Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Quem é o verdadeiro ladrão nesta história?


Uma conhecida minha comprou um telemóvel associado à Vodafone, tendo sido convencida a subscrever um seguro contra roubos, válido por dois anos. Azar dos azares, na semana passada foi assaltada e lá se foi o telemóvel. Accionou o seguro e, passados alguns dias, telefonaram-lhe para esclarecer um detalhe:
Vodafone: O roubo foi consumado com recurso a agressão?
Conhecida: Não, entreguei o telemóvel sem resistir.
Vodafone: Pois, é que o seguro só cobre quando há agressão envolvida.
Conhecida: ... (presumo que com a boca aberta, os olhos muito esbugalhados e uma veia saliente na testa)

Portanto já sabem, se forem assaltados e tiverem um seguro que cubra o roubo do telemóvel, mandem às urtigas as recomendações da polícia e armem-se em heróis. Ou, pelo menos, tentem convencer o ladrão a dar-vos um estalo, ou uma facadita sem atingir órgãos vitais. Se o gaijo for um porreiraço, até pode ser que vos deixe um papel assinado testemunhando que vos agrediu. Ou então façam o seguinte:
- Ouça lá, importa-se de me dar uma chapada enquanto eu tiro uma fotografia com o telemóvel?
- Mas eu vou-to gamar, bacano.
- Está bem, mas depois pode fazer o download e mandar-me a foto por e-mail. Na minha carteira está lá um cartão com o meu endereço.
- Pronto, tá bem. TRÁS!
- Ficou tremida. Tente lá outra vez, mas sem me virar o nariz para as costas, está bem?

Não é interessante? Ainda se arriscam a terminar o assalto a agradecer ao ladrão. A não ser que eles tenham algum tarifário especial já a contar com estes pedidos e não vão na conversa. Isso explicaria muita coisa sobre este seguro e respectiva empresa de telemóveis...

Até sempre,
Rafeiro Perfumado

50 comentários:

Otário disse...

fui assaltado o mês passado, tinha seguro, e não foi necessário dar informações pelo telefone. isso faz-se por escrito. mas tens razão, tens razão...

Leite da terra disse...

Cada vez mais AMO este pais....
esta refinando com o tempo.

Tulipa Negra disse...

Devia haver um tarifário que inclua um seguro para cobrir as agressões psicológicas exercidas pela operadora de telemóveis. Parece-me que vão deixar mais marcas do que o roubo... :)

Narizinho Lunático disse...

"- Ficou tremida. Tente lá outra vez, mas sem me virar o nariz para as costas, está bem?" E veja se consegue fazer espirrar um bocadinho de sangue... É que assim fica mais realista...

Só neste país e em mais lado nenhum!! :p Bjitos

Lia disse...

eles são espertos...fazem seguro de roubo e não de furto...o que, juridicamente, faz toda a diferença!

susana disse...

Isto faz-me lembrar um seguro que tinha na minha antiga máquina fotográfica, só cobria se fosse por esticão e com testemunhas! Caso o roubo fosse efectuado de outra forma, não teria direito a nada!
Claro que nesta nova máquina que adquiri, mandei o seguro ás ortigas!

Estive em LX, por isso andei um pouco ausente do blog !

beijinhos missixty

Teté disse...

Concordo com a Lia, mas a ladroagem também se estende a outros níveis: uma conhecida minha tem um seguro de obras num prédio antigo de que é proprietária já há bastante tempo. Seguro antigo, só actualizado uma vez nos últimos anos. Recentemente teve de fazer uma obra na canalização do prédio e a seguradora mandou-a plantar batatas, que o seguro era muito barato, portanto não podiam pagar as obras. Ahn?!?

Afinal os seguros servem para quê?

O zás-trás-pás com o ladrão pode ser uma possibilidade, mas mesmo assim nunca se sabe... :D

Beijocas!

Aninhas disse...

Oh God... É só o que me apraz dizer.

Bjx

Vício disse...

dessa forma, se alguém se esquecer do telemóvel em casa, a casa for assaltada e lho levarem, o dono do telemóvel tem que procurar o ladrão, ou esperar que a policia o capture, para que ele o agrida?
mais ou menos assim...
(Policia)
- Estamos a ligar para informar que capturamos o pressuposto ladrão que assaltou a sua casa e precisamos que identifique os seus bens.
(Vitima)
- Muito obrigado pela informação! Eu vou já para aí para ser agredido por ele para poder activar o seguro do telemóvel.

turbolenta disse...

Desconhecia por completo. Por acaso há bastante tempo, o meu filho fez um desses seguros. Felizmente o dito cujo morreu de velho e nunca lho roubaram.
Mas ainda bem que focaste este assunto.
Assim, pessoa prevenida vale por duas. Raramente os seguros funcionam como deve ser. OU melhor: são bons para cobrar mas raramente para pagar.
E quando se subscreve qualquer um, o melhor mesmo é não confiar no que nos dizem e lermos as letrinhas miudinhas todas. Assim evitamos futuras situações desagradáveis e andarmos a desembolsar dinheiro cujos benefícios nunca vamos ter.
Mais uma vez: os seguros são uns ladrões!
bjs

CF disse...

Ele há com cada uma...

Nuvem disse...

Realmente são os nossos seguros no seu melhor...
Fazem tudo para não pagar...
Mas ela pode tentar primeiro dizer que sim, que foi roubada com recurso a agressão (até porque a própria palavra "roubada" já implica agressão, no pior dos casos psicológica).
Depois eles tem de colocar no seguro que tem de se provar que foi por agressão (como o outro que tinha de ter testemunhas)...
E a seguir vendem um seguro para o seguro, que cubra as cláusulas não contempladas no outro.
Já para não falar na qualidade dos operadores que ligam às pessoas...
beijinhos

Vani disse...

Eu adoro é quando me ligam com publicidade, e lá tem de ser o pobre do jove a mandá-los pastar... sabes, devia haver um seguro contra danos psicológicos nos operadores de telemarketing ahahah... :)

Tu sabes quantas vezes já me ligaram do Barclays?... insistentemente, que nem um stalker?...mesmo depois de o jove os ter mandado pastar?...(como é sempre ele que atende devem estar a tentar apanhar-me a mim ahahah)...

Voltando à vaca fria, isto são cenas que acontecem no mundo civilizado, desenvolvido, de progresso, patati patata, e outros epitetos (escreve-se assim?) que nos fazem rir e chorar ao mesmo tempo...

the big fox disse...

será que se faz outros seguros para o roubo que soube e hoje dou a conhever na minha pagina?
isso sim é gamar.... agora um telemovel... uns gravadores...
abraço

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Decididamente o que aqui escreveste está hilariante e denota uma realidade caricata, mas por isso mesmo muito bem apanhada... lool...

Todavia, um furto é sempre um furto; parece que, pelos vistos, o seguro devia ter daquelas alineas mínimas (agora ja nao sao assim) em que especifica que é contra furto desde que com agressao. A ser assim é uma ilicitude porque obviamente que nao é a agressão que define o furto... Aquilo é abuso de quem elaborou o contrato e no mínimo denunciava a operadora...

Abçs

Ti Coelha disse...

Estou sem palavras... e isso é obra! :P

Sun Iou Miou disse...

Olha, que estás a fazer um grande serviço público, Raf. O pessoal tem a mania de subscrever seguros do que quer que for (até médicos, chamam de saúde, de saúde ó caraças, isso não tem seguro) sem ler a letra pequena (às vezes nem a grande).

Abracinho

Meio Cheio disse...

Mas ainda há gente que faz esses seguros? Se andarem sempre de ténis aprendem a correr...sai mais barato.

Quanto ao rir, caso me tenhas visto, também não sabias que era eu xD...foi um bom dia de concertos pelo menos ^^
Beijo*

Pedra Filosofal disse...

bem... como eu já vi uma companhia de seguros, a descartar-se de pagar um sinistro porque a chuva era exterior, confesso que já acho isto normal.

Maria disse...

Um dia destes imigro...

Anónimo disse...

Fui convidado para aderir a este blog. Ok, curiosidade e tal, vamos lá espreitar... Olha, o primeiro post que leio é sobre seguros...de telemóvel?! Bem, não é o meu ramo, pois apenas trabalho Ramo Vida, mas deixa cá ver. Estórinha absurda,mas pronto,"papa-se"! Estupefacção enorme...então qualquer um perde o telemovel e liga para a seguradora a dizer que foi assaltado e a seguradora paga! Sem testemunhas, sem relatório policial? Acho normal a seguradora prevenir essas situações, xicos espertos é o que não faltam por aí!
O comentário do seguro de obras também está fantástico. Uma pessoa tem um seguro cujo capital, vamos supor, é de 5000€.A obra custa 10000€. A Seguradora deve pagar os 10000€??? Eu quando for advogado também vou cobrar de honorários 200 se tiver despesas de 400, não vou? O problema com as companhias de seguros têm a ver em 99% dos casos com má-fé de uma parte ou de outra. Em 80€ dos casos a má fé é do cliente que omite propositadamente situações que não devia. Quer pagar o menos possivel...Depois, quando elas acontecem, dá problema!
Quanto à "letras pequenas", sim devem ser lidas, como todas as letras de qualquer contrato. Quaquer aspirante a jurista deve ter esse aspecto presente!
Bem hajam,
José Leandro,
Mediador de Seguros
com muito orgulho do trabalho que desenvolve com os seus cerca de 80 clientes angariados em 5 meses de actividade!

Malena disse...

Olha... nem sei o que diga! Vou imitar o Rei: Vou ali tomar conta das batatas! E acrescento: É que podem grelar! :D

Diabólica disse...

Realmente só neste país da treta. Até parece anedota!

Mas, se puderes passar pelo meu cantinho, postei algo na mesma linha, enfim...

Bjs.

Tulipa disse...

Isso é mesmo uma chatice...eu não tenho esses problemas, nunca fiz seguro para o telemóvel e da última vez que me assaltaram não quiseram levar nada, nem a porcaria do telémovel e ainda ficaram zangados e a rosnar :)

Rafeiro Perfumado disse...

José Leandro, fazes muito bem em defender a tua dama, eu faria o mesmo, por muito feia que fosse. Mas não tentes fazer crer que tudo é margaridas no reino dos seguros, pois tenho histórias passadas comigo que fariam corar de vergonha o Armando Vara! Claro que quero acreditar que nenhum dos teus 80 clientes algum dia escreverá algo semelhante num blog. Abraço!

A Bóia disse...

Mais um desalento desta república das bananas a quem chamam de Portugal.

Olhos Dourados disse...

Esses seguros de telemoveis são todos uma treta para gamar mais dinheiro às pessoas.

Nuno Medon disse...

Olá! Bem, mais valia ter dito que tinha sido por agressão, mas ao menos, foi sincera quando lhe colocaram a questão.

um abraço

Helena Teixeira disse...

Olá Rafy!

Tenho por mim que roubaram o telemóvel a minha cara-metade,pelo bom humor com que anda...lol

Ah, o blog da Aldeia está com um visual novo, já vistes?
E temos um site giro: www.olhodeturista.pt

Jocas gordas
Lena

MZ disse...

Sempre a mesma coisa... não leêm as entrelinhas e depois é isto!

bjs

kakauzinha disse...

Um amigo meu baptizou há anos a Vodafone como Fodafone.

Deve ser por isso que a dita cuja fodafona os seus clientes.

Também, mais um, menos um, estamos em saldo!

Beijocas**

José Silva disse...

Eu não culpo a Vodafone, os seguros é que fazem tudo para não pagar, receber é muito melhor.

conchita disse...

Já ouvi tantas histórias sobre seguros e cada vez me convenço mais que são todo uma cambada de ladrões, na hora da verdade fogem como o diabo foge da cruz!!
E claro o teu texto como sempre de partir o coco a rir, LOL!!
Bom feriado, o meu é a trabalhar como sempre, ai, ai..

Há.dias.assim disse...

A palavra seguro faz-me rosnar!

Andreia disse...

a worten queria que eu fizesse um seguro para o meu portátil, e não quis fazer :)

mas há coisas do diabo

Violeta disse...

Não faço seguros nestas compras... fiz uma vez e senti-me enganada!

MM disse...

Só se deixa convencer a subscrever um seguro desses quem quer. Não sabem já como funcionam as coisas neste país?! Mais, como funcionam (ou não funcionam) as coisas com as seguradoras?!

Este caso, fez-me lembrar um outro que se passou comigo há uns bons 3 anos.

Fui de férias para o Algarve e fiz a viagem de ida e volta sozinha (e já explico porque é relevante esta informação).

Na vinda para Lx perco a direcção. O volante bloqueou e deixou de responder e vinha eu em plena A2 a 180 à hora. Sorte que a A2 tem poucas curvas. ;)

Chamo a assistência em viagem, peço um táxi para me ir buscar e sou premiada com a seguinte pergunta: "Está sozinha ou acompanhada?"

Não percebi bem a razão de tal pergunta, mas lá disse que estava sozinha.

"- Ah! Como está sozinha não tem direito a táxi. Tem que ir com o reboque."

Eu: "Desculpe?! Mas o seguro é do MEU carro. É pago por MIM. Quem tem de ter direitos aqui sou EU e não os meus acompanhantes."

Enfim... Eu demorei 5 horas a chegar a LX (não, não havia trânsito) e fui o caminho todo aos saltinhos tal como se estivesse a fazer todo-o-terreno, tal não era a supensão fantástica da traquitana.

Conclusão: MEGA reclamação e rescindi a apólice com aquela seguradora.

Quem manda cair no conto do vigário e querer seguros mais baratos?!

Ah, pois é! Mea culpa!

Eh, pah! Grande comentário! Sorry! Não sei escrever pouco!

Bom feriado!

Beijocas

Maga disse...

ui! até parece que tens alguma experiência da coisa...
e esse tarifário, compensa?
beijufas!

Manuel Alves disse...

Eu vou já a correr fazer um seguro do meu porta-chaves. É que se mo gamarem ficam com meios de me levarem o carro sem pedir licença e de me entrarem em casa, a meio da noite (o ladrão quer-se discreto), antes que eu tenha tempo de mudar a fechadura. Sugiro que a tua conhecida mude de seguro. Parece que há uns jeitosos que dão pelo nome genérico de "armas de fogo". Mas, vai na volta, ainda tem de indemnizar o eventual larápio por danos corporais. (ó vida dura!)

Marta disse...

Nem sei por onde começar...

Vamos a isto.
Deixa-me dizer que é uma delícia ler estes teus post´s. Fartei-me de rir a imaginar a cena :)

Quanto ao seguro...está-se mesmo a ver que é mais uma forma de nos comerem dinheiro.

Mas ainda assim eu acho que a tua amiga devia fazer uma reclamação.
Sabes o que é que costuma resolver a questão. Ligar para a linha da operadora e pedir para falar com o supervisor. Acredita que resulta ;)

Beijos e Até Breve.

Bongop disse...

Comprem telemóveis como o meu! Praticamente só fazem chamadas, tiram uma foto ou outra e fazem um filmezinho rafeiro de vez em quando (e é cor-de-rosa...). Com estas particularidades ninguém vos rouba o telemóvel e poupam o dinheiro do seguro (acompanhada pela bela facadazita para comprovar o roubo violento)!
:P

(O meu é TMN...)
:D

Abraço

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Jose Leandro

Tenho de pedir desculpa ao amigo Rafeiro Perfumado por usar este espaço para um novo comentario, mas considero o teu comentario completamente demagogico para nao dizer sobranceiro.

As tuas preciosidades são:
"Estupefacção enorme...então qualquer um perde o telemovel e liga para a seguradora a dizer que foi assaltado e a seguradora paga! Sem testemunhas, sem relatório policial? Acho normal a seguradora prevenir essas situações, xicos espertos é o que não faltam por aí!"

Meu caro, a justiça nao se mede pelos xicos-espertos versus boa fé. Obviamente tem de fazer-se prova porque sem ela nao se pode aplicar a justiça (o que nao significa que nao tenha havido injustiça na mesma), mas se tu fosses vendedor deste tipo de seguros e dissesses aos teus clientes se querem um seguro contra roubo por motivos óbvios, mas que depois o óbvio deixa de o ser se disseres que so é valido se a vitima de futrto fizer queixa às autoridades e tiver mais do que isso apresentado provas de agressão, NINGUÉM TE COMPRA QUALQUER SEGURO. E quando reefres que as letras existem para serem lidas, nao sao elas ja em si mesma um sinal de igual má-fé para apanhar tantos incautos quanto possivel?

"Quanto à "letras pequenas", sim devem ser lidas, como todas as letras de qualquer contrato. Quaquer aspirante a jurista deve ter esse aspecto presente!"

Nao confundas um jurista com um qualquer jurista. De resto, nao foi por acaso que se suprimiram as letras pequeninas no caso de bancos etc porque, tal como as seguradoras, so nao diziam que iam buscar s bens do cliente porque algum podia ler isso e achar inconstitucional.

Caro José, o que dizes é verdade, mas nao dessa forma. Nao deixa de ser menos verdade a situaçao exposta neste post em que um cliente adere ao seguro e depois o mesmo nao lhe foi explicado; depreende-se que o cidadao medio usa a sensatez e desconhece os tramites legais, e é EXACTAMENTE por isso que as seguradoras e afins usam tudo o que podem para tirar ao cliente e nao ressarcir depois com elementos como estes...

Repito: tenta dizer aos cliente se os tivesses nesta area e sei que nao tens (eu tb nao sou de seguros, estou à vontade para falar) que façam seguro contra furto mas so é valido se consegyuirem provar agressao relatorios policiais etc etc... e ve la onde te vai parar a dama que tanto defendes... ou melhor.. o teu trabalho. ´

Nao podes simplesmente chegar aqui e dizer que é tudo estupido, as pessoas nao sabem o que dizem, se foram roubadas, azar... a menos que haja relatorio e prova de agressao ou que leiam as letras pequenas. nao é por haver coisas erradas que elas estao certas. Tu, so te faltou justifica-las.

Abraço e isto nao é nada pessoal, obviamente, mas tambem nao podia deixar passar essa sobranceria como se os seguros precisassem quem os defendesse.

Daniel C. da Silva

ψ Psimento ψ disse...

A tua amiga que ligue e que diga: “Olhe lembrei-me agora que ele me deu um empurrãozinho. Sabe como é, acontecimentos traumáticos têm tendência a ser recalcados e na altura não me lembrei”. Eu faria e até gostava de saber a resposta. Francamente essas empresas de comunicações são todas falcatruarias (mas não comentes que disse isto porque já trabalhei para uma e nem fazes ideia…) mais não digo porque não é ético da minha parte :p

Eskisito disse...

Sem comentários...

Felina disse...

Seguro do telemovel? porquê? têm diamantes incrustados?

Ana disse...

Isso é no mínimo surreal... lol

AEnima disse...

Eu so queria agradecer ao Daniel Silva por ter elucidado o Jose Leandro, por estava prestes a faze-lo eu e nao seria tao politicamente correcta. Qto ao caso das obras, se a seguradora nao considera o valor ajustado, ja o deveria ter repensado ha mais tempo. Se o contrato estipula que pagaria as obras, tem que pagar. Tem ca uma sortinha da malta nao recorrer a advogados mais amiude, que ate deveria contar isso como factor atenuador de risco ao calcular as apolices, coisa que nao fazem.
Poucos sao os negocios mais amorais que as seguradoras!

Solita disse...

Ah!! Então eu bem tenho razão, estes seguros não interessam para nada. È a mesma coisa com os portáteis. Para receber está tudo pronto. Jinhos e bom domingo

gota de vidro disse...

Melhor mesmo é borrifar nos seguros...

jito da gota

MEU DOCE AMOR disse...

Ehehehe!!!