo comentário, foi só para chegar aos 200, certo? ;)

«O mais antigo ‹Mais antiga   1 – 200 de 203   Mais recente› Mais recente»