Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Eu vou!


Peço desculpa ao Rock in Rio por plagiar o seu slogan mas é, sem sombra de dúvidas, o grito que mais se adequa para a visita papal que se aproxima a sobrancelhas vistas.

Circula por aí (eu pelo menos ouvi uma senhora a falar disto no comboio) que o Estado se prepara para dar tolerância de ponto aos funcionários públicos que pretendam ir ver o Papa. Ora isto levanta toda uma data de questões:
1º Deus está em todo o lado. Se isto é verdade, também o deve ser em relação ao seu representante na terra, logo bastava colocar umas televisões em tudo o que é empresa pública e a coisa ficava resolvida, pois o menos que a Igreja precisa nos tempos que correm é de contacto humano, especialmente se estiverem criancinhas envolvidas.

2º O laicismo do Estado. Não sei em que ponto está, mas sei que andaram por aí a defender o distanciamento do Estado em relação à religião, o que até levou à remoção de crucifixos das salas de aulas e tudo. Ora se em relação ao máximo representante da Igreja Católica se abre uma excepção, porque não em relação ao Dalai Lama, por exemplo? A China não deixou?

3º A conversão espontânea. Até eu sinto qualquer coisa religiosa a crescer dentro de mim, só com a perspectiva de um dia sem trabalhar! A ser verdade esta medida, estou em crer que até vão ter de instalar umas pias baptismais nas repartições públicas, porque aquilo vai ser uma onda de fé católica, seguramente, pois ninguém irá querer deixar de ver o Papa, ainda mais se a malta estiver em tronco nu e se constipar, baldando-se no dia seguinte!

Até estou a ver o seguinte diálogo
na Repartição de Finanças de Ranholas:
Chefe: Mas ó Abdul, tu queres ir ver o Papa?
Abdul: Claro, chefe, eu sempre fui cristão, juro por Alá!

Longe de mim duvidar da fé das pessoas e das suas reais intenções, mas numa altura em que se fala de apertar o cinto e do défice de produtividade, toda e qualquer pessoa que não vá trabalhar deveria apresentar provas de que foi realmente ver o Papa. E que provas seriam essas? Epá, apenas admito duas, ou ser fotografado abraçado ao tipo ou então uma declaração assinada e com selo papal, com o seguinte texto:
I, Pape Benedikt nichts, ich declarra dass de funcinarria Etelvino das Ponte estado na Santuárria von Fatima nas dia 13 Maia 2010.
Por serr verrdada, assina esta documenta, parra que Etelvino das Ponte nein leve bocas dus culegas ateus (Ptuh!) e das outrras religiones (Ptuh! Ptuh! Ptuh!).

E claro que eu vou. Mas é ao Rock in Rio…

Até sempre,
Rafeiro Perfumado

58 comentários:

★ Aralis ★ disse...

...Alemão à parte...LOLOL Está o máximo.
O que eu acho mais incrível ainda, é que em Portugal se arranja toda e mais alguma desculpa para não se trabalhar... Haja paciência! E depois queixam-se! :P

Küsse und Tschüss!

Imperator disse...

bom dia Rafeiro

vai, mas vai com juizinho :P

atão tu não sabes que lá por já terem passado uns tantos anitos daquele dito 25/04 e agora, ao que parece até se votar nos imbecis que nos (des)governam uma boa parte da administração continua ainda presa ao tempo do outro senhor, e continua-se a ser declarado uma administração pública tendencialmente presa na famosa lei dos 3 Fs.

e depois... qualquer hipótese de não trabalhar... qualquer bom português agarra-a

boa semana

Vani disse...

LOOOOOOOOOOOOL! ptuh ptuh!!! LOOOOOOOL! Santuarria von Fátima aahahahah! =D

Vani disse...

Já agora, não vais não. Qué isso? Boa vida, é?? Toca a aumentar a produtividade do país!! achas que os ciganos e o governo se sustentam como? trabalhando??? ptuh! :D

(já te roubei o jove, agora roubo-te o ptuh! lololol)

(tás à espera do quê pra publicar o terceiro????)

the big fox disse...

ora ai está, é mais uma boa desculpa para não se trabalhar.
e o pior é que sou Catolico, mas não consigo entender este tipo de desculpas... por um lado, o Governo, tira mas por outro dá... mas para onde nos temos de virar? não se entende...
creio, convictamente, que se deveria acabar com as diferenças de "tratamento" para que dessa forma acabar com o extremismo e passar a imperar o repeito
abraço

...Noêmia! disse...

Poxa, que pena eu estar desempregada! Senão podia aproveitar a oportunidade de tolerância de ponto para ir ver o Papa... agora não vou poder ir!!!!
:o)

Felina disse...

Pera aí... estou a beliscar me ... aiiiii... f***** doeu me ... então é verdade? voltaste!!!!! eu venho ja comentar... agora vou ler os posts

Nuvem disse...

É mesmo governo que temos...
Laicos???
Só quando interessa...
de resto, é aumentar os impostos por causa do déficit, enquanto eles continuam a viver à grande, a comer nos melhores restaurantes, a viajar em 1ª e a ficar nos melhores hotéis...
e sim, a dar tolerâncias de ponto a torto e a direito - até porque somos um dos países mais produtivos da Europa (NOT).
Mas fora isso, adoro o alemão imigrante da carta do papa :)
beijocas

Felina disse...

Claro! é para isso mesmo que os escravos da privada trabalham... para os da função publica se baldarem ao trabalho.

Vício disse...

essa tua descrença que deus está em todo lado ainda te vai trazer dissabores!
acho que deves cheirar o dedo sempre que apontares para algo ou meteres o dedo no ar para dizer se vais ou não...

MRPereira disse...

Eu... Não vou! O subsídio de desemprego vem mesmo sem a tolerância de ponto por isso tou descansado!

Eskisito disse...

Ich bin ein catolichen!!
Estou lá...

Vani disse...

ó vicioooooooooo LOOOOOOOOOOOOL!

Natália Augusto disse...

Olá Rafeiro,

Excelente reflexão sobre a visita papal. Comungo plenamente com as tuas críticas.
Estes governantes são incríveis e nós é que pagamos a factura!!!

Beijinhos

Paula Raposo disse...

Já sabes que gosto de te ler!! Concordo inteiramente.
Beijos.

Dragão Azul disse...

E não é que tens mesmo razão... não sabia dessa coisa do estado dar um dia de ponte ( deve de ser mais um aponte que ultrapassa o orçamento inicial).

Dizem (e não sou eu que digo) que o Papa só vem a Portugal porque a concorrencia aumentou e ele perdeu adeptos isto porque 6 milhões ( ou talvez mais) dos portugueses começaram a venerar um Jesus que tem o Santuario para os lados da Luz e que a cada 15 dias o Santuario enche com cerca de 100 mil pessoas... ou o Papa se pões a pau ou um dia deste vem a Portugal e encontra o Santuaria de Fatima ás moscas.

Disseram-me agora que amanhã vai haver um derbi Lisboeta, não sabia, este ano estou acompanhar mais o Hoquei e o Andebol, mas... força Carvalhal que sei que todos os Sportinguistas estão contigo...

Bongop disse...

Então e eu ???
faço parte de empresa público SA, seja lá isso o que for, não tenho direito???
Eu converto-me já!



(Tou farto de parvoíces religiosa....)
(E tou ainda mais farto dos pedólicos apostólicos romanos...)
(Casem-se, por amor de Deus!)

Tulipa disse...

Isso é mesmo verdade?? Ui ca bom! Eu sou tão católica e quase quase uma funcionária pública exemplar...é uma sexta-feira?? Dá direito a ponte???
Alive, eu vou!!
kisses

AEnima disse...

Tu voltaste sem anunciar ao mundo? Querias ver-te livre dos comentadores parvos e'? Esperavas que eles nao te aparecessem mais 'a frente, e'? Tas com azar... ehehehe Ja dei por ti!

Estou e' um bocadinho sem tempo para por a leitura em dia, mas eu volto!!!

Olhos Dourados disse...

Olha quem está de volta!

Teté disse...

Adorei o teu alemão! Ainda em fase embrionária, mas há que seguir em frente com os estudos... :D

Quanto ao Papa, pois, os nossos governantes castigam o pessoal com aumentos de impostos (mal disfarçados), mas depois oferecem-lhes uma cenourinha em forma de tolerância de ponto, o que ainda satisfaz a Igreja. Assim para ver se nas próximas eleições não obtêm aquele resultado calamitoso, que se adivinha.

Mas sim, indo a medida para a frente a malta aproveita é para ir para a praia, passear, etc., Deus que lhes perdoe, mas estão mesmo a precisar de um descanso, não para se meter em confusões e em cânticos com velas na mão. Católicos e não católicos, porque o mar de gente que vai lá estar terá mais de 65 anos e já não trabalha... (haverá excepções, obviamente)

Mas pronto, cá por mim não vou ver o Papa, nem ao Rock in Rio. A uma prainha ou dar um passeio, pois, logo se vê! :)

Beijocas!

Safira disse...

Eu não vou! Nem a um nem a outro. A não ser que os Bon Jovi venham de novo...Olha, se o Bentinho viesse com o John ainda me convertia!

beijocas

M.Maia disse...

Olá Rafeiro,

Será que ouviste bem, ou seria a velhinha a querer enganar-te?

Sendo assim, a acreditar no que dizes, pode ser que o governo dê tolerância de ponto quando o SLB levantar a taça da liga (ninguém tem dúvidas que Jesus faz milagres…!!! (:p)) .
Por outro lado, dada a laicidade do Estado (de sítio) Português, convém convidar os chefes máximos das outras religiões que é para todos terem direito a tolerâncias de ponto e não haver descriminações religiosas!!! Como parece que vem lá o verão até vinha a calhar uns encontros religiosos e umas (re)conversões aos vários credos para gozar mais uns dias de sol!!!

O pessoal anda desmotivado e o “Socrastiu” não pode perder esta oportunidade de dar umas cenourinhas ao Zé Pagode!!

Vamos lá ver se sempre vai haver uns diazitos (que eu penso que será mais que um, dado a inevitabilidade do SLB,) para se poderem gozar uns dias de sol, e quanto à prova, qualquer boa montagem fotográfica deve servir….(:p))

Beijos e até um dia destes,

M. Maia

Diabba disse...

Para além dos mails ameaçadores, ainda te arriscas a uma excomunhão! Ahhh pois, não pensaste nisso, pois não??
Se calhar ainda vais a tempo de rezar umas coisas... de joelhos, e tal... hihihi

enxofre

Gata Verde disse...

...e EU VOU contigo!!
;)

manjedoura disse...

eu concordo com a tolerância de ponto para ver o papa. Aliás, sou um apologista das tolorâncias de ponto, porque reduzem a dispesa pública: poupa-se na luz, no papel, na água, nos telefones e outras coisas mais.
lol
um abraço

Boo disse...

é bom ter-te de volta!!!bpm, eu NÂO VOU! nem ver o papa mau nem ao Rock in Rio....
e ouve lá (ou lê lá!) ah e tal lá para o dia 18 e afinal anteipaste-t???
ainda bem!
fiquei triste por n ter o teu autografo:(
beijinho

Kok disse...

Desconfio que vais dizer que o meu comentário é previsível.
Mas não me importo, faço-o na mesma!
Nunca gostei de papas.
Ainda não tinha visto nenhum e já levava uns tabefes por isso, por não gostar de papas.
Continuo não gostando!

Akele abraço, pah!

Meio Cheio disse...

É por estas e por outras que sou ateia...ou fazem uma coisa em grande ou não...se fizerem desse dia feriado nacional até aprendo o avé maria!
Este Papa nem diz nada de jeito (ou então ninguém percebe o que ele diz...), lá vai ter que ir a funçao publica toda para o café para não se entediar com o senhor.

Excelente post como não poderia deixar de ser!

Laura disse...

Ora nem mais, e...para quando nova tolerância de ponto para acompanhar Monsenhor rafeirito ao santuário de Oviedo onde dizem se come uma cataplana de marisco e umas cervejolas ao preço da chuva?...
Bora pra lá abrir novo feriado nacional...que seja numa quinta feira, tolerância de ponto na sexta, seguida de um sábadoe domingo e com direito a entrar mais tarde na segunda, ou seja, uma semanita pró pessoal com cerveja grátis...
aquele abraço da laura

fj disse...

tu tens é imbejaaa!...
por causa dessas e d'outras é q os rafeiros não podem ir à igreja!
ehehehe!
abraço

aespumadosdias disse...

Viva o Papa e as tolerâncias de ponto.
Sócrates! Sócrates! Sócrates!...

Fernanda disse...

Tolerância de ponto para ir ver o Papa? Alguns devem ir... devem! Más é para fazer outras coisas!

Abraço :)

gota de vidro disse...

Tssssssssssssssssss

Porque será que nunca vou a sitio nenhum?????????

Baaaaaaaaaa

Desisto

Muita confusão por aí

jito da gota

A ausência foi inevitável....Ano de mudança...Em tudo

Pedra Filosofal disse...

Dia 13 de Maio.... é a tolerância de ponto :D

Sandra disse...

Ahahhhahhahaha

Olha eu também vou...vou mesmo...e agora que se faz tarde...vou para a cama e espero não sonhar com o papa, depois de ler este post. Antes sonhar com papa...de aveia por exemplo...desculpa, mas isto de ter miúdos e pôr a malta a jantar às 19.30 horas é no que dá: pensar em comida a esta hora!

é verdade...já te disse que estou MESMO contente por te ver por aqui outra vez?? Já?? upss...desculpa...estou a tornar-me repetitiva...e eu que detesto isso!!

;)

cassamia disse...

ahahahaha
abençoadinho regresso!!!

RAUFFFFFsss pa toi

AmSilva® disse...

Eh pah... eu também vou !!!
Não sei bem ainda para onde será, o destino desse dia ainda é incerto, mas duas coisas garanto!!
Não vou ao Rock in rio nem out rio...
E ver o Rei dos pedófilos muito menos!!
Abraço

Little Box disse...

Eu não vou... Nem a um nem a outro. lol
P.S.: Nem acredito que voltasteeee!!! weeeee

LopesCa disse...

Uma boa causa :)

ψ Psimento ψ disse...

Olá confesso que o tema igreja começa a dar-me uma ligeira comichão no estômago!! É ridículo isto. O país continua em crise e já não basta a quantidade de desempregados ainda se vai estar sem trabalhar aqueles dias. Depois claro aposto que se vai dizer que milhões de pessoas ainda são muito religiosas que até deixaram de ir trabalhar para ver o papa. Ele havia era de vir uma semana antes no dia do cortejo… Muito gostaria de o ver passar a tribuna!! :p

FM disse...

Brilhante, mesmo!
parabéns!
Abraço.

mjf disse...

Olá!
Também não concordo, numa altura que nos pedem aumento de produtividade, esta atitude não faz sentido!!!!!

Beijocas
Ps- gostei de saber do teu regresso

Tareca disse...

Mensch Rafeiro, é um Genuss ler-te:-)))
Olha eu faria uma proposta ou um "acordao" aí com o vosso Sócrates:
Ele dá toler^ncia de ponto e feriado aos funcionários públicos e poe no lugar destes os desempregados que o País tem!
Se calhar o trabalho até seria mais bem feito, nicht wahr?
Küsse

...estao abertas as inscricoes...

Rita disse...

Rafeiro de volta, que bom! e cada vez mais pulguento...
Ainda hoje de manhã falámos sobre o comprovativo de ter estado com o Papa, para mim seria uma declaração em papel timbrado com o carimbo do vaticano.
Festas

Rita disse...

Fiquei tão contente com o teu regresso que até dupliquei o comment...

Vani disse...

uiiiiii, tão?? não há mais??? tão??? com tanta notícia fresquinha!! :D

olha, já publiquei o resultado do desafio :D e até a gatinha entrou eeheheheh

refemdabd disse...

(em modo sarcástico)Pois eu sou um Repúblicano, e a mim ninguém me cala! O Estado é laico e não deve favorecer o déficite público com tolerâncias de ponto de índole religiosa. Pois acabe-se com a vergonha da sexta-feira Santa, da segunda-feira do Espírito Santo, do Corpo de Deus, da Assunção de Nossa Senhora, do Dia de Todos os Santos, da Imaculada Conceição, do Santo António, Do São João, da Nossa Senhora do Incenso e, claro, do Natal. Num estado laico em que o distanciamento com qualquer religião é mandatório, estes feriados não são mais que uma ignóbil aberração. Graças a Deus que a Páscoa é num Domingo! (Áh, que já meti a pata na poça!)

nOgS disse...

E eu não vou. ando mais virada para o budismo, ommmm!

Fragmentos Culturais disse...

... fotografia não faz prova! Pode se manipulada :)

Excelente fim-de-semana!

redonda disse...

:)

blue eyes disse...

Huummm, tolerância de ponto para ver o Papa? Não me interessa... agora se me dessem tolerância de ponto para ver o padeiro, eu até agradecia, é que há bastante tempo que não vejo o padeiro...
:-):-):-)

Anónimo disse...

Num Estado dito laico o mais "fênomenal" é saber q o dinheiro dos contribuintes, ateus, agnósticos, muçulmanos, judaicos, budistas etc...é q irão pagar essa rota turística do Papa!

Ass : Ice

Anónimo disse...

Sinceramente não ligo nada a Papas, religiões e afins e sinceramente não sei se acredito!
Inté :)
Ass. Conchita

Pinkk Candy disse...

e os que não são funcionários públicos não têm direito a serem católicos e ir ver o papa também. quer dizer que só os funcionários públicos é que são católicos. tá bem tá, pois. :p

xoxo

emme disse...

Ah eu até ia, mas só se fosse antes dos exames. Queria ver se se conseguisse tocar na capa do papa a 'sabedoria' passaria por osmose. --'
Como os exames já passaram, enfim que se dane. Salve-se ao menos o meu 'feriadinho' bem bom pra ficar na caminha (:
E viva sua santidade.

PS: Já agora já que se o Papa cá vem, os funcionários públicos não vão trabalhar, façam o mesmo com outros líderes religiosos importantes, não sejam hipócritas, afinal Portugal não é só feito de cristãos.

Anónimo disse...

...quase que sinto também um apelo religioso com todo este lufa-lufa à volta da visita do sumo-pontífice.
E quão aliviado fiquei em saber que as cinzas do vulcão "coiso" não irão modificar a agenda da visita! Ufa! Que alívio!...

Anónimo disse...

Ass. Centro das Marradas.