Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Eu sei que tu andas aí!

Os anónimos estão para os blogs como as aranhas para os carros: até pode passar algum tempo sem que sejam avistados, mas nós sabemos que andam por lá, à espera de fazer a sua teia.

Até sempre,
Rafeiro Perfumado

76 comentários:

Rui Pascoal disse...

Queres dizer que há quem não dê a cara mas dá o..
:)

Paula disse...

Ai os anónimos, esses bichinhos traiçoeiros...
Css, css... Busca Rafeiro, busca! Estraçalha-os com os teus dentes caninos e não tenhas misericórida!
:)

Eva Gonçalves disse...

Há que enfeitiça-los para que saiam da toca... há que saber como desmascará-los... claro que isso não é para todos, rrssssss :) beijo

Lyn disse...

Para dormir talvez......... :P

Ora, um kiss especial para o anónimo então ;)

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

A diferença é que as aranhas são mais corajosas que os anónimos ;)

Felina disse...

Aprendeste com os canais portugueses? deu te para fazer novelas intercaladas com publicidade... só não entendi se era publicidade a um insecticida ou a filme de terror "a exibir brevemente perto de si"

Vício disse...

...e então o pirilampo disse para a cobra:
- Se não te fiz nada nem pertenço à tua cadeia alimentar porque me persegues?

Cat disse...

Umas vassouradas resultam sempre. Não permitir os ditos comentários também. ;)
beijos grandes

Canephora disse...

Boa, gosto deste "réptil" (frase q adoro ouvir)

vamos falar das aranhas... esses anónimos... será que fazem algo de tão transcendente que precisam de facto estar anónimos... além disso... será que eles sabem que nós podemos apagar os seus comentários? mesmo que eles façam milhares deles?

mas a realidade é que o facto de me identificar como Canephora e até sabem onde fica o meu blog... afinal... que é q sou eu?

mas, como diz a nossa amiga alien... isso sou só eu.

LM disse...

Nem no telemovel os atendo, quanto mais na blogosfera....deixa tocar, Rafeirinho.;)

Orquídea Selvagem disse...

Já estás como o outro que dizia: "Yo no creo en brujas, pero que las hay las hay"

(desculpem-me o meu fraco castelhano, pois nem sei se está bem escrito ou não)

Beijinho assinado :)
Orquídea Selvagem

maria teresa disse...

Se há! Mas não te preocupes com eles! São fruta podre mais dia, menos dia caem da árvore!
Onde está a parte II, essa sim é muito mais importante (pelo menos para mim)?

A Minha Essência disse...

Pois... de quando em vez lá no Roupa Prática também dão o ar da sua graça. Olha, ontem foi o dia! (Risos)

the big fox disse...

não podia concordar mais com o que diz o/a vicio.
vai sempre haver gente cobarde e cheia de inveja dos outros.
mas o caminho é p´ra frente que a merda fica sempre p´ra trás.
abraço amigo

Sun Iou Miou disse...

Eu tenho até aranhas de estimação em casa que rivalizam comigo na caça de moscas. Agora os anónimos (sobre tudo aqueles já "conhecidos"), uso o mesmo sistema que as moscas, esmago-os e para o lixo (contentor de resíduos tóxicos).

Carolina Tavares disse...

É meu amigo, até o momento eu poderia me gabar de não os tê-lo, mas por agora anda um por lá a dar o ar da voz.

Tia Cremilde disse...

E não há nada como uma boa sapatada em cheio no aranhiço!

Patrícia disse...

Os anónimos não me incomodam desde que sejam simpáticos nos comentários. Agora se vão falar mal, que mostrem a fronha.
Já agora, concordo com a parte das aranhas serem úteis, mas fofinhas... A minha definição de fofo passa por coalas e cãezinhos bébés.

Beijinhos=)
Patrícia

Gata2000 disse...

Não há blog que não os tenha :)

Sérgio Pontes disse...

Tens toda a razão Rafeiro, de vez em quando também passam no meu =)

Abraço

Há.dias.assim disse...

Gosto de aranhas. Já de anónimos...

Cristina Torrão disse...

Um Jack Russell Terrier na foto, adorei :-)

Quanto aos anónimos, ainda não tive problemas com eles - sinal de que não me dão grande importância...? Enfim, tem as suas vantagens ;)

Julie D´aiglemont disse...

Nem me fales nisso...

Brown Eyes disse...

Mas há anónimos de várias categorias. Temos aqueles que se escondem no anonimato, mas que nas entrelinhas sabemos perfeitamente de quem se trata (os cobardolas) e temos os anónimos que, coitados, nem estatuto de cobardolas têm.
Passam o tempo a querer ser como alguém que nunca vão conseguir ;-)

Bjs

Teófilo Silva disse...

São uma praga pior que as aranhiços.
Estou de acordo com o comentário do Rui Pascoal.

Um abraço

conchita disse...

Anónimos = Cobardes.
Agora dizer que as aranhas são fofinhas, desculpa lá Rafeiro mas discordo completamente, são tão nojentas, e quando vejo uma fujo a sete pés, lol!!!
Beijos:)

A. disse...

As aranhas são umas fofas... tarântulas, viúvas negras...e claro, livram-nos de algumas pragas, se bem que a dita praga otária só se dá conta depois de bem enredada.
;)

nuno medon disse...

olá. muitas pessoas vão ao blog a correr e demoram menos tempo, a publicar como anónimo. no telemóvel, não atendo números anónimos. abraço

Barroca disse...

Pobres aranhiços, tão úteis à cadeia alimentar...

S* disse...

Gente reles.

Petra disse...

Já tive disso e até uma situação bem chata... Mas nada melhor que os ignorar afinal não passam de gente: mal resolvida, cobarde e que... coitadinhos precisam de um ecrã para vomitar o fel que lhes queima o fígado ja de si apodrecido.

Marta disse...

Eu cá ignoro-os completamente!

Diabba disse...

Raios, e eu a pensar que ninguém me notava.

enxofre ]:-D

Fê-blue bird disse...

Como é possível eu não conhecer este rafeiro :)
A Janita como sempre tem bom gosto!

Patrícia disse...

Eu acho que as aranhas são umas injustiçadas. Não fazem mal a ninguém e algumas são bem engraçadas. já os anónimos ... não os conheço. Já tu, como um bom rafeiro, podes afugentá-los à rosnadela.
(a sério: não somos (quase) todos anónimos na net? eu até assino com o meu nome verdadeiro, mas a maioria assume outras identidades)
:)

elvira carvalho disse...

Coitados dos anónimos Rafeiro. Geralmente eles são tão feios por dentro e por fora que morrem de vergonha de serem identificados.
Um abraço

Teté disse...

Absolutamente! Ainda um destes dias lá veio mais um/a insultar-me, à conta do post do costume... ;)

Mas como é que é sobre a parte II de "Ulisses era um menino"???

Beijocas!

ψ Psimento ψ disse...

Eu tenho uma dessas no meu carro, vive no retrovisor esquerdo. Nunca a vi mas tenho de destruir-lhe a casa frequentemente ehhehe. Abraços

cuca disse...

Tenho a mesma reacção de cada vez que visualizo um deles: grito! Grito assustada que me façam mal. Eu tenho tanto nojo de aranhas que fico com medo que me façam mal e grito; eu tenho tanto nojo de anónimos que fico com medo que me façam mal e grito. Um anónimo telefona-me, eu grito; um anónimo aparece lá no meu blog, eu grito; uma aranha percorre o chão da minha sala mais assustada do que eu, e eu grito e mato-a! Já os anónimos não posso matar...

(Melhor, melhor são aqueles anónimos que no fim do comentário, assinam o nome...)

redonda disse...

O label está muito giro :)
Ainda assim, acho que preferiria um anónimo, desde que fofinho, a uma aranha fofinha

aespumadosdias disse...

Até por aqui eles andam. Passam só para espiar.

Anna^ disse...

Esses anónimos esquecem-se é que rafeiro que é rafeiro ,tem um faro do caraças! :)

Janita disse...

Rafeirinho.
Os perigosos e peçonhentos, são aqueles que usam o anonimato para destilar veneno...qual viúva negra...e depois ainda se vangloriam!

Beijinhos e tem um feliz fim de semana.

Utena disse...

Deixa lá eles até fazem falta com o seu azedume...

Maria Flausina disse...

Bolas!! E eu que nunca tinha comentado... vou voltar a ficar caladinha antes que leve uma sapatada ou um grito. Vou ali para o meu canto e só não vou tecer uma teia porque não gosto de insectos.

Ainda me atrevo a perguntar: então e essa Pilotisseia?

BlueShell disse...

É mesmo...e não é que me "dão nos nervos"???

Táxi Pluvioso disse...

Um anónimo é apenas um conhecido que quer entrar para as secretas. bfds

▒▓█► JOTA ENE disse...

ººº
O Jota tem uma certa simpatia pelos anónimos.

A culpa é dos meus pais, que me educaram a ter simpatia por gente menos dotada intelectualmente.

1 abraço !!!

fernanda disse...

Rafeirinho.....
Chamar anónimas às aranhas que ignorância; só prova que lá em casa
não é o rafeiro que faz as limpezas
senão sabia que elas são umas descaradas fazem teias em qualquer
lado não são de se esconder no anonimato.
Um abraço.

TERESA SANTOS disse...

Pobrezitos, deixa-os em paz!

Cada um diverte-se como sabe, como pode, como... APRENDEU.

Já pensaste no que motivará uma pessoa a dizer um monte de barbaridades num blogue?

É triste, muito triste! (para eles claro!)

Abraço grande.

Vítor Fernandes disse...

E ele há com cada anónimo!

Paloma disse...

RAFEIRO, o google, o computador, o blog ou sei lá o que, fizeram com que eu me tornasse anonima,pois a postagem dos comentários não entra de jeito nenhum, em certos blogs.Mas, o jeito é dançar conforme a musica.

Paloma

Mz disse...

As aranhas são fofinhas mas não dão ponto sem nó!
Eu ando por aqui e muito preguiçosa... já não te leio à tanto temmmmmmpo!!!!!!!!!!!

Beijinhs

Magia da Inês disse...

°º♫
°º✿
º° ✿♥ ♫° ·.
Olá, amigo!°º♫
Isso é uma chateação mesmo!!!

°º✿
º° ✿♥ ♫°
Bom domingo!
Beijinhos.
Brasil°º♫
°º✿
º° ✿♥ ♫° ·.

Kok disse...

Um carro sem uma aranha, sem um farolim que não acende, sem um risco ou dois, sem um resto de fezes secas de gato e sem um folheto propondo a compra de carros não é carro que se preze!

Deve ser isso que os anónimos pensam relativamente aos blogs.

1 abraço pah!

Kim disse...

Às vezes - o anonimato é uma forma de nos dizerem na sombra o que não conseguem dizer às claras.
É óbvio que nem tudo o que se publica nos blogs é do agrado de quem lê, mas aí só há uma solução, ou dá também a sua opinião ou deixa de lado. Agora, o insulto anónimo é cobardia pura.
Abraço Jorge

Rafeiro Perfumado disse...

Rui Pascoal, nem isso dão, pois é malta com mais medo do que...

Paula, nem pensar, achas que meto o dente em qualquer porcaria?

Eva Gonçalves, sou mais apologista de inundar a toca e deixá-los boiar... Beijoca!

Lyn, o anónimo leva beijoca e eu não? Hás-de cá vir...

Rafeiro Perfumado disse...

Especialmente Gaspas, tanta qualidade que as aranhas têm, por exemplo livram-nos de presenças indesejáveis. Já os anónimos...

Felina, raramente vejo canais portugueses e nunca vejo novelas (a última que vi foi a Tieta do Agreste), pelo que não conheço essas técnicas. ;)

Vício, o mais ridículo é que neste caso o pirilampo tem uma luz tão banal.

Cat, vou continuar a resistir a essas ferramentas de moderação de comentários, pois acho que até os anónimos devem poder exprimir-se. Além de que prejudicaria os anónimos decentes. Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Canephora, há anónimos e anónimos. Há quem opte por escrever como uma personagem (rafeiros e outros bichos estranhos) e há quem use o anonimato para extravasar a vida triste que leva.

LM, mas chateia, especialmente se estiveres no cinema.

Orquídea Selvagem, aquilo era castelhano?!? :D Beijocas!

Maria Teresa, não os comparo à fruta podre, pois essa ao menos ainda serve para fertilizar a terra. A parte II já está publicada, ó apressadinha!

Rafeiro Perfumado disse...

A minha Essência, e também tens vontade de lhes dar uma chumbada?

The Big Fox, chateia-me porque gostava de os compreender. É a minha costela de qualquer coisa de Calcutá a falar mais alto. Abraço!

Sun Iou Miou, eu travo uma luta com a minha jove, ela quer correr com as aranhas, eu protejo-as, pois acho que elas nos livram dos verdadeiros perigos. ;)

Carolina Tavares, mas pelo que vi o teu é dos bons. Quando começar a insultar-te até à 5ª geração, aí sim, é um anónimo “aranhoso”.

Rafeiro Perfumado disse...

Tia Cremilde, desde que a seguir não passes pelo tapete preferido lá de casa, aí quem se arrisca a levar uma sapatada és tu!

Patrícia, que não restem dúvidas sobre isso, nada tenho contra quem comenta de forma anónima apenas pelo facto de não ter uma conta google ou similar. Detesto é quem usa o anonimato para destilar ódio, apenas. Beijocas!

Gata2000, tal como não há carro que não tenha a sua aranha!

Sérgio Pontes, eu acho que eles são um bocado como o lixo espacial, vão girando em órbita da blogosfera. Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Há.dias.assim, eu gosto dos anónimos que comentam normalmente. Já os que apenas sabem insultar, esses era RAID com eles.

Cristina Torrão, não te iludas, o teu anónimo anda por lá, e se te distrais, NHAC!

Julie D/aiglemont, como pediste com jeitinho, pronto, não falo.

Brown Eyes, e existem também os anónimos que são pessoas como nós, giros, inteligentes e bem falantes. Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Teófilo Silva, o nosso amigo Rui Pascoal tem uma grande cultura, e de vez em quando manda umas bem acertadas. Abraço!

Conchita, são fofinhas! Então aquelas grandes, peludas, até dá vontade de as esfregar nas bochechas, para fazer cócegas! Beijos!

A., mais uma diferença, os anónimos bem tentam fazer a teia, mas os únicos otários são eles.

Nuno Medon, sim, há anónimos e anónimos, só desprezo os anónimos palhacitos, todos os outros são bem vindos. Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Barroca, podes crer, já imaginaste a quantidade de melgas que são retiradas de circulação à conta deles?

S*,, bota reles nisso.

Petra, mas só se consegue ignorar até um certo ponto. Já tive problemas mais ou menos graves com anónimos, e a única coisa que não tenho permitido é quando o alvo é outro que não eu. Aí o caldo entorna.

Marta, e fazes tu muito bem. Eu de vez em quando gosto de lhes dar uma atençãozita, não vão eles morrer de ostracismo.

Rafeiro Perfumado disse...

Diabba, como se essa cauda passasse despercebida... Beijocas!

F^-blue bird, uma falha imperdoável, felizmente corrigida a tempo de evitares a danação eterna! ;)

Patrícia, tal como nas cores, há um largo espectro de anónimos. Os que são alvo deste texto estão na ponta do espectro (infelizmente não na ponta do espeto), que são os que apenas se usam do anonimato para dizerem o que não têm coragem de dizer ao vivo e a cores.

Elvira Carvalho, sim, quando penso num desses anónimos imagino-o sempre numa cave escura, a teclar furiosamente enquanto limpam a ranhoca à manga da camisa. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Teté, quem foi o gaijo?!? AH, espera, era anónimo... Beijoca!

Psimento, se a União Zoófila sabe ainda ficas sem carro. Abraço!

Cuca, tenho pena dos teus vizinhos, com tanta gritaria... ;)

Redonda, não digas isso, as aranhas livram-te das melgas, alguns anónimos são as melgas.

Rafeiro Perfumado disse...

Aespumadosdias, são os voyeurs dos blogs.

Anna^, infelizmente tenho andado congestionado...

Janita, deixa-os, é o único momento em que se sentem grandes, poderosos. Infelizmente depois desligam o PC e voltam à sua triste realidade. Beijoca!

Utena, nem que não seja para darem motivo a temas de textos.

Rafeiro Perfumado disse...

Maria Flausina, não te coloques no grupo alvo deste texto. Se eu não quisesse que pessoas como tu comentassem, já tinha eliminado a opção há muito tempo. Comentários como o teu são bem-vindos, tal como qualquer outro que acrescente alguma coisa aos textos. Estamos entendidos? ;)

BlueShell, não permitas, devem servir apenas para nos darmos como felizes de não sermos assim!

Táxi Pluvioso, e ser despedido a seguir?

Jota Ene, querem ver que somos irmãos? Os meus pais dizem o mesmo! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Fernanda, és outro exemplo dos anónimos “normais” e desejados neste espaço, fico contente que tenhas percebido que não é ao teu grupo que me dirijo. Beijoca!

Teresa Santos, que se divirtam então sozinhos, ou na companhia de um vídeo do Youtube. E nem quero pensar nas motivações dessa gente, para não ficar deprimido. Beijoca!

Vítor Fernandes, que até parecem muitos!

Paloma, também já me sucedeu, o blogger não aceitar a minha autenticação. Em alguns blogs torna-se impossível comentar, pois têm a opção dos anónimos desactivada. Mas se assinares Paloma eu topo-te...

Rafeiro Perfumado disse...

MZ, o teu lugar neste blog até está cheio de teias de aranha, vê lá ao tempo que não vens cá. Beijocas!

Magia da Inês, nada que um bocado de DUM-DUM não resolva. Beijocas!

Kok, depois da tua descrição, acho que nunca vou aceitar boleia no teu carro. Abraço!

Kim, até ficaria chateado se concordassem com tudo o que escrevo aqui, é que por vezes nem eu concordo. Agora há formas e formas de contestar, e normalmente o anónimo vai pela mais fácil, o insulto sem sentido. E é isso que eu desprezo. Abraço!

Maria Flausina disse...

Depois de ficar a tremer um bocadinho com este "rauf" tão autoritário, decidi que é melhor obedecer... E desta vez até corei um niquinho! ;)

kakauzinha disse...

Já tive muitos chicos/as espertos/as dessa "raça" estranha no meu blogue. São todos corridos à pedrada.

;)

Carla disse...

EH!!EH!! Eu sou um dos anónimos!!
Mas é a 1ª vez que deixo um comentário!
Assisto com um sorriso a este blog...
Fique bem!
Carla Silva

Anónimo disse...

Adorei!
Adoro quase sempre...

Se te visitasse mais vezes acho que ficava apaixonada! Tenho predilecção por rafeiros... :)

Também tenho um aranhiço pelas minhas bandas.

Mas tens razão: as aranhas de verdade ao menos são fofinhas... os Anónimos - um determinada sub-espécie apenas- são uma praga!

O melhor é deixar ladrar :)

Luadosul disse...

Fazía um bom tempo que nao lia esste blog. Sempre é um prazer! Acho coisas que muitas vezes nao tenho posto atenzao nelas! (Descolpa meu portugués)
Beijinho desde Uruguai.

Rafeiro Perfumado disse...

Maria Flausina, haja alguém que me leve a sério. ;)

Kakauzinha, voltaste a fechar os comentários, pá?!? Queres levar uma pedrada?

Carla, uma grande beijoca para ti, ó debutante!

Anónimo, deixá-los ladrar mas baixinho, que é para não incomodarem mais do que a conta. Beijoca!

Luadosul, nada a desculpar, mas olha que se visitares mais o português começa logo a melhorar! Beijoca!