Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Ai que me borrei todo!


Estamos a sofrer desde há uns tempos os efeitos de uma frente fria caracterizada por um clima de nervosismo / histerismo / parvalheira em relação à possibilidade de Portugal ter de pedir ajuda internacional para equilibrar as suas finanças. A paranóia é tal que não me admira que em breve, quando alguém quiser pregar um cagaço a outra pessoa, em vez de gritar BUUUUUUU grite FMIIIIIIIIII!
Até sempre,

Rafeiro Perfumado

48 comentários:

Rui Pascoal disse...

O cigano, o homem do saco e o polícia lá vão para o desemprego...
É a vida!

Salvador disse...

Bom dia, Rafeiro ))

Eu, quando oiço falar do FMI, só me apetece é ganir. Resisto e solto um prolongado AUUUUUUUUUUU... ))

Andreia disse...

FMI- Foderam Muito Isto

até eu tenho medo, eu

MRPereira disse...

Comé Rafeiroso, tás bom? Deve ser por isso que hoje aqui prós lados da Eléctrica está um pivete que nem se pode... Já passaste aqui a caminho do trabalho... :)

O FMI, se vier para cá, só vai estragar. É certo. Agora a pergunta que se impõe (e para a qual ainda não tenho resposta...) é: Será que estragam mais do que aqueles que cá estão?

Aquele abraço

Me,myself & I! disse...

Eu quando quero meter medo ao meu filho falo-lhe mesmo do FMI...

Felina disse...

Acabaste de inspirar o pessoal do Fantasporto

Teté disse...

Os nossos egrégios avós devem andar às voltas no túmulo, com tanto empanicanço por dá cá aquela palha: FMI, um susto para os doutos economistas e governantes; ASAE, um pandemónio na feira de vendedores ambulantes; vacinação escolar, famílias inteiras a desmaiar com medo da agulha...

Não sei porque é que não mudam o nosso hino, porque não estou a ver gente desta fibra a marchar contra os canhões! O que também não interessa nada, quando as armas são nucleares, mas pelo menos sempre mantinham uma postura mais digna e as calças limpas! :)

Beijocas!

éMe disse...

Conversa de ignorantes:
FMI: Truz Truz...
Português: quem fala?
FMI: É o FMI.
Português: Ah és tu meu f*d*pu*. Vai mas é para a Espanha.
FMI: Ai...da última vez que cá tive o Marianito Soares não me tratou tão mal.
Português: Pois...mas agora, na zona euro, já não gostamos de paneleiros!


Até parece que nunca antes fomos visitados.Pode não ter sido tão mau mas...Já deviamos ter aprendido alguma coisa entretanto, e saber que não aprendemos, isso sim mete medo...até me cago toda a fazer o pino.

Marta disse...

Já nada me choca!
;)

Tulipa disse...

hehehe! é mesmo uma paranoia nacional! ;)

Janita disse...

Pois que venham ELES:

FAMOSOS MACHOS INTELIGENTES.

Bem falta fazem neste Portugal dos Pequeninos.

Hoje estou no CÃO!!!!!!

Xi frouxo.

Castanheira Pera disse...

As coisas que um Rafeiro consegue inventar. Mas está bem visto. Neste Carnaval é capaz de ser a palavra mais usada. Lá vamos ter um Carnaval borrado e mal cheiroso. lol

Tulipa Negra disse...

Eu não tenho nada de inteligente e/ou divertido para dizer sobre este assunto, mas não quero que voltem a mandar-te fechar o blog por falta de comentários. Portanto, aqui fica a minha modesta contribuição. ;)
Beijinhos

disse...

Estiveste muito bem, como sempre Rafeiro ;-)

Textículos disse...

Os que realamente me metem medo são os madafacas da DGCI. :D

São disse...

rrsss rrss

Adoro dálmatas!

Fica bem e nada de sustos.

Plim disse...

Ahah muito verdade!

paulofski disse...

Só de ouvir o 1º FMInistro dizer nas notícias que o continua a sua FMIssão de salvar o país da FMIséria, até fico FMIjado de medo!!!

Inês disse...

Eu acho que o FMI vai ser uma óptima partida de carnaval, e uma boa mentira para o 1º de Abril.
Assim,se ele vier mesmo cá fazer-nos uma visita,ninguém vai acreditar...
"Oh tás a gozar comigo!!!Já caí nessa no Carnaval e no 1º de Abril.Arranja uma nova!!"

Pitanga Doce disse...

Eu até podia fazer BUUUU para alguém, porque já nos livramos do tal FMI (pelo menos o antigo Presidente dizia que sim), mas ainda não parei de rir só com o título deste post tão educativo economicamente. hehehehe

Meio Cheio disse...

Um dia atiramos uma moeda de dois euros a uma pessoa e ela tem um ataque cardiaco de excitação.

sentaqui disse...

Vá, toca a mudar a fraldinha..ahahaha

Gonçalo disse...

A crise já chegou ao mundo canino?

Um abraço! :)

Manuela disse...

Rafeirinho, o que tu te lembras!! FMI, só assusta a classe política, verdade?!
Beijinhos e um ossinho :)

Mal Educado disse...

esses a mim não me incomodam!

vão aborrecer uns tantos trabalhadores, pois vão achar que eles no desemprego estão melhor

vão incomodar os bancos, porque esses ganham muito e pagam pouco.

eu vou começar a guardar as minhas moedas, porque das notas já nem lhes vejo a cor, de baixo do colchão de palha que tenho na barraca

TM disse...

E é bem possível que não sejas o único a ficar assim....

Nuno Medon disse...

olá! O Governo não quer o FMI, mas ás tantas vai ter de lhes pedir ajuda, mas a culpa disto é do Governo.... são gastos a mais, dinheiro gasto que muitas vezes não se sabe onde foi gasto, compras de que não precisamos, e funcionários a mais, a meu ver.. é o País que temos. abraço

AmSilva® disse...

Será que vem...?!?
Ou será que os governantes vão continuar com aquele ar e atitude de que não se passa nada fora do normal em Portugal??
Bem, agora que li o que escrevi... pois, nada fora do normal!!

Abraço

José Maria Lobato disse...

Olá meu caro!!!
E que tal fazer uma inversão na história, vendermos a dívida ao Brasil, que agora até tem uma mulher no poder, que é um país que se está a sair até muito bem economicamente, e sermos agregados??? Colonizados não, mas agregados,,,, que achas da ideia??? Talvez fosse uma solução para toda esta treta de crise!!!
Abraço, Zé Maria

aespumadosdias disse...

Será que amanhã os juros da dívida pública subirão por causa da moção de censura do próximo mês? Vamos ver.

Paloma disse...

Este título de postagem, tem tudo
a ver com o FMI.

redonda disse...

:)) eis uma ideia assustadora! :)

susana disse...

Lamentávelmente continuamos a cometer os mesmos erros. Já o dizia Eça de Queirós em 1872 "Nós estamos num estado comparável sómente à Grécia: mesma pobreza, mesma indignidade política, mesma trapalhada económica, mesmo abaixamento de caracteres, mesma decadência de espírito. Nos livros estrangeiros, nas revistas quando se fala num país caótico e que pela sua decadência progressiva, poderá... vir a ser riscado do mapa da Europa, citam-se a par, a Grécia e Portugal". Eça de Queirós, 1872, in "As Farpas"
Penso que o maior problema de Portugal é uma questão de mentalidade. As pessoas não tem nobreza, não tem carácter, são como ratos a disputar um pedaço de queijo. Usam do poder indigno para sujeitar os mais fracos.A maioria é tão mesquinha que nem se apercebe da sua ignobilidade.
O FMI se vier a acontecer é o resultado disto tudo que se vem passando desde há muitos anos, para não dizer séculos....

BS of Life disse...

ME-DO!!!

Libel disse...

Puxa, Rafeiro que susto, como sou uma Rafeira muito lady não vou dizer que me borrei toda, mas olha que foi uma Forçada Missão Impossível..., o que me valeu foi a autodestruição rápida do "excremento" senão a minha reputação seria largamente manchada, pela vergonha!!...

Beijokas
Bom fim de semana

Dragão Azul disse...

Medo?? Falo por mim, nos ultimos meses já levei tantos tropeções e a procissão ainda nem a meio vai que é mais um ou menos um ajudar á festa... começo a ficar calejado para isto.

Pitanga Doce disse...

Ó rapaz, a resposta está lá. Mas eu não vou mudar, não viu? hehehehehehehehehehehehe Só tu!

Nanny disse...

FMIIIIIII

:D

Agora vai-te lavar... não lambas isso tu, oh rafeirote!

Bom fim de semana

Pitanga Doce disse...

Isto deve ser do calor. Agora pus a vírgula no lugar errado. Vou embora.

JP disse...

Eh eheheh !! esta está muita boa!
Imagino a cara de um tal primeiro ministro a fugir com as calças da mão!!!

Bem é o que eles fazem quando acham que já não há hipótese de endireitar e compor a asneira que fazem, senão vejamos: António ~Guterres e Durão Barroso, puseram-se na alheta, e fizeram de conta que não foi nada com eles!! Tenho dito. Desculpa o desabafo Rafeiro e Bom Fim de Semana!

turbolenta disse...

Vir ou não vir...eis a questão.
O terror de muitos, a vontade de alguns.
Por mim, deixa que te diga e portuguêsmente falando: quero lá saber e como diz a malta nova "caguei e andei". A política já me enche de terror e já fico mal disposta de tanto se falar nela e todos terem a sua opinião. Mas já estou numa fase que me entra a 100 e sai a 500. Quero lá saber. Ficaríamos pior? E isso será possível no modo como actualmente as coisas estão?
E eu, como sou do contra:
Toda eu sou dúvidas e engano-me muitas vezes.
Bom fim de semana sem FMI

Mariz disse...

Gostei do teu jeito de protestar.

mil beijos!

Táxi Pluvioso disse...

Ah! pois é. Eu já uso para engatar. Se não vamos dormir juntos (acordados, claro) vais criar instabilidade e desestabilizar os mercados, não falha, é tiro e queda (na cama).

A Minha Essência disse...

Bom, sobre este caso concreto, a única palavra que me vem à mente assim de repente é: estonteante!!

Kiss

P.S.- Risos... quando tiveste no Roupa Prática não era preciso teres medo. Pois aquele blog não pertence ao bicho papão! ;)

MEU DOCE AMOR disse...

Assutadora para os tubarões,certo?

Ou tens medo deles?Heim?

Beijo doce

Brown Eyes disse...

Já faltou mais ;-)

Anónimo disse...

Nós, comuns mortais não iamos notar diferença, agora aqueles que estão lá no poleiro a receber N reformas chorudas, ou ordenados milionários, esses sim iam notar bastante diferença e são esses que nos dão a ideia que o FMI é um bicho muito mau...
VENHA O FMI!!

S.

refemdabd disse...

Tens razão. É nestas coisas que nós vemos que o nível de analfabetização está mesmo alto e que quem está no "poder" faz gala em colher esse fruto que há tantos anos vêm com satisfação crescer e crescer. À falta de um 09/11 nacional, vai-se buscar o medo necessário ao que se pode, ou ao que se consegue! Cambada do...