Cuidado com o Rafeiro! Não é que morda, mas podes pisá-lo sem querer...

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Vivam as comissões!

Pagar para utilizar o Multibanco? Excelente ideia!

Texto tão brilhante que teve de ser removido para um local mais seguro, mais precisamente o livro Agarrem-me ou dou cabo desses palhacitos!

115 comentários:

Teté disse...

Hás-de ter muitos amigos assim, hás-de... :D

Essa de querer saber os últimos movimentos quando o saldo não corresponde ao suposto, imagino que deve acontecer a muita gente. Vai-se averiguar e afinal foram taxas disto e daquilo, portagens de auto-estradas e outras contas menores, que no total resultam num montante mais ou menos avultado. Também já me aconteceu cancelar a TV Cabo e eles continuarem a debitar a conta do banco... que pagou (mesmo tendo sido avisado)! Não te ponhas a pau não, nem um ossinho te sobra para roer...

Mas pronto, essa da catapulta nem era má ideia! :)))

Beijocas!

ADEK disse...

Há muito tempo que falam nisso...espero que seja só ameaça... :S*

Caramela disse...

ai senhor como me irrita quando as pessoas ficam a fazer a manicure em frente da ATM e nem com as tossidelas atrás delas percebem que estão a mais.
e as pessoas que se colam atrás de nós quando estamos na ATM?!! ... o meu olhar à el matadora entra em acção ...
:)
festas no lombo :D

Sabina disse...

Hummm

Também gosto muito daqueles que pedem o extracto e depois ficam uns bons minutos a consultar ali, com a barriguinha colada ao ATM. Desviarem-se para que a pessoa seguinte possa usar o ATM? Nahhhhhh, isso dá muito trabalho.

Bongop disse...

Bom... e aqueles que têm 23 cartões e pedem o saldo deles todos para poder escolher qual das 23 contas tem 10 €, e claro no fim pedir novamente um extracto...

Kok disse...

Banco e banqueiros são assim uma espécie de sanguessugas que nunca estão satisfeitas.
Têm os €uros da rapaziada para utilizarem em transacções várias onde ganham algum e não têm vergonha de apresentarem débitos+imp.selo pelo que dizem ser: manutenção da conta.
Deve ser pelo trabalho de limparem o pó às notas e polirem as moedas.
Acho que vou voltar ao antigamente: os meus avós guardavam as notas dentro do colchão e eu vou fazer o mesmo.
Adapto um alforge ao colchão e tá feito.
Alforge será exagero; um saquito de plástico deve chegar. Tenho que falar com o Casemiro!
Abraço, pah!

Gata Preta disse...

Oh pah... Mea culpa! Isso das malas,evito e tal... mas deixo juntar as contas todas e quando tenho de ir, passo lá 10 minutos só a digitar números... oh pah! mas tem de ser!
No que diz respeito a isso dos talões, também era fazer um limíte... "já utilizou os seus X talões por dia, volte amanhã..NEXT"..sei lá...
mas a banca n se vai preocupar muito com isso... o objectivo final é o belo do €...independentemente de como la chegam... hmm... estou definitivamente no ramo errado...
Miau...
Hasta Rafeirolas***

Sylvia FX disse...

Tenho uma relação péssima com os as caixas multibanco, rogo pragas ao símios que demoram eternidades a ver os saldos assim como mando o pessoal procurar outro multibanco quando mandam bocas por eu estar a demorar muito (que é? tenho muitos pagamentos para efectuar!).
E quando chega a tua vez e o ATM lembre-se de ficar fora de serviço? Aí não me responsabilizo pelos meus actos.

Beijocas!! :))

Paula Raposo disse...

Eh eh eh e como sempre as tuas observações são bem pertinentes!!
Beijinhos.

...Noêmia! disse...

Esta semana fui a um balcão do meu banco para depositar um cheque na minha conta. Já que estava no balcão, resolvi pedir à caixa uma retirada de alguns euros. Aí ela me disse que eu tinha de pagar uma taxa, por isso era melhor eu ir a uma ATM. E eu lhe disse:
"Peraí!!! Quer dizer que se eu quiser retirar MEU dinheiro, da MINHA conta, no MEU banco, que TRABALHA com ele para ganhar MUITOS JUROS, eu tenho de pagar uma TAXA??? E o dinheiro da manutenção MENSAL que eu pago??? Serve pra quê???
Essa catapulta do ATM, que é uma ótima idéia pois detesto estas 'tias', deveria ser implantada nas cadeiras de alguns tecnocrátas!!!
Um abraço,
:o)

Sandra. disse...

:))))))))

lololllllllllllllllll inda és pior ca tarada da minha gata pah!!

por mim podem meter o vão cobrar pelo olhinhu do coiso acima, p eu evito o mais posso ir a uma caixa, n tenho paxorra...pfffffffffffffff...e sem kerer, uando alguem se demora bués lá tenho tendencia a kerer dar uma ajudinha e o ppl fika a olhar me de ladecus :)

bexuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus

nb - axo deviam pegar na tua sugestão, oferecerem uns movimentos grátis :))

Sandra. disse...

(desta vez tenho o Q fedido no teclado tarado, sorry, ó leres vais ter q acrescentar okis??)

Su disse...

Pois é. Parece que estamos todos a ser "f***** e mal pagos", ou neste caso ainda pagamos por isso.
É que agora, para além das taxas do ATM também é possível que também venhamos a pagar taxa quando pagamos nas lojas com o cartão (sim... com o de débito). Ou seja, ou pagas taxas independentemente do que faças, ou começas a pedir ao patrão para dar o dinheiro vivo para guardares debaixo do colchão.

Sofre povinho... sofre!

Táxi Pluvioso disse...

A banca ficou tão pobre com a crise, que é muito justo aumentar tudo, e contratarem gestores, com ideias, para criarem taxas novas. Veja-se lá que só pagavam 34 mil ao Vara. Isto é inadmissível no século XXI, num Estado de Direito. Ganhando tão pouco até parece que estamos na República Centro Africana e não no Oeste da Europa.

É uma vergonha para o nosso país os bancos viverem tantos apertos de dinheiro, ouvi dizer que chegando ao dia 20, já não têm dinheiro nenhum, e ainda faltam 10 dias para o fim do mês. A Caritas devia organizar peditórios, ou o Banco Alimentar fundar uma sucursal que só recolha dinheiro, pois arroz e massa não podem ser lançados nos dividendos.

Eu também "sou contra tudo o que prejudique as pessoas sérias e trabalhadoras" e já marquei peregrinação a Fátima para pedir que a irmã Lúcia ajude os nossos banqueiros, mais sérios e trabalhadores do que eles, não conheço.

elvira carvalho disse...

Primeiro, utilizo as caixas rigorosamente só para pagar contas ou levantar dinheiro e até desconhecia que se podiam fazer transferências nas ATMs por exemplo quando se quer pagar um livro que um amigo publicou e nós desejamos...
Buuuuuuuuuuuurra, tenho andado à procura de balcões onde possa fazê-lo com uma ATM a 50 metros da porta. Mas é que eu nasci em mil nove e troca o passo, e nessa altura não havia nada disso. E como não quero que a fila atrás de mim aumente nunca me dediquei a ver até onde a máquina vai...
Segundo, a mala é uma extensão do outro e daí nunca sai, por isso não corro o risco de ir parar ao telhado mais próximo.
Um abraço

Vício disse...

trabalhas num banco?

em relação à catapulta... não era preciso ser tão radical! bastava que houvesse um sensor que detectasse quando a pessoa sai da frente e se demorasse mais que o tempo regulamentar ouvisse qualquer cosia do tipo "Foram descontados 10€ no seu saldo por excesso de tempo de uso desta área"...
acho que isso era possível porque nos WCs públicos, os urinóis também ligam a agua automaticamente quando saímos da frente!

rouxinol de Bernardim disse...

Enfim, o zé paga a taxa e a banca arreganha a tacha!

Dragão Azul disse...

Quem fala assim tem que pertencer ao meio bancario e pertencer ao grupo dos sanguessugas... falar em 87€ de comisssões... (se ainda fossem 93,69€ eu ainda podia pensar no assunto), ja estou a ver o ATM a levar porrada. Agora quem pode pagar 50€ por um bilhete para ver o glorioso pode perfeitamente pagar uma taxa por utilizar o ATM.

Abraço

julie disse...

Não és tu que trabalhas num banco?
E já apresentaste essa ideia do serviço ser grátis até um certo limite de utilizações? Acho melhor ires registar essa ideia como sendo tua, e ires apresentar ao banco! Podes ganhar com essa ideia, e vê lá se não te roubam a ideia!

bjs
julie

CF disse...

Boa. Essa parte de quereres projectar Mulheres, é que...

uminuto disse...

isso do ATM parece-me a sigla de uma doença contagiosa?!?
pelo menos no que toca atramar o Zé Povinho é de certeza
um beijo

Pepper disse...

Essa do ATM...

Eu sofro com isso aqui perto do trabalho! Deviam era ter um limite de tempo, depois era a pagantes!

Por isso é que eu uso o site do Banco para efectuar pagamentos de serviços, carregamentos de telemóveis, etc.
Isto é... NÃO CHATEIO OS OUTROS!

Beijos

Dakota disse...

Já pensei em tirar toooodo o meu dinheiro do banco e pô-lo debaixo do colchão? Que achas? Vamos fazer todos isso? Era uma vez os bancos ... ahahah

Só volto a depositar quando for muito muito muito muito muito, mas muito muito muito muito rica (via herança ou euromilhões). Nessa altura até me dão os extractos de conta em papel couché se eu assim quiser ...

Felina disse...

Já não bastava sermos roubados ainda lhes dás ideias para nos agredirem... pois não tarda vamos nos zangar e guardar o dinheiro debaixo do colchão depois quero vos ver todos no desemprego e tu também bancario de ideias luminosas

Vani disse...

ahahahah a tete é que tem toda a razão, pah!

Olhos Dourados disse...

Ainda noutro dia estava para escrever um post do género, devido a ter estado 15 minutos à espera que um anormal acabasse de levantar dinheiro do todos os cartões que tinha, que eram aproximadamente trezentos e cinquenta e dois, e depois ainda pedia para ver o saldo da cada um...
Que pariu!

Parisiense disse...

Que estejas furioso com as taxas até entendo......mas enviar as madames para outro prédio, não achas que estás a exagerar?????

È que não é todos os dias que a gente tem dinheiro para ir levar ao multibanco......e cada vez essas visitas se fazem mais raras....

Beijokitas

Nuno Medon disse...

olá Rafeiro! bem disposto? Eu sou a pessoa que menos usa o Cartão Multibanco, tendo ou não dinheiro na conta. Os cartões de crédito que me enviaram para casa, eu deitei-os logo fora. Só uso multibanco e pouco. Um abraço e uma boa semana!

AmSilva® disse...

Olha ainda bem que falas disto!!
Eu também sou contra o 1€50... acho um abuso, pra não dizer menos!!
E quando precisamos mesmo do talão, por exemplo pró NIB e o raio da máquina diz que não tem árvores, perdão : papel?!?!?
Por isso e por outras, mas principalmente pela grande maioria das ATM's não terem cobertura... trato das contas pela net!
Mas só até que alguém se lembre de meter comissão nisso...

Abraço

gotadevidro disse...

Isso da taxa chateia mesmo....

Por acaso não fico pendurada nas máquinas , nem a fazer pedidos tolos, não faz parte de mim e muito menos fico lá com a barriguinha encostada ( não tenho barriga proeminente)....

Anda meio mundo a sacar ao outro meio....

jocas de fianl de tarde

cassamia disse...

VIVAM AS CATAPULTAS ahahahaha
eu subscrevo e assino por baixo!

rais parta as atm e a santa ignorância

paulofski disse...

Taxar o ATM? Só 1,5€? Até acho pouco. Pegando na mera hipótese que é de noite e está a chover. Procuro um ATM abrigado. Logo à partida deveria ser cobrado uma taxa por raspar o cartão que abre a porta (estar abrigado aos elementos e aos gatunos é um extra). Haveria uma pequena cobrança devido ao desgaste das teclas (cada clique 0,001cent.) Certamente que ficaria registado no sistema de videovigilância e mais uma percentagem que seria subtraida na conta corrente. No final, e antes que me lembre de mais alguma, seria cobrada uma comissãozita pelo ar que o cliente respirou enquanto esteve nas suas instalações.

Atenção, cada ideia aqui apresentada tem uma taxa adicional à razão de 20% dos lucros obtidos com as taxas cobradas. Vamos lá a ver o negócio!

Alexandra disse...

Eh pah,muito resumidamente
subscrevo e assino por baixo,só para não haver dúvidas. Em Espanha pagas comissões dessas. Mas o tempo de espera é bem menor "Dass,deixa sair daqui antes que pague mais do que o que extraí".

Beijinhos:)

Narizinho Lunático disse...

O pior, pior, pior, é mesmo o papel que essa gente gasta, desnecessariamente! Então e as iniciativas para um estilo de vida mais ecológico, hein?!?! :) Bjs

Sun Iou Miou disse...

Tu, Rafeirito, és um insensível. Então uma pessoa não pode ter uma conversa carinhosa com a máquina. Pensas que é chegar, pedir a massa e ir embora. Então, as boas maneiras, onde foram parar? As pessoas quando se achegam ao balcão não falam com o funcionário e se são conhecidos lá não se pergunta pela família, essas coisas todas? Pois a máquina também tem direito a conversa, e não a ser simplesmente utilizada, como se fosse uma moça à que se tira o virgo e depois abandona-se.

Num mundo em que a presença das máquinas cada vez é maior, convém não perder os bons costumes.

Abracinho (Más só porque gostei dessa de mala e proprietária pelo ar. Hihihi!)

Gonçalo disse...

A melhor solução seria esquecer as caixas Multibanco e voltar ao tempo do colchão da minha avó! Sempre evitaríamos as filas e à noite dormia-se em cima de dois amores :)

Um grande abraço!

A miúda das letras disse...

O que está a dar é guardar o dinheiro debaixo do colchão.

LopesCa disse...

Rafeiro sempre em grande :)
Com o estado das coisas daqui a nada não tenho dinheiro para levantar

Sandra disse...

Esqueceste-te de mencionar aquelas pessoas que fazem tudo o que disseste com os 3 ou 4 cartões de diferentes bancos!!!
Uma pilha de contas para pagar cada qual com o seu cartão e saldos e movimentos para todos os cartões.
Um verdadeiro teste à paciência!

Quanto às taxas, não concordo definitivamente. A acontecer vai fazer com que tenhamos mais dinheiro na carteira, o que vai proporcionar mais assaltos e mais gastos...digo eu.

Só há uma maneira de não permitir isso. Promover uma greve nacional à utilização das ATM, o que acham? eu alinhava, nem que tivesse que meter o dinheiro debaixo do colchão.

Mas no País que temos a adesão provavelmente ia ser pouco siginificativa, a menos que se fizesse uma campanha do género: "Faça greve à ATM e receba em troca um vale de desconto no Continente", porque português que é português, gosta muito destas coisas assim de vales e afins.

:)

ellen disse...

concordo com tudo menos com a projecção da mala... a mulher pode ir, mas a mala não ehehehehe

irritante essa situação rssss
Bjito

opinião própria disse...

As comissões só me dão comichão...

Xana disse...

Olá olá!!!

É sempre a roubar!!!

1,5??? Tá certo!!Grão a grão enche a galinha o papo!!!

lol
Beijos

made in ♥ love disse...

"Fosse eu religioso e rezaria todos os dias para que a próxima geração de máquinas venha equipada com uma cadeira e chicote, para manterem à distância esses abusadores, enquanto gritam “PARA TRÁS, ANIMAL, PARA TRÁS!”. "

Ainda choro a rir!!!!

se bem me conheço amanha vou estar trabalhar e vai que me vou lembrar desta imagem e gargalhada na certa... Rafeiro, rafeiro... qualquer dia dou uma de banca e pagas uma taxa por gargalhada!!! ou será ao contrário????? Bom deixa-me cá parar com ideias!!!

Um beijinho
Eduarda
Be in ♥ love

marco disse...

eh pá..tas mau!

deixa la isso...

eu as vezes vou pedir um recibo as ATM`S só para acertar o relogio e a data! lol! estou brincar...acho bem que ponham essa ideia em pratica...a tua! de terem só direito a umas utilizaçoes por mes! abraço1

Euzita Verdita disse...

...Bradesco, Itaú e Unibanco, os três maiores bancos privados do Brasil, decidiram reforçar o combate às fraudes no saque de dinheiro, tirando do papel projetos que dificultam a ação de criminosos. Caixas eletrônicos com sensores para leitura da mão começaram a ser implantados pelo Bradesco em São Paulo e no Rio.
Além da exigência de senhas alfanuméricas, chips, chaves de segurança e frases secretas, o correntista do Bradesco já pode usar as veias da própria mão para comprovar sua identidade.

*Tecnicamente, os especialistas chamam de "biometria" o uso de características físicas e comportamentais (impressões digitais, por exemplo) em mecanismos de identificação. A introdução da biometria em caixas eletrônicos coloca finalmente o que já foi instrumento de ficção científica no dia-a-dia do brasileiro.

E com mais essa agora...FICO A IMAGINAR, PESSOAS COM BALDINHOS DE ÁGUA, TOALHINHAS PARA SECAR A MÃO E OS QUILÔMETROS DE FILA QUE IREI ENFRENTAR,grrrrr.
Beijos

Laura disse...

Como te entendo, é que por vezes fico na fila e elas ou eles, pagam isto, dobram o papel, metem na bolsa, tiram outro, mais outro e outro, assoam-se entre cartão e recibos, pousam a carteira, as luvas, o baton e até ali fazem de espelho, para batonar...devia provocar um detonar isso é que era, tens toda a razão, e o roubo que fazem esses senhores bancos? mas o povo quer lá saber,sempre é melhor do que estar na fila, e quem disse que multibanco não faz fila?...
Eu só o uso para as coisas da minha mãe, para mim? parei... Beijinhos ó homem mas, para cima do telhado ou do prédio, é um cadinho longe, não achas? laura

Rafeiro Perfumado disse...

Teté, eu controlo muito bem a minha conta, e ninguém mete o pé em ramo verde ou de outra cor. O problema não é pedir os movimentos quando não se percebe o saldo, é pedir os movimentos e depois pedir o saldo. Confia em mim nesta, ok? ;) Beijocas!

ADEK, não há fumo sem fogo (ditado estúpido e errado), mas também é verdade que já ouço isso há anos, e até agora nada. Se calhar estão à espera do primeiro banco a ter coragem de avançar...

Caramela, agora com a Gripá, aposto que as tossidelas (feitas mesmo para cima do pescoço) terão um efeito muito mais eficaz. Beijos!

Sabina, não falei disso porque em tempos vi uma bloguista a relatar essa situação, e não gosto de copiar ninguém. Mas que dá vontade de palicar uma manobra à Spock, sem dúvida!

Rafeiro Perfumado disse...

Bongop, 23 nunca apanhei, mas já vi um tipo a meter seis cartões diferentes. Coitado, foi-se embora com uma data de papel mas nenhum com valor comercial. Abraço!

Kok, é tudo uma corja, era pendurá-los pelo testículo direito e sacudir bem, a ver se caía algum dinheiro dos bolsos. Claro que há honrosas excepções na classe, mas é preciso muita sorte para os encontrar. Abraço!

Gata Preta, pelo teu “mea culpa” estou a ver que és uma candidata a ser catapultada em tempos próximos. Ramo errado? E há algum que seja certo? Beijo!

Sylvia FX, então foste tu que mordeste uma ATM um destes dias. Tens de ter calma, aquilo de vez em quando tem de parar para abastecer! Beijocas!

Rafeiro Perfumado disse...

Paula Raposo, neste caso mais raivosas que pertinentes... Beijos!

Noémia, essa é a primeira fase. Cobram-te taxa ao balcão para utilizares a ATM, quando estás habituada à ATM, cobram-te taxa por utilizá-la. É a chamada situação perde-perde! Beijo!

Sandra., quando tentares ajudar evita estar com um bloco e uma caneta, especialmente tendo escrito na página “códigos de tansos”. Beijos e as melhorias para o teu “q”.

Su, no segundo caso que referes, ainda não percebi bem quem é o ladrão. Só sei que quando me pedirem essa taxa, e enquanto a das ATM não funcionar, levanto dinheiro e pago em numerário. Ou vou comprar a outra loja onde não cobrem essas comissões. Mas claro, do sofrimento ninguém nos livra. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Táxi Pluvioso, curioso o teu comentário, mas que felizmente faz uma separação preciosa: nunca confundir banqueiros com bancários, ao nível da remuneração e não só!

Elvira Carvalho, as ATM são um mundo, eu já não passo sem elas para carregar o passe, comprar bilhetes de comboio, etc.,etc. Quanto à mala, corres é o risco de ir atrás dela! ;) Beijocas!

Vício, felizmente não, a minha empresa providenciou-me uma cadeira. Quanto às tuas ideias, são excelentes, eu apenas conjugaria as duas, sendo que quem demorasse demasiado tempo à frente da ATM receberia uma descarga de água, proveniente do urinol mais perto.

Rouxinol de Bernardim, mas é um sorriso muito amarelo, acredita...

Rafeiro Perfumado disse...

Dragão Azul, nunca paguei esse valor por um jogo do Glorioso (não que o espectáculo não o merecesse) e dificilmente pagarei. Quanto ao pertencer ao grupo das sanguessugas, só por curiosidade, qual é o teu tipo sanguíneo? Abraço!

Julie, mas que mania, já disse que trabalho numa cadeira! Mas tens muita razão, esta ideia é muito boa. Espero que quando alguém a implementarem tu digas “foi o génio do Rafeiro que criou isto”. Beijos!

CF, e se na cobertura do prédio forem colocadas umas almofadas, já pode ser?

Uminuto, é a sigla de Automatic Teller Machine. Acredita que há doenças com nomes bem mais simpáticos que isto! Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Pepper, tu és a cliente modelo para os bancos. Só falta não reclamares pelas comissões de manutenção de conta e até te penduram uma placa na agência, com a indicação “a nossa melhor cliente”. Beijos!

Dakota, concordo inteiramente com a tua sugestão, mas com uma condição: quando fizeres isso serei o primeiro a saber onde moras, ok? ;)

Felina, qual desemprego, sobreviveria à conta da venda dos livros. E agora deixa-me ir ali morrer de riso com esta última frase, está bem?

Vani, não tem não, a Teté é muito inteligente mas neste particular está equivocada!

Rafeiro Perfumado disse...

Olhos Dourados, e não o seguiste até um beco escuro para lhe sacar o dinheiro? Tansa...

Parisiense, acredita que me chateiam mais as madames arrumadoras de malas do que taxas que considere acertadas. Pronto, talvez para o prédio mais distante seja exagero, fica para o prédio mais perto. Beijo!

Nuno Medon, quando mandares um cartão de crédito para o lixo faz como eu: corta-o em diversos bocados (sendo que nenhum deve conter a totalidade do número) e depois vai dar um passeio, colocando cada pedaço num caixote do lixo diferente. Abraço!

AmSilva, numa altura em que as margens bancárias estão esmagadas, é natural que se procurem comissões alternativas. Quanto à utilização da banca pela net ser paga, duvido, ainda estamos na fase de criar habituação no pessoal. Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Gotadevidro, então posso garantir que nunca darás por ti a ser projectada para um prédio distante. Mas só se prometeres manter esse comportamento, bem como a barriga lisinha! Beijo!

Cassamia, no meio disto tudo as ATM são as que menos culpa têm, tadinhas...

Paulofski, se por acaso alguma dessas ideias for implementada, lembra-te que eu sei onde moras... Abraço!

Alexandra, também se podia instalar um temporizador na ATM. A pessoa tinha x minutos para fazer as suas operações, terminado esse tempo, a ATM emitiria uma luz vermelha, juntamente com a frase “TIME’S UP! NEXT!!!” beijinhos!

Rafeiro Perfumado disse...

Narizinho Lunático, estarás tu a sugerir que o saldo ou os movimentos fossem exibidos no ecrã e a malta que decorasse? Os ladrões agradeceriam... Beijos!

Sun Iou Miou, e durante quanto tempo é que temos de conversar com uma virgem depois dela deixar de o ser antes de a podermos abandonar sem remorsos? Abracinho!

Gonçalo, e o colchão da tua avó tem capacidade para as poupanças de quantas pessoas? Abraço!

A miúda das letras, só que depois gastas o dinheiro todo em fisioterapia, à conta dos altos no colchão. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

LopesCa, deixa lá, é mal comum, depois jogamos às cartas nas filas de pedido do Rendimento Mínimo Garantido. ;)

Sandra, não sei se tenha raiva dessas pessoas se pena, pois muitas devem fazer uma ginástica brutal para conseguirem manter as contas em dia. Quanto ao boicote, só alinho se em troca forem dados vales para o cinema! Beijo!

Ellen, olha que depois a ATM ainda recolhia a mala e lá voltava a história da banca assaltar as pessoas! Beijo!

Opinião própria, enquanto não pagares nada por te coçares dá-te por satisfeito.

Rafeiro Perfumado disse...

Xana, com um grão deste tamanho a galinha ainda fica com ele entalado na graganta! Beijos!

Made in Love, como é que achas que eu tive a ideia? Foi numa fila duma ATM, com uma senhora a despejar o conteúdo da mala na zona do teclado e a ver calmamente qual o cartão que iria utilizar. Só faltou abaná-los, para ver qual é que teria saldo...

Marco, não sou nada mau. Seria mau se a catapulta fosse accionada quando alguém metesse o cartão e fossem detectados movimentos para pagar quotas de um clube que não o SLB... ;) Abraço!

Euzita Verdita, e eu imagino os gatunos a irem à ATM com a mão da pessoa. Mas isto sou eu, que tenho uma mente doentia. Beijos!

Laurinha, pelo exemplo que contaste, para cima do telhado seria pouco, era mas é para o rio mais distante, e numa zona pouco profunda! Beijos!

Rita disse...

Outro dia tinha duas velhinhas à minha frente e uma ensinava à outra como fazer, queres melhor?
Jokas

Capriccio disse...

É dos posts mais engraçados que li até hoje! Parabéns, é sempre agradavel passar por aqui.
Mas é verdade isso de começarem a cobrar pela utilização das caixas de multibanco? É que uma vez por semana preciso dela!
Beijinhos e pega lá um osso bem grande :)

A Lei da Rolha disse...

O que me dá agonia é estar sempre à espera de "gnus" que não têm dinheiro na conta e criam filas enormes nos hiper!!!!!!!!
abraço

Felina disse...

Mas olha que até és bem capaz de sobreviver à custa dos livros... está a chegar o natal e tal... não podes é comprar sapatos da Geox... e vais ter de viajar à boleia... há que reduzir custos

MZ disse...

"...E se a mulher for junto, também não se perde nada..."

Pois... só se não for a tua não é?

Está demais!!!
Ri..ri.. ri...
Sempre original, Rafeiro

um beijinho e pensa que um dia alguém pode estar atrás de ti a dizer-te:
depressa animal... depressa animal! Rafeirooooooooo

Maga disse...

credo rafeiro! deves ter mesmo azar...
eu só uso as ditas máquinas para levantar dinheiro. isto porque o malvado do computador ainda não cospe notas, senão...
olha que a cena da cadeira e do chicote, não sei não, com os tarados que para aí andam ainda atraía era mais gente!
beijufas!

Vani disse...

querias tu que estivesse, querias! mas não, estás enganado. Já são duas contra um. E após que ainda recrutava mais umas quantas ahahahaha! :D

Violeta disse...

rafeiro
estou contigo sobretudo no último parágrafo. Sou gaja mas juro que, nestas situações, me apetece morder...

Laura disse...

Apre, agora sempre que passo num multibanco, lembro d eum certo rafeiro, e, olho para cima a ver se a cota vai voar alto...mas nos Centros Comerciais, já não chegam lá acima, é perto...
se deixassem de usar esses serviços metiam-se a fazer filas enormes em todos os Bancos e a protestar pla demora, punham logo o serviço grátis para usarem o multibanco..
beijinhos...até davam ofertas, batons, lenços de papel, preservativos, enfim, é preciso saber negociar..jinhos..laura

Diaboderoupacurta disse...

Rafeiro, na cena da mala, primeiro atira-se a mulher e só depois a mala. Ela pode la ter algum dinheiro que eu possa aproveitar na sua ausência lol :P

PS:O cantinho da diabinha tem uma nova cara! :)

dermatologistested disse...

aiiiiiii... não são só as senhoras das malas... que isto de atacar o género... incomoda-me!!! e aqueles senhores que ficam estáticos em frente ao ecrã a fazer contas de cabeça de todas as parcelas da consulta de movimentos para ver se o resultado dos creditos e débitos confere com o saldo apresentado??? hã? hã? hã? :)))

Rafeiro Perfumado disse...

Tu bem tentas ser o comentário 69, chinês de um raio, mas comigo não tens sorte nenhuma...

Mikas disse...

Com essa da mala é que me lixaste...é atenuante olhar primeiro para trás para ver se está alguém à espera??

Gata2000 disse...

Se não fosses bancário pensava em atirar-te para dentro de uma banheira cheiinha de pulgas a ver se gostavas de te coçar até ficares em carne viva, mas sabendo eu que deves ser daqueles que precisam de ficar sentados dentro do ATM a dar os saldos, os movimentos e a distribuir o guito quando solicitado, fico-me por aqui. E bom fim de semana.

rascunhos disse...

Sempre tu ...!!!

eu já lá vou poucas vezes as noticias ultimamnete não são boas


eheheheheh

beijinho e bom fim de semana

Mãe Carinho disse...

Realmente os bancos cobram taxas por tudo e por nada..

Manutenção de contas, juros, taxas de não sei o que e blá blá blá.
Provavelmente se somarmos tudinho talvez ronde os 20€.

Se juntarmos a esse valor 1.5€ de cada mov ATM, cada cliente DÁ ao banco uma bela quantia mensal, multiplicando por todos os clientes..

Será que o objectivo é passarmos a ter o dinheiro debaixo do colchão ??
Por norma nunca ando com dinheiro, pago com multibanco mas secalhar lá irei ter de andar com a carteira mais ou menos recheada para o que der e vir, quem agradece serão os larápios.

beijinhos

Vani disse...

Tás doente! Não sabes que o chinês só te vai entender se falares em chinês também? o-O etes rafeiros hoje em dia, pah...é preciso explicar-lhes tudo...


:D


ps - por acaso é capaz de ser tailandês...mete isso num tradutor e logo vês :D

Anuska disse...

Olha a maravilha de blogue que eu vim encontrar hehe eras um bom par aqui para a minha baby

Dragão Azul disse...

O meu grupo sanguinio?

O meu sangue é vermelho como qualquer animal.... quer saja Rafeiro ou Dragão...

julie disse...

Trabalhas numa daquelas cadeiras com rodas? Já tou a imaginar as corridas com as cadeiras!
Já ouviste dizer que os génios são aqueles que são incomprendidos pela sociedade?
Eu também podia ser considerada um génio, mas para além de ser incompreendida pela sociedade também sou incomprendida por mim própria; por isso sou simplesmente maluca!

bjs
julie

ci disse...

Tentam todos nos sugar o que temos...raio dos bichos...

Beijo da ci

Diabba disse...

Só pensas no teu umbigo, pah!! (sim, os cães tb têm umbigo)

Saber tudo promenorizadamente é importante, tenho filas de pastas arquivadoras no Inferno, só com os extratos "antes de", "depois de"... estou à espera que inventem um extrato que saia "durante" a operação que efectuo, e me informe que sou um génio na utilização dos ATM.

hihihihih


enxofre

ψ Psimento ψ disse...

Olá Rafeiro! Ora ai está uma situação que por vezes me faz comichão!! As vezes quero ir levantar uns troquinhos e lá está uma dessas pessoas a namoriscar com a máquina. Mas engraçados são aquele que tiram o extracto da conta e depois ficam dois minutos em frente do ATM a olhar para o papel talvez esperando qualquer explicação para os valores… Um abraço

blayer disse...

Hehehehe, organizar o conteúdo duma mala de senhora, claro é meeeeeesmo possivel.

Gata Verde disse...

Nunca mais és banqueiro...assim não tinha de secar nessas ditas filas de totós!!

Xequemate disse...

Tens toda a razão. Há gajos que só falta exigir Restaurante e WC à beira da ATM. Como em tudo, o respeito pelo próximo está ausente. Depois, há uma coisa, chamada "canhoto"(*) onde antigamente se apontavam os movimentos. Dá muito trabalho somar ou subtrair, ou então a explicação é que há quem não saiba fazer contas sem calculadora.

* Canhoto, porque a folha onde se apontavam os movimentos ficava à esquerda do talão de cheques.

Blogadinha disse...

Melhor mesmo seria a proliferação das ATM, em conformidade com a utilização das ditas. Tal como nas gasolineiras: ATM Totós, ATM Totós Pro, ATM To Tós! :P

Nota: cidado com as senhoras da mala - já as vi coladas à máquina com rafeiros pendurados pela trela... :P

Bjo

Rafeiro Perfumado disse...

Rita, e ao menos ensinava bem? Jokas!

Capriccio, não é verdade, é um mito que anda a ser alimentado pela internet, tal como o mito do Armando Vara ser honesto. Beijoca!

A Lei da Rolha, não digas isso, que já me aconteceu ir pagar e a porcaria do cartão não funcionar. Felizmente a menina deixou-me ir levantar dinheiro... Abraço!

Felina, tão certo como o processo Casa Pia ser encerrado em 2009. Beijoca!

Rafeiro Perfumado disse...

MZ, se ela se demorar muito, também vai. Mas essa está bem ensinada... ;) Beijo!

Maga, referi que o chicote teria bicos de ferro nas pontas? Beijo!

Vani, sabes que o facto de uma maioria defender algo não torna essa coisa correcta. Beijo!

Violeta, calminha, para morder estou cá eu, limita-te a dar pontapés na fruta! ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Laurinha, desde que não te lembres de ver a ATM a sacar da cadeira e do chicote, não estás mal de todo. Beijo!

Diaboderoupacurta, e se fores tu a mulher a ver se tem asas? Quanto ao teu canto, que canto! ;)

Dermatologistested, esses era uma catapulta mais pequenina, só para lhe acertar numa certa parte...

Mikas, não, é que a qualquer momento pode aparecer alguém. Vá, toca a despachar!

Rafeiro Perfumado disse...

Gata2000, e nem sabes a dor de costas com que fico no final do dia, é que aquilo é apertado como tudo! Beijo!

Rascunhos, há pessoal que já nem notícias tem, mas continuam a ir lá. Beijo!

Mãe Carinho, algumas taxas são compreensíveis, outras nem por isso. Esta, a existir, entraria na categoria das barbaridades. Beijoca!

Vani, eu metia era o chinês / tailandês dentro de um liquidificador, isso sim!

Rafeiro Perfumado disse...

Anuska, a tua baby é ruiva? ;)

Dragão Azul, não te quero desiludir, mas o dragão é um animal mitológico. A não ser que estejas a falar daqueles parecidos com lagartos gigantes. ;) Abraço!

Julie, já houve uma altura em que trabalhei numa zona que tinha um anfiteatro, com o terreno inclinado. Nem imaginas as corridas que fazíamos. Quanto ao seres uma incompreendida pela sociedade, junta-te ao clube, se bem que eu nem faço questão de ser compreendido. Beijos!

Ci, são uns sacanas, essa raça. Beijo!

Rafeiro Perfumado disse...

Diabba, mas no teu caso é fácil, quando te quiseres ver livre disso basta gritares “Flor, ó Flor, olha aqui um livro!”. Beijoca!

Psimento, ou então ficam a pensar como é que uma máquina consegue saber tão bem o que eles andam a fazer com o dinheiro. Abraço!

Blayer, talvez depois de ser projectada aquilo fique mais organizado.

Rafeiro Perfumado disse...

Gata Verde, quanto a isso acho que apostaste no cavalo errado, ou melhor, rafeiro.

Xequemate, ou então é malta que acredita que fazendo todos os movimentos com o cartão o dinheiro dura mais. Doce ilusão... Abraço!

Blogadinha, por isso é que eu nunca saio de casa sem uma tesoura! Beijo!

tulipa disse...

Como sempre mais um artigo onde tens toda a razão.

Gostei da tua sugestão...a sério!

Querem uma sugestão simples? Atribuam um determinado número de utilizações mensais grátis a cada Cliente, após o qual começariam a cobrar. Garanto que muita gente começaria a ter uma utilização mais racional deste canal, contribuindo para a felicidade de muitos. De muitos? Quero lá saber dos muitos, da minha!
E DA MINHA TAMBÉM.

Beijokinhas.

Pedra Filosofal disse...

Aqui há uns atrás, não sei ao certo quantos, dois ou três dias antes do Natal, estava eu numa fila duma ATM e o jove que estava a usá-la enfiava o cartão, fazia uma operação, saia um talão e o cartão e ele olhava para a máquina... voltava a enfiar o cartão, fazia uma operação, saia um talão e ele olhava para a máquina... voltava a enfiar o cartão.. e não vou continuar porque ele fez a mesma coisa umas quantas vezes enquanto a fila aumentava atrás dele, congelados porque estava um frio de rachar. às tantas o senhor resolveu virar-se para a fila e perguntar se algum de nós já tinha requisitado alguma vez cheques na ATM. Armada em boa samaratina disse ao senhor que sim e ele pediu-me que o ajudasse a fazer a requisição. Lá fui eu para o pé da máquina, virei-me de costas enquanto ele introduzia o código (como mandam as regras) e depois mostrei-lhe como se fazia. No fim saiu o talão, eu peguei nele e entreguei ao senhor ao que ele me responde:
mas eu já fiz isso várias vezes e os cheques não saiem da máquina. Ia-me atirando para o chão, sem saber se havia de rir ou de chorar (note-se que a ATM estava na rua, na altura, ainda nenhum banco disponibilizava cheques nas máquinas que estão dentro dos balcões, e, acima de tudo, o talão dizia - dirija-se ao seu balcão dentro de 5 dias para levantar os cheques).
Passaram-se uns anos e acredita... poderia estar aqui a noite toda a contar-te histórias do mesmo género com gente que não sabe como funciona o multibanco...

poveirinha disse...

passei, gostei, voltarei.
beijo

Oliver Pickwick disse...

Esta idéia das catapultas deveria ser levada a sério pelo sistema bancário mundial. Aconselho-o a patentear este procedimento. Além de ganhar uma fortuna em royalties, como faz no seu blog, vai continuar divertindo as pessoas com o voo das tais senhoras.
Um abraço!

Felina disse...

Nunca se sabe ainda falta um mês e vinte dias para acabar o ano... e se de repente os tribunais decidirem trabalhar a sério... isto não é IMPULSE é ter vergonha na cara

PreDatado disse...

Espancamento com justa causa eheheh

Bruno Fehr disse...

Mas afinal quem é o culpado? Pelo teu texto quem deve ser prejudicado é o utilizador por tirar dois talão de saldo? O que é que me impede de tirar 6750 talões de saldo? Onde está isso descrito como abuso nos termos de utilização dos ATM? Como é que isso é utilização abusiva?

Aposto que trabalhas na banca, isso nota-se pela simpatia com que te referes às pessoas das quais a tua profissão depende.

E que tal Portugal em vez de ter caixas ATM que parecem máquinas automáticas de papel higiénico, não usam máquinas como no resto da Europa? Não há papel de saldo o saldo é visto no ecrã, mesmo após o depósito não há qualquer tipo de papel a sair da máquina, pois aqui os bancos não culpam os utilizadores por abusos e daí não haver problemas.

Eu acho que os bancos deveriam descontar esses valores dos ordenados dos caixas dos bancos pois tudo o que for além de um simples levantamento ou depósito é complicado demais para eles e fazem-nos perder imenso tempo. Tempo perdido mais pagamentos por serviços e o cliente perde duas vezes.

Eu posso pagar 1,5€ por cada vez que utilizo o meu cartão, mas deveriam ser descontados 15€ por cada vez que um funcionário de um banco não sabe o que está a fazer. Em pouco tempo os bancários seriam todos voluntários.

marco disse...

mas agora andas preguiçoso..ou que?

Rafeiro Perfumado disse...

Tulipa, acho que a minha sugestão é demasiado simples para ser aplicada, a escolha deverá recair em qualquer coisa que seja impossível de perceber à primeira. Beijoca!

Pedra Filosofal, a sorte ainda foi ele não ter sede, ou por esta altura ainda estavas na fila, enquanto ele abria a boca a ver se a máquina lhe dispensava uma garrafinha ou pelo menos um esguicho! Beijo!

Poveirinha, e serás muito bem-vinda, palavra de rafeiro. Beijoca!

Oliver Pickwick, menos as tais senhoras, aposto... ;) Abraço!

Rafeiro Perfumado disse...

Felina, se a solução depende da velocidade dos tribunais, vou ali dormir uma sestinha, ok?

PreDatado, coisa que em qualquer tribunal passaria, garanto!

Bruno, só o número que referes, 6750, dá logo a noção de abuso, especialmente se tiveres atrás de ti uma fila gigante. Ok, não é preciso uma fila gigante, basta a turma da noite de halterofilismo do ginásio da Buraca. Por falar em Buraca, aparecer o saldo no visor seria uma excelente ajuda... para os ladrões, que assim escusariam de perder tempo com pelintras e apostariam apenas nos que tivessem saldos que se vissem. Em tudo há que ter moderação, e pelo que eu sei das estatísticas de utilização das ATM, há pessoas que decididamente mereciam pagar comissões. Abraço!

Marco, agora? Sempre fui!

Inês Brito disse...

A ideia de "re-decorar" as ditas cujas com ratoeiras nem me parece descabido, se o que querem é afastar os utilizadores das caixas :D

Bj,
(i)

Carla disse...

aprovada a ideia das catapultas...agora em abona da verdade convém lembrar que os bancos também lucram (e muito!!!!) com as caixas multibanco, basta pensar no número de funcionários que poupam
beijos

Sentada na ponta da lua disse...

Bem visto... nunca-me tinha lembrado de ver as coisas por esse prisma. Quantas vezes dou por mim a desistir da utilização de um ATM, porque a pessoa que está a utilizá-lo parece ter tirado o dia para acampar por ali.
O humor que utiliza para descrever a situação é benéfico para deixar para trás a carga de mais um dia de trabalho.

Pax disse...

Desde que li este texto, cada vez que me dirijo a um ATM lembro-me de ti... já nem sei o que será pior!

Rafeiro Perfumado disse...

Inês Brito, só os utilizadores abusadores, os outros podem ficar descansadinhos... Beijo!

Carla, claro que poupam, nem que não seja para libertar os funcionários para outras tarefas mais giras, como impingir cartões de crédito à malta! Beijos!

Sentada na ponta da lua, qual desistir, é calduços à bruta, especialmente se a pessoa for mais pequena do que tu! ;)

Pax, não sei porquê acho que o teu comentário não é um elogio... ursa.

Pax disse...

Dependerá sempre do grau de ódio que eu tenha desenvolvido às comissões das ATM... mas continuo indecisa... URSO!

Mimo Azul disse...

Tens razão... ás vezes é abuso a quantidade de tempo que se está à espera só porque a pessoa não percebe nadinha do que está a fazer ou porque só está ali para importunar o NOSSO tempo!!!

beijocaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

Rafeiro Perfumado disse...

Pax, repara que eu te chamei ursa com minúsculas, não é como tu que partes logo para a agressão.

Mimo Azul, deveriam existir dois tipos de máquinas, uma para pessoas normais (tu e eu, por exemplo) e outra para os lentos (ligeiramente parecida com uma debulhadora). Beijoca!

nOgS disse...

Abaixo as comissões, abaixo as pessoas que estão horas a fio nos MB!

Tou contigo, bro.

Beijo

Rafeiro Perfumado disse...

Nogs, ou então vivam as comissões contra as pessoas que estão horas nos MB! Beijoca, Sis!

Pax disse...

Eu gosto de pontapear cães e URSOS! Faz-me bem à adrenalina. É tipo desporto radical! :)

bjecas disse...

Acho bem. Sempre ajuda a pagar o ordenado do pobre anão que dentro delas trabalha.

\m/

AEnima disse...

Eu vinha aqui bater-te pelo comentario que me deixaste... mas comecei a por a leitura em dia (desculpa... mas ando com a cabeca em agua e sem grande tempo ludico...) e ja me ri tanto que ja te perdoei :D

Beijoooooooooooooos

Rafeiro Perfumado disse...

Pax, cuidado com os ursos que pontapeias, um dia um deles faz de ti um casaco de pele!

Bjecas, anão o caraças, só eu sei as dores de costas com que chego ao fim do dia!

AEnima, bater-me?!? Quer dizer, eu a tentar que tu vejas o lado positivo das coisas e tu ameaças-me de porrada... Beijo!