Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

terça-feira, 16 de junho de 2009

Que espécie de fruta és tu?

Por acaso acho-te parecido com uma beterraba. Murcha.

Texto tão brilhante que teve de ser removido para um local mais seguro, mais precisamente o livro Agarrem-me ou dou cabo desses palhacitos!

219 comentários:

1 – 200 de 219   Mais recente›   Mais recente»
Pronúncia disse...

Como já disse o Miguel Esteves Cardoso, o português adora comida, então tem uma tendência natural para comparar tudo com a dita.

E olha que as comparações não se ficam pelos vegetais, passam também pela fruta, pelos peixes, pelas aves e por muitos mamíferos.

E respondendo à tua pergunta, não, não te quero dar nenhuma "pêra" ;)

mjf disse...

Olá!
Eu rafeiro...e dado o adiantado da hora...tive tomates....desculpa ovários, para ler tudo até ao fim=)
E sabes porquê?????
Porque tenho as minhas gonadas ( ovários) do tamanho de melancias ( das grandes)
:=)

Beijocas

*B* disse...

Excelente!

;)

Piston disse...

Pêra? Isso é comigo?

S* disse...

Admito... sou uma pessoa vermelha como um tomate. Coro com tudo!

Anónimo disse...

Rafeiro,

acabei de ouvir, agora mesmo, parte da sua entrevista - nao a ouvi toda pois a sua entrevistadora consegue ter uma linguagem mais rafeira que aquela que tenho tido para consigo desde 'a um tempo para ca - notei pois que tenho sido um dos anonimos que lhe tem feito (quando o sol nao me bate frente!), a vida um pouco mais negra que aquilo que todos nos mercemos...gostei muito da sua observacao em relacao ao tamanho do instrumento dos tais anonimos (como eu pois!)...se as minhas EX meninas falassem:):)

Foi sempre por ter tido a errada intuicao de que este blog estaria a ser escrito percisamente por uma delas; e nao quero de maneira alguma com isso sugerir que o rafeiro (ou Jorge, se preferir) tenha uma visao mais afemeninada deste tao disforme planeta.

peco desculpa por todos os comentarios, claramente ordinarios, feitos sempre sob uma especie de (vou chamar-lhe), "calor cerebral"...

desejo-lhe todo o sucesso do mundo e, mais uma vez (garantidamente pela ultima vez!), irei assinar como anonimo;Nao so por me sentir como tal, em relacao a si; nao so por nao possuir um blog que fosse identificavel, mas pelo simples facto de eu ter um nome longo demais para que caiba nesta reduzida caixa de comentarios!

Saudacoes para si,

Majo disse...

A tua jove nunca te chamou "um figo"? Ts ts ts... tás a ficar "seco"! lol

Ri-me às gargalhadas. Que vale as minhas vizinhas de cima fizeram tanto barulho com a porra da persiana que a vizinha de baixo não me deve ter ouvido. hehehe

Bjinho ;)

P.S.: Nem te passa a dificuldade que tive em ler "beterrabual"! Estava difícil... Não será "beterrabal"??? Ou estou enganada??? Ou deve ser do sono...

Blayer disse...

Sempre odiei milho.
Desde pequeno, gosto de todos os legumes, menos milho... e ervilhas... e a beterraba, porque dá para os dois lados.
É extremamente injusto o facto da beterraba ser mais utilizada que os outros legumes, só porque uma imensurável abécula teve a brilhante ideia de popularizar o seu sumo. Assim também eu aumento em grande escala o consumo de um legume.
Porque é que esta questão é assim tão importante? Porque os restaurantes agora adicionam beterraba nas saladas, mesmo nas simples, e beterraba com franquenza, sabe a terra.

Ricardo Agostinho Gouveia Blayer Alves Ermelindo Esteves Ornato Idiossincrasia Debulhadora e Silva disse...

E caro anónimo, acabei de colocar Ricardo Agostinho Gouveia Blayer Alves Ermelindo Esteves Ornato Idiossincrasia Debulhadora e Silva no espaço "nome" nos comentários, se o seu nome é mais longo que isso, ou é o herdeiro do reino do Lichestein, ou a sua mãe na altura do seu registo, olhou para a lista telefónica e não se conteu

Eli disse...

Olá!

No post anterior não dava para comentar, mas gostava de te dizer que tenho pena de não ter ido a uma das apresentações...

Gosto do teu lado humano.

:)

Estranha pessoa esta disse...

Tenho a mania de ler sempre a última frase, antes de começar a ler o texto.
Ora, estás logo a dizer que a malta não tem tomates e a oferecer pêras e o camandro.. deves arranjar muitos leitores assim com esse feitiozinho da merda.

Volto depois para ler esta rafeirada de post.
Isto se me apetecer :P

afectado disse...

Deves ficar com um melão do car-alho quando ouves estas comparações!

O PS está muito bom hehe


PS: Gostei de te ouvir na entrevista. Dizes lá umas coisas bem acertadas.

Teresa Queiroz disse...

o pão também entra... naquela de "é um pão! " brbrbrbrbr

Sun Iou Miou disse...

Desta dissertação tirei uma conclusão científica interessante: que há uma espécie que é à vez animal e vegetal: o estúpido, pois é tanto deputado como nabo.

Abracinho

LUA DE LOBOS disse...

pare quee já foi tudo dito e por isso vou reportar-me ao lançamento do teu livro.
é pois, tem-se muitas surpresas, em relação aos que pensamos ser amigos.
mas depois vêm as surpresas óptimas de quem nunca imaginamos.
that's life
tb acabei de ter dessas e com algo muito grave e o sentimento de abandono por parte de quem pensamos que são amigos doi que se farta .. que se lixe a Taça que é de cartão!!!
xi
maria de são pedro

Miepeee disse...

Ve la se levas um pera e ficas com cara de melao :P

Gostei de ouvir a entrevista, concordo com muitas coisas e finalmente ha alguem que pensa como eu... e tudo uma questao de numeros, pois claro como economista tambem ligo muito aos digitozinhos :)

Beijinho.

Tixa disse...

O teu melão funciona bem... e deu um grande post! Adorei!


* beijocas e obrigada pelas visitas e carinho!!!

CF disse...

Bom... Muito bom, mesmo...

the big fox disse...

uma vez mais parabens pelo Livro e deixa que te diga que conseguiste por o meu filho a lêr e com gosto.
muito obrigado
á agora passa por www.ralitransiberico.com e acompanha uma das mais bonitas e melhores provas que se fazem pelo mundo automovel, irei lá estar com orgulho
abraço

Saltos Altos Vermelhos disse...

dado que aparece cada caso nos hospital com vegetais em cada sitio que valha-nos deus hehehe! por isso a do milho... LOL

Teresa Durães disse...

ahahahah nunca tinha pensado nisso!

Xana disse...

A lingua portuguesa é fantástica, e se dizes mais alguma coisa ponho a tua cara feita num bolo!
hehehehehehe

beijoooo

vício disse...

gostei da tua reflexão sobre o assunto mas posso acrescentar a expressão "olha para aquele molho de grelos!"

não fazia ideia que tinha uma loja que não vende favas...

Maga disse...

ai rafeiro... mas tu sabes o que se faz com o pé de salsa, sabes? põe-se no rabinho dos bebés quanto não conseguem fazer cócó! qualquer mãe (da geração das nossas) sabe isso! isto já muda um bocadinho a tua visão, ou não? ;)
olha que essa da orgia vegetal com tomates e pepinos agrada-me bastante! rica alface!
ihihih e ir buscar a mulher ao tecto é uma delícia!
sabes, eu acho que as mangas do pano não são os frutos...
adorei! não há textos teus demasiado longos, apenas prelongado prazer na leitura!
beijufas!

antonio - o implume disse...

O texto foi longo, talvez a pedir um desdobramento numa série de posts... Mas como não gosto de pegar nas coisas pela rama lá o li todinho. Fiquei com uma dúvida: que vegetal se aplicaria melhor aos nossos deputados?

Conversa Inútil de Roderick disse...

Posso ser todo o tipo de fruta, menos Kiwi. Peludo por fora e... fruta por dentro. eheheheh

Zabour disse...

Epá, eu ia comentar o post, mas depois de ter lido o coment do anónimo, tu manda mas é o gajo às urtigas, e lavar o rabinho com veneno das batatas. Estes projectos a homens realmente são do catano, ai,ai...

Beijinhos

francis disse...

no fundo só a banana é que é um fruto, ou não ?
não devia ser, que vegetal és tu ?
mas está muita bom pá...mesmo bom ó caramelo, ou até, mesmo bom ó marmelo...mas está muito bom pá.

Felina disse...

Isto é que vai uma açorda por aqui... eu nem sou fruta nem legume... costumam me chamar doce (só não sei se é doce de abóbora ou de cenoura)

Rolls disse...

Implume, eu diria que um deputado se assemelha ao inhame: pela forma tosca e irregular que ostenta, pelas cores que apresenta (um misto de branco com castanhos da terra), pelo cheiro a enxofre que emana, semelhante a algo em estado de putrefacção, e pelo sabor, que não agrada a muita gente.

Rafeiro, já que é a primeira vez que aqui escrevo, um bem-haja a este espaço. É sempre um prazer passar aqui.

Peter of Pan disse...

Rafa, não compreendo o teu problema contra as comparações vegetarianas. Tal atitude só pode mesmo vir de um ser carnívoro como tu. Não te armes em couve de Bruxelas, senão eu dou-te o arroz!!!

Marisa disse...

Gosto especialmente da expressão: que grande nabo.
É gira pronto.

Olhos Dourados disse...

A que eu gostei mais foi essa do milho! =)

Little Tomato disse...

Bem, costumam-me chamar cenoura, cereja, carocha, girafa, periquita...uma vez até me disseram que parecia um pepino, qd apanhei sol a mais... :D
Mas no outro dia estava parecida com uma couve, né?? :D

O texto já vai longo???????? Chamas longo a isto????? LOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! Ai ai ai, já percebo pq é que os meus textos maiorzitos carecem de comentadores...

Pinguim Alegre disse...

Bem Rafeiro,

até parece que andaste pela feira de agricultura de Santarém...

:)

Olha cuidado que ainda te convidam para ministro da agricultura!

Um abraço

Teresa disse...

Hehehe!! Bela dissertação! Eu li-a toda! :P
Por acaso adoro esse tipo de expressões populares e uso-as sempre que posso! São engraçadas e não podemos virar costas às nossas raízes.. :D
Beijinhos

Little Tomato disse...

isto uma pessoa não pode emprestar a password para nos darem uma mãozinha nos templates que depois nos roubam logo a identidade! Ali a Little Tomato que fala em cenoura, cereja, carocha... era a Vani!!!
Agora sou eu, a Little Tomato ou Pequena Tomate! E devo dizer-te que é bestial ter legume como alter-ego! O reino vegetal tem o seu charme...

Rita disse...

Olha, sabes que mais? Muita parra e pouca uva...Se te apnhasse chamava-te um "pessego".
Festas

Feitio'zinho disse...

Original

(=

Bxana disse...

Hã...depois de ler este texto, não consigo tirar da cabeça a piroseira do "Amor de Água Fresca" da Dina.

Obrigadinha, ein, Rafeirito?

"Quando eu vi olhos de ameixa
E a boca de amora silvestre
Tanto mel, Tanto sol
Nessa tua madeixa perfil, sumarenta e agreste

Foi a certeza que eras tu
O meu doce de uva
E noz sobre a mesa
O amor de morango e caju"

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh
Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!!! Socorro!

:P

Miaus!!!

Bxana disse...

Lembrei-me de mais umas:

"Chamava-lhe um figo"...

"Bom que nem gingas"...

"Vermelho que nem um pimentão"...

E agora lembrei-me do José Cid:

"Como o macaco gosta de banana eu gosto de ti. (de banana!)
Escondi um cacho debaixo da cama e comi, comi. (de banana!)
Minha macaca gira e bacana, o teu focinho é que não me engana.
Pois se a macaca gosta de banana tu gostas de mim.
Como o macaco gosta de banana eu gosto de tiiiiiii."

Boa! Tens de fazer um texto sobre músicas foleiras sobre fruta!

PS.: que diria o Pinto da Costa disto?!?!?:D

NARNIA disse...

Como sempre simplesmente Brilhante!

Little Tomato disse...

sou bem mandada eheheheh

Rita disse...

Olha lá o Rafeiro, e tu não tens bigodes?????
Festas

Vani disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL, aiiiiiiiii, tomatinha, desculpaaaaaaaa, nem reparei, caragoooooooo! Sorry a troca de identidades, esqueci-me q estava logada com a tua conta :(.

L!NGU@$ disse...

Acho que vou comer fruta ao lanche.

Joaninha disse...

Pois...Olha eu cá é mais bolos tás a ver...hehehe.

Beijos

Dri Viaro disse...

vou pegar pra mim o vermelho que nem um tomate heheheh
bjs

Mãe Carinho disse...

Depois de ler TUDINHO, vou passar a olhar para o reino vegetal com outros olhos :))
Excelente, texto.
Bjs

Peregrina disse...

LOL Maravilhoso !

Mel disse...

Mau, quais tomates?

Mel disse...

E qual entrevista? Também quero ouvir...

Vani disse...

Eu cá conheço uma mais gira, dos irmão catita...o bananaz...conheces o bananaz???

Teté disse...

Eh, eh, eh, ganda texto e não estou a falar de tamanho! :)))

Mas devo acrescentar que o alho ser chocho faz todo o sentido, uma vez que também existe a expressão "esperto que nem um alho", que é como quem diz, um fulano que percebe tudo à primeira, sem necessidade de maiores explicações. Portanto, só cabeça de alho não funcionava, ficando-se na dúvida de qual seria o tipo do mesmo... :D

Beijocas! (embora ainda houvesse "pano para mangas" para comentar)

eu mesma! disse...

eu cá, conheço um gajo que é mesma uma sanguessuga!

parabéns pelo texto, só mesmo tu para te lembrares de escrever sobre as analogias entre o bicho homem e os outros bichos e "couves"

eu mesma! disse...

estive a ouvir um bocadinho da entrevista e na minha cabeça achei que aquela voz não fazia parte do imaginário que te tinha atribuído...

cris disse...

"estúpido que nem um deputado."

Nem consegui prosseguir com a leitura.... delicious.... amzing ahahahah vou continuar a ler ehehehehe

cris disse...

Sabias que a noz moscada dá pedrada? aprendi isso este ano... só ainda na experimentei... tou a falar /comentar às prestações porque ocnasaço faz com que me esqueça ahahahah tou linda... sorry

pin gente disse...

eheheheh
isto deu realmente pano para mangas! (onde é que eu já ouvi isto?)


também tens os materias para explorar (tipo - "de pedra e cal")
um abraço
luísa

nOgS disse...

Ai tanta frutaaaa!

A mim incomoda-me que me estejam sempre a olhar e querer avaliar os melões, pá!

Saudações;)

Je Vois la Vie en Vert disse...

Ãprende-se muito contigo !

Diz-se verde alface, não é ?

É o que sou, em princípio...

Ouve lá rafeiro, só podemos encomendar os teus 2 livros se escrevemos esta frase "Quero possuir-te, coisa boa!" ?

Quero ler-te mas não quero divorciar-me, como é que faço ??????

Beijinhos da

Verdinha que nem uma alface....

Vani disse...

E essas respostas, demoram??...:D

Capriccio disse...

Que saudadades tinha de passar por aqui! E as novidades que perdi em primeira mão!
Parabéns pelo livro e por seres como es.
Beijinhos e um abraço :)

AmSilva® disse...

com tanto legume mais vale mandar directamente prá horta...
mas essa do boa como o milho digamos que é caso pra dizer que será a minha vizinha!
Abraço

JoAnInHa disse...

Epa eu não tenho tomates, mas li o texto todo e farteime de rir looool demais!!!

Kim disse...

RAfeiro - É só uma questão de fruta.
Como isto está tão mau para a comprar resta-nos o POBRETE MAS ALEGRETE.
Abraço

PreDatado disse...

Eu achei o texto muito bem esgalhado. E aqui sim podia-se dizer que não é preciso um texto pequenino para se esgalhar o pepino. Isto digo eu que sou um grande cabeça de abóbora.

Philip Rangel disse...

Interessante essa postagem..faz a pessoa ler e brincar...

vc pergunto no entrando se o dia dos namorados nao era em fevereiro ne...sim...o valentanys day sim...ou dia de sao valentim..aki no brasil é comemorado apos a quaresma e todas as festas..hoje como meio comercial..para agariar presentes e gastar em lojas.....

mas valendo...

abraçao

Paula Raposo disse...

lololol tão bom é o que vai à horta como o que fica à porta!! Beijinhos.

Esterilização Obrigatória disse...

Vem ver no nosso Blogue, a entrevista com a Alexandra do Bazar do Ronrons, e sabe a realidade dos gatos em Lisboa.
http://esterilizacao-o.blogspot.com/

Carracinha Linda! disse...

E a expressão "Ficou com um grande melão" quando se quer dizer que alguém ficou surpreendido com uma situação? E a "pele casca de laranja" a.k.a. celulite, esse mal que não larga o mulherio?

Pronto... não te quero enervar e portanto vou sair de fininho...

Beijinhos!

Carracinha Linda! disse...

Bolas... o comentário ficou em duplicado... Desculpa qualquer coisinha, sim?

Lyra disse...

Que salada de frutas que tu tens para aqui :P
Mas tu comparas os deputados a animais? Se a associação protectora dos ditos (animais, não deputados) te lê, ainda te arriscas a ser processado.
Animais fofinhos como a lombriga e o morcego... pois. Há gostos para tudo. E qto a isso dizer apenas que gostos não se discutem... lamentam-se! :P
Beijocas e festinhas Rafeirito

Vb disse...

Olá! Antes de mais: Parabéns por mais este livro. Espero que seja um sucesso e que principalmente venda, venda, e eles te paguem alguma coisa de jeito…
Tenho andado um pouco arredado destas lides bloguistas mas mesmo assim não me passou ao lado o lançamento do teu livro.
Soube que ias (vinhas) a Faro e pensei ir cravar-te um cafezinho. E fui..Só que cheguei lá pelo 18H00 e o rapaz disse-me que saíras pelas 15H30 sensivelmente.
Fica para uma próxima oportunidade. Um abraço e felicidades

Vítor

julie disse...

Pois esquecestes do grande figo, o fruto claro que apesar de ser pequeno é muito doce !
Por falar em salsa, já pensaste que há uma danca latina com este nome? Porque será? Será que foi baseada no momento em que o vento soprou sobre a salsa, e ela ao balancar deu passo lindo, e assim nasceu uma dsnça!!

bjs
julie

Casemiro dos Plásticos disse...

A uma ex minha dizia que sabia a salada de fruta talvez fosse do persevativo com sabor não sei cof cof mas este post é alguma indirecta ao pinto da costa?
abraço

Parisiense disse...

Pois entre "vermelha como um tomate" que é como fico quando vou para a praia e " boa como o milho" que é o que sou (ahahahahahah), não sei exactamente o que escolher....hihihihihihi

Mas diga-se de passagem não deveriamos insultar os legumes pois eles não tem culpa nenhuma dos idiotas humanos....

Beijokitas

bjecas disse...

Ó lombriga, só o banana é que é fruta pá...

Bela entrevista by the way.

Abraço pá

\m/

O Magnifico Gino disse...

Sinto-me excluida... não sou fruta nenhuma, nem vegetal... sou mesmo "bicho do mato"...

Storm disse...

temos aqui frutas e legumes e eu vou acrescentar a flor ;)
"não és flor que se cheire"
lol!
beijo

AEnima disse...

Menino... em relacao ao post anterior... queria so avisar-te que ja fui destilar fel la na minha redaccao... atrasadissima e tal, mas o tempo nao estica. E na te preocupes que nao faco grande publicidade... acho que 3 dos 3,5 leitores que tenho, ja adquiriram a reliquia!

Beijinhos

Rafeiro Perfumado disse...

Pronúncia, o português também adora futebol, e não compara tudo com isso. Ou com fado. Ou com Fátima... ;)

MJF, e com uma coisa desse tamanho dentro de ti não te custa a andar?!? Beijos!

*B*, então uma beijoca excelente para ti.

Piston, nem pensar, era com o outro, pá!

Rafeiro Perfumado disse...

S*, isso não é vergonha nenhuma, só significa que ainda há pureza dentro de ti. Digo isto porque também ainda coro! ;)

Anónimo, lamento desiludir-te, mas não me fizeste a vida negra. Como várias vezes te tentei dizer, eu estou nisto para me divertir, e só me atinge quem eu deixo, o que não foi o caso. Tive pena que a conversa tivesse por vezes descambado, mas já lá vai. Só não consigo perceber como é que um tipo que até parece ser perspicaz não topou logo que eu era um gaijo. Mas estás desculpado, afinal é uma honra ter como leitor o D. Duarte. Abraço!

Majo, nem Figo nem Ronaldo, mas já me chamou várias vezes de cão! Beijocas!

Blayer, já me tentaram vender essa, que a beterraba era boa, apesar de saber um bocadinho a terra. Respondi que até a terra sabia melhor que aquela porcaria... Quanto ao anónimo, não te metas com ele, para ter um nome tão comprido, só pode ser o nosso rei! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Eli, também tive pena de não te conhecer, mas o que é que se pode fazer? Beijoca!

Estranha pessoa esta, se eu quisesse arranjar leitores bastava-me falar das técnicas de acasalamento à canzana, era cá um corrupio neste blog... ;)

Afectado, qual melão, fico todo orgulhoso, significa que estou a subir na consideração das pessoas. É que comecei por ser chamado de ameba e protozoário! Abraço!

Teresa Queiroz, o pão é um derivado do milho, logo é como se estivesse lá no meio! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Sun Iou Miou, o deputado é uma espécie que abarca múltiplas designações, nenhuma delas abonatória! Abracinho!

Lua de Lobos, custa o impacto inicial, mas depois de digerido só temos de nos cingir ao que de bom aconteceu, e felizmente foram muitas as situações agradáveis, como rever velhos amigos e conhecer novos. Beijo!

Miepeee, mas acima de tudo há que dar alma a esses números, ou ainda nos arriscamos a transformar-nos num. Beijinho!

Tixa, não tens que agradecer, e espero que não aches o meu melão demasiado maduro! :D Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

CF, obrigado, muito obrigado mesmo!

The Big Fox, então espero vir a ter parte dos lucros se o teu filhote vier a ter sucesso à conta do gosto pela leitura! E vais lá estar atrás de um volante ou atrás de uma máquina fotográfica? Abraço!

Saltos Altos Vermelhos, não sei se reparaste mas deixei a cenoura de fora (em todos os sentidos) de propósito! :D Beijoca!

Teresa Durães, mas achas que me pagam para quê, é exactamente para alertar para estas situações!

Rafeiro Perfumado disse...

Xana, não é necessário que te suba a pimenta ao nariz, calo-me já! Beijo!

Vício, ainda tinha mais umas quantas, mas preferi racionar o assunto! ;)

Maga, ainda bem que eu não sou mãe, pois garanto que não enfiaria isso na peidola do meu filho! Beijos!

António – o implume, eu acho que a palavra “vegetal” já define na perfeição a acção dos nossos deputados.

Rafeiro Perfumado disse...

Roderick, mas ao menos têm muito conteúdo! ;)

Zabour, não vale a pena. Seria dar importância a algo que não a tem, percebes? Beijoca!

Francis, se eu fosse um fruto acho que seria uma castanha. E apenas porque me apetece.

Felina, sua convencida, na volta chamam-te isso porque se lembram da baba de camelo! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Rolls, é uma boa definição, apesar de eu talvez generalizar a definição de deputado a qualquer fruto que tenha bicho. Um abraço!

Peter of Pan, era essa a expressão de que eu queria falar e me esqueci “dou-te o arroz”, que raiva!!!! Não sabias ter-me avisado antes, ó amigo da chita?

Marisa, também é das minhas preferidas, ainda mais porque quando digo isso a alguém imagino-o mesmo em forma de nabo, com a rama na cabeça e tudo. Beijoca!

Olhos Dourados, não me digas que gostas de ir parar ao tecto?!? ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Little Tomate Grafononizado, já devias saber que textos com mais de 18 palavras a malta lê e comenta por amostragem, excepto quando são muito bons, como é o teu caso! ;)

Pinguim Alegre, só se fosse para me transformarem em puré! Abraço!

Teresa, nem as costas nem a frente, sabe-se lá o que as raízes nos fariam! Beijoca!

Little Tomato Original, por acaso fiz um esforço mental e pensei “mas a outra é que parecia uma couve”. Acho que se impunha espancares alguém... Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Rita, e um pêssego daqueles carecas ou cheios de pêlo, bigodes incluídos? Beijo!

Feitio’zinho, isso é bom, espero...

Bxana, eu dessa música lembro-me sempre da palavra kiwiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii! Não tens de agradecer! :D Quanto às letras do José Cid, já houve quem se debruçasse de forma genial sobre isso! :D Beijo!

Narnia, como sempre simpática! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Little Tomato, acho bem, isto se não quiseres mudar o nick para Little Ketchup...

Rita, tenho, mas só ao FDS! Beijo!

Vani, há quem vá preso por muito menos...

Línguas, acompanhada com uma meia de leite?

Rafeiro Perfumado disse...

Joaninha, mas não tem tanto impacto chamar pastel de nata a alguém! ;) Beijos!

Dri Viaro, mas depois devolves, ok? Beijos!

Mãe Carinho, espero que não haja menos vegetarianos por causa deste texto. Beijo!

Peregrina, obrigado, beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Mel, ovários não se enquadravam muito bem no tema. Quanto à entrevista, vê o link no texto anterior. Beijocas!

Vani, nunca fomos apresentados. Também se come?

Teté, queres com isso dizer que o alho percebe tudo à primeira? Explica lá então porque é que acaba sempre em manteiga ou cortado aos bocadinhos? ;) Beijocas!

Eu Mesma!, e esse gaijo também costuma andar nos rios? Quanto à voz, notei aí uma certa desilusão. Eu pessoalmente não gosto de ouvir a minha voz gravada, pelo que te compreendo perfeitamente. ;) Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Cris, sei que os medronhos, quando estão maduros, dão uma bebedeira desgraçada, agora a noz-moscada desconhecia! Beijo!

Pin Gente, a nossa língua é uma fonte inesgotável de inspiração, felizmente. Beijoca!

Nogs, muita sorte tens tu se não tentarem ver se estão madurinhos! ;) Beijos!

Je Vois la Vie en Vert, infelizmente é uma realidade, mas aceito outras variações do título, como “anda à mamã”, “vou-te devorar”, “vou-te papar” e afins! Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Vani, tenho uma resposta para ti: tese!

Capriccio, muito obrigado, jove, uma grande beijoca para ti!

AMSilva, a tua vizinha?!? Impõe-se fazer uma prova de campo, passa para cá a morada, vá! Abraço!

JoAnInHa (tens consciência que custa alternar as letras?), ainda bem, porque uma joaninha com tomates ia ver-se à rasca para voar! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Kim, da forma como as coisas estão, não tarda nada temos de gamar o alegrete! ;)

Predatado, não digas isso, que as abóboras têm aqueles refegos enormes, e tu pareceste-me normal! ;)

Philip Rangel, na prática a malta quer é vender coisas aos namorados, não é, que se lixe a verdadeira data! ;) Abraço!

Paula Raposo, espero que nesse caso não esteja envolvido o penico! Beijinhos!

Rafeiro Perfumado disse...

Esterilização Obrigatória, eu sou heterossexual, pelo que não quero saber dos gatos de Lisboa para nada. Se ainda fossem as gatas...

Carracinha Linda!, não me enervas nada, é difícil meter-me com pele de galinha! :D Beijoca e não te preocupes com as repetições, eu dou sempre cabo delas!

Lyra, não me digas que um morceguinho não é um animal fofo! Até há filmes inspirados neles e tudo! E toca a actualizar o teu blog, pá! Beijos!

VB, se ele te disse isso é porque perguntaste na ARROW e não na Bertrand, que aquilo começou às 16:08, em ponto! ;) Abraço, fica para a próxima!

Rafeiro Perfumado disse...

Julie, esse já se retirou, pelo que só quero falar dele no Natal, com uma noz lá dentro! Quanto à salsa, outra explicação seria tratar-se duma dança mariquinhas, em que se dava um pé de dança. ;) Beijo!

Casemiro dos Plásticos, qual indirecta, eu quando quero dizer algo é mesmo directamente, sem andar cá com meias de leite, perdão, meias palavras! Abraço!

Parisiense, então concordas comigo, deixemos os “bichos vegetais” sossegados e limitemo-nos aos animais que somos. Beijocas!

Bjecas, não me chames lombriga, que eu fico vermelho que nem um benfiquista. Tiveste paciência para a ouvir até ao fim? Eu ainda não consegui! Abraço, pá!

Rafeiro Perfumado disse...

O Magnífico Gino, estás ali entre o vírus e a bactéria...

Storm, será que tem alguma coisa a ver com a história das abelhas? ;) Beijo!

AEnima, fossem todos como tu e o Zezé Camarinha que se cuidasse! E espero que acredites no que disse, mais importante que o livro foi conhecer pessoas como tu. Beijoca!

A Senhora disse...

Quando quero dizer que alguém não tem nada na cabeça que valha a pena, chamo-o de "cabeça de chuchu". Mas quando pergutei a alguns portugueses sobre a expressão "boa como o milho", um deles me disse que era, na verdade, boa como a broa de milho. Daí... até dá para entender... :))

beijocas

Storm disse...

Do calimero e da abelha Maia? ;)

sonhos/pesadelos disse...

é que nem sei como comentar este post...ainda não consegui parar de rir a imaginar as pipocas!!!!
está demais Rafeiro, demais..looool
bjs endiabrados

sonhos/pesadelos disse...

ah, é verdade: tive de encomendar uns quantos exemplares dos teus livros para as minhas colegas, pk de cada vez que me vêm a rir e a olhar para o pc já sabem que estive a ver o teu blog!e como a publicidade não sai de borla meu caro,nem os meus sorrisos ou risadas, toca de mandar pra cá comissão ya??????
eh eh eh
bjs endiabrados

Mel disse...

"Matarem-me, ou pior, baterem-me."

LOL, tens que rever as tuas prioridades...:D

Silvia F. disse...

Texto brilhante! :))
Parti o côco a rir... Oh diabo, côco?
Isso significa que se partem os côcos com gargalhadas? Vou experimentar na secção da fruta do hipermercado rir-me para os côcos a ver se funciona. Temo levarem-me para o manicómio mas é um risco em prol da ciência.

Beijinhos

Silvia F. disse...

Ah, muito boa a entrevista embora me parecesse mais uma conversa entre amigos pois a entrevistadora falava mais do que tu hahahaha

Beijoca

Sandra. disse...

:))

sou ma cabecinha loira dalho xôxo, num baizacreditar no q fiz, fui a kerrer óbir te nessa tal dintrebista e mai num sei, ataum após ler akilo bou mui rapidamente clikar no play e imagina o caconteceu??!! népias, NUM TENHO SOM :((

:))))))))))))

E NUM TE DABA UMA PêRA PAH, SE A QUERES COMPRA A Q A BIDIDINHA TÁ CARA, EU DABA TE MASERA UM ISPANKAMENTO DAKELES LOLOL

bexuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus

Pepper disse...

Cá para mim andas a fazer muitos testes no Facebook.

LOLOL.

Beijos

francis disse...

porra pá, estou triste.
"Francis, se eu fosse um fruto acho que seria uma castanha. E apenas porque me apetece."
Eu que tentei picar-te e o camandro, respondes-me assim, com esta secura ?
assim não brinco mais. vá tu vales mais que isto.

mundo azul disse...

__________________________________

Muito bom o seu texto!!! Gosto desse seu jeito meio ácido de falar sobre as coisas...

Você tem razão... Alguns ditos populares não tem muito propósito...De onde vieram? Ninguém sabe.


Beijos de luz e o meu carinho!!!

__________________________________

Patrícia disse...

Olá Rafeiro

lol... haja imaginação!!!!!!!!

beijinhos e boa sorte com mais um livro
pat

jeanny disse...

morcegos e lombrigas como animais fofinhos?ó rafeiro acho que deves estar a precisar de comer mirtilos!
bj no pêlo

Anjo De Cor disse...

Ri-me muito com este teu post ... e ... tens razão, reparei que uso muitas delas:
- Fresca como uma alface
- Vermelho que nem um tomate
- Vai à fava
- Grande nabo

Mas nem sei que me ensinou tal coisa...

Agora vou ficar a meditar sobre o assunto.

Bjs*

Anónimo disse...

Não conhecia o "Mariquinhas pé de salsa"!!!!

:)

Ana Mel

Papoila disse...

Adorei .. como sempre que te venho ler. Vou só acrescentar que na minha aldeia no caso do "vai à fava" se diz "vai à fava enquanto cresce a ervilha" não sei muito bem porquê, mas talvez tu consigas dissertar mais um pouco sobre a questão. Ah! Adoraria uma saladinha de certas pessoas que andam pelas nossas praças.

Bjs
BF

maria inês disse...

"Parece um repolho"!

:))))

Conversa Inútil de Roderick disse...

Raf, estive a ler os comentários todos e fiquei espantado com o do anónimo! Ia dizer algo sobre isso, mas após me aperceber de quem era, graças à tua perspicácia canina, dei um passo, perdão, dei vários passos atrás!
El Rei deste cantinho à beira mar plantado em pessoa no teu blog!!! Isso merece comemoração e post sobre o assunto, estilo "o meu cão é mais nobre do que o do Obama" ou qualquer coisa parecida.
Saudações caninas.

P.S.: Olha lá, há dias que me ando a coçar e só agora é que descobri que deixaste as pulgas na exposição. Para onde queres que te as envie?

bjecas disse...

Até ao finzinho pá. Tive foi que baixar o som do filme porno...

Reabraço pá

\m/

Nitrox disse...

Curiosamente ninguém referencia vegetais marinhos, tipo "vai apanhar algas", ou "és uma laminaria" mas já se usa os peixes: "agarra-se como um polvo", "tem olhos de cachucho", "é um tubarão", etc.

Fica bem!

Humorista disse...

Este post está 5 estrelas!!!

Fartei-me de rir, é sem dúvida dos melhores que já li!!!

Um abraço,
Humorista

Anónimo disse...

Depois da relativa ilusao de o ter tomado por alguem, que de facto nao 'e, mas acima de tudo (agora que sinto saber de que "plasticina o Jorge 'e feito", julgo que ira gostar da "prenda" que faco questao de lhe oferecer...sendo um bancario (e como todos os outros bancarios que conheco; e garanto-lhe que conheco muitos!), julgo que lhe pode-ra ser de um enriquecimento pessoal unico e ate, quem sabe libertador para si, ler o seguinte: http://prologo.blogs.sapo.pt/

Diga-me, se conseguir, dizer do sexo de quem o escreve...dou-lhe um mes para devorar o blog!

Sim;nao sou o D Duarte, e nao so ja urinei a porta de sua casa, como sinal da pena que sinto por ele...e claro que satisfeito por nao vivermos sob um regime monarquico, enquanto ele for vivo (por uma mera questao de seguranca e orgulho nacional)

Divirta-se!

Saudacoes democraticas,

do seu Ex.anonimo

Laura disse...

Essa do mariquinhas pé de salsa, usei-a muito nos bancos da escola, e não sou flor que se cheire, ainda a uso para me descrever, enfim... há ditos e ditos e na hora certa, caem que nem ginjas... Beijinhos ó rafeirito..laura.

elvira carvalho disse...

Li o post e como sempre fartei-me de rir. Agora se me dá licença gostava de lhe dizer duas coisas.
1ª Esqueceu uma frase que até há pouco tempo se empregava muito aqui na zona, e você sabe disso.
"Olha-me este manjerico" Conhece não é verdade?
2ª Tenho uma ideia para o "És boa como o milho" Não desconhece certamente que são atribuídos ao milho poderes para manter o homem sexualmente activo. Ora deve ser daí que vem o És boa como o milho.
E esta hem?...
Um abraço.

Á margem: Está o seu livro há venda no Barreiro? Ou posso pedir-lhe que me envie um autografado?
Deixo o mail, para que me dê as indicações referentes ao depósito.
Um abraço
elviracarvalho328@gmail.com

Pearl disse...

Fartei-me de rir!! muito bem visto, já ia uma frutinha!


beijinho

Dragão Azul disse...

Ó Rafeiro andas a confundir fruta com vegetais ou legumes.... Então das o titulo ao post "Que especie de fruta és tu?" e de fruta só falas em banana?

Eu sou mais uma especie de animal, embora o meu nome saja Dragão, geralmente chamam-me Urso, cada um tem o que metrece pah.-

Abraço!

Alix disse...

Tive "tomates" sim e ainda por cima estava a trabalhar.

Mas a fruta proibida é a mais apetecida.

Beijo, parabéns pelo livro

DANTE disse...

Já me chamaram filho da fruta várias vezes , confesso que fiquei intrigado.Será que se nota que tou de dieta? Não...
Até pensei que ia ler aqui o porquê da coisa mas ainda não foi desta.
Bolas... lol

Um abraço e parabéns pelo livro!

O Magnifico Gino disse...

Só pra ti, como sei que adora, toma lá - lol, tá de mais

hahahahahah

Violeta disse...

rafeirozinho
tu que deves ser um xuxu (não se escreve assim e sublinho para a tua jove), diz lá à violeta quais a fruta/legumes que comes para teres esta inspiração... Já me fartei de rir...
agora vou terminar as minhas estatísticas que ninguém vai ler...
bjs

Felina disse...

Vê lá se queres que te ponha um olhos a Belenenses

Vani disse...

Espera aí, não percebi. Dizias que os meus textos longos são bons ou que os meus comentários longos são bons, ou que eu só comento quando os textos são bons? perdi-me. Deve ter sido da couve com que me disfarcei para de bajular... :D :-p

Dri Viaro disse...

Bom dia

bjsss

Paula disse...

Uma pêra não te dou, mas se continuas com bocas foleiras, levas um pêro. E ficas roxo como uma beringela.
Bem...
E agora deixa-me mas é calar, que a conversa é como as cerejas!
:)

António Sabão disse...

Espectacular!!! :))))))))
Há muito tempo que não me ria tanto!

Abraço

Nota: há dois comentários que... ai "mai gode" (!!!!!!!) tão cerebrais que me deixaram de queixo caído!

António Sabão disse...

"cerebrais"! Ainda me estou a rir! :)))))

Diabba disse...

Eu sou nitidamente uma laranja, é a cor do pêlo, e a parte da casca é mesmo nos presuntos. hihihi

enxofre

paula disse...

Acho sempre piada às analogias que fazes. Digamos que, se um dia lesse um texto teu que não estivesse assinado numa publicação qualquer, eu reconheceria logo. E é isso que separa os escritores dos aspirantes a...
Deixo te assim um beijinho pequenino do tamanho de um tremocinho:))

Nuno Medon disse...

olá! O texto está fenomenal :). E sim, poderias ter escrito mais, que nós líamos tudo. Eu sou o " vermelho que nem um tomate ". Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

A Senhora, como a broa?!? Aquilo é cheio de estrias e tudo! Ná, estavam a brincar contigo! ;) Beijoca!

Storm, é mais da Abelha maia e da aranha Tecla! ;)

Sonhos / Pesadelos, as pipocas?!? Isso era uma orgia, sua tarada! Quanto à tua compra para os colegas, só espero que sejas funcionária pública! E nunca ouviste dizer que o riso não tem preço? Caladinha! :D Beijocas!

Mel, suponho que isso está na entrevista. É que eu não a voltei a ouvir! :D

Rafeiro Perfumado disse...

Sílvia F., e o leite de coco? Eu cá nunca vi tetas num coco para poder ordenhá-los! Quanto à entrevista, ainda bem que assim foi, porque era mesmo essa a intenção, uma conversa informal, sem guiões ou formalismos. Beijocas!

Sandra., não arranjes um computador em condições que não é preciso. A seguir vai-se a cor, não? Beijocas!

Pepper, só ontem foram mais de 84! ;) Beijos!

Francis, pronto, eu explico. É porque a castanha tem aquela carapaça, mas quando a metem em brasa e com umas pedrinhas de sal, é boa como o milho. Contente assim? Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Mundo Azul, eu não sei de onde eles vieram, mas sei para onde é que alguns podiam ir! Beijocas!

Patrícia, nem é preciso muita imaginação, é mesmo só questionar as expressões. Beijo e obrigado!

Jeanny, que raio é um mirtilo? Isso é fruto ou bicho? Beijo!

Anjo de Cor, esse muitas vezes é o procedimento normal, limitamo-nos a reproduzir o que ouvimos, sem questionar. E depois dá nisto... Beijos!

Rafeiro Perfumado disse...

Ana Mel, não?!? É dos maiores cobardolas da nossa praça! Ou deverei dizer campo? Beijo!

Papoila, nem me atrevo a dissertar sobre algo tão profundo. Se ainda fosse “enquanto cresce a melancia”, talvez, agora ervilhas? E a saladinha eu dispensava, era coisa para apanhar uma indigestão! Beijos!

Maria Inês, essa é usada quando, quando alguém tem muita roupa? ;)

Roderick, já tenho um texto sobre o Obama, em Agosto é capaz de sair. Quanto às pulgas, eu trouxe todas as que levei, que eu cá sou muito cioso da minha bicharada! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Bjecas, isso é que não, pá, certas cenas quando não são em sound surround perdem a piada toda. Abraço, pá!

Nitrox, chamar “laminaria” a alguém era motivo para andar à chapada, eu cá não me atrevo. Abraço!

Humorista, obrigado, pá, isso é que é um elogio 5 estrelas! Abraço!

Ex-Anónimo, pelos vistos concordamos em algo. É que eu tenho uma costela monárquica, mas não com este herdeiro. Já fui dar uma olhadela rápida e realmente merece uma visita mais demorada, não sei se um mês será suficiente. Terei sempre 50% de hipóteses de acertar, mas pelo pouco que li inclino-me para um ser masculino. Abraço, e desta vez dos cordiais.

Rafeiro Perfumado disse...

Laurinha, usaste mas aposto que nos outros, não te estou a ver a ser chamada assim! Beijoca, ó flor perfumada!

Elvira Carvalho, mais uma que merecia ser falada,sem dúvida. É como eu digo, nos comentários muitas vezes surgem ideias que cairiam que nem ginjas no texto! Quanto à fama do milho, desconhecia totalmente! Será por isso que tanta gente come pipocas no cinema, no escurinho? Beijocas!

Pearl, e sem bicho, de preferência. Beijinho!

Dragão Azul, é preferível chamarem-te de urso, pois o Dragão é um animal imaginário, os únicos que têm essa denominação têm mais aspecto de lagartos do que seres alados! Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Alix, a ler o blog e a trabalhar, espero que o teu chefe não te esprema! :D Beijoca e obrigado!

Dante, ou então acham que tens cara de semente! Abraço e obrigado!

O Magnífico Gino, que desilusão, pensei que ias dizer “LOL, só tu”! ;)

Violeta, como quase todo o tipo de fruta, excepto o kiwi que me mete nojo e os pêssegos, se não forem descascados! Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Felina, mais facilmente te fazia a folha!

Vani, foi propositado, eu gosto de te confundir! :D

Dri Viaro, boa noite, beijo!

Paula, essa é outra, se bem que há conversas que só têm caroço, mesmo! ;) Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

António Sabão, queixo caído?!? Espero que não vás andar de mota, pá, chegas com a boca cheia de bicharada! :D Abraço!

Diabba, e as pevides, são as verrugas do nariz?!? :D Beijo!

Paula, esse é um grande elogio, mas garanto-te que eu nem aspirante sou, esses voos estão destinados a outras frutas que não a minha. Beijoca grande como uma melancia!

Nuno Medon, não és nada, quanto muito tímido como um girassol! Abraço!

Mel disse...

"Mel, suponho que isso está na entrevista. É que eu não a voltei a ouvir! :D"

Óbvio que está na entrevista...:D

Não ouviste nem ouças, quando a entrevistadora fala tenho que baixar o som, quando falas tu, tenho que o colocar no máximo...é uma canseira, pah!

LopesCa disse...

Fruta é boa :))

Anónimo disse...

Quando terminar a sua leitura, diga-me...pois terei mais para si, e diria at'e que sera mais actual! seja rapido, pois.

Ex.anonimo.

Intruso disse...

pois, foste coninhas em não continuar... Sim, também é fruta...

Laura disse...

Caramba, meu, com tanto nome de flor, daqui nada cresce-me um canteiro na cabeça!...

Há anos um aluno de uma tia minha, professora, no dia dos namorados, ele tinha 9 anos..atenta aí e aprende!...andavam os putos pra lá e prá cá a levar correios plas salas adentro, a minha tia ralhou, as cartas era lá fora na hora do recreio. Como o rapaz estava ansioso, e dali a nada já chorava, lá deixou entregar a carta. Por artes de nems ei quem, a carta chegou à smãos d eoutra stora que a leu às colegas! bem, o puto dizia mais ou menos (por alto) Tu és a estrela mais linda do mundo, nunca amei na vida,ninguém assim tanto, como a te amo a ti. blá blá blá, tu és boa como o milho, e, eu adoro cereais!...
Bem, ainda hoje me rio, e este soube, na sua simplicidade, fazer render os cereais do pequeno almoço!...
Beijinho a ti. laura.

carvoeirita disse...

estou um bocadinho em estado de choque, não pelo texto que está fantástico como sempre, mas por alguns comentários..bem tu sabes quais.
Quer dizer se fosses mulher merecias ter comentários de lixo mas como és homem já mereces cordialidade?
Como é que é possível ter já passado tanto tempo evolutivo e nada mudar.
Tinha tanto para dizer mas este blogue não é meu e não quero arranjar-te chatices.
beijinhos

francis disse...

tá melhor pronto...pronto...

_Malinha viajante disse...

Genialll como sempre, mas devo dizer que foi dos posts que mais gostei!!:)) O que eu me ri ahahahah
bjs

Joana Cabral disse...

Pronto Dr. Cachorro, já actualizei o blog...Não quero que lhe falte nada.

(Óh raça do canideo que é exigente hein!)

beeeijos

Joaninha disse...

A Joana Cabral sou eu claro :)

beijos

rouxinol de Bernardim disse...

Se há os «Pensamentos de Mao, os de Marx... de Fidel Castro...» por que não publicar «Os pensamentos do Rafeiro Perfumado»?

Felina disse...

já estou a tremer que nem varas verdes

O Magnifico Gino disse...

algo me diz que estás com uma certa saudadinha daqueles imensos espaços em brancos, imbuidos de uma profunda refelxão...

Troca Letras disse...

Peço a todos que gostam dos animais e que querem os ver a terem uma vida feliz e digna, que ajudem a constituição do Partido Pelos Animais, dando a vossa assinatura e recolhendo também a dos vossos amigos e familiares.

Mais pormenores em:
http://troca---letras.blogspot.com/

AnaMar (pseudónimo) disse...

Só para dizer que não tenho tomates...de facto. É uma questão de anatomia. Mas qualquer dia poderei ter buço.
...Espera lá , estavas a falar de tomates , legumes?
Beijos

julie disse...

"Próximo poste 24 de Junho (ou noutro dia que me apeteça)"
É impressão minha ou é uma indirecta para a minha pessoa?
Eu já te disse (ou talvez não) que não voltava a implicar por causa dos dias.

Aqui está outra expressões envolvendo fruta:
"Em cima do melão vinho do garrafão" (não deve estar a referir ao cantor que era dos excesso)

bjs
julie

Catwoman disse...

Ehehehhe muito bom este post!!! Adorei!!

Beijinhos :)

Pedra Filosofal disse...

eu confesso que não acho muita piada à cabeça de alho chocho. Uso (e abuso confesso) da cabeça de atum. pronto, pronto. eu sei, o atum não tem culpa.
Adiante
Aproveito a ocasião para dizer que li primeiro o teu livro (este que andaste agora a lançar), cortesia do Vicio que me fez o favor de o comprar, e agora é que comecei a ler o teu blog (pronto, podem bater-me :s). E agora de seguida vou já já mandar-te um mail a dizer "um é meu, um é meu!" para depois vermos como fazemos a coisa eheheheheh
Ass.
A ilustre colega com bom gosto literário (pois, por isso é que quis o livro, oras)

Táxi Pluvioso disse...

Tigre!!!

bfds

MRPereira disse...

Pode ser fresco que nem uma alface?

Ou então...

Mais fresco que um peixe acabado de pescar!

Boa?

Aquele abraço

irneh disse...

Olá

Que saudades!

Que loucos os teus textos! Nunca consigo lê-los sem te imaginar uma pessoa cheia de bom humor, para além duma inegável criatividade! E, possivelmente,ainda serás um "pão" (creio que é o "upgrade" de milho...)

Beijinho e bom fim de semana!

Caramela disse...

ohhh só agora consegui ler ... (acabo de ficar vermelha que nem um tomate)!
bjooooooo

lua prateada disse...

Eheheheh bem fruta aqui é o que não falta , mas o caso é que realmente é verdade.
Beijinho prateado e lindo fim de semana amigo...

SOL

Laura disse...

Beijinhos apenas e que giro encontrar a carvoeirita. menina na arranjas problema snenhuns, poxo falar ó rafeiro? o mais que arranjas é algum anónimo mais xuxu, mas isso resolve-se atirando-lhe com um big ananáz...beijinhos e gostei de te ver..laura.
espero que na apareçam as cascas do dito la na minha janelita...

RED disse...

( a coisinha boa já cá canta e levei-o para a praia, local agradável para devorar fruta acabadinha de colher!)

Pisces Girl disse...

Que tipo de fruta/vegetal sou eu? Hmmm... posso dizer que sou salsa, tomate, alho, nabo e ser milho ou não deixo ao teu critério. :P

Um beijinho grande e bom fim-de-semana,

Pisces Girl.

Bongop disse...

Eu sou uma amora silvestre, para me chegarem têm de se arranhar todos... LoL

:)

Xico man disse...

Adorei o P.S! Sem duvida!!AB

Mariazita disse...

Tenho andado um pouco adoentada, mas afinal o que me fazia falta era vir aqui dar umas boas gargalhadas.
Essa da mulher virar pipoca e ir parar ao tecto não lembra ao D.Pedro!!!

Bom domingo, com sardinhas assadas e salada.

Um beijo
Mariazita

Ninja! disse...

Devo dizer que gostei particularmente da boa como o milho, porque já me tinha passado pela cabeça algo semelhante, hehe. :)
Abraço.

ψ Psimento ψ disse...

Desde já espero que a tua demanda pelo país tenha corrido bem, que o livro seja um sucesso e que o 3º volume da saga venha a caminho. De minha parte, foi com muita satisfação que te fui lá cumprimentar. Ao que parece não reconheci a simpática menina que estava contigo! Vou tratar de apresentar as minhas desculpas por escrito! Admito também que ainda não li, mas começarei amanhã. A verdade é que já estava com demasiada coisa para ler. Mas agora que terminaram as aulas e já acabei as minhas leituras vou dedicar-me ao teu livro principalmente no local de trabalho. Estou certo que será muito mais fácil atender certos e determinados clientes. Vai ser óptimo quando me ligar um daqueles clientes $$%%# e eu disser muito simpaticamente. “Aguarde um momento por favor enquanto eu verifico a sua situação”, ponho a musiquinha irritante e leio mais umas paginas depois de ir tomar um cafezinho.
Quanto ao teu post da frutas tenho 3 considerações a fazer:
A) Acho que fui dos muitos que tivemos tomates para ler até ao fim.
B) Ahhh usaste as orientações em vez de opções! Muito Bem! XD Estou muito orgulhoso.
C) Eu já fiz aquele teste “do banana” que compreensivelmente não queres fazer. A verdade é que (in)felizmente (dependendo da perspectiva) não sai uma jeitosa de lá. Apesar de não ter a certeza se devia dizer estas coisas fico contente por poder contribuir para desvendar estas questões filosófico-cientificas!

Um abraço.

Mariazita disse...

O que me vale é ter um amigo rafeiro que, com o seu faro apurado, descobre tudo!
OBRIGADA!
Um beijito no focinhito.
Mariazita

gotadevidro disse...

É sempre bom passar aqui e refrescar as ideias, pois ler-te tem sempre uma carga hilariante...

Mesmo sem tremer como varas verdes te desejo uma boa semana que caminha para férias.....

beijito

Laura disse...

Vim ver se haveria fruta fresca, mas, ainda não foste à praça!...Beijinhos.

Fa menor disse...

Porque é que só se pensa em comida?... apesar de que no verão o que apetece mesmo é fruta! lol

Bjos

Dri Viaro disse...

Segunda feira de correria, vim rapidinho desejar uma otima semana, depois volto

bjsss

Nanny disse...

Eu é mais milho... e se fosse peixe, era faneca. Se fosse astro era Lua, e se fosse refeição era uma açorda... de gambas de preferência :P

Beijocas cachorro, e vê lá se encontras o mail ;-)

Rafeiro Perfumado disse...

Mel, como te disse, não voltei a ouvir a entrevista, e quando penso que o vou fazer, alguma coisa me arranca do PC e nunca chego ao fim!

LopesCa, depende, a que tem bicho nem por isso! ;)

Ex.Anónimo, vai demorar um bocadinho, o tempo é um bem que não abunda para os meus lados, mas vou tentar.

Intruso, que se come eu sei, agora daí a chamar-lhe fruta...

Rafeiro Perfumado disse...

Laurinha, aposto que esse moço nunca mais escreveu uma carta de amor na vida, tal foi o trauma. E a moça, ao menos correspondeu ao amor? Beijos!

Carvoeirita, tu nunca me arranjas chatices, mas como já te disse algumas vezes, há coisas com as quais vale a pena chatear-nos, outras não. Curte a vida, amiga, e deixa para trás o que não importa. Beijinhos.

Francis, ainda bem, mais do que isto e tinha de apelar ao sentimento!

Malinha Viajante, também foi dos que mais me diverti a escrever! ;) Beijos!

Rafeiro Perfumado disse...

Joaninha, se és assim, posso dar-te o meu NIB, a ver se finalmente tenho o plasma? ;) Beijo!

Rouxinol de Bernardim, noto aí uma certa característica comum aos exemplos que deste, não me estás a chamar comunista, pois não? ;)

Felina, desde que vergues e não partas... ;)

O Magnífico Gino, olha que eu consigo reconhecer-te na rua, pá...

Rafeiro Perfumado disse...

Troca Letras, arranja-me lugar como deputado e conta com o meu apoio!

AnaMar, há outro tipo de tomates que não os legumes?!? (corando) Beijos!

Julie, longe de mim mandar indirectas, eu sou muito frontal, ainda mais sendo dono e senhor deste blog! ;) Quanto à tua expressão, sei apenas a teoria de não misturar álcool com melancia, parece que faz mal. Beijo!

Catwoman, obrigado,jove, beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Pedra Filosofal, mas assim é que deve ser, primeiro investigar e depois, se interessar, avançar para a compra, por que o consumismo não leva a lado nenhum. Uma grande beijoca e fico contente por passar a ver-te por aqui!

Táxi Pluvioso, onde, onde?!?

MRPereira, olha que vendo o aspecto de certos peixes que são pescados, não sei se a expressão é muito abonatória... Abraço!

Irneh, possivelmente?!? Mas tens dúvidas que eu sou um Adónis de quatro patas?!? Ai... Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Caramela, não precisas ficar vermelha, jove, isto é sobre fruta mas não passa do prazo! ;) Beijo!

Lua Prateada, sim, porque neste caso a fruta não cai de madura, apesar de alguma já estar a caminhar para o podre! ;) Beijo!

Laurinha, a Carvoeirita é uma moça toda querida, se bem que por vezes lhe falte um nadinha de experiência em lidar com certas situações. Beijoca!

RED, fico à espera se te deu indigestão ou não! Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

Pisces Girl, se tivesse de te retratar numa fruta diria cereja. Porquê? Porque sim! :D Beijo!

Bongop, e se te espremerem também deitas sumo? ;)

Xico Man, eu ponho um texto grande como o catano e tu gostas do PS?!? Bom, melhor que nada, penso eu. Abraço!

Mariazita, as sardinhas dispenso-as, eu sou mais carnuxa! Uma grande beijoca e as melhoras!

Rafeiro Perfumado disse...

Ninja!, não me digas que foi alguma pipoca que te saltou para a testa! ;) Abraço!

Psimento, a demanda correu lindamente, deu para conhecer muita gente e rever outras, como foi o teu caso. Quanto ao terceiro volume, mais facilmente o Magneto dá um abraço no Wolverine! E muito obrigado por teres aparecida, acredita que foi um prazer!
E claro que usei “orientações”, tenho como máxima de vida que errar é humano, persistir no erro é ser estúpido, pelo que procuro sempre assimilar o que me ensinam! Grande abraço!

Mariazita, é sempre um prazer, e acho que um texto daqueles não merece ter erros. Beijoca!

Gota de Vidro, nem sempre, olha que o próximo texto, por exemplo, é odiado pela minha jove, mas como o blog é meu... Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Laurinha, já devias saber que aqui a Praça só tem fruta nova à quarta! Beijo!

Fá Menor, eu não penso só em comida, volta e meia penso em outras carnes, digo, coisas! Beijos!

Dri Viaro, com tanta pressa um dia ainda te dá um treco! Beijoca!

Nanny, convinha é que me relembrasses qual era o e-mail, porque a malta não caminha para nova e já me esqueci! :D Beijo!

Pepper disse...

Está mal...

O post devia ser amanhã no meu aniversário!

Beijos :D

António Rosa, José disse...

Informação:

No fim-de-semana passado, pedi ajuda aos leitores do «Cova do Urso» para indicarem bloguistas e blogues que apreciassem e que gostassem de ver entrevistados na série que mantenho no blogue, chamada «Anel do Coração» e que retomará em Setembro próximo.

O blogue mais votado foi este, cuja entrevista será em 16 de Julho:

Magda Moita
«Fuzil Cómico»
http://fogodelys.blogspot.com/

Os restantes serão a partir de Setembro.

Dado que o seu blogue foi um dos indicados, deixo aqui para seu conhecimento, a lista completa, pela ordem em que foram citados:

IdoMind
«Jardim»
http://onossojardim.blogspot.com/

Tânia Resende
«Afirmações de Luz»
http://afirmacoesdeluz.blogspot.com/

Adelaide Figueiredo
«Diálogos Astrais»
http://dialogosastrais.blogspot.com/

Siala ap Maeve
«Eridanis»
http://eridanis.blogspot.com/

Patrícia Branco
«Patrícia no Mundo»
http://patricianomundo.blogspot.com/

Bartolomeu
«Santos & Santinhos»
http://santossantinhos.blogspot.com/

A Mónada
«NAVE Azul»
http://www.nave-azul.blogspot.com

Madame Celeste
«Madame Celeste»
http://mmceleste.blogspot.com/

João Raimundo Gonçalves
«Neoabjeccionismo»
http://neoabjeccionismo.blogs.sapo.pt

Rafeiro Perfumado
«Rafeiro Perfumado»
http://rafeiroperfumado.blogspot.com

Caillean
«Casa da Floresta»
http://caillean333.blogspot.com/

Ariadne
«Castelo de Asgard»
http://castelodeasgard.blogspot.com/

................

A seu tempo entrarei em contacto consigo, para saber se aceita ser entrevistado/a para o Cova do Urso.

Até lá, fica o meu abraço

António

Aqui:

http://cova-do-urso.blogspot.com/2009/06/pedido-de-colaboracao-para-uma-votacao_2195.html

liamaral disse...

"De pequenino se torçe o pepino" e "Fresco que nem uma alface" para mim, se faz favor!
:) Beijinho

Abdoul Hakime Zahrah al Jounoub عبد الحكيم زهرة الجنوب disse...

UVA: Fruta cítrica da qual se obtém o vinho. Provavelmente originária do Mediterrãneo, que tem a cultura do vinho bastante difundida. Aonde a uva não chegou, ou chegou com atraso, foram criadas outras bebidas alcoólicas, fermentando as frutas disponíveis. Aliás, em todo lugar nasce frutas, e cada pessoa que nasce parece uma fruta. Uns são bananas, outros são melancias, outros morangos... Mas a uva é uma fruta que se parece com as pessoas, igual ao maracujá: uma uva é lisinha quando fresca, e enrugada quando passa. e as duas variedades de uva e de gente podem agradar ao pladar, malgrado só a primeira agradar a vista.

Dri Viaro disse...

Bom dia Rafa

bjs

maria inês disse...

o que eu não faço por protagonismo!!!



200!!!

«O mais antigo ‹Mais antiga   1 – 200 de 219   Mais recente› Mais recente»