Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Nascer em berço de ouro


Ora cá está outra expressão bem parvinha. Costuma dizer-se sobre alguém que nasceu no seio das melhores famílias, com todas e melhores condições, desde o rabinho polvilhado com o melhor pó talco (já não se usa, pois não?) até à primeira nadegada dada pelo médico que tivesse a mão mais fofinha. Dito desta forma, tenho de reconhecer que são predicados para que um bebé tenha uma base sólida para se lançar num trajecto de sucesso, tanto a nível pessoal como profissional, podendo mesmo almejar a ser ponta de lança do Benfica!
Agora a cena do berço ser em ouro parece-me exagerada. Senão vejamos: a própria lógica da frase, quer dizer, os putos não nascem no berço, são lá despejados depois de virem do hospital ou de onde quer que decidam vir ao mundo. Por outro lado, um berço em ouro, por muito valioso que seja, parece-me ser um material demasiado duro e frio, capaz de arrancar uns valentes gritos ao cachopo, mal os seus costados entrassem em contacto com o berço.
Mas se querem mesmo dar a entender que um bebé é tão mais rico quanto precioso for o seu berço, porque raio não existem expressões como nascido em berço de diamante, nascido em berço de tungsténio, nascido em berço de gasolina 98 octanas ou nascido em berço de toner para a impressora HP Photosmart C5280? É que o ouro não é o material mais precioso que por aí anda, sabiam?
Por último, há a questão do brilho. Apesar de nem tudo o que reluz ser ouro, neste caso havia a garantia de que era. Assim, à menor projecção de luz sobre o berço haveria lugar ao seguinte diálogo:
Mãe: Olha, tão querido, está outra vez a piscar-nos o olho!
Pai: Hum, acho que o puto está é outra vez encadeado, onde é que meteste os óculos escuros?

Até sempre,
Rafeiro Perfumado

43 comentários:

LopesCa disse...

Primeiraaaas,
Não resisti LOL
E o menino é d´oiro?
Essa expressão é pior lol

Teté disse...

Epá, comecei logo a imaginar berços de trufas ou daqueles grãos de Kopi Luwak e afinal o berço ser de oiro só demonstra bom gosto! :)))

Mas pronto, apesar dessas manias da grandeza, o bebé ficava mais bem servido com um berço de madeira e um colchão fofinho... :D

Beijocas!

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Nascer em berço de petroleo, deve ser cá um mau cheiro...

Ana disse...

Um berço de baunilha. Tem um aroma fantástico e relaxante, o miúdo poderia comê-lo assim que tivesse idade para o fazer...e devo dizer que é bem valioso também (a baunilha é considerada o diamante negro, por ser valiosíssima).
Ouro é puro desperdício: para além de frio, duro e de poder encadear os miúdos, não se presta a muito mais coisas...

Boop disse...

A que eu gosto mais ainda é o nascer de rabo virado para a lua.
Conheço pessoas que garantem que ao nascer a parteira os levou à janela e virou o "sim senhor", nuinho e acabado de ver a luz do mundo, para a lua.
Eis a verdadeira razão do sucesso!

Sun Iou Miou disse...

Nós cá, que somos bem mais humildes, dizemos: nascer em boas palhas. Ouro? Quem o viu?

aespumadosdias disse...

A maior parte deles não vão saber o que é a vida e quando chegar a hora de se safarem sozinhos estão lixados.

AmSilva® disse...

É certo que há putos a nascer em todo o lado, mas como hoje em dia o ouro mais valioso e famoso é mesmo o Ouro Negro quer dizer que só se safam, pra pontas de lança ou não os que nascem nas refinarias, ou ainda nos poços de petróleo ??
Abraço

Maria Pitufa disse...

Por este andar daqui a uns anos dizem, a aquele nasceu no hospital... e isso já vai ser uma distinção... primeiro porque morava perto de um hospital ou a mãe chegou lá a tempo, depois porque à partida teria médicos há volta dele...e já para não falar que da maneira como anda irá significar que os papás de tal criança tinham dinheiro para pagar o parto da criança!!

Olha que eu acho que quem nasceu em berço de ouro não tem como objectivo ser ponta de lança do Benfica...

Marta disse...

Tenho de questionar aos meus pais em que berço nasci eu. Se era de ouro, foi-se tudo...pouco ou nada restou.

turbolenta disse...

Pois o meu era de madeira redondo por baixo.Isto quer dizer que ,quanto mais eu esperneava mais ele balouçava. E quanto mais abanicava mais depressa eu me calava. Eram espertos os antigos lá na aldeia. Assim se enganavam as inocentes crianças...
beijos

Alguém que te quer bem. disse...

Rafeirito..... mas que imprudência
escrever berço de ouro.
Não sabes que os amigos do alheio,
tambem podem lêr o teu blog?
Um beijinho e boa semana.

Vício disse...

sem falar que, se o puto for duma família dessas e nascer numa ambulância (que é bastante normal), começavam a dizer que os bombeiros faziam transporte de valores e tinham que começar a ter ambulâncias blindadas...

akapink disse...

Já faltou mais para a troika começar a açambarcar os berços.. é só eles quererem! :p

Fábio Paulos disse...

pois o Ouro já não é a coisa mais valiosa, mas mesmo assim continua a meter respeito, e é garantia para muitas coisas!!! boa semana

Carolina Tavares disse...

¨nascido em berço de toner para a impressora HP Photosmart C5280¨

Boa, de fato está a hora da morte. Ihh... esta é outra expressão.

Beijos

Kok disse...

Agora andas numa de implicância com os aforismos populares, é isso?
É uma ópçõn!
Mas admira-me que tenha preferido dissertar sobre o caso do berço de ouro em vez do "traseiro virado pó satélite"!
Mas enfim, são as tais ópçõns!

1 abraço!

Bianca disse...

Berço de palhas também não será totalmente agradável, no fundo afirmo com convicção que cá o meu berço ainda vai agradando a alguns bebés de 1,70!
Beijo

Inês disse...

E um berço de petróleo??

Paula disse...

E nos dias que correm, nem se devia fazer tanto alarido senão ainda alguém ouvia e roubava o berço. Ao preço que o ouro está, upa, upa!

mixtu disse...

eu nasci num berço de madeira
e aindei numa gamela...

abrazo serrano

Isabelices disse...

De ouro não percebo nada mas sei perfeitamente daquilo que gosto ou não e sendo assim não trocava um Rafeiro Perfumado nem por nenhum berço de platina que é ainda mais caro que o ouro!

Abraço

Janita disse...

Olha Rafeirinho, como já venho atrasada vou resumir tudo nesta maravilhosa e nunca ouvida nem lida quadra, em tempo algum.

Atenta nisto...

"A rica tem nome fino,
a pobre tem nome grosso.
A rica teve um menino,
e a pobre pariu um moço."

Tás a ver, não tás?

Ainda que mal te pergunte: os pontas de lança do Glorioso são assim tão valiosos?:))

Nascidos em berço de platina, talvez...

Uma grande beijoca.

Tulipa disse...

Eu nasci num de madeira...e nota-se ;)

ellen disse...

Lamento dizer: não gosto de tal raça, é feio todos os dias por isso a expressão dele tão parvinho ehehehehe (sem ofensa)

conchita disse...

Lol!!!, eu não me importava de ter nacido num berço de diamante, ou de tungsténio(?),ou de gasolina 98 octanas,ou de um toner para a impressora HP Photosmart C5280, assim não teria que me preocupar com a crise, não é?!
Em relação ao pó talco ainda se usa, eu pelo menos adoro o cheirinho a pó talco,tenho sempre um para mim, lol!!
Beijos e bom fim de semana:)

BlueShell disse...

Gargalhada intensa e de lavar uma mulher ir a "correr" à casinha!!!

Já volto...hahahahahahhahahah

TERESA SANTOS disse...

Rafeirito,

Não tens emenda, és um caso perdido!

A criancinha deitada num bidon de crude?...
Pois, o crude é mais valioso do que o ouro!

Não percebes nada, é o que é!!!

As melhoras!!!!

Catarina disse...

O pó de talco já não se usa porque agora é prejudicial para os bebés...

Eu e mais uma catrefada de gente podemos dizer que "Nós sobrevivemos ao pó de talco!"

(Mais uma moedinha, mais uma voltinha!)*

Gata2000 disse...

Embora a expressão possa parecer idiota, não me importava nada de ter tido de usar óculos escuros durante o tempo de berço, a esta altura a redução no subsidio tinha sido ... mitigada!

Rafeiro Perfumado disse...

LopesCa, essa ainda é mais cretina, até imagino a resposta de algumas mães “Não, ele está amarelo mas é da icterícia”.

Teté, ou um berço de plástico do bom. Se não fosse chinês tinha boas hipóteses de se safar! Beijoca!

Especialmente Gaspas, mas podia ser da maneira como os pais mudariam mais vezes as fraldas, é que petróleo = gasolina = carros. Até seriam capazes de pendurar um ambientador em forma de pinheiro no pescoço do puto!

Ana, experimenta fazer um chip de computador em baunilha e vais ver a utilidade do ouro.

Rafeiro Perfumado disse...

Boop, estás desactualizada, essa expressão já foi por aqui falada, em tempos. ;)

Sun Iou Miou, e se vem o burro e dá uma trinca no puto por engano? Abracinho!

Aespumadosdias, se tiverem um berço em ouro sempre o podem pôr no prego!

AmSilva, esses até podem safar-se como pontas de lança, mas depois vão para clubes sem a dimensão do SLB. Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Maria Pitufa, se for filho de boas famílias claro que tem esse objectivo! Havia se ser o quê, médico, ou coisa que o valha?!?

Marta, tenta encontrar algum talão de penhor lá em casa, explicaria tudo.

Turbolenta, o meu era de ferro, ou alumínio, ou o raio que o parta, lembro-me que tinha ferrugem em certas partes. É curioso, lembro-me claramente dele, já valeu a pena ter escrito isto. Beijoca!

Alguém que me quer bem, eu nem berço tenho (na opinião de muita gente), quanto mais em ouro. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Vício, e será que transportariam os putos naqueles sacos imundos?

Akapink, ou o Governo a colocar portagens à saída do local por onde os putos nascem!

Fábio Paulos, menos para o dólar. Mas isso seria outra conversa... Abraço!

Carolina Tavares, essa é outra expressão que um dia hei-de investigar. Se bem que olhando para os preçários das funerárias dá para ter uma ideia do que se trata. Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Kok, esta implicância já vem de longe, tanto que essa expressão que referes já aqui foi discutida. Abraço!

Bianca, e qual é o material do dito? Do berço, não do bebé!

Inês, só se for refinado, para que o puto não fique demasiado pegajoso.

Paula, e não o derreterem com o bebé lá dentro seria uma sorte!

Rafeiro Perfumado disse...

Mixtu, e eu sei o que é uma gamela, fico todo contente! Abraço!

Isabelices, jura? Olha que eu não sei se não me trocava... Beijoca!

Janita, respondo-te com outro dito:
Uma mosca pousa com a mesma alegria
Na careca de um rico como em qualquer porcaria
Beijoca!

Tulipa, ainda tens lascas, é? ;)

Ellen, não fiquei ofendido, ainda mais porque o tipo da foto tem pedigree, e eu sou um mero rafeiro.

Rafeiro Perfumado disse...

Conchita, claro que terias de te preocupar, e ainda mais, pois seriam inúmeras as pessoas que te cobiçariam o berço, eu incluído! Beijoca!

BlueShell, espero que tenhas chegado a tempo!

Teresa Santos, no caso de um bidon seria melhor não a deitar, talvez fosse melhor colocá-la ao alto, para conseguir respirar. E não convinha estar cheio... ;)

Catarina, prejudicial? Porquê, torna-os inteligentes? Beijoca!

Gata2000, uma vez estive numa reunião em que a palavra “mitigar” foi referida 22 vezes. Só soube o que queria dizer depois da reunião ter terminado e ver no dicionário!

Táxi Pluvioso disse...

Dizer que a da mãe é de ouro, pode querer dizer que ela a tem a render nalguma daquelas casas licenciosas.

Rafeiro Perfumado disse...

Táxo Pluvioso, ou que é uma rica mãe. Mas acho mais plausível a tua hipótese...

Pérola disse...

O Ouro sempre foi considerado valioso,ao longo da história. Raro, de dificil 'acesso. Já os tribais, nossos antepassados, tinham artefactos em ouro, isto depois daIdade do Ouro, claro está.
É apenas uma expressão popular, nada mais.
As outras raridades que mencionas são recentes, ainda não deramcazo a saberes populares.

Já ninguém usa pó talco no rabinho das criancinhas, seaca a pele. São mais toalhetes e cremes adequados às assaduras.
Olha lá! Ti nunca mudaste uma fralda? Tanto para aprender, seu Rafeiro bem cheiroso.

Fui-te buscar, outra vez, ao 'Spam.' Qua mania a tua, a de te enfiares em sítios escondidos! Estás com vergonha ou tens vírus na conta?
Um beijo.

Pérola disse...

Tanta letra pegada indevidamente.
Se não perceberes, avisa, eu traduzo.
Desculpa.

Rafeiro Perfumado disse...

Nunca mudei uma fralda, é verdade, e pelo andar da carruagem é experiência que nunca terei. Mas fico triste por saber que o talco foi substituído, qualquer dia ainda dizem que os putos devem fumar, por fazer bem à saúde. Beijoca!

Anónimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ cialis generique
http://commandercialisfer.lo.gs/ cialis pas her
http://prezzocialisgenericoit.net/ dove acquistare cialis
http://preciocialisgenericoespana.net/ cialis